CEO: ENTRE O AMOR E PODER

CEO: ENTRE O AMOR E PODER BIBI SANTOS




Resenhas - CEO: ENTRE O AMOR E PODER


5 encontrados | exibindo 1 a 5


Kita 02/12/2020

Amei
Não sei o que falar,mas que me cativou bastante foi o Gael uma criança que já sofreu , mais não perdeu seu sorriso e sua alegria
comentários(0)comente



Lírios 26/11/2020

A sempre uma segunda chance
A nossa dica de leitura é o novo romance da autora bibi Santos.
CEO Entre o Amor e o poder trás  a narrativa do jovem belo e poderoso Henry Dubóis .
.
Passa por cima de todos para alcançar seus objetivos. Ate mesmo  uma proposta de casamento arranjado para expandir a sua empresa com a jovem Alicia Montenegro.
.
A narração da autora destaca bem o que a busca do poder pode fazer as pessoas realizar.  Será possível viver sem amor somente com a ganância de ser o todo poderoso nos negócios.
.
Este era os pensamentos do jovem henry ate uma cartinha de um pedido de ajudar cai em suas mãos.
Sendo do seu pequeno sobrinho Gael um garotinho super inteligente e esperto.
.
O poderoso CEO não  esperava que junto a este descoberta iria mudar a sua maneira de ver a vida e os seus sentimentos e emoções em relação ao amor.
.
Junto deste garotinho vem uma mulher querreira e forte que trabalho dia e noite para sustentar o seu querido filho.
Com o coração marcado do seu sofrimento casamento com o meio irmão do Henry.
.
A jovem Rachel  é um exemplo de tantas mulheres que sofrem em um casamento abusivo. Vendo seus sonhos deixados para trás. Para  se dedicar aos seus filhos deixando a vaidade de lado . E viver um grande amor.
.
Duas coração marcados por acontecimentos do passado. Será possível viver um novo amor?
.
Uma história cheia de mensagens positivos de amor , de família  e amizade.
E principalmente que é  possível recomeçar com o verdadeiro amor no coração.
comentários(0)comente



@shippaesselivro 26/11/2020

LINDO!
O amor nasce naquele coração de gelo, ele mudará um pouco as suas atitudes e fará de tudo para que Raquel perceba, e irá começar por seu casamento de fachada.

Henry e Raquel terá que enfrentar muita coisa juntos, até mesmo um atentado, e por um bem maior: a felicidade de Gael.

site: https://www.instagram.com/p/CHvTep6jC0p/
comentários(0)comente



Cinthya 08/11/2020

Eta karalho!!!
Sensação boa terminar um livro com essa emoção.
Henry é o meu tipo de CEO favorito. Forte, intenso, inteligente, passional, ambicioso e um babaca arrogante com síndrome de Deus
Raquel é quem toda mulher deveria ter como amiga. Forte, batalhadora, inteligente, independente, mãe leoa, não leva desaforo pra casa e nem aguenta e idiotices de CEO egomaniaco.
Gael??. Só suspiros para essa criança inteligente e amorosa. Apesar de ter conhecido a violência muito cedo, manteve seu coração bom.
Agora sobre a estoria. Nota 10 em tudo. Tem altos e baixos. Zero enrolação. Sem pontas soltas. Personagens coerentes com suas personalidades o tempo inteiro. Cada atitude tem justificativa. Característica principal dos personagens é ação. Nada de sofrimento besta e pensamentos de "e se". Isso deu um ritimo incrível para o livro. Os personagens secundários fazem seu papel dando suporte para os principais, do jeito que deve ser.
O livro é grande, mas nem vi o tempo passar, por conta de como minhas emoções foram mexidas no tempo certo.
Recomendo 5???
Bibi 10/12/2020minha estante
Meu coração chega errou a batida de tanta alegria! Obrigada pela oportunidade.




Lidiane- @amorporlivros_1991 04/11/2020

Ótimo
?A gente precisa aprender a incentivar as pessoas a melhorarem, a vencerem, a descobrir que elas podem ser mais.?
E aí, alguém odiou o Henry? Alguém amou o Henry?
Bom, eu amei o Henry, passei pano para ela haha, afinal achei ele um ótimo personagem. Henry teve várias justificativas para tudo que fez, para o seu modo de agir, Henry não teve um passado normal, então dá para esperar o pior dele.
?Mas como resolver isso agora? Estou entre a cruz e a espada. Como diria um amigo meu: Entre o amor e o poder.?
Raquel, é uma personagem que queremos ela na nossa vida, que mulher guerreira, batalhadora, não se deixa abalar, apesar de tudo que aconteceu com ela, ela segue firme, corre atrás dos seus objetivos, entre eles e o principal: dar uma vida digna ao seu filho Gael. 
Gael, é um fofo, uma criança muito inteligente, só faz o bem, busca sozinho a resolução para os problemas de sua mãe, ele é todo amorzinho. 
Uma história cheia de ação, altos e baixos, não só o CEO mandão e autoritário (apesar de Henry ser assim), temos de verdade uma história por trás da palavra CEO. E, sim, uma história que me conquistou, me emocionou, me envolveu desde o início. Recomendo a todos, uma história fluida, sem enrolação, que no final deixa o nosso coração aquecido. 
comentários(0)comente



5 encontrados | exibindo 1 a 5