Crepúsculo

Crepúsculo Meg Cabot




Resenhas - Crepúsculo


166 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |


Rafael Palone 20/01/2010

Assim como toda a série, o último livro não poderia deixar a desejar. E, sem dúvidas, Meg Cabot se mostrou uma ótima autora nesse livro. A Suzannah está mais séria, embora ainda faça seus comentários que me fazem gargalhar.

A série inteira me fez adquirir uma paixão platônica por Suzannah Simon, a melhor e mais sarcástica personagem de todos os livros que eu já li e nesse livro eu não voltei atrás com minha opinião sobre ela. Paul está muito mais malvado nesse livro, o que deixou ele um tanto mais divertido. E vi que Suzannah ficou muito indecisa com relação à sua vida durante o decorrer da aventura.

Nesse livro, algo surpreendente acontece. Suzannah decide assumir de vez que ESTÁ apaixonada pelo fantasma de seu quarto, Jesse. Mas Paul, outro mediador (que pode falar com fantasmas) mostra para Suzannah que eles têm certas capacidades que vão muito além do que falar com fantasmas. Muito além mesmo, capazes de voltar para o século XIX e, quando Suzannah descobre isso, ela fica à par do plano de Paul. Este quer voltar no passado e impedir o assassinato de Jesse e, ao fazer isso, poderá fazer com que Suze e Jesse NUNCA tenham se conhecido.

O final não poderia ter ficado melhor, amei demais. E tem uma mensagem muito bonita nas últimas páginas que não vou dizer aqui, mas acho que todos que leem conseguem entender. É um livro muito bom. Vou sentir saudades de Suzannah e seus comentários sarcásticos.


George Romic 15/08/2010

Um dos melhores romances que ja li.

A Mediadora, é obvio que essa série tem um espaço especial no meu coração.

Me apaixonei pela história e virei fã da Meg, ela escreve MUITO bem.

Realmente eu não sei o que dizer sobre esse livro.

Ele suprerou as espectativas e conquistou mais um leitor.

Sem palavras, essa série está e sempre estará na minha estante de favoritos.

Surpreendente até a última página!
comentários(0)comente



Mandy Porto 26/02/2010

Ótimo! *-*
Último livro da saga da Mediadora de Meg é lindooooooo e pura perfeição! A história de amor de Jesse e Suze é uma das minhas favoritas e eu simplesmente amei todos os livros da saga.

A Meg consegue escrever tão bem que nos toca profundamente!

*-*
comentários(0)comente



Najla 12/01/2012

A Mediadora
Uma das melhores séries que eu ja li. A mediadora é uma história que vai permanecer sempre na memória de quem ler, com personagens marcantes. Uma história que não deixará sua mente até muito tempo depois de virar a última página.
A Mediadora mostra o que é a amizade e o verdadeiro amor. Ensina a superar seus medos e correr atras do que é certo e o que realmente importa na vida.
E a nossa querida Suze Simon ensina a guardar segredo, o que venhamos e convenhamos é difícil. É difícil guardar um segredo, principalmente da melhor amiga. Ainda mais um segredo do calibre do de Suze.
Ah, e o Jesse, nosso Jesse... Impossível esquece-lo. Que garota não quer um Jesse sussurrando no seu ouvido: Mi Hermosa?
E o Paul? apesar de tudo o que ele fez eu gostava dele, gosto dos bad boys e ele melhorou bastante no final.
E o Mestre? quem não iria querer um irmãozinho como ele?

Essa é uma série para ler reler sem nunca enjoar.
A Mediadora é sem duvida a melhor série da Meg.


Márcia 25/08/2009

Final como poucos
Tenho medo de final de série, sinceramente já vi tantos ruins...
Mas Crepúsculo foi complemente diferente! Não esperava outra coisa, o final de "A mediadora" é perfeito! Tem de tudo que tinha nos outros livros : Comédia, romance, aventura, emoção, TUDO!
O amadurecimento de Susanna, o final de Jesse.. encantador. Meg Cabot não poderia fazer melhor. Até mesmo o extremo sobrenatural do final de Jesse é arrebatador, não deixando aquele sinal de interrogação na mente do leitor.


Roberta Nunes 18/02/2010

O último e o melhor da série
Assim como aconteceu em várias outras séries de livros que li, também considerei o último volume de "A Mediadora" o melhor de todos os seis. Como sou fã de romance e um certo "quê" de drama, não poderia deixar de me encantar com esse livro, que foi o único da série que me tocou ao ponto de fazer com que lágrimas não apenas surgissem, mas corressem pelo meu rosto, livremente.

