A Última Grande Lição

A Última Grande Lição Mitch Albom




Resenhas - A Última Grande Lição


81 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6


Vandejer 02/09/2010

Brilhantismo e certa tristeza pelo corpo já não acompanhar a sabedoria da mente de Schwartz...
Morrie Schwartz é a alma deste livro mais que impressionante do já aclamado Mitch Albom.
Com toda a certeza do mundo vale a pena ler, e fazer o que for preciso para se ler.
A última grande lição é um convite a voltarmo-nos para o que realmente importa, em detrimento do que interessa. Cada palavra saída dos lábios do professor Schwartz vai invadir a alma do leitor e provocar uma sucessão de emoções. Um dos poucos livros que a gente lê que pode dizer com certeza: "Esse pode facilmente mudar vidas!".
Com toda a certeza, um dos melhores livros que já li.
Emanuelle 28/05/2014minha estante
Ótimo livro, e nos da uma grande vontade de ter tido pelo menos 5 minutos de conversa com Morrie.




Sérgio Filho 02/05/2010

Mr. Morrie - adorável professor.
Ex-universitário que só vive para o trabalho reencontra após 16 anos seu velho professor no leito de morte e juntos aprenderão o valor inestimável da vida. Bem clichê, embora seja uma narrativa real.
A última grande lição: o sentido da vida, não é nem de longe um romance literário. Daí os clichês serem tão evidentes. Tal obra serve unicamente como uma singela homenagem do autor, Mitch Albom, ao seu professor de Sociologia na faculdade, Morrie Shwartz.
Durante catorze terças-feiras o antes aplicado aluno Mitch Albom conversa com o professor que lhe marcou profundamente nos tempos de universidade até a morte deste. Nesses mais de três meses de encontros os dois dialogam sem muitas, ou nenhuma, pretensão filosófica sobre as coisas essenciais da vida.
Em suma, um livro de auto - ajuda, disfarçado de romance.
ruygiraldes 16/07/2014minha estante
Não se trata de "auto-ajuda", mas de um livro de "memórias". Inclusive, faça uma pesquisa no youtube, e verá as entrevistas gravadas com Morrie Schwartz, no programa mencionado no livro.
Definitivamente, não se trata de um livro de auto - ajuda, embora, para muitos as lições de vida deixadas por Morrie sirvam de ajuda.


Sérgio Filho 02/08/2014minha estante
A linguagem empregada é típica dos livros de autoajuda.




Beti 28/09/2014

Todos deveriam ler
Um dos livros mais lindos que já li, comecei e acabei com lágrimas nos olhos e com o coração apertado. Um exemplo de vida a ser seguido, uma força enorme e vontade de vencer uma doença incurável com garra e determinação. Uma forma de nos mostrar que nossa vida é frágil e perene, nosso tempo é breve.
Fez lembrar um pouco da história de minha mãe, que teve uma doença degenerativa e nunca perdeu a vontade de viver e de lutar contra a doença com a mesma determinação de Morrie.
Todos deveriam ler, principalmente os narcisistas e materialistas, pois a vida não é apenas isso, ela é breve e estamos aqui para aprender e crescer.
comentários(0)comente



Aline 05/11/2009

Vale a pena!
Um livro maravilhoso! Uma grande lição de vida! Li quando estava cursando a faculdade de psicologia, foi recomendado por uma das professoras e adorei! Gostaria muito de ter um professor igual ao do livro, que dedicasse seus últimos dias a me ensinar lições preciosas para toda a vida.
comentários(0)comente



Jean.Souza 19/05/2017

Ótima leitura...
Uma história de vida repleta de ensinamentos. O livro nos leva a uma leitura que mexe com nosso emocional.
comentários(0)comente



Léa 23/07/2009

Um aluno se encontra com um ex-professor que está doente, em estado que para nós seria lamentável.
O otimismo com que ele enfrenta sua situação, é um exemplo para as pessoas que só sabem se queixar da vida.
Aprendi muito com sua postura.Deveria ser mais divulgado e lido.
comentários(0)comente



lealmatheuss 09/11/2009

A Última Grande Lição
Excelente Livro, conta a história de Mitch Albom, que promete ao seu professor de sociologia, Morrie, quando está terminando a faculdade, que irá manter contato, porém isso não acontece, e durante anos, um nem seque escuta falar do outro. Certo dia, Mitch, mudando de canais, vê seu velho professor na TV e descobre que ele possui uma doença rara e que tem pouco tempo de vida. A partir dai, eles se encontram 14 vezes, em 14 terças-feiras e em cada uma terça-feira, nos dando uma lição de vida maior ainda.
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



thais 28/08/2014

A ultima grande lição
Livro bom, que traz a tona alguns questionamentos do nosso dia a dia e como queremos viver a vida, nos leva a refletir em quais sao os nossos valores e o que realmente importa.
comentários(0)comente



06/11/2013

Se você pudesse escolher, como passaria os últimos dias da sua vida?
"- Estar morrendo é apenas uma circunstância triste, Mitch. Viver infeliz é diferente. Muitas das pessoas que me visitam são infelizes.

