Ela é mais do que você imagina

Ela é mais do que você imagina V. S. Vilela




Resenhas - Ela é mais do que você imagina


115 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |


archyve.annalaura 06/01/2024

Coração quentinho ??????
Terceiro romance dessa autora e posso dizer que leria até a lista de compras dela!!
A escrita dela é leve, tudo é tão bem desenvolvido nossa.

A jornada de autoaceitação da Victoria foi tão bem escrita, dos problemas com falso ideal de perfeição até aprender a se impor diante da avó. A Rayka tendo paciência e cuidado dela em cada detalhe, tudo lindo sério.

Obrigada por essa história, por favor leiam os livros dessa querida!!!!!!
Liana57 14/01/2024minha estante
onde tem pra comprar?


archyve.annalaura 21/01/2024minha estante
eu li no kindle unlimited


Ewelin 29/03/2024minha estante
Normal sentir falta da Rayka e Victoria após terminar de ler ???




Leiturasdaflora 11/07/2024

Razoável
Primeiro, a Victoria passa pelo processo de aceitação que é inspirador e muito bonito, de certa forma é um ótimo exemplo. E o peso que ela sente em carregar o NOME da família, onde ela não pode nem sequer imaginar errar, é onde você cria uma empatia pela personagem.

Segundo preciso dizer que, o livro em si não deveria ter tantas páginas porque em certos momentos do livro ele é bem parado que não contribui em nada para o desenvolvimento das personagens principais. Se torna repetitivo. Eu amo a Rayka, de todo o coração. É uma fofa e muito apaixonante deveria ter tido desenvolvimento melhor. Adorei o que elas se tornaram era tudo que eu queria, foi perfeito!
comentários(0)comente



NatiOli 26/01/2024

QUE LIVRO BOM PQP DEUS DO CÉU AMEI DEMAIS AAAAAAAAAAAAA

desculpa o surto mais sinceramente, a autora merece um honesto parabéns, a construção e o desenvolvimento do livro é maravilhoso. Principalmente a escrita, é fluída demais se fica lendo lendo e lendo, não quer parar sério juro por tudo. Eu achando que nunca leria um livro com essa quantidade de páginas quebrei a cara pq simplesmente esse livro não saio da minha cabeça kkkkkkkk

Aliás a aceitação e o processo da Victoria é lento, é uma parte para declarar, mas vale a pena juro, da vontade de colocar ela no potinho e proteger daquela véia da vó dela ao mesmo tempo que as vezes da vontade de bater na menina kkkkkkk

Também tenho que declarar o pai do Homem (pai da Victoria) esqueci o nome, tenho Alzheimer. Ele é perfeito gente do céu, eu quero trocar de pai quero ele como meu pai, melhor homem do mundo é ele. I love you tio

E sinceramente olhem a capa desse livro, olha que lindo pqp, uma das capas mais lindas que eu já vi simm!!!! Leiam recomendo.
comentários(0)comente



soso.taylors 18/01/2024

decepção 1000
não vi nenhuma resenha ruim em relação a esse livro então já começo a pensar se o problema foi eu, será que eu li errado?
eu queria MUITO ter gostado desse livro, a capa é linda e a sinopse promissora, mas não rolou, de início eu não vi problema nenhum nas 1000 páginas mas isso começou a pesar, eu li em um dia quase 300 páginas e estava adorando mas longe de ser um "coração quentinho" igual eu li nas resenhas, a Victoria uma das protagonistas é insuportável. todas as suas falas e pensamentos me cansavam e só faziam eu querer dar uma surra nela, sim ela mudou ao decorrer do livro mas isso custou e foi muito e quando vc pensava que tinha chegado lá finalmente, o livro desandava dnv.
esse livro de tornou uma leitura chata pra mim mas não foi por causa da victoria, esse livro repete cenas, falas e pensamentos em um nível irritante, até a escrita eu achei toda irritante, eu entendi o ponto da autora ao querer contar uma história nos mínimos detalhes mas esse livro é um exagero, tem muitas e muitas páginas só contendo os pensamentos das protagonistas, pensamentos esses muitas vezes desnecessários e cansativos.
não consegui gostar de nenhuma das protagonistas oq é uma pena pq eu me esforcei! a família delas (tirando aquele cão que ela chama de vó) é muita bonita, uma relação maravilhosa e tudo mas elas duas não me desceram.
eram coisas demais completamente sem necessidade, aquilo me cansou, me deixou com dor de cabeça, o final foi bom, depois de tanta dor deu pra tirar um proveito daquilo, mas não deveria ser assim, um livro imenso desses só ficar bom lá pras 800 páginas? foi muita raiva e requerido muita paciência pra aguentar isso tudo viu?
não tive uma experiência boa mas é isso faz parte, e recomendo lerem para tirar sua própria conclusão!!
comentários(0)comente