Os poderes da nossa querida protagonista são bastante explorados nessa história. E apesar dela estar a todo vapor, com sua característica personalidade marcante, o livro mostra muito do lado humano da Suzannah: suas fraquezas, suas inseguranças típicas de uma adolescente, seus erros e acertos.

O romance está em alta nesse volume, claro. Mais do que todos os anteriores, o livro está recheado de ceninhas bonitinhas e ao mesmo tempo intensas. É muito interessante ver a Suze pesando as decisões, deliberando entre o que é certo, o que é errado, o que é fácil, o que deve ser feito...

A partir da viagem no tempo é simplesmente IMPOSSÍVEL parar de ler, pois a vontade de saber o final é muito grande!

E o que posso dizer é que com esse livro, a Meg mostrou que não é apenas uma das melhores autoras adolescentes que sabe explorar tão bem romance, comédia e joguinhos de ciúme. Meg Cabot mostrou que também tem uma mente ótima para criar histórias fantásticas, surpreendentes e com reviravoltas inesperadas e de tirar o fôlego, pois a trama de "Crepúsculo" é muito bem elaborada, não algo superficial e sem graça.

Mais uma série que vai ficar na memória e no coração, assim como os seus personagens. Já sinto saudade da fantástica garota mediadora Suzannah e do doce e único fantasma Jesse, que poderia assombrar meu quarto sem o menor problema.

;)
comentários(0)comente



Andy 04/07/2010

Finalmente acabei de ler a saga "A Mediadora" e no geral os livros são todos ruins e como disse em outras resenhas, adolescentes com certeza iriam gostar pois a leitura é bem simples.
Quanto a história desse ultimo livro, só achei interessante o final, pois não foi tão enrolado e cheio de lenga lenga como é o restante da história, de certa forma vi que a autora foi mais objetiva em dar um final para a saga, previsível... mas ainda sim um final. Se querem histórias decentes essa saga não é uma delas, se for pra passar o tempo e não tiver nada melhor, leia essa mesmo, qualquer leitura é melhor que nada, não acham?
comentários(0)comente



Menndie 20/11/2012

Sensacional!
Bom, a série começou morna no começo. Os dois primeiros livros realmente não me prenderam. Mas não quis desistir, fui adiante. E gente! É MUITO boa essa série!

A Suzannah é super sarcástica e bem humorada, porém, em certas partes dos livros eu devo dizer que achei ela infantil e orgulhosa demais. Se comportava como uma criança birrenta.
Neste último livro eu achei ela bem lerda para descobrir a intenção do Paul.

A história é muito boa, no começo os casos são resolvidos muito rápidos e você pensa: "Tá, é só isso?" mas depois melhora muito! Passa-se a dar mais detalhes, ter mais mistério e o livro te prende. Parece que a Meg Cabot acordou e botou todo o seu potencial na série.
Principalmente neste último livro em especial. Eu AMEI, de verdade! Entrou para os meus favoritos.

O Jesse é um cara que tem a cabeça no lugar. A Suzannah é uma menina de personalidade forte (infantil muitas vezes), mas que acaba te conquistando.

O final foi surpreendente. Poucos autores conseguem fazer vários livros e fazer um final digno. Se você devora o livro já no começo e no meio, no final você passa a devorá-lo mais ainda. Meg Cabot realmente surpreendeu e respondeu às minhas expectativas para o final.

É uma série que eu ouvia falar muito, e sempre via elogios. Mas que devo admitir: elogios com razão. Os dois primeiros livros são chatinhos, mas não desista, continue que só melhora cada vez mais.

E assim eu me despeço dessa ótima série. Deixo a Cee Cee, o Adam, o Jesse, a Suzannah, o Paul, seus irmãos e etc, com um enorme aperto no coração... Poucos livros fazem eu me sentir assim.
comentários(0)comente



Ana Júlia 12/09/2012

Ótimo!
Gente, o livro é muito bom!! Li a saga inteira muito rápido, porque sinceramente não dá pra parar de ler! Nesse livro eu fiquei muito mais apaixonada pelo Jesse e odiando o Paul. Não vou fazer nenhum spoiler aqui, mas queria muito recomendar para que todos vocês (principalmente os que gostam de romances sobrenaturais) leiam a saga. Sem comentários pro final, eu fiquei completamente EM CHOQUE! Quem dera que tivesse um outro livro depois desse, já estou com saudades do Jesse lindo e perfeito e maravilhoso e apaixonante :(


Diandra 10/02/2013

Eletrizante!!!

