Um homem de sorte

Um homem de sorte
4.15924 11806




Resenhas - Um Homem de Sorte


462 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |


Coelho 29/11/2016

Um Homem de Sorte
Um Homem de Sorte é um daqueles livros que se começam e a partir desse momento somos incapazes de parar de ler. Extremamente cativante. Sparks conseguiu novamente prender-nos em seu trama.
comentários(0)comente



Eder Ribeiro 24/11/2016

Personagens cativantes
O primeiro livro de Nicholas Sparks que eu li: Meu Querido John, a emoção aflorou e me levou as lágrimas. Desse dia em diante o meu interesse pelos seus livros cresceu a cada romance lido.
Um Homem de Sorte, eu classifico como o mais fraco dos mais que eu li. O relato descrito pela personagem Logan Thibault, sobre a guerra do Iraque, é enfadonho, até mesmo cansativo de ler. No entanto, Nicholas tem a magia de escrever personagens tão cativantes que consegue prender o leitor durante a sua narrativa, e, com isso, ele atrai o leitor para dentro da sua história, impedindo-o de abandonar o livro. Por isso, recomendo a leitura desse livro.
comentários(0)comente



Monica 09/11/2016

Trechos/Frases de Um homem de sorte
"Mesmo que algumas pessoas sejam deixadas para trás, outras inevitavelmente pegarão seu lugar e que todo lugar tem aspectos positivos - e negativos- a oferecer."

"As pessoas gostam de imaginar que são livres para escolher seus próprios caminhos - ás vezes as escolhas podem ser ilusórias."

"Ás vezes as coisas mais ordinárias podem transformar-se em extraordinárias, simplesmente se realizadas pelas pessoas certas"
comentários(0)comente



Amanda.Signorini 04/10/2016

Gostei
Muito Boa história, gostei bastante, recomendo
comentários(0)comente



Momentos da Fogui 22/09/2016

Momentos da Fogui
Leia a resenha no blog:

http://foguiii.blogspot.com.br/2014/12/um-homem-de-sorte-nicholas-sparks.html

site: http://foguiii.blogspot.com.br/2014/12/um-homem-de-sorte-nicholas-sparks.html
comentários(0)comente



Van der Laan 21/09/2016

Uma filme cheio de clichês.
Um home de sorte, e uma historia seu de clichês, começando pelo personagem principal, um heroi de guerra e cheio de qualidade, a mocinha da historia que é solteira e mãe, que vive uma dilema com seu ex, já o vilão e o oposto do mocinho, que já serve como descrição completa, mas se você gosta de historia romântica com final feliz...
comentários(0)comente



Jhully 18/09/2016

Muito arrastado
Demorei muito pra termina esse livro, não pelo o fato dele ser muito grande e sim por ser muito arrastado, muita coisas ali que nao precisava, detalhado demais.
Ja li outros livros do autor e esse é o pior
comentários(0)comente



Cinthia 05/09/2016

Nicholas Sparks fazendo o que faz de melhor: romances que nos fazem suspirar!
comentários(0)comente



Stephanie.Santos 04/09/2016

Um romance para encantar
Para amantes de romance, esse é o típico livro que vai fazer você suspirar pelos momentos fotos, sofrer nos momentos dramáticos e sorrir nos relatos de diversão. Uma história fascinante, de superação e perseverança.
comentários(0)comente



Ana Paula Sesterheim 31/08/2016

Outro livro de Nicholas Sparks que não gostei. Livro cansativo e que apenas traz boas frases.
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Ana Clara 29/08/2016

Um Homem de Sorte
É o primeiro romance de Sparks que eu leio que não tem uma coisa trágica com os personagens principais como é de praxe do autor, podemos ver que ele até tenta sim colocar alguns elementos que podem causar esta impressão, mas não exatamente tem algo trágico na história. Bom na verdade acontece sim alguma coisa “impactante”, mas não do jeito que esperamos como é típico do autor.

Outra coisa que achei bem legal foi as piadinhas indiretas (ou diretas) que ele foi introduzindo ao longo do livro, isso deixa o livro bem mais descontraído. Ele tem uma narrativa simples e gostosa, mas não é aquele simples ao ponto de nos fazer pensar que foi uma criança que escreveu, não, é um simples gostoso, relaxante. Os flash-becks presentes no livro é uma ótima maneira de introduzir alguma coisa do passado que será importante no futuro. Os capítulos ora narrado por Thibault, ora por Beth e ora por Clayton nos proporcionam uma melhor visão da história e dos sentimentos dos personagens.