biana 23 17/01/2024

Passei muita raiva com esse livro com a chata da Victoria, porém desde que ela se aceitou foi só vitória AKAKAKAAK, me viciei nesse livro e me apaixonei pela Rayka por ela ser tão incrível, maravilhosa até eu queria namorar ela?.
Tem que ter muita paciência para ler esse livro, mas é muito bom também ver a evolução da personagem.
Terceiro livro de 2024.
comentários(0)comente



gaybuttercup 20/01/2024

Prometeu tudo e entregou nada
A escrita extremamente repetitiva na primeira metade do livro atrapalha demais o ritmo da história. As coisas demoram muito para acontecer, e quando finalmente começam, não são desenvolvidas da forma que merecem.

A protagonista depois de UMA sessão de terapia muda TOTALMENTE sua forma de agir e pensar e isso me irritou profundamente. Além disso, senti um pouco de vergonha alheia com o passar das cenas hot..

Fui ler com expectativas demais e me decepcionei. A escrita é fluída, mas metade do livro poderia ser cortado que não faria diferença nenhuma para a história.
Maria 20/01/2024minha estante
KSKSKSKSKKKKKKKKKKKKK eu ri muito do jeito que vc fez essa resenha




givesun 14/01/2024

Em palm beach ouvindo queen
A primeira coisa que eu digo desse livro é: surpreendente. É um livro que parece uma história real, o modo como é contado dos dois lados da rayka ferris e victoria peterson as protagonistas deste romance lindo e libertador, victoria uma menina que achava que precisava suprir o limite da perfeição, ela achava que estar com um homem, ter todas as notas altas ser fria comportada entre outras coisas além de ela entrar na Rhodes o sonho da avó grace era a perfeição que ela queria e tudo foi manipulado pela própria velha caduca nojenta. A victoria teve um amadurecimento que a autora teve a maravilhosa ideia de mostrar desde o comeco do livro até o finalzinho dele todas as pessoas que a ajudaram e ela mesma a mente e as atitudes dela a ajudaram nesse descobrimento de si e foi uma das coisas mais lindas ver a rayka acompanhar isso e ser a pessoa mais paciente e atenciosa do mundo, implicante, irritante, provocadora mas muito muito importante para a história porque em nenhum momento ela odiou a victoria muito pelo contrario, sempre mostrou o quanto se importava com ela. A v.s vilella também foi muito informativa e detalhista no que escreveu nesse livro, ele é grandinho mas acho que pode ser recomendado muito para meninas que gosta de meninas e tem medo de rejeições, medo da família e das pessoas dos olhares dos julgamentos, a victoria deixou de ser aquela menina medrosa mimada e metida para uma lésbica com orgulho e bem babona pela namorada igualzinho a rayka. Eu agradeço a autora por fazer esse livros ler ele foi uma experiência incrivel, foi mágico.
comentários(0)comente



Jandê 20/04/2024

Leitura um pouco cansativa
A proposta do livro é legal, tanto que comprei pela sinopse, mas a execução sinto que deixa a desejar em alguns pontos.

Achei uma leitura bem divertida em alguns momentos, mas cansativa e repetitiva em outros, principalmente no começo. Por vezes, confesso, apenas fiz um breve skimming dos parágrafos.

Senti que reforçou muito em vários momentos do início da leitura os esteriótipos da desfem predadora e da hétero confusa, que eu entendo que foram justificados no início, pela nota da autora. Inclusive, se não fosse pela nota no início, eu não teria passado das primeiras páginas.

