Os Crimes ABC

Os Crimes ABC Agatha Christie
Agatha Christie
Agatha Christie




Resenhas - Os Crimes ABC


136 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |


Mayara @amantesdelivrosefilmes 14/10/2019

Genial!
Sempre me impressiona a construção das obras da autora, a genialidade com que tudo é explicado nos mínimos detalhes e se encaixa perfeitamente no fim e como a resposta está sempre no detalhes que curiosamente a mente de Poirot percebe por instinto. Gosto especialmente dos livros com o Detetive Poirot. Um final inesperado, definitivamente vale a leitura.
comentários(0)comente



Sthefany Folador 13/10/2019

Que final meus amigos
Bom, esse foi o primeiro livro que li da Agatha Christie e tenho que dizer que ela tem uma escrita maravilhosa. Ela envolve tantas temáticas em tão poucas páginas que a gente realmente fica apaixonado. Uma pena essa ter sido uma leitura lenta que fiz, normalmente quando isso ocorre eu canso do livro. Acho que eu poderia ter aproveitado muito mais. Enfim, agora sobre a história, tenho que dizer que me apaixonei pelo capitão Hastings e seu doce coração e por Poirot, um dos personagens mais inteligentes. O livro começou um pouco lento e parecia que eles tinham dito o assassino logo de cara, mas no final fui surpreendida. Toda essa história me deu vontade de ler mais da autora, principalmente se envolver os dois personagens citados no início. Enfim, um bom livro, me tocou e dei boas risadas. Não foi uma boa resenha, mas comecei a ler de verdade esse ano e sei que a leitura tem como consequência a escrita ent espero adquirir essa habilidade com o tempo.
comentários(0)comente



swaturno 12/10/2019

Agatha, eu te amo
Meu deus, é cada reviravolta que você nem tem tempo de respirar, esse livro é bom demais!!!
comentários(0)comente



Gabs 08/10/2019

AAAAA
Favoritadissimo, é cada reviravolta que vc não tem tempo nem pra pensar direito, escrita impecável e uma das melhores histórias que eu já li na vida.
comentários(0)comente



MAGALHÃES 04/10/2019

MÉDIO
Esse foi o primeiro livro da A.Cristie que li que achei entediante ,mas chegando no final,o desenrolar da história foi legal.
comentários(0)comente



Ju | apequenabiblioteca 01/10/2019

O serial de Christie | @apequenabiblioteca
“Também no terreno do crime o assassino que é bem sucedido não pode admitir a possibilidade de vir a fracassar. Ele se acredita destinado a vencer sempre, mas eu lhes digo meus amigos, por melhor planejado que seja, um crime para ser bem sucedido depende da sorte.”

Hercule Poirot recebe uma carta assinada apenas como “ABC” que premeditava um homicídio em Andover no dia 21 daquele mês, que foi executado pontualmente. Na cena do crime havia uma pista com a assinatura do assassino: um guia ferroviário, também conhecido como “Guia ABC”. Os demais crimes tinham vítimas e locais definidos por ordem alfabética e a única ligação era que haviam sido assassinadas pela mesma pessoa. Como e porque esse criminoso agia dessa maneira era um verdadeiro mistério para nosso detetive, mas a missão principal de Poirot e da polícia britânica era evitar que o assassino chegasse à letra Z...

Depois do FIASCO que foi minha experiência com a última leitura da autora, posso dizer que minha “ressaca de Agatha” está curada! Em “Os Crimes ABC”, pude ter de volta meu velho Poirot com seu humor e inteligência peculiares. Não foi O MELHOR livro que li dela, não tive aqueles momentos de euforia, mas com certeza está entre minhas melhores leituras. Principalmente porque ela inovou ao sair da sua zona de conforto (apesar de ainda presente nos personagens secundários) e criar um enredo que gira em torno do assassino anônimo ao invés de suas vítimas.