Os personagens são bem construídos (às vezes até construídos demais, pois eles descobrem coisas em um segundo que seriam impossíveis). Beth (a mulher da foto) é uma ótima mãe, preocupada com tudo na vida de seu filho e de todos os quais ela ama. Beth ou Elisabeth é bem ingênua e sempre tem um julgamento positivo de todas as pessoas, porém ela é bem madura e não parece ter a pouca idade que tem.
Thibault não me encantou tanto quanto os mocinhos do Sparks normalmente me encantam, eu o achei bem irritante (que fique bem claro que eu Ana Clara é que não gostei do estilo dele). Logan Thibault é muito “certinho” com as coisas (é claro que ele é um bom moço e tal, mas não encantou), ele esta sempre disposto a ajudar, sempre dá o melhor de si para ajudar a todos, é (para Beth) o homem perfeito, só que não foi bem assim que o enxerguei. Pelo que entendi ele ficou com um pouco de “sequelas” do tempo em que era fuzileiro naval, pois ele tem visões e esta sempre muito pensativo, soltando alguns fatos do passado, mas o que mais me irritou nele foi a maneira como ele conversa com as pessoas, tá que ele não gosta de falar, mas ele responde muito vagamente tudo que todos perguntam para ele... ah melhor mudar de personagem.

Keith Clayton é o ex-marido de Beth e também pai de seu filho, primeiramente ele encontra com Logan Thibault na estrada e é ai que já começa a raiva por este estranho que de repente começa a trabalhar no canil da avó de Beth. Clayton é bem “mauricinho” e metido a valentão, ele é muito imaturo e irresponsável, tendo vezes em que o próprio filho de 10 anos chega a ser mais adulto do que ele. Por ser assim tão imaturo ele não aceita muito bem Ben (filho dele) como ele é. Keith esta sempre tentando ser um pai melhor, mas a forma que ele faz não é a melhor, mas podemos perceber nos capítulos dele que ele não faz por mal, mas sim por achar que o que esta fazendo é o melhor. Na verdade gostei mais de Clayton que de Logan.

Nana a avó de Beth e dona do canil, é uma personagem mais secundária, mais sempre é citada no livro, pois ela é parte importante da vida de Beth além dela morar na mesma casa que a avó. É a avó que todos nós gostaríamos de ter, uma ótima observadora e muito divertida com suas várias metáforas.

Bem o filho de Elisabeth e Clayton eu achei bem maduro para ter só 10 anos, mas como eu não sou a melhor pessoa para falar de crianças, pois não tenho muita paciência com elas, então melhor deixar o Bem em aberto.
Eu estava caminhando junto com o livro com uma linha de pensamento e chegando ao final ele me surpreendeu totalmente, voltando a ser o velho e bom Nicholas Sparks (e não falo isso com ironia). Gostei do final, nas últimas páginas do livro eu fui ficando sem folego pensando que ia acontecer uma coisa e de repente acontece outra totalmente inesperada (para mim). Todas as questões que ficam um tempo no ar sempre são solucionadas, só fiquei com uma pulguinha atrás da orelha sobre como a foto foi encontrada por Logan já que ele não teve nenhuma relação com quem a perdeu, se alguém que já leu souber me explicar ficaria muito grata.

Paralelo com o filme: Bom os filmes sempre serão um pouco modificados e às vezes eles vão modificar partes que gostamos, mas o filme ficou muito bom, recomendo que leiam e depois vejam o filme, no final do filme me deu até um nó na garganta, eu não costumo chorar em filmes, e nesse uma lágrima QUASE escapuliu.

Por hoje é só, esta resenha saiu maior do que eu esperava, mas acho que consegui passar para vocês um pouquinho do que eu senti.
comentários(0)comente



Priscilla 29/08/2016

Um homem de sorte
Este livro é simplesmente perfeito. A história que ele narra, é algo que acontece muito nos dias de hoje. Nicholas Sparks, como sempre, mais uma vez, arrasando em seus livros.
comentários(0)comente



Sara.Matos 28/08/2016

Muito bom.
Muito bom.
comentários(0)comente



Bru 17/08/2016

Um Homem de Sorte - Nicholas Sparks // instagram:@beeslivros
Nicholas Sparks é famoso por seus livros repletos de dramas e lágrimas. Mas este é completamente diferente. Esse é o primeiro livro que eu li do autor do qual não derramei lágrimas ou precisei de uma barra de chocolates para afogar as mágoas. O livro conta a história do fuzileiro naval Logan Thibault, que é realmente “Um Homem de Sorte”. Sorte essa que veio em forma de uma fotografia de uma mulher desconhecida. Após ser salvo algumas vezes por este singelo amuleto, Logan resolve ir atrás dessa mulher misteriosa para lhe agradecer. Então Logan descobre que essa mulher é Beth, divorciada e mãe de um menino. No livro acontecem alguns fatos que impedem Logan de contar a verdade para Beth, e nisso eles acabam se envolvendo emocionalmente, o que faz o assunto se tornar ainda mais difícil de ser esclarecido. Claro que como todos os livros do autor, existem muito drama e muitas dificuldades para o casal, mas também existe muito amor. Amor é o que transborda de cada página desse livro, amor de uma mãe por seu filho, de uma irmã por um irmão morto na guerra, de uma avó que só quer o melhor para sua neta, de um fuzileiro pelo seu cão e melhor amigo, e de um homem por uma mulher. Recomendo muito esse livro, eu me apaixonei a primeira vista pela capa, e depois pelo personagem do Logan. Vale a pena conferir também o filme, interpretado pelo Zac Efron, que na minha opinião é o melhor filme da carreira do ator.


site: instagram.com/beeslivros
comentários(0)comente



462 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |