Sonetos de amor e sacanagem

Sonetos de amor e sacanagem Gregório Duvivier




Resenhas - Sonetos de amor e sacanagem


10 encontrados | exibindo 1 a 10


Fê. 14/12/2021

"[...]
Nunca entendi direito o que nós fomos
mas isso não nos impediu de sermos.
[...]
Não definimos bem o que nós somos
mas isso não nos impediu de sermos.
[...]
Por não saber quando é que te veria,
quis te ver nessa vida todo dia. "
comentários(0)comente



Nádia C. 19/01/2022

Não é pra ser levado a sério, e que bom!
Nunca tinha rido com um livro de poemas, mas esse me tirou algumas risadas. Porque eu sou besta demais pra rir.
comentários(0)comente



jobouzada 13/11/2021

um acaso da vida me levou ao lançamento desse livro
comprei, consegui autógrafo e ainda tirei uma foto com o Gregório
foi uma tarde bem emocionante
cheguei em casa e devorei o livro
cada dia mais apaixonada pelas obras desse cara
comentários(0)comente



isa.fsgomes 16/12/2021

Muito amor e sacanagem
Sou uma grande fã de Gregório e tive o prazer de ir ao lançamento desse livro, com direito a fotos e autógrafos. Gostei muito do trabalho que ele fez, reunindo vários sonetos que misturam temas variados do dia a dia, com várias referências à pandemia, usando de muito humor e sinceridade, o que cativa bastante o leitor. Vale a pena a leitura.
comentários(0)comente



Joelma.Valverde 28/12/2021

Bem contemporâneo
Acredito que eu esperava mais mas há alguns sonetos muito bons, outros um pouco sem graça. Ponto algo é que tudo é bem atual e citando o Rio de Janeiro.
comentários(0)comente



Luiz.Felipe 31/12/2021

Ah, o amor ? te dirão ? é coisa séria!/ mas, depois de brincar de gato e rato,/ quem brincou já não quer pagar o pato/ e do amor só herdamos a bactéria.? Nos 48 sonetos reunidos aqui, Gregorio Duvivier visita uma ampla galeria de assuntos. Descreve a angústia e o tédio da adolescência. Comenta o noticiário, a política, o Brasil e a pandemia. Analisa a língua portuguesa, os modismos importados na Faria Lima, a pecha de preguiçoso do carioca, as manias lusitanas e os cacoetes franceses.
Há dois temas, no entanto, que se sobressaem em meio a tantos outros: o amor e o sexo, que aparecem sempre acompanhados de boas doses de niilismo, paranoia, obsessão e autoironia. São flertes que não chegam a se concretizar, ou que até se concretizam, mas não terminam exatamente como o esperado. No fim das contas, parece que o prazer, quando vem, sempre traz a reboque um inexplicável medo de morrer.
comentários(0)comente



Faluz 01/01/2022

SONETOS DE AMOR E SACANAGEM. - Gregorio Duvivier
Encantadoras as palavras rimadas nesses sonetos de autoria do Gregorio.
"O Gregório é ,isto de liceu francês com Lapa,
Nele sobra humor, amor, baixaria e lábia.
Como pode um menino ser assim tão desbocado?
Se você leitor, anda triste com o agora,
Leia esses poemas sem demora
e verá que a vida tem soluçãomesmo com as notícias da televisão."
Fernanda Torres.
Karine.Godoy 02/01/2022minha estante
Também comprei e gostei. Meu soneto favorito acabou sendo mesmo aquele declamado pelo Fagundes.


Faluz 02/01/2022minha estante
Qual foi Karine?
Gostei muito do Soneto da filha pequena.

Soneto da filha pequena

Acordei transformado num sultão.
A princesa,miçangas em sua testa,
dava aos gatos,seus tigres,uma festa.
Um cetro de vassoura emsua mão.

Seu vestido arrastava pelo chão..
Com os livros ergueu uma floresta.
Escondida enxergava pela fresta
a poltrona vertida em alçapão.

Da casa sem crianças tenho dó.
Nenhum dos móveis sequer sonhará
Em ter seus afazeres subvertidos.

A pá só servirá pra pôr o pó.
A vassoura somente varrerá. As cortinas jamais serão vestidos.

Gregório Duvivier


Karine.Godoy 10/01/2022minha estante
É muito lindo este também.
O meu favorito foi o soneto do desarrependimento.
Vou te encaminhar o vídeo do Fagundes no insta ?




Sarah 03/06/2022

livro bem rapidinho com sonetos muito engraçados. vale a pena quando a gente quer passar o tempo com um livro menos denso
comentários(0)comente



Rafael.Nagao 10/12/2021

Muitos poemas interessantes
Vários sonetos bem legais que misturam temas variados do dia a dia que vão provavelmente cativar o leitor.
Os poemas envolvem amor, sexo, morte, humor e até outras coisas da vida.
Gregorio provou que é capaz de escrever sonetos de ótima qualidade e bom humor.
comentários(0)comente



carolmc_ 13/12/2021

Razoável
Como ele mesmo diz, ?desperdiça um pedaço do salário?. Valeu pelo ?Soneto do descompromisso?. Nunca vi descrição tão perfeita do carioca.
comentários(0)comente



10 encontrados | exibindo 1 a 10


Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com a Política de Privacidade. ACEITAR