A narrativa é encarregada por Hastings, melhor amigo e parceiro de investigações do detetive belga, e é intercalada com um narrador onisciente – fundamental para que a autora me fizesse de trouxa mais uma vez.

A escrita da Agatha Christie não é das mais atuais POR MOTIVOS ÓBVIOS, mas ela consegue conduzir o leitor por tantos rumos e prendê-lo numa espécie de transe, tudo para chegar ao fim com um desfecho surpreendente e único.


site: https://www.instagram.com/p/B2Pu6bUhbwQ/
comentários(0)comente



Anna Mendes 20/08/2019

Rápido, envolvente, instigante e com toques de humor que só Hercule Poirot tem! (Mas não foi um dos melhores livros que eu já li da autora)
Ao receber uma carta desafiando-o a solucionar um crime iminente, Hercule Poirot sabe que talvez aquilo seja apenas uma brincadeira de mau gosto, mas ainda assim teme pelo pior. E ele tem razão: na data e no local indicados na carta, o assassinato de fato acontece, e ele recorre ao capitão Hastings e ao inspetor-chefe Japp para, juntos, investigarem o caso.

As peças do quebra-cabeça começam a se encaixar com a chegada de uma nova carta e a ocorrência de um novo homicídio: o remetente identifica-se apenas como ABC, e as vítimas parecem seguir uma rígida ordem alfabética – Alice Ascher em Andover, depois Betty Barnard em Bexhill... Mas como Poirot pode capturar esse serial killer, quando seus alvos possuem tão pouco em comum?

Eu não costumo ler muitos livros da Agatha Christie, mas sou completamente apaixonada por aqueles que já li. Resolvi ler “Os Crimes ABC”, porque eu estava com vontade de ler um romance policial e achei a premissa desse livro bem diferente, o que chamou a minha atenção e despertou a minha curiosidade.

E eu gostei muito da leitura. Uma coisa que eu admiro muito na escrita da Agatha Christie é a capacidade que ela tinha de criar uma trama complexa, mas que é narrada de forma simples e com objetividade. A escrita dela não é tão detalhista e suas descrições, tanto dos personagens quanto dos cenários, são bem objetivas. Mas isso, pelo menos para mim, não cria uma sensação de superficialidade, e é por isso que eu gosto tanto da escrita dela.

Os capítulos são curtos e intercalados entre o ponto de vista do capitão Hastings, em primeira pessoa, que acompanha de perto a investigação seguindo os passos de Hercule Poirot, e o ponto de vista do assassino, em terceira pessoa. Eu achei que isso fosse tirar o fator surpresa que costumo encontrar nos livros da autora, mas eu estava completamente enganada.

Para mim, a melhor parte do livro foi o final, quando Poirot resolve o caso, juntando cada peça do quebra-cabeça que a história traz. Eu me surpreendi muito, porque eu jamais imaginei ou desconfiei que a solução do mistério poderia ser aquela. Porém, apesar de eu ter me sentido surpreendida, eu também me decepcionei um pouco, porque eu não achei o final muito convincente, e achei ele um pouco simples demais, considerando a complexidade da trama como um todo.

Em suma, “Os Crimes ABC” me proporcionou uma leitura muito rápida, envolvente e instigante. Achei o final surpreendente e inesperado. E, apesar de eu ter me decepcionado um pouco e do livro não ter sido um dos melhores que eu já li da autora, eu gostei da leitura como um todo e fiquei com ainda mais vontade de ler outros livros dela.
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Carol 29/07/2019

Uma investigação melhor que a resolução em si
Eu sou sem dúvida uma fã da Agatha, mas estou longe de conhecer todos os livros dela (um pouco poser talvez rsrs). Me deparei com "Os Crimes ABC" através da série, mas me recusei a assistir sem ler o livro. Depois de muito enrolar, entrei numa leitura coletiva para finalmente conhecer essa história que tinha me deixado tão intrigada, e devo dizer que amei completamente.

