A Espada dos Reis

A Espada dos Reis Bernard Cornwell




Resenhas - As Espadas dos Reis


46 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3 | 4


Adriano 28/10/2020

O destino não parece assim tão inexorável
Décimo segundo livro dessa grande série de Bernard Cornwell. As crônicas saxônicas acompanham as lutas de Uhtred e agora encontramos um guerreiro já idoso, em voltas com a o apoio ao herdeiro que buscará reunir os reinos que comporão a Anglaterra, ou Inglaterra. Para quem gosta de romances históricos, esta é uma leitura formidável, porque contém todos os bons ingredientes desse estilo: batalhas bem narradas, excelentes descrições dos locais e reviravoltas.
As lutas nos barcos nos dá muita agonia, lembrando que estamos falando do século X e, portanto, embarcações arcaicas, que possuem pouco espaço para manobras.
Também é muito legal a descrição da fétida cidade de Ludene, a Londres atual. A Inglaterra desse período era suja, não havia tratamento de esgoto, e as doenças, como a praga, afetavam uma grande parte da população.
Duas coisas que eram comuns na série, tiveram uma mudança de tom nessa obra: o envelhecimento de Uhtred (apesar de que ele consegue ainda lutar e vencer inimigos poderosos) e um alivio na visão anti-cristã, o que era bem comum em outros livros. Parece que o autor está preparando o caminho para o último livro, quando descobriremos o que acontece com o herói do livro, algo que já é anunciado desde os primeiros volumes, uma vez que é Uhtred quem está narrando a história de uma posição bem religiosa.
Enfim, esse livro melhorou bastante em relação aos dois últimos da série, que pareciam mais repetições do mesmo, seguindo um padrão de narrativa que não trazia nada de novo e era bastante previsível. Mas esse livro trouxe uma maturidade maior em toda a série, com batalhas criativas, mas sem perder a essência das crônicas. Mas ainda ansiamos por uma grande batalha. Será que veremos isso no último e derradeiro livro.
Talvez, o destino não seja algo assim tão inexorável, e os seres humanos podem mudar a direção dos fatos, desde que se dediquem e coloquem todos os seus esforços nisso. Como vemos na história, até ações individuais e pequenas acabam tendo um grande impacto.
Luiz.Gustavo 17/11/2020minha estante
Perfeita colocação em relação a idade de Uthred. Quando chegamos no livro dez, a sensação é que o idoso iria se aposentar, entretanto não, Corwell da um sopro de vida em seu personagem, sopro esse que lhe garante mais algumas batalhas épicas. Após o livro onze, onde Uthred comete vários erros e por "sorte" sobrevive e triunfa, Cornwell entrega uma obra fantástica, com lutas do início ao fim. Uthred tem uma atuação formidável, empregando sua astúcia e força descomunal. Excelente leitura. Ansioso para o que ainda está por vir.


Adriano 18/11/2020minha estante
Exatamente. E vamos aguardar o último!


Marcia 10/12/2020minha estante
Li todos os anteriores e já estou ansiosa pelo próximo. Quem gosta de história, ação e idade média, vai gostar.


Adriano 11/12/2020minha estante
Com certeza.




Neto Murracho 01/09/2021

Longos anos
Chegar ao fim dessa saga é algo estranho, sim eu queria saber o final da histórias, mas me despedir de Uhtred de Bebbanburg depois de tantos anos desse companheirismo, é complicado.
Bernard Cornwell tem o dom de nos prender ao seus personagens, quem já leu outros livros desse brilhante autor sabe do que estou falando.
comentários(0)comente



Saulo 10/03/2021

Leitura épica
Mesmo perto do fim das crônicas vemos uma grande quantidade de eventos acontecendo, pestes, batalhas, conspirações é estratégias.

O livro começa em um ritmo alucinante, como a muito não começava, vai assim até o meio do livro onde diminui o ritmo, em uma parte que não gostei muito e por fim, temos uma ótima preparação da grande batalha e uma grande batalha em sim

Mais uma vez, adorei a leitura do livro, assim como os outros das crônicas
comentários(0)comente



Campos 18/03/2021

Muito bom
O livro é muito bom, tem um ótimo desenvolvimento, e aqui vemos o protagonista penar um pouco. Juro que achei por diversas vezes que seria o fim da saga, mas me senti feliz em acompanhar um pouco mais dessa saga.
comentários(0)comente



Velasco 20/04/2021

A fórmula funciona
Pegar para acompanhar uma saga de livros de 12 volumes, não é para qualquer um, amar todos os livros, sem nenhuma decepção é mais difícil ainda, o que mostra que meu ídolo Bernard Cornwell conhece do seu ofício e sabe construir uma história envolvente que mesmo durando 12 livros, você torce para que não acabe. Mas me limitando ao livro, contém tudo o que você espera de um livro do autor, tramas políticas, religiosas e as batalhas mais sangrentas e gráficas que você será capaz de encontrar em qualquer livro (melhor característica do autor, na minha opinião). O desfecho de Uhtred de Bebbanburg está cada vez mais próximo, junto com o desfecho da própria Inglaterra...Não posso esperar pela conclusão da história! Que venha o livro 13.
comentários(0)comente



