HAMNET

HAMNET Maggie O'Farrell




Resenhas - Hamnet


121 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |


Sara 22/09/2021

Uma história sensível e cheia de sentimentos
Me surpreendi demais com essa leitura por ter ido muito além da morte do Hamlet, conta sobre toda a trajetória do casamento da Agnes e de William Shakespeare e de como cada um da família lidou depois dessa tragédia. É uma leitura sensível que traz pontos de vista muito interessante sobre como cada pessoa lida com a vida e com a morte. Adorei demais todas as parte da história conduzidas pela Agnes, ela é a melhor personagem de todas!
comentários(0)comente



Aline.Silva 21/09/2021

Mediano
Começou bem, depois começou a enrolar e na minha humilde opinião, não chegou a lugar nenhum. É uma história bonita, só isso. Não é emocionante e nem super impactante. Mediano apenas
comentários(0)comente



Vinnylit 20/09/2021

Será que é possível enganar a morte e dar a vida pela irmã?
Baseado nas histórias da vida de William Shakespeare e Anne Hathaway, Hamnet conta como pode ter sido a vida deste casal marcado pela distância e pelo luto.
Ele, filho de um luveiro caído em desgraça. Ela filha de um fazendeiro.
Um casal improvável, acabam se casando pois tiveram uma filha juntos, e depois, tiveram um casal de gêmeos.
Uma família feliz, mas com pouca presença do pai, porque ele estava ocupado trabalhando em Londres. Certo dia Judith acaba adoecendo, e seu gêmeo Hamnet decide trocar de lugar com ela, enganar a morte. Então é o que eles fazem, um morre no lugar do outro.
Mas para saber como essa família consegue lidar com essa morte tão repentina, leia este livro.

Vou ser sincero, não queria ler pois tinha o Shakespeare, mas quando comecei a ler, que tapa na cara, simplesmente um dos melhores livros que já li, super delicado em alguns aspectos e tem um sentimentalismo muito bom. Só leia, por favor.
comentários(0)comente



Patriciacella 18/09/2021

Maravilhoso
Fazia tempo que eu não lia um livro tão bem escrito, que transporta pra dentro da história e ainda surpreende a cada capítulo.
comentários(0)comente



Carol 17/09/2021

Hamnet ou Agnes?
Eu amei a escrita, fluidez, mesmo que eu tenha demorado para entrar e pegar o fio da meada.
Entendo que a história é contada pela mãe e sua percepção e vivência, mas me faz questionar, uma personagem tão incrível e cativante, não mereceria uma história para ela?
Agnes é encantadora e suas perdas são terríveis, desde tão pequenas, perdas tão significativas e doloridas.
Força, resiliência e conexão, as definem.

Fica então, uma visão da história por de trás de Hamlet, gostei da experiência.
comentários(0)comente



Lara 16/09/2021

Luto e luta!
A história de Hamnet é apresentada de maneira a nos conduzir por um outro tempo, com suas relações sociais, culturais e místicas. A vida de uma família é compartilhada com os leitores, trazendo sonhos, superações e medos. O desfecho é lindíssimo!
comentários(0)comente



Duda 15/09/2021

Apesar de não estar acostumada a ler ficção histórica, foi uma ótima experiência. Gostei bastante da escrita da autora, fiquei intrigada para pesquisar sobre a vida do Shakespeare e sobre a peste.

Achei que o livro foi longo demais, se tornando cansativo em algumas partes. Entendo que foi para contextualizar tudo direitinho, mas podia ter tido umas 100 páginas a menos.

Por mais que o foco fosse o luto, achei que essa parte não foi tão explorada. Custou a acontecer a morte do Hamnet e os capítulos que decorreram após a morte, foram curtos e não tão aprofundados assim. Isso me incomodou um pouco. Mas novamente, não estou acostumada com ficção histórica.

Gostei da experiência, se não fosse pela intrínsecos nunca teria nem olhado pra esse livro.
comentários(0)comente



Ana Lara 13/09/2021

Interessantíssmo - um outro lado de Shakespeare
HAMNET
Autora: Maggie O?Farrel
Editora : @intrinseca Intrínsecos Julho
4?

? Este é um livro de ficção em que a autora conta a história da família de Shakespeare.

? De Agnes sua mulher, de seus pais, de seus irmãos e de seus três filhos: Susanna e os gêmeos: Judith e Hamnet.

? O livro é resultado da especulação da autora que ouviu guias do Shakespeare?s Birthday Place e consultou muitas obras sobre o grande autor.

? A história foca na juventude de Shakespeare, sua relação difícil com o pai abusivo e nos traz Agnes, a mulher do escritor: uma mulher forte, decidida, misteriosa e com muitos dons.

? Fala ainda do início da carreira do autor, primeiro atuando como ator em pequenas companhias de teatro até alcançar a fama e o sucesso longe da família, a qual nunca morou com ele em Londres.

? E nos traz um episódio triste da vida da família: a morte prematura de seu filho Hamnet que a autora credita à peste bubônica mas que não se sabe a causa certa até hoje.

? O sofrimento de Agnes é algo palpável que traz agonia para qualquer leitor mas acho que para quem é mãe e pai traz mais ainda, traz medo de perder um filho.
Sim, medo que me fez levantar de madrugada e olhar e beijar meus filhos.

? Um livro emocionante e triste mas bem interessante que nos revela um Shakespeare oprimido pelo pai, apaixonado pela mulher, um homem que era marido, pai, filho, irmão mas acima de tudo E DE TODOS era Shakespeare - o dramaturgo.

