Como Se Tornar Uma Canalha

Como Se Tornar Uma Canalha Andréa Titericz
Narjara Pedroso




Resenhas - Como se tornar uma canalha


43 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3


Vanessa.Raquel 02/07/2022

Como se tornar uma canalha
Como se tornar uma canalha foi uma bela surpresa, amei os personagens, a ambientação, a construção dos personagens. achei que faltou aprofundar um pouquinho mais nos personagens secundários e também achei que o final foi muito corrido. Mas devo dizer que nada disso atrapalhou na minha leitura, estou ansiosa pelos próximos livros.

site: https://www.instagram.com/estantedavane/
comentários(0)comente



Emilly Ferrareis - @emydoslivros 26/07/2021

"Às vezes a gente só precisa dar o primeiro passo, que as coisas se encaminham sozinhas."
Aí que delícia de livro. Com uma narrativa super fluida é impossível largar para fazer qualquer coisa. Com personagens incrivelmente cativantes (um verdadeiro enemies to lovers bem do jeito que a gente AMA), é uma escolha super rapidinha para quem procura um romance leve, apaixonante e divertido. A evolução da Mary Ann é muito legal, e o Thomas me conquistou nas primeiras páginas.
Estou super curiosa para pelos próximos livros da série!
comentários(0)comente



Babi 19/03/2021

Um livro de estreia competente e interessante.
À primeira vista, "Como Se Tornar Uma Canalha" chama atenção pelo título e premissa inusitada. O que são pontos positivos para as autoras que, com uma escrita leve e fluida, trouxeram uma história divertida, romântica e sensual que preocupa-se em abordar o papel da mulher na sociedade (em especial naquela época) e narrar sobre uma mocinha arruinada, na contramão de outros livros do gênero que só falam sobre mocinhas inocentes e libertinos incorrigíveis.

Minha única crítica iria para o final com muitos desencontros e meio enrolado que me irritou um pouco quando ansiava tanto pela resolução do casal, mas no geral é muito bom e com certeza deve ser conferido! Irei ficar de olho nos próximos lançamentos de Narjara Pedroso e Andréa Titericz.
comentários(0)comente



Myle 27/04/2022

Muito incrível esse livro, um amor, leitura super fluída, não sei como não conhecia ainda, apaixonada pelo Thomas ??? Quero livro do John pra ontem e ansiosa pra ver o Henry no próximo.
comentários(0)comente



AMRR 03/08/2021

Muito bommm
Adorei, muito bom msm. Apesar de achar a protagonista insuportável algumas vezes, eu gostei dela na maior parte do tempo. Uma enrolação grande pro casal??? Claro, se conhecem desde sempre mas ok. É um romance bem gostosinho de se ler, os hots são de esquentar o ambiente.
To doida pra sair o próximo, e já tenho certeza de quem será o casal. Vai ser ótimo ver Henry se enrolando na própria teia.
Ah, e o romance é bem previsível!
comentários(0)comente



Julia.Machado 04/02/2022

Irmandade dos canalhas
Marie Ann sempre foi muito mimada e ganhava o que queria, fosse pelo seu pai e irmão ou por Henry, e por isso acabo desenvolvendo uma paixão platônica por ele. O que ela não esperava é que se fosse pega em uma situação comprometedora com Henry ele não aceitaria se casar com ele. E é aí que entra o irmão gêmeo de Henry, Thomas, para contornar a situação. Como se tornar uma canalha é um livro divertido, envolvente e que vale muito a pena ler.
comentários(0)comente



@juliaavictorino 18/05/2021

Amei o casal e tô muito animada para o próximo livro!
O livro é leve, gostoso de ler e me proporcionou boas risadas.

A vingança aqui é apenas o pretexto para aproximação de Mary Ann e Thomas e que, pra mim, parece um pouco sem explicação. Ao mesmo tempo em que a protagonista parece se preocupar com sua fama na sociedade, suas atitudes revelam o oposto, a começar por aceitar a tal vingança. Talvez sua ingenuidade seja motivo para tais ações contraditórias? Assumi que sim.

Fora isso, a forma como o relacionamento entre Thomas e Mary Ann se constrói é estimulante. Dá pra sentir as faíscas de amor e ódio sempre que dois aparecem juntos, e essa química torna a leitura super envolvente. Mas olha, nunca vi gente tão teimosa!

E com dois protagonistas que brigam o livro todo feito cão e gato, o final não poderia não ser na base da confusão ? O desfecho deixa um bom gancho para uma continuação, e já sabemos o que aguardar ??
comentários(0)comente



Jessica.Cristina 05/08/2022

Eu gostei muito das histórias e dos personagens. Indico para quem quer uma leitura leve e divertida.

O único ponto que não me agradou foram as repetições de "diabinha", "princesinha" e "gêmeo azedo" a quase todo momento RS. Mas, certeza que irei ler os demais livros.
comentários(0)comente



Cristina 09/05/2022

Enemies to love
Mary Ann e Thomas sempre se detestaram, desde criança implicavam um com o outro.

Após Mary Ann ser protagonista de um escândalo e ser rejeitada por Henry, irmão gêmeo de Thomas e sua grande paixão, Jonh, irmão de Mary Ann pede que Thomas vá em socorro dela, preocupado com a apatia em que ela se encontra.

Os dois partem juntos e apesar das farpas trocadas, vão com o objetivo conum de vingança contra Henry.

Mas as coisa não saem como eles esperavam e ultrapassam e quebram muitas as regras da sociedade.

Uma história muito apimentada de enemies to move.
comentários(0)comente



Milena 20/01/2022

A leitura é rápida, viciante, é aquele livro que tu vai lendo, e quando se dá conta já terminou.