Samuel Muca 03/11/2020

Maravilhoso!
Acho que ao longo dos anos essa série se tornou minha favorita. Sempre que pego uma nova edição a devoro num dia. Com essa não foi diferente!
Eu percebo como esses livros são bons porque, mesmo com o uso frequente de ?Deus ex machina?(e aí é bom dizer que não costumo gostar do recurso), é sempre tão bem feito que não tem como não admirar a escrita do Cornwell.
Especificamente sobre o livro, aqui vemos um Uhtred já velho e lidando com os problemas da idade. Em certas cenas me emocionei com ele, o póbre tá visivelmente cansado. Porém segue firme com seus juramentos.
O livro tem uma carga dramática boa e segue impecável nas cenas de combate e tensão. É realmente um livro muito bom.
Por fim, se você já chegou até aqui, tenha certeza que o décimo segundo volume da saga vai te entreter demais. O livro é muito gostoso, melhor que isso só ?um par de peitos cheirosos?.
(Sim, tem continuação)
comentários(0)comente



Adri 12/03/2021

Um dos melhores da série
Acompanho as crônicas saxônicas desde seu comecinho e sempre fui fã de Bernard Cornwell. Contudo, confesso que estava sentindo que os livros estavam ficando cansativos e um pouco repetitivos, e esta foi a minha sensação no início deste volume. Qual não foi a minha surpresa quando me peguei devorando e saboreando cada uma das páginas, lembrando o motivo pelo qual gostava tanto do autor e da série. Na minha opinião, o envelhecimento de Uthred colocou tudo sob uma nova perspectiva agora que ele já não é mais tão confiante e duvida com mais frequência de seus planos, destacando a importância de seu amigo Finan ao seu lado. A trama não foge muito do que já foi exposto nos livros anteriores, mas Bernard conduziu os acontecimentos com maestria e será difícil para qualquer leitor não gostar do trecho em que Uthred e seus guerreiros adentram Lundene e são obrigados a se esconder. Leitura recomendadissima. No aguardo do próximo volume que segue para um final melancólico
comentários(0)comente



Thiago 22/11/2020

Melhor do que os anteriores
Este livro supera os últimos, mas ainda contém certas dificuldades... O ritmo é melhor, algumas cenas de combate e de vingança são, como de costume, primorosas. Nós realmente torcemos por eles. Contudo, continuo com a impressão de uma repetição completa de lugares comuns e clichês, além de uma falta de verossimilhança absurda. Finan e Uhtred são velhos (quão velhos? Se Alfredo assumiu o reinado em 871 e Uthred tinha dez anos, já estão com setenta) que continuam rápidos, ágeis e com olhos de lince (caso de Finan). Apesar de serem personagens carismáticos, não dá pra acreditar nessas coisas... Estou contente que a saga terminará no próximo.
Gabriel.Rodrigues 22/11/2020minha estante
Eu li até o segundo e n sinto muita vontade de continuar. Vale a pena? Sinto que vai ser sempre mais do mesmo


Thiago 22/11/2020minha estante
É, até o quinto, por aí, ainda tem coisas novas e interessantes. Depois disso, vira um pouco um episódio do Chaves, com as mesmas repetições. Já perdi a conta de quantas vezes ele ameaçou um padre lembrando de sua fama ("Sou conhecido como o matador de padres") e não fez nada. Não consigo nem lembrar quando ele matou algum, por exemplo.




Felipe Augusto 22/07/2021

Sensacional
Mais um espetacular livro do Bernard Cornwell, com suas batalhas descritas de forma majestosa e instigantes que nos prendem na leitura do inicio ao fim. Agora começar a leitura do último livro para fechar com chave de ouro essa saga épica!!!
comentários(0)comente



Ed.Costa 13/11/2020

Sensacional!
Sensacional! Um dos melhores livros da série! Como sempre, Cornwell nos presenteou com um livro arrebatador! Recomendadíssimo!
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Vincent 01/03/2021

O autor estava inspirado
Após vários livros mais fracos, BC retorna com tudo nesse livro. Como sempre é muito bom acompanhar as aventuras de Uhtred. Mesmo estando velhinho já, ainda consegue ser colocado no centro dos acontecimentos.
comentários(0)comente



Anderson 31/12/2020

Mais uma vez Uhtred em uma de suas belas aventuras. O escritor consegue nos transportar para dentro das batalhas, fazendo com que sintamos o calor, o cheiro, o fervor que deveria ser esse evento.
comentários(0)comente



Breno 24/03/2021

O fim está próximo!
Incrível como o BC consegue manter o mesmo excelente nível em todos o livros da série, e esse foi um dos melhores na minha opinião.
Ju 16/04/2021minha estante
Eu tbm achei um dos melhores Breno, confesso que no 11 eu já estava entediada, mas esse superou!!




Uhtred of Piracaia 23/12/2020

Uhtred segue imponente
Para tentar cumprir juramentos, Uhtred luta em terras e águas em mais uma obra prima do mestre Cornwell.
comentários(0)comente



46 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3 | 4


Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com a Política de Privacidade. ACEITAR