Um Casamento Indesejado

Um Casamento Indesejado Cici Cassi




Resenhas - Um Casamento Indesejado


7 encontrados | exibindo 1 a 7


Simone.Yamati 09/12/2019

Romance
Divertido, engraçadinho....nada demais
comentários(0)comente



Elle 01/11/2019

Divertidinho...
O começo é muito bom, te envolve e faz você sentir o que a Rebecca sente, porém depois que passa dos 40% a história começa a correr muito, o Clímax é meio que jogado no meio, não tem emoção... Não parece uma história de época, parece mais uma história que se passa em 2010 pelo jeito de falar e se comportar dos personagens. É divertido e tals, mas não é um livro impactante. Apesar de tudo, valeu a pena ler, pois me diverti bastante.
comentários(0)comente



Menina dos Livros 05/01/2020

Um romance medieval de tirar o folêgo
#resenhadamenina
.
.
.
Olá meus amores, tudo bem com vocês? Espero que esteja! Bom hoje nós vamos conversar sobro o primeiro livro que terminei da maratona de férias que estou participando. Bora lá?
.
.
.
Rebecca é uma mulher fora dos padrões sociais. Ela gosta de falar muito, é inquieta, precisa estar em movimento sempre e é gorda. Este último é o motivo de sua maior tristeza. Por causa de seu corpo ela é rejeitada pela própria mão, que a vê como uma aberração, não consegue arrumar pretendente, e as pessoas não se importam em serem cruéis com ela na descaradamente. Os únicos que a amam e a aceitam como ela é, e conseguem enxergar sua beleza e seu brilho são seu querido pai e Isaura, sua criada, que a tem como filha e a ama mais do que sua própria mãe jamais conseguiu.

.
.
.
A história começa com nossa querida protagonista nervosa se preparando para conhecer o marido, que a ela foi destinado. O problema é que ao conhece-la ele age como todos os outros. A esnoba sem ter o mínimo respeito por ela, demonstrando a enorme insatisfação por ter uma esposa completamente “sem atrativos”. O que a magoa profundamente.
.
.
.
Após vencer uma importante guerra para a Inglaterra, demonstrando ser um excelente guerreiro, Roger adquiri uma grande estima com o rei, o mesmo decidi dar ao simples e pobre guerreiro, terras e uma esposa. Entusiasmado com seus presentes, ele faz sua viagem ao encontro da futura esposa e bom, ao chegar lá ele vê que ela não é nada que ele esperava e acaba por descontar sua frustação na moça, que nada fez. A questão para ele era, como ele voltaria para seu castelo, seus guerreiros com uma mulher tão feia quanto ela?
.
.
.
Um Casamento Indesejado, foi o meu primeiro livro da autora e minha primeira leitura do ano. Nesse livro estamos inseridos e um romance de época medieval, após uma guerra entre Inglaterra e França. Nesse livro a autora nos traz uma personagem completamente reprimida e calada pela sociedade, por simplesmente não ser igual, por ter uma corpo “fora dos padrões”, além é claro de um mocinho que se preocupa mais com o que os outros pensaram, aponto de sufocar uma sentimento forte, para manter um relacionamento que nem o agrada mais, apenas para fazer inveja nos outros. Temos também a problemática de padrões tóxicos que a sociedade da época sustentava e incrivelmente a nossa sociedade ainda sustenta.
.
.
.
Gostei bastante da narrativa da Cici, ela sabe levar a estória muito bem, sem se prender a muitos detalhes desnecessários. Além de ter construído personagens profundos, com grandes marcas de dor e sofrimento que os tornou quem são hoje, trouxe uma reflexão muito importante sobre o que consideramos um “corpo ideal” e como essa idealização (descabida por sinal) pode afetar outra pessoa. Li essas 229 páginas em menos de 4h, fiquei imersa na vida de nosso conde e nossa condessa, sempre esperando e torcendo para que se acertassem e ansiando para o sofrimento de uma menina de apenas 18 anos passar logo.
.
.
.
Eu remendo muito essa leitura, espero que possam dar uma oportunidade e se envolverem com esse casal também. Beijos e até mais!
comentários(0)comente



Carla 01/11/2019

Divertido e instigante.
Mais um romance de época que me trouxe um torvelinho de emoções, ainda mais por ter temas bem atuais e mostrar que a beleza interior supera todas as facetas do amor, seja pelo caráter, preceitos, retidão e altruísmo.