- Por quê?

- Porque a cultura que temos não contribui para que as pessoas estejam satisfeitas com elas mesmas. Estamos ensinando coisas erradas. E é preciso ser forte para dizer que, se a cultura não serve, não interessa ficar com ela. Que é melhor criar a sua própria. A maioria das pessoas não consegue fazer isso. São mais infelizes do que eu, mesmo na situação em que estou. Posso estar morrendo, mas estou cercado de almas amorosas e dedicadas. Quantos podem dizer o mesmo?"

A Última Grande Lição - O Sentido da Vida, de Mitch Albom, me impactou muito e me deixou encantada pela simplicidade e pelas verdades nele contidas. Ganhei esse livro há uns bons anos atrás, mas as mensagens que ele trás sempre vêm à tona e, volta e meia, eu me pego folheando as páginas pra me lembrar de certos detalhes.

Fala sobre aproveitar a vida da melhor forma e sobre a importância de dispensar um tempo para demonstrar afeto àqueles que nos cercam e a quem amamos antes que não tenhamos mais tempo/condições para fazê-lo.

É um livro curtinho (dá pra ler em uma sentada), mas incrível em profundidade.

Não vou me demorar muito discorrendo sobre o enredo em si, porque senão vou acabar contando a história inteira, justamente por ter bem poucas páginas (essa edição, tipo pocket, tem pouco mais de 120pgs.). O título original é Tuesdays With Morrie, e trata-se do relato de um eterno aluno sobre um reencontro inesperado com seu professor depois de muitos anos.

Morrie, o professor, sofre de uma doença e usa o que lhe resta do tempo para, dentre outras coisas, ensinar a Mitch o verdadeiro sentido da vida.

Uma história emocionante e que nos faz rever os nossos valores e as nossas prioridades na vida, e obriga a colocarmos numa balança tudo o que nos motiva.

site: http://vivendomilvidas.blogspot.com.br/2016/03/a-ultima-grande-licao-mitch-albom.html
comentários(0)comente



Jack 29/07/2017

Coincidências não existem
Estava lendo este livro quando minha avó morreu de câncer. Foi ele que me ajudou a lidar ,superar e entender a vida e a morte. Infelizmente emprestei a uma amiga que o perdeu. Desde então venho tentando adquiri outro exemplar, por ter significado muito pra mim.
comentários(0)comente



Zéh 13/06/2009

Um livro realmente fascinante e emocionante. Assumo que não leio muito do gênero mas foi ótima a oportunidade de ler este livro, que eu devorei em poucos dias, acompanhando o drama pela história. Gostei muito
comentários(0)comente



Kiyomi 02/07/2013

Um livro q em varios momentos me fez lembra de meu pai
comentários(0)comente



Flávia 01/12/2013

Acredito que este livro nos faz lembrar aqueles professores fantásticos que nos ensinaram e nos guiaram para o caminho do saber e o desvendar do desconhecido. Este livro foi uma lição de amor, afeto, bondade e reconhecimento por aqueles que foram importantes na nossa vida de alguma forma.
comentários(0)comente



Nath.Alves 10/05/2016

Emocionante.
Diante da aproximação da morte de Morrie, aproxima-se também seu ex-aluno Mitch, voltando a aprender. A matéria é vida e suas questões fundamentais. Com sabedoria, o "treinador" conversa sobre seu momento e reflete sobre suas experiências. Apresenta seu ponto de vista sobre amor, amizade, medo, perdão. Ao compartilhar, ele se sente vivo. Por contribuir para outra vida. E acredita ele, ser esse o sentido da existência, fazer as pessoas e a comunidade melhor, amar. A narrativa envolve e emociona. Morrie fortalece o seu espírito enquanto seu corpo definha. Despede-se da vida, aceitando que partir é de sua natureza humana. Nos convida a ver as nossas possibilidades e relações tendo em vista um olhar que reflete o essencial.
comentários(0)comente



81 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6