The Smiths: A Light That Never Goes Out

The Smiths: A Light That Never Goes Out Tony Fletcher




PDF - The Smiths: A Light That Never Goes Out


Seus fãs acreditavam que eles eram a maior banda do mundo. Tendo iniciado a carreira em Manchester, Inglaterra, os Smiths são sucesso de crítica e público desde meados dos anos 1980. Por suas inesquecíveis canções e melodias, até hoje eles são considerados um dos maiores grupos do rock britânico — ao lado dos Beatles e dos Rolling Stones.
Tony Fletcher compõe um retrato vívido das fascinantes personalidades do grupo: Morrissey, o irônico e inteligente vocalista, cujo comportamento solitário e letras complexas o tornaram um ícone para milhares de adolescentes que se sentem desamparados e esquecidos; seu parceiro de banda Marr, o popular guitarrista que se tornou um deus do rock para toda uma geração; e a talentosa e bela dupla formada pelo baixista Rourke e pelo baterista Joyce. Apesar do trágico fim da banda no auge de seu sucesso, The Smiths: A biografia é uma celebração: a saga de quatro garotos da classe operária de uma pequena cidade ao norte da Inglaterra que superam suas personalidades contrastantes para encontrar um vínculo musical, inspirar milhares de pessoas e deixar um legado que mudou a música — e a vida de seus fãs — para sempre.

· Primeira biografia sobre a banda publicada no Brasil.





The Smiths: A Light That Never Goes Out

O PDF do primeiro capítulo ainda não está disponível

O Skoob é a maior rede social para leitores do Brasil, temos como missão incentivar e compartilhar o hábito da leitura. Fornecemos, em parceira com as maiores editoras do país, os PDFs dos primeiros capítulos dos principais lançamentos editoriais.

Vídeos The Smiths: A Light That Never Goes Out (1)

ver mais
Resenha   Eu Li    The Smiths A Light That Never Goes Out

Resenha Eu Li The Smiths A Light That Never G


Resenhas para The Smiths: A Light That Never Goes Out (10)

ver mais
Presente para os Smithsmaníacos


É surpreendente a quantidade de informação e a reconstituição minuciosa dos cinco anos que os Smiths existiram de maio de 1982, quando Johnny Marr foi procurar Morrissey, até junho/agosto de 1987, quando o mesmo Johnny Marr decidiu deixar o grupo. O autor Tony Fletcher fez um trabalho excelente, de pesquisa detalhada, situando o leitor sobre a importância de Manchester no século XIX e sua decadência na segunda metade do século XX. São apresentadas as origens irlandesas da famílias ...