É livro divertido, sensual, que trás questionamentos importantes sobre como a mulher é vista na sociedade, mas deixa de fora detalhes que seriam bom o leitor saber. Em alguns momento as autoras colocaram detalhes aos quais não fariam falta se não existissem, mas deixaram de fora informações que seriam relevantes, e fariam com que a leitura fosse ainda melhor...

O plot de que as pessoas sabiam dos sentimentos dos protagonistas poderia ter sido melhor explorada, e sem contar que existem cenas no livro que estão ali só para causar um rebuliço. Um rebuliço bem desnecessário, pois elas poderiam ter arranjado outra forma que fazer o que queriam, que teria causado o mesmo efeito. Mas fora isso o livro é aquele pra tu ler, e não pensar em muita coisa, pq tem hot, tem o canalha se apaixonando, a mocinha tentando se tornar uma canalha, esse sim é novo, mas o resto é o mesmo de sempre...

Estou ansiosa pra ler o próximo livro.... Esqueci de comentar mas os personagens são bem construídos, são divertidos, apaixonantes, curiosos, inteligentes e intrigantes, pq não conseguimos definir qual a próxima atitude deles.
comentários(0)comente



Livia.Reis 28/05/2021

Super diferente e divertido!
Que livro bacana! Uma proposta bem diferente com uma mulher canalha. Quero muito que lancem o segundo livro! ?
comentários(0)comente



Lady Z 23/07/2021

Algumas aulas podem ser melhores que outras...
Nesse livro fui surpreendida logo nas primeiras paginas. Nossa linda mocinha é literalmente decidida e por conta disso protagoniza um escândalo bem grande. Vendo que não pode ser redimida pelo casamento ( sua esperança) fica triste e deprimida, solução encontrada por ela, se tranca no quarto e come muito pouco.
O outro protagonista do escândalo é um dos melhores amigos de seu irmão Jhon, o canalha Henry que por acaso é o irmão gêmeo do nosso mocinho apaixonante Thomas. Em uma tentativa de tirar Mary Ann do estado de letargia em que se encontra, Jhon pede a Thomas que a leve para Paris... e daí em diante ... começa as aulas para que Mary Ann se torne uma canalha.
Com uma proposta muito interessante, reflexões sobre a posição da mulher na época, essa história nos proporciona boas risadas.
Thomas é o rapaz regrado, trabalhador e com uma fama de canalha bem cultivada.
Mary Ann é a aluna mais endiabrada, curiosa e inteligente ela coloca Thomas em diversas situações muito engraçadas.
Temos também alguns desencontros que geram aquela tensão ao casal,
O desfecho da história é muito interessante, Mary Ann amadurece de uma forma muito gentil.
Não vou contar mais pois quero que você leia.
Ansiosa pela continuação dessa série.
comentários(0)comente



Angélica 27/02/2021

“Às vezes a gente só precisa dar o primeiro passo, que as coisas se encaminham sozinhas”

Aqui conhecemos Mary Ann, uma jovem aventureira, sonhadora e que desde nova seu maior desejo é se casar com o Conde de Sandridge, Henry Howard. Ele a conhece desde pequena e sempre a tratou bem, no último baile da temporada de Mary ela decide que será pedida em casamento por Henry, nem que para isso precise fazer algo comprometedor.

Maas claro que tudo da errado, além de serem flagrados em uma cena bem comprometedora, o seu grande amado a rejeita e diz que nunca poderia se casar com ela. Mary se sente traída e muito envergonhada e por isso de tranca em seu quarto e lá fica se remoendo.

Até que então, Thomas Howard, irmão gêmeo de Henry, o irmão que Mary nunca gostou, aparece de surpresa no seu quarto e propõe a ela uma aventura, na qual ela poderá se vingar de Henry.

Sabe aquele livro gostoso de ler?! Com aquele clichê cão e gato que amamos?! É esse livro, eu simplesmente ameeeei demais a leitura. A Mary é uma personagem determinada e Thomas me cativou logo de cara, gostei muito mais dele do que do Henry haha.

Amo romances de época e me apaixonei por essa história, a leitura é rápida e bem gostosa, os diálogos entre os dois são muito bem trabalhados, e divertidos. Mary amadurece muito durante a história e ver os dois percebendo que estão apaixonados é incrível.

Tem várias passagens mais sensuais, afinal a Mary precisa aprender a ser uma canalha, e aqui gera reflexões sobre a posição da mulher na época, sobre o que elas podiam fazer ou saber, e quão difícil deveria ser para elas descobrirem as coisas somente depois do casamento. O final deixa o coração super quentinho e nos deixa querendo mais.
comentários(0)comente



Janete Hevea 01/04/2021

Romance de época
Como já falei outras vezes não sou fã de romance de época ,fatos históricos e algumas coisas me incomoda mas resolvi ler porque além do nome chamar atenção a sinopse me atraiu também,eu gostei por ser uma leitura leve, sem grandes dramas e com hot.
comentários(0)comente



Mayana.Carvalho 25/07/2021

Revolucionário
Amei a experiência, fazia tempo que não lia um livro com a temática de época, valeu apena curtir cada momento inclusive as descoberta do prazer para a mulher que era proibido, os detalhes da história real como foi citado sobre a guerra com o reinado de Napoleão, os pontos turísticos citados..
Amei Mary Ann e suas impulsividades. THOMAS e seu jeito controlador.
Quando a Mary começa a se tornar uma canalha é perfeito, os embates com Tom e com os outros. Amei a relação dela com o irmão e o pai, apesar da reprimenda social eles a apoiaram e protegeram ela com tudo e sobre todos..
Adorei ????
comentários(0)comente



43 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3


Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com a Política de Privacidade. ACEITAR