Mais Fortes, Mais Velozes, Mais Belos

Mais Fortes, Mais Velozes, Mais Belos Arwen Elys Dayton




Resenhas - Mais Fortes, Mais Velozes, Mais Belos


4 encontrados | exibindo 1 a 4


Nicoly Mafra - @nickmafra 01/05/2020

Dica rapidinha: “Mais Fortes, Mais Velozes, Mais Belos”!
"Se Deus nos deu mentes, nós não devíamos abraçar os frutos dessas mentes? Cuidar dos feridos e doentes, sem dúvida, é misericordioso, e um belo chamado."

-

Em "Mais Fortes, Mais Velozes e Mais Belos", lançamento da @plataforma21_, temos seis contos de ficção científica onde acompanhamos como os seres humanos utilizam a tecnologia para salvar vidas ao longo dos anos e as discussões sobre até que ponto devemos utilizar a tecnologia ao nosso favor. Erradicar doenças, curar ferimentos, repor órgãos... quando o corpo humano é composto de metal, engrenagens e outros tipos de ligamentos, ele continua sendo humano? O que nos faz humanos?

Em alguns contos, o gostinho de quero mais estava bem presente - já imaginava um livro completo só daquele pequeno momento! Uma leitura muito dinâmica, intensa e com ótimas discussões, enredos e personagens. Um livro perfeito para quem quer começar a se aventurar nos livros de ficção científica!

site: www.instagram.com/nickmafra
comentários(0)comente



Fabi | @psamoleitura 09/04/2020

{resenha feita no blog PS Amo Leitura}
“Mais fortes, mais velozes, mais belos”, publicado pela Plataforma21, vai interconectar seis histórias em um futuro totalmente distópico.

Esse é um livro de um gênero que eu gosto muito, porém que foi escrito de uma forma totalmente diferente. Você já imaginou a possibilidade de passar por transformações genéticas e uma forma diferente da extensão da vida?

“Mais fortes, mais velozes, mais belos” é dividido em seis contos. Cada conto é narrado de um personagem diferente, com situações genéticas de forma diferente e como a ciência avança ao longo dos anos, mas, que no final, as histórias se conectam, questionando muito sobre a ciência e questões éticas.

Se eu contasse um pouco mais de cada acontecimento dos contos, isso, sem dúvidas, entregaria toda a história e acabaria com as emoções e questionamentos ao longo dos capítulos. Tudo que posso dizer é que a ciência está modificando corpos e salvando vidas.

Esse livro me trouxe algumas reflexões como: até onde eu iria para salvar alguém que eu amo? Seria capaz de agir a favor da ciência ou deixaria a minha fé guiar? Precisamos modificar nossos corpos para encontrarmos a felicidade? Até que ponto essas alterações são aceitáveis?

Sem dúvidas, a autora Arwen Elys Dayton fez uma obra com um olhar distorcido para o futuro, que instigou em cada página, deixando a sensação de querer ler mais e saber mais do porquê as pessoas estão a todo momento em busca da perfeição.

A escrita da Arwen é realmente boa, o livro é bem fluído e os questionamentos são a peça chave dessa obra, pois o avanço da ciência é enorme e percebemos como pode crescer cada vez mais com o passar dos anos.

Para quem está começando ler o gênero de ficção científica e um mundo distópico, recomendo que leia “mais fortes, mais velozes, mais belos”. Ele traz questionamentos e reflexões de como o mundo poderia ser.

Fãs das séries Black Mirror e Westworld vão gostar dessa obra.

site: https://www.psamoleitura.com/2020/04/resenha-mais-fortes-mais-velozes-mais-belos.html
comentários(0)comente



clayci 10/03/2020

O futuro nos reserva a perfeição
Não entrarei em detalhes sobre todos os contos. Mas a autora apresenta especulações e reflexões interessantes que nos fazem pensar quanto tempo falta para coisas assim acontecerem. Devemos modificar os nossos corpos? Se existir essa possibilidade, até onde essas alterações serão aceitáveis? Mais do que isso, a autora fez com que eu me atentasse e pensasse em quem teria acesso a este tipo de tecnologia. Seria algo limitado para pessoas privilegiadas?

Gostei de todos os contos, mas o último foi bem impactante. Neste, a autora destaca os prós e os contras desses avanços, além de discutir questões éticas. Pois nessa história, humanos e “desumanos” são segregados e incapazes de interagir entre si. Já pensou o quão assustador o futuro pode se tornar?

Mais fortes, mais velozes, mais belos é um livro ideal para quem quer começar a ler ficção científica. Não tem muitos termos complicados e o que pesa mesmo é a discussão sobre ética. A ideia é fazer com que você reflita sobre até onde a ciência pode ajudar ou atrapalhar com esses avanços. Se existir alguma medida capaz de salvar uma vida, você é a favor? E se o caso fosse “estende-la”? Quais seriam as implicações morais para alguém conseguir renovar o seu próprio corpo? Quem poderia julgar nossa humanidade?

site: https://saidaminhalente.com/mais-fortes-mais-velozes-mais-belos-elys-dayton-o-futuro-nos-reserva-a-perfeicao/
comentários(0)comente



The 22/04/2020

O que o futuro reserva?
Um sci-fi distópico muito fluído, a escolha da autora em trazer a história em formar de contos que retratam locais e discussões independentes mas, que ao mesmo tempo se ligam e formam um todo, foi genial para imprimir dinâmica a historia e ampliar a possibilidade de temáticas de discussão. Enquanto o tema central do livro é a bioética, ou seja, o uso que iremos dar aos avanços tecnológicos em termos biológicos, ele também discute muitos outros pontos correlatos como religião, política, destinação dos condenados, uso do homem pelo homem, questionando sempre os limites, a ética e a moral frente as situações retratadas.
comentários(0)comente



4 encontrados | exibindo 1 a 4