Aqui vamos ver a narrativa ser conduzida pelo Cap. Hastings, velho amigo de Poirot, que em visita ao amigo acaba por descobrir que o detetive recebeu uma carta, que marcava um crime e era assinada por um tal "ABC". De começo eles acreditam que se passa de um "trote", mas depois que o crime vem a acontecer, sendo não só um, mas vários, eles percebem que estão atrás de um assassino que escolhe suas vítimas em ordem alfabética.

De começo é possivel notar que esse livro é bem diferente de outros da Agatha (como mais tarde vai ser comentado pelos próprios personagens), aqui, ao invés de um crime mais "intimo", onde o assassino é alguem mais próximo, que se pode encontrar através de questionamentos simples como quem ganharia com o crime e se a vítima tinha algum inimigo; temos vários assassinatos de pessoas aparentemente aleatórias, escolhidas pela inicial do nome.

A rainha do crime vai mostrar todo o seu poder de narrativa, nos colocando numa pista que parece fácil e óbvia demais, para no final trazer uma virada completamente inesperada, e nos mostrando mais uma vez a genialidade de Poirot. Ela soube introduzir bem as pistas, fazendo com que eu pensasse estar um passo a frente do detetive, quando na verdade estava sendo enganada (fui tapeada rsrs). Em alguns momentos da explicitação final, achei alguns detalhes um tanto convenientes demais, e até pouco convincente, mas nada que me fizesse desgostar muito do livro.

"Os Crimes ABC" é mais uma boa história da autora, mas que pra mim, acabou trazendo um processo de investigação mais interessante do que a resolução em si.
comentários(0)comente



Yuri - @sejaumleitor_ 29/07/2019

Todo herói merece uma aposentadoria, mas para Hércules Poirot esse é um luxo fora da realidade. Em Os Crimes ABC, H. Poirot começa a receber cartas que são enviadas por um misterioso assassino. Nelas, em tom de desafio, o sicário passa detalhes de quando e onde cometerá o ato. Os delitos acontecem, porém H. Poirot percebe que as vítimas e as cidades onde o assassino atua seguem uma lógica psicótica: ele mata respeitando a ordem alfabética. Deixando sobre as vítimas um guia ferroviário intitulado ABC.

❝Quando souber como o criminoso é, aí serei capaz de descobrir sua identidade❞.

O livro é narrado em primeira pessoa pelo capitão Hastings, um velho amigo de H. Poirot. Embora ofusque um pouco o prazer de saber o que está se passando pela cabeça de Poirot, (e uso de sua massa cinzenta) particularmente gostei da forma como Agatha narra essa história. É como se o leitor estivesse ali também, auxiliando na resolução do caso. Além disso, por não se tratar de apenas um único crime, é natural que muitas informações sejam passadas. Pode parecer que tudo é tratado de modo raso ao longo das 247 páginas, mas não é; todas as pontas são muito bem amarradas.

Conforme fui lendo, achei que não seria surpreendido. A autora conduz a narrativa por uma linha de investigação bem clara, passando informações que praticamente não deixam dúvidas de quem é o assassino, porém, como de praxe, fui feito de trouxa. O desfecho é surpreendente e muito interessante. Outro ponto que vale a pena destacar, é que nesse livro o francês utilizado em alguns trechos é mais compreensível. Não sendo necessária uma tradução para entender o que o personagem está dizendo.