Mas em vários momentos acabei me desconectando da história por conta da linguagem usada em alguns momentos. Tô longe de ser uma pessoa puritana, mas palavrão demais e putaria demais acaba me distanciando da imersão na história.

Tem uma vibe de fanfic em alguns momentos, mas é até divertido de vez em quando.

O livro também possui alguns elementos desconexos e pouco críveis, como o fato de serem gringos (são todos gringos, né?) e usarem diversas expressões brasileiras. Até o ?kkkk? e ?rsrs?

Continuei a leitura porque incrivelmente quis saber como seria o desfecho das cartas (que foi um elemento que achei muito massa do livro), que fim teria o pobre Maverick, se Victoria pagaria com a língua o monte de merda que disse e como seria a transa delas (porque sim, eu também não sou de ferro).

E que bom que persisti, porque Giselle fez tudo e um pouco mais pelo rolezinho. Só que, na minha opinião, a leitura fica bem melhor dos 50% em diante, o que considero demorado.

Dizer que achei um livro ruim seria exagero, porque sinceramente não é. É uma leitura divertida, as interações entre elas compõem as melhores cenas, juntamente com a do carro do Jeff dando ruim na volta da festa e o fecho da Giselle colocando um pouco de juízo na cabeça da Vic.

Entretanto, apesar de divertida e eu só ter sossegado depois de terminar, sinto que é uma leitura um pouco mais longa do que deveria e um tanto repetitiva.
comentários(0)comente



marianaeunice 18/01/2024

Esse livro sim é perfeito, chore não Peterson's
Eu não tenho palavras para descrever o quanto eu amei esse livro!

Victoria Peterson, à primeira vista, demonstra ser só mais uma patricinha medíocre em atitudes e absolutamente egocêntrica, preconceituosa e mesquinha. E ela realmente é tudo isso.

Mas isso só até você conhecer cada detalhe da sua mente deturpada e repleta de achismos que a própria avó ensinou. Em 1065 páginas, pra mim, Victoria foi um dos maiores exemplos de evolução. A jornada de autoconhecimento dela foi linda de se acompanhar. Rolou choro, raiva, agonia, tensão, medo, alívio, paz, felicidade. Absolutamente TUDO! Pra mim, Victoria Peterson é mais do que uma personagem, é a personificação real de como humanos reais agem. Ela superou toda a criação conturbada que recebeu da avó e, depois de muita luta, finalmente aceitou quem realmente era e viveu um amor lindo com a Rayka.

Ah, Rayka Ferris?! Não sei nem como falar dessa mulher. Fiquei absolutamente apaixonada nela, tal como metade das garotas desse livro. Afinal, como que não se apaixona, né? Que mulherão da p0rra! Não tem 1(um) defeito.

O que eu tenho pra falar desse livro é que ele é absolutamente perfeito. A autora sim soube criar o verdadeiro significado de perfeição, coisa que a Victória Perfeita Peterson tanto correu atrás e mal sabia como estava errada em todos os seus pensamentos.

LEIAM! Só digo isso: leiam! São 1065 páginas que passam em um piscar de olhos, nem parece que o livro é tão grande assim de tão rápida e envolvente que é a leitura. Simplesmente perfeito, juro.
comentários(0)comente



laurx0 21/05/2024

Ela realmente é muito mais do que você imagina!
O que dizer dessa leitura maravilhosa? É exatamente o tipo de livro que eu amo, com bastante desenvolvimento e interações, implicâncias, slow burn, relações familiares complexas e autodescoberta

Foi incrível acompanhar a evolução e amadurecimento da Vic, uma personagem que me fez passar raiva, mas que consigo entender o porque das ações. A autora soube desenvolver muito bem o processo de evolução, com ela se libertando das coisas impostas pela avó e aceitando seus sentimentos pela Rayka

E o que falar da Rayka? Uma personagem apaixonante que ganhou meu coração

Uma ótima leitura, que apesar de possuir muitas páginas, flui de maneira muito rápida. Recomendo demais!
comentários(0)comente