? E não consegui chegar à conclusão se Shakespeare era um homem egoísta que só se importava com a sua arte ou se era um homem atolado em seu sofrimento pela sua infância e juventude tenebrosas e pela perda do filho.
comentários(0)comente



Lari 12/09/2021

Muito emocionante!
Simplesmente perfeito! Me emocionei em várias partes, o livro é poético com a história super intensa!
comentários(0)comente



Nathy 11/09/2021

Eu fui pega de surpresa por esse livro. Não esperava me envolver tanto e gostar o tanto que gostei!

Em Hamnet, a autora cria uma ficção histórica, usando de pessoas que existiram naquela época e do que se sabe sobre elas para criar uma ficção sobre as suas vidas, fazendo suposições de como foi.
Nós então conhecemos a família de Shakespeare: seus pais, seus irmãos, sua mulher, seus filhos. O jeito que eles vivem, o romance dele com Agnes, o mistérios sobrenatural envolvendo-a, os filhos nascendo e crescendo e vamos assim até o momento em que Shakespeare escreve Hamlet.

Quando abri a caixinha, eu achava que ia ser algo documental, rígido e seco de fluidez. Pelo contrário! Fui totalmente surpreendida com uma narrativa fluída, uma ficção com duas linhas do tempo, uma te segurando com um suspense e a outra te contando o passado das personagens.
Fiquei maravilhada com o quanto gostei e me apeguei as personagens, principalmente a Agnes, mulher da floresta, esposa e mãe.

Hamnet é o nome do filho que morre precocemente e por isso Shakespeare escreve Hamlet. Ver todo esse processo sabendo já do final, só me deixou mais ansiosa em ler cada página.

A autora fala de vários assuntos como a maternidade, o lugar da mulher na sociedade, relações amorosas, seu caminho no mundo, luto, e fala brilhantemente sobre todas elas! Passando por personagens bem construídos e nos dando um livro incrível!
comentários(0)comente



tyribeiro 09/09/2021

Não sei nem como escrever sobre esse livro. Um sentimento devastador sobre a história de Shakespeare, mas sem citar seu nome. Uma mulher forte e incrível. Triste e esclarecedor. E quanto amor!!! Fiquei sem alma por um tempo após a leitura.
comentários(0)comente



Amanda Ciarlo 08/09/2021

História me surpreendeu positivamente, pois não tinha ficado muito animada quando a Intrínsecos anunciou este livro. É um relato bonito, que segue a trajetória de uma família a partir do ponto de vista das mulheres (amo!), com personagens muito bem construídas. Ficamos conhecendo mais (de forma ficcional, claro) a trajetória da família de Shakespeare, sendo o próprio William um personagem bastante secundário. O livro diminui um pouco o ritmo passando pela metade, mas isso não chega a comprometer a narrativa. Ideia muito criativa, bom para quem gosta de acompanhar histórias familiares e do cotidiano, trazendo boas reflexões sobre o processo de luto.
comentários(0)comente



Andrea 08/09/2021

Uma ficção com toque de história
Antes do primeiro capítulo o leitor já é informado que o menino Hamnet morreu aos onze anos em 1596, e inspirado neste menino, o pai escreveu e encenou a peça que se tornou imortal: Hamlet.

Maggie O'Farrell divide o seu Hamnet em duas partes, na primeira temos o passado e o presente intercalados. Das primeiras descobertas do casal, a luta contra o tempo de uma mãe desesperada, que a tantos ajudou e agora nada consegue fazer pelo seu filho. A bonita ligação dos gêmeos, cujo amor vem desde o útero, e descreve uma das cenas mais bonitas do livro.

Na segunda temos toda a dor do luto, sentida por cada membro da família de uma maneira diferente, causando reações e expectativas totalmente individuais. Um capítulo único, pesado, e longo como a eterna saudade da perda, que em alguns momentos exige um tempo para respirar e assim se livrar um pouco da sensação de sufocamento que a ausência tão amada provoca.

Uma curiosidade é que nem todos os personagens são nomeados, incluindo William Shakespeare, que é chamado como o professor de latim, o filho, o pai, o marido. Como que dizendo, não, este livro não é sobre você, mas com você. Quebrando a visão, por um momento, de que um dos personagens é o grande escritor para transforma-lo em um ser humano com falhas e dores.

Resenha completa no blog: http://literamandoliteraturando.blogspot.com/2021/09/hamnet.html?m=1
comentários(0)comente



Lu 07/09/2021

Hamnet
Não era o que eu esperava e ainda bem!

Definitivamente, este livro me surpreendeu de uma maneira tão positiva, que ficaria dias e dias lendo se tivesse sua continuação.
É um livro que traz várias emoções e a riqueza de detalhes nos ajuda a entrar no enredo.
comentários(0)comente



Isa 07/09/2021

Sinceramente o livro deveria se chamar Agnes! Senti que o foco foi completamente na vida dela, no romance dela e no luto que ela sofreu pela perda do filho (na ultima parte do livro). Foi uma história que eu demorei para pegar o ritmo, por ter certos momentos que seriam desnecessários. E fiquei com um ódio mortal de Willian! Sério! Que homem f**! Terminei com uma dorzinha no coração pelo o que essa mulher passou...
comentários(0)comente



121 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |


Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com a Política de Privacidade. ACEITAR