Se você ainda não leu nenhum livro da autora, não aconselho começar por esse. Como destaquei, nessa história, Poirot é um homem idoso. Embora continue inteligente, é evidente que há certa lentidão na forma de como ele conduz o caso. Isso pode incomodar e até fazer com que a narrativa pareça arrastada. Sendo assim, conheça as outras aventuras de Poirot antes de mergulhar nessa. Agora, se você é um fã da autora e ainda não conhece esse livro. Leia imediatamente!
comentários(0)comente



Emilia Yumi 21/07/2019

Um serial killer??
Hercule Poirot recebe uma carta desafiando-o a solucionar um crime iminente. No início ele acredita ser uma brincadeira de mau gosto até que o crime acontece na data e local anunciado. Além das cartas estarem assinados com ABC, os homicídios acontecem na ordem alfabética: Alice Ascher em Andover; Betty Barnard em Buxhill; Sir Carmichael Clarke em Churston; e em cada local de crime é encontrado um guia de trem ABC... Todos acreditam ser obra de algum louco, um serial killer, mas Hercule Poirot soluciona o caso encontrando um criminoso são, calculista, frio, capaz de matar somente pelo dinheiro....
AC criou uma história engenhosa e bem arquitetada. Eu adorei e recomendo muito...
comentários(0)comente



Marília 03/07/2019

Deixou a desejar...
Em comparação a outras histórias que trazem o querido Hercule Poirot, achei essa um pouco cansativa, pois a leitura demorou para engatar (o que mudou na metade do livro) e acabei não me apegando aos personagens. Talvez isso tenha acontecido devido a diferenciação da história, que não se trata de um "crime íntimo", como diz Poirot, e sim de vários assassinatos.

Em geral, a história é curta e apresenta um desenvolvimento interessante e com reviravoltas, apesar do final ter sido um tanto especulativo.

Acabei me frustando devido a grande expectativa que tenho nas histórias da autora e do fato de existir uma série baseada neste livro, o que me fez esperar mais da história.

Apesar disso, vale a leitura, ainda mais por se tratar de uma história da Agatha Christie!
comentários(0)comente



Arianne 24/06/2019

Esperava mais.
Sou fã há pouco tempo de Agatha Christie, mas já devorei alguns muitos livros da autora.

Estava ansiosa pra ler Os Crimes ABC por conta da adaptação em série que foi produzida. Infelizmente não foi tudo o que eu esperava. Demorei bastante pra terminar por não conseguir empolgação com a leitura, como acontecia nos outros livros. Desenvolvimento bem arrastado e falta de mais ação.

Mas como toda leitura relacionada a Agatha é valida, 3 estrelas pelo final que valeu a pena.

comentários(0)comente



Isa - @livros_quemarcam 02/05/2019

Novamente, genial!
Genteee eu amo a Christie, ela é genial!
Os crimes ABC, é um livro narrado pelo capitão Hastings e não por Hercule Poirot, mas mesmo assim ele é o centro das atenções na narrativa.
Bom, o livro conta a história de um assassino que mata suas vítimas de acordo com a inicial do nome, começa pela letra A e assim sucessivamente, e em todos os seus assassinatos ele coloca um guia ferroviário (chamado ABC) ao lado do corpo.⠀
Antes de cometer cada assassinato, ele manda uma carta desafiando Poirot, contando o dia e o local do crime.
Mais uma vez fui surpreendida com o final do livro, e eu ingênua, achando que desde o inicio eu tinha decifrado o mistério de quem era o assassino.
Eu não acho a escrita de Agatha uma escrita fácil, eu ainda me perco as vezes nas falas em francês de Poirot, mas mesmo assim eu amo esse ar de mistério em que ela sabe muito bem como fazer. Pra quem ama suspense e investigação indico MUITO esse livro!

site: .instagram.com/livros_quemarcam/
comentários(0)comente



beatrizkor 01/05/2019

Fui ludibriada ??
Este foi o meu primeiro contato com a escrita da autora, e né, tô louca pra ler os outros livros dela. Meu Deus, a história me ganhou desde o primeiro capítulo. E mesmo que eu não tenha lido na velocidade que queria (graças à escola), vivia me perguntando sobre o que acontecia em seguida.
Se o livro não merecesse cinco estrelas, teria depois daquela reviravolta no final! Fui feita de trouxa jaakssssjksakajs eu gostei muito da leitura e quero logo ler mais sobre o gênero. Recomendo!!
comentários(0)comente



136 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |