Suicidas

Suicidas Raphael Montes




PDF - Suicidas


O PRIMEIRO ROMANCE DO JOVEM AUTOR QUE SE FIRMOU COMO PRINCIPAL NOME DO NOVO SUSPENSE BRASILEIRO.

Antes que o mundo pudesse sonhar com o terrível jogo da baleia azul, que leva jovens a tirara própria vida, ou que a série de televisão 13 Reasons Why fosse lançada e set ornasse o sucesso que é hoje, Raphael Montes, então com 22 anos,já tratava do tema do suicídio entre jovens, com a ousadia que virou sua marca registrada. Em seu primeiro livro, que a Companhia das Letras agora relança acrescido de um novo capítulo, conhecemos a história de Alê e seus colegas, jovens da elite carioca encontra dos mortos no porão do sítio de um deles em condições misteriosas que indicam que os nove amigos participaram de um perigoso e fatídico jogo de roleta russa. Aos que ficaram, resta tentar descobrir o que teria levado aqueles adolescentes, aparentemente felizes e privilegiados, a tirar a própria vida. Para isso, contamos com os escritos deixados por Alê, um narrador nada confiável.





Suicidas

O PDF do primeiro capítulo ainda não está disponível

O Skoob é a maior rede social para leitores do Brasil, temos como missão incentivar e compartilhar o hábito da leitura. Fornecemos, em parceira com as maiores editoras do país, os PDFs dos primeiros capítulos dos principais lançamentos editoriais.

Vídeos Suicidas (27)

ver mais
MINHAS LEITURAS: JANEIRO À AGOSTO DE 2019 | por Carol Sant

MINHAS LEITURAS: JANEIRO À AGOSTO DE 2019 | por Ca

MINHAS LEITURAS: JANEIRO À AGOSTO DE 2019 | por Carol Sant

MINHAS LEITURAS: JANEIRO À AGOSTO DE 2019 | por Ca

MELHORES E PIORES LEITURAS DE 2018 | O Refúgio

MELHORES E PIORES LEITURAS DE 2018 | O Refúgio

NOVOS NA ESTANTE (4º Trimestre 2018) | Book Haul e Bookshelf Tour Kindle | O Refúgio

NOVOS NA ESTANTE (4º Trimestre 2018) | Book Haul e


Resenhas para Suicidas (268)

ver mais
Intenso


Ler um bom livro nacional é sempre um prazer. Não é papo tropicalista nem bravata de identidade brasileira impressa na literatura. Não. Muito longe disso, é apenas um prazer maior que faz brotar aquele pequeno sorriso e nos faz pensar sim, temos qualidade em meio a tantos livros medianos; sim, temos romancistas tão competentes quanto os gringos; e sim, fazemos literatura de entretenimento mostrando realmente quem somos como escritores e como pessoas. Talvez o maior mérito de Suicidas (...