Catea 13/01/2024

Você escolhe a perfeição ou a felicidade?
Que livro belíssimo e bem trabalhado. Eu amei acompanhar o desenvolvimento pessoal de cada uma das personagens, foi um processo lindo e natural, tudo trabalhado com tamanha delicadeza. Me apeguei ao personagens, passei tristeza, agonia junto da Victória e da Rayka ( ou Raissa um beijo para minha namorada)Essas personagens tem um lugar no meu coração, elas e sua história de amor.
comentários(0)comente



Lelelele 05/07/2024

Fooofooo
Eu amei demais. Primeiro livro q li da autora e amei muito. Ansiosa para conhecer mais histórias e personagens.
comentários(0)comente



Mariana113 18/01/2024

Você pode dizer que não é perfeita mas eu não acredito!!!!!
Victoria Peterson é simplesmente cativante, o quanto ela consegue ser insuportável é só um detalhe.

ver a evolução dela nessa história foi quase como me ver, ver ela amadurecendo e sentindo tanto orgulho

?Victoria Perfeita Peterson foi embora. E, agora, eu adoraria que conhecessem a nova. Ou melhor, eu adoraria que conhecessem aquela que sempre existiu em mim, mas que eu sufoquei durante tantos anos.?

Rayka é gentil madura e é a dose de doçura que esse livro precisava a construção do relacionamento delas, a aceitação quando a Victoria percebe que está apaixonada, quando ela percebe que sempre foi terrivelmente apaixonada por uma mulher, é incrível ver.

Tantas camadas eu amei viver essa história de exata 1065 páginas. obrigada autora por uma representatividade safíca tão acertiva.
comentários(0)comente



Grazi 09/01/2024

Primeiro que me assustei com o tamanho do livro, até porque nunca vi um romance desse tamanho, mas gostei da capa então resolvi ler mesmo assim, ainda bem que não desisti, esse livro é simplesmente incrível. Mesmo sendo um livro grande, acabei em 3 dias, ele me prendeu tanto que não conseguia parar de ler nunca. A história é muito bem construída, me senti lá com as personagens, falando nisso, queria dizer que amei como a vitória foi trabalhada, me identifiquei muito com ela, acho que aprendi algumas coisas também. Enfim, o livro é super fluido e bem gostinho de ler, recomendo.
comentários(0)comente



khrovil 15/05/2024

Chato demais
Eu estava muito ansiosa para ler este livro desde o início do ano, mas sinceramente foi uma tremenda decepção.

Primeiro, acho que o livro não precisava ter tantas páginas. A história fica parada em vários momentos desnecessários que não contribuem em nada para o desenvolvimento das personagens principais.

O processo de aceitação da sexualidade da Victoria foi lindo, mas eu só consegui criar uma conexão com ela nos últimos 45 segundos do último tempo, porque ela é insuportável em grande parte do livro. Cheguei até me questionar se eu não estava lendo um livro adolescente, porque tinha momentos em que ela agia pior do que uma pré-adolescente. A homofobia internalizada dela me irritou muito, e o fato da melhor amiga dela ser assumida bissexual, e a Rayka, que é lésbica e parte do casal principal, permanecerem CALADAS e não confrontarem a Victoria em 50% da história me fez querer desistir do livro várias vezes.

A Rayka é uma fofa e é muito fácil se apaixonar por ela, mas é uma pena que ela não teve um desenvolvimento, já que o seu papel se limita a ser a namorada da Victoria no final do livro, e ela merecia muito mais destaque. Já os personagens secundários, como a Alyssa, Brittany e a Daisy, conquistaram meu coração, e eu gostaria muito que elas tivessem aparecido mais na história.

Mesmo com todos os pontos que quase me fizeram abandonar o livro, eu ainda vou dar uma boa nota porque levei em consideração o amor que eu senti pela Rayka e pela minha pequena identificação com a Victoria em relação a Grace (a idosa, que pra mim, deveria tá queimando no fogo do inferno). Eu recomendaria esse livro só para as sáficas pré-adolescentes, pois acredito que só assim você não sentiria tanta frustração durante a leitura.
Pati 15/05/2024minha estante
Também achei a história parada em mts momentos e Victoria repetia os mesmos pensamentos MUITAS vezes!


khrovil 16/05/2024minha estante
sim! se juntar tudo dar pelo menos umas 50 páginas só de repetição




115 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |


Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com a Política de Privacidade. ACEITAR