Rebecca é uma mulher à frente de seu tempo, destemida e que não leva desaforo para casa. Ao conhecer seu futuro esposo, ela fica bem dividida em como se portar diante de suas ordens. Suas respostas são as melhores. Adorei a forma como ela o enfrentava, tipo gato e rato. Nessas horas, vinha à minha mente Claire e Jaime, de Outlander.

Roger é um guerreiro que despertou ao máximo meu instinto protetor em relação à protagonista. Vi-me em diversos momentos torcendo para outros personagens masculinos por conta de seu jeito irascível. E no fim, ele mostrou que o amor verdadeiro é capaz das maiores transformações. Se você já leu algum romance da Diana Palmer, já sabe o que a maioria dos mocinhos despertam no leitor. A princípio, você vai querer voar nele por ser um ogro, só que o que me encantou no personagem é o quanto evolui ao longo da trama e no final você dá muita risada por seu jeito ranzinza e fofo à la Shrek.

Em meio ao drama da época, diverti-me demais com as aventuras, ações, lutas, mistérios, o humor negro de alguns personagens, cenas hilariantes e, claro, muito romance.

Isaias, Isaura e Kennan roubaram meu coração. E, Cici, quero uma história para eles também, viu?

(Carla – Sonho de Reflexão)
comentários(0)comente



Cecy 16/11/2019

:/
Gostei da sinopse, gostei mesmo, mas ao ler fiquei decepcionada... Roger é um completo idiota, não precisa saber tratar uma dama para agir com o mínimo de respeito e consideração. A mocinha, pelo amor de Deus, a única coisa que ela faz o livro inteiro é chorar, não sei como ela não morreu desidratada... Eu sei que as coisas pelas quais estava passando eram muito difíceis, mas precisa chorar por tudo? Custava levantar a cabeça e mostrar para que veio? E como ela pode desenvolver um sentimento como amor por Roger se em vários momentos ela tinha medo dele? Muitas coisas simplesmente não faziam sentido. Roger pensava uma coisa e agia de forma totalmente diferente, sem explicação. Acredito que se a personalidade dos mocinhos tivessem sido melhor delineadas, a história teria sido muito melhor, mais caráter e coerência para Roger e para Rebecca uma boa dose de poder feminino.


spoiler visualizar
comentários(0)comente



Renata.Bertagnoni 24/10/2019

Um Casamento Indesejado
Roger Konnor é um guerreiro forte bonito e ainda por cima foi um dos grandes heróis da Batalha de Azincourt, assim quando retorna a corte como grande herói o Rei Henrique V o presenteia com título um castelo e uma esposa. Se não fosse um grande guerreiro e tivesse ganhado a grande batalha voltaria para seu vilarejo sem grandes fortunas.
Quando Konnor conhece sua futura esposa fica decepcionado. Pois ela não é a beldade que se esperava por ser a segunda filha de um conde.
Rebecca Halloway apaixona-se imediatamente por seu futuro marido, mas logo vem a dura realidade ele não gosta do que vê. E ao perceber que ele está insatisfeito com com sua aparência ela fica magoada com as atitudes grosseiras dele.
Assim após o casamento eles seguem rumo ao castelo onde irão viver , mas lá já se encontra
a amante de seu marido que pensa ser a verdadeira dona do local.
Será que Rebecca conseguira vencer tantas humilhações?
Quando o melhor amigo de seu marido começa a lhe dar mais atenção do que necessário Konnor se sente obrigado a impor suas vontades e acaba descobrindo que sua esposa tem mais atrativos do que ele pensava, mas após tanta humilhação será que ele conseguirá provar que esta fala do a verdade?
Venha ler este romance medieval fora dos padrões e se apaixonar !!!


comentários(0)comente



7 encontrados | exibindo 1 a 7