Em Crepúsculo toda coragem, amor e esperança de Suzannah são postos a prova.

Além começar a conhecer cada vez mais sobre seu dom ela também descobre que o avô de Paul é um mediador e que seus conhecimentos são amplos.

O relacionamento de Suze e Jesse começa a engrenar, mas nem todos ficam felizes com isso, Paul continua tentando se aproximar e promete um mundo de possibilidades. Sua insistência é tamanha que ele começa a maquinar um plano para voltar no tempo e reverter o passado de Jesse, assim ele não conheceria Suzannah.

Através dos conhecimentos do avô de Paul, Suze cria um plano mirabolante para salvar seu amor, ela só não sabe de que. Salvar de sua morte prematura e não se conhecerem Ou de ser salvo por Paul e se conhecerem?

Muitas decisões... Todas tem seu preço... Suze está disposta a pagar em nome de seus sentimentos.

Nesse livro vemos decisões extremas e sentimentos colocados à prova, Suzannah enfrenta situações jamais pensadas e suas escolhas podem mudar tudo.

Final eletrizante e personagens inesquecíveis. Meg Cabot tornou da serie A Mediadora uma leitura agradável, hilária e emocionante!
comentários(0)comente



Cris Paiva 04/03/2015

Ahá! O último livro da série! Aquele onde vamos saber o que acontece entre o Jesse e Suze e se eles finalmente vão ficar juntos, da maneira que seja... Tá, mas não vou contar, que não sou dessas.

Suze, passa a saber através de Paul e do avô doidinho dele, que na verdade ela não é apenas uma mediadora, mas uma “deslizadora”. E através desse novo poder desconhecido, Paul decide impedir o assassinato do Jesse e com isso permitir que ele viva uma vida plena e feliz e então nada de fantasminha camarada para a Suze, e o caminho vai estar livre para ele. Rapazinho mais mau-caráter!!! Onde ja se viu impedir o assassinato de alguém para proveito próprio!! Epa, falei besteira??

Bom, o grande problema e drama do livro é esse, se o Paul impedir o assassinato do Jesse, não vai ter mais fantasminha, logo não vai ter mais par romântico. E o Jesse vai sumir da vida da Suze como se ele nunca houvesse existido. Como lidar com uma desilusão amorosa desse tamanho? E será que a Suze vai ter coragem de impedir o Paul? Sinceramente, não queria estar na pele dela.

Cheguei no final da serie já morrendo de saudades! O Jesse com certeza foi o fantasminha mais lindo e romântico que já encontrei nos livros por ai. Normalmente eles não são tão charmosos assim!!


Nikki 23/02/2010

Perfeito
Confesso que estava com medo do fim desta saga, mas ela me surpreendeu com um final mas que perfeito. Adorei.
comentários(0)comente



Marina 17/04/2010

A série A Mediadora é boa no geral. É um tema com muito, mas muito potencial. Porém, acho que a autora tratou com superficialidade. Há muitas coisas e situações que poderiam ser exploradas mais a fundo. Suze e Jesse seguem até o último livro "enrolando", e quando finalmente chega o desfecho, ele se desenvolve tão rapidamente, que quando você se dá conta, acabou.

Enfim, é uma série light, para ler como distração, o saldo geral é positivo. Não é uma série que vai mudar sua vida, mas a gente lê sem arrependimentos, dá pra se divertir bastante.


Larissa 29/07/2010

Assim que acabei de ler me ocorreu o seguinte pensamento: Que pena que acabou!

A mediadora foi uma série que desde os primeiros momentos tendo contato com a mesma, me vi sendo arrebatada.
Muito divertida e envolvente, rápidinho nos acostumamos com o jeito espevitado da Suzannah e o charme e encanto do Jesse.

Este último volume foi maravilhoso, adorei mesmo. Sempre fiquei me questinando como terminaria essa história e a Meg realmente fez um suspense e uma conclusão encantadora. Quando a gente começa a acompanhar o romance de Suzannah e Jesse lá no "A Terra das Sombras" nem imagina que a história deles dois vai tomar o rumo que tomou em "Crepúsculo".
É lamentável quando a gente acaba algo que aprendemos a gostar, mas é gratificante quando o fim não nos decepciona.
comentários(0)comente



Thaís 11/07/2012

Perfeito 5
PERFEITO é pouco para a definição desse livro *-*
comentários(0)comente



166 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |