O quarto de azulejos

O quarto de azulejos Tonho França




PDF - O quarto de azulejos


O poeta cria imagens contundentes e ousadas, carregam consigo tonalidades que, de tão intensas, acabam por colorir o leitor, que se vê parte do poema O poeta é sanguíneo e sua veias transparecem no texto com características marcantes, como um eterno e inconformado questionamento, próprio de um tempo em que o mundo se vê aturdido e mutante. Tonho integra-se no momento e o sacode na esperança de que, a qualquer momento, as respostas possam surgir e aliviar nossos embates existenciais. [Flora Figueiredo, Poeta e escritora].





O quarto de azulejos

O PDF do primeiro capítulo ainda não está disponível

O Skoob é a maior rede social para leitores do Brasil, temos como missão incentivar e compartilhar o hábito da leitura. Fornecemos, em parceira com as maiores editoras do país, os PDFs dos primeiros capítulos dos principais lançamentos editoriais.

Resenhas para O quarto de azulejos (2)

ver mais
Azulejos ou a minha casa e o mundo


Tonho França, editor da Penalux, é também poeta, autor de “Poesia viva”, “Entre parênteses”, “Sinos de outono”, “Blues à tarde” e “O bebedor das horas”. Em 2014 lançou um livro de rara força e delicadeza, “O quarto de azulejos” (Penalux, 2014), que é o foco desta resenha. Não há, no livro, uma menção explícita sobre um quarto de azulejos. O que há são muitos poemas que tratam de lugares, em especial a própria casa, uma zona de confronto contra o interior da própria casa (metáfora poét...