Uma Mãe Para Lucy

Uma Mãe Para Lucy Mônica Cristina




Resenhas - Uma Mãe Para Lucy


14 encontrados | exibindo 1 a 14


Paula.Gabryela 10/09/2021

Moderno
Uma família moderna, com muito entrosamento entre eles. Porém ficou um pouco amarrado e tem horas que deu um salto. Mas sempre bom ler os livros da Mônica Cristina.
comentários(0)comente



Pam 26/06/2021

Nada como um bom clichê para deixar um coração quentinho.

Posso dizer a leitura é extremamente fofa, com um toque de comédia romântica, enfim é uma leitura ótima para te tirar do tédio, mas nada inédita.
comentários(0)comente



Nathyintorne 19/02/2021

A história é bacana, os personagens tem uma interação legal, partes bem cômicas como a da toalhas o do creme verde...mas as vezes a história se perde...vc fica, como vim parar nessa cena? Cheguei a voltar alguma vezes achando que tinha perdido alguma coisa...mas a história no geral é muito boa
comentários(0)comente



miah.furtado 02/10/2020

Apaixonadíssima!!! Que estória deliciosa. Impressionante como o amor está em cada parte desse livro. Toda a leitura foi feita cheia de own, ahh e risos... muita força e amor em cada personagem. Amei demais!!!!
comentários(0)comente



RENATA 19/09/2020

Lucy
Nathally, Mark, Alicya e Lucy são uma família diferente, mas com muito amor. Um romance bem legal
comentários(0)comente



Shé 26/08/2020

Ser mãe é um das coisas mais lindas que existem
Uma mãe para Lucy mostra o poder do amor. Mas o poder do amor de uma mãe, de um pai e uma mulher que ao longo dos capítulos se viu na tarefa de ser mãe.
Um amor, que se verdadeiro, ultrapassa qualquer barreira. Seja ela a distância ou a sanguínea.
comentários(0)comente



Amanda S. 26/08/2020

É sim uma linda história de amores do coração kkk ,mais achei um pouco enfadonho do meio pro final .
comentários(0)comente



gabi | @dueto_literario 27/07/2020

Mark e Natalie compartilharam uma noite de muita bebida e diversão. Mas não foi nada demais, e eles seguiram suas vidas. Ou pelo menos isso era o que ele pensava, até receber uma ligação dizendo que era pai de Lucy, uma adorável bebê.

Nos próximos meses ele tenta se encontrar com a criança, mas sempre um empecilho surge.

Até que um dia, Lucy é deixada com ele para sempre. E então sua vida muda por completo. Ele quer ser um bom pai, mas não consegue dar conta de tudo. Talvez uma babá seria a melhor solução?

Alicia não tem muitos talentos. E nem muita sorte. Após perder novamente o emprego, e ser intimada a pagar os meses de aluguel que deve, ela percebe que está sem saída. Isso até conhecer Lucy, e se apaixonar pela bebê. Aquele seria o trabalho perfeito, isso se seu coração não insistisse em desejar coisas impossíveis.

Gostei bastante dessa história não ter aquele combo do CEO rico e insta-love. O Mark precisava trabalhar, e seu tempo era bastante restrito. E apesar da atração inicial entre os personagens, eles só foram se envolver com o tempo (quer dizer, em alguns meses, porque é ligeiramente rápido, mas não tanto quanto estamos acostumados no gênero). Ah, e a ex não ser uma louca vilã me agradou muito, tem zero rivalidade feminina na história.
comentários(0)comente



Rosyelle 02/07/2020

Perfeito sim
É um livro leve, que traz amor e uma criança linda. Mônica mãos de fada, só escreve coisas boas.
comentários(0)comente



Gleyce.Pereira 29/06/2020

Comentário - Uma mãe para Lucy
Esse livro é um sonho, um respiro no caos. Tão leve de ler e dá aquele quentinho no coração.
Mark é um contador solteirão que do nada se descobre pai e não tem noticia melhor no mundo até que a filha seja entregue a seus cuidados e aí as coisas ficam loucas.
Não quero falar muito sobre a história em si porque pode acabar vazando um spoiler.
Mas esse livro não é só sobre um romance entre dois adultos é também sobre paternidade, sobre amor familiar, sobre responsabilidade, acolhimento e vinculo. Ele mostra de forma simples e clara como pai e mãe não são definidos por genética e sim por uma ligação afetiva.
Gostei muito desse livro falar sobre pessoas comuns, foge muito faz histórias atuais onde o cara tem muito dinheiro, é arrogante e maltrata a moça desde o início. Aqui não tudo é simples, real, com respeito do começo ao fim.
Acho que por isso mexeu tanto comigo, me lembrou o relacionamento do meu marido com nossa filha.
Leiam e se percam nessa linda história de amor!
comentários(0)comente



Arthur Souza 28/06/2020

Amei
Um livro fluido, bom, interessante, e gostoso de ser lido, este livro é para quem quer um livro para sair de uma resaca literaria
comentários(0)comente



Danyelle.Grimaldi 25/06/2020

Perfeito
Que história perfeita!! Linda do início ao fim!
Mark é um contador com uma vida simples que do dia para a noite descobre ter uma filha. Apesar de ficar magoado por ter descoberto quando Lucy já tem alguns meses ele a ama de forma intensa.
Alicia acabou de perder o emprego e vai precisar entregar a casa por causa do aluguel atrasado. Ela está sozinha e precisa de um milagre, só não imaginava que a resposta para seus sonhos estivesse tão perto.
Um amor de mãe que independe dos laços sanguíneos, uma família formada da forma mais inusitada. Alicia pode ser atrapalhada para tudo mas, quando se trata da pequena Lucy ela é uma expert.
O casal Mark e Alicia é tão divertido, as cenas familiares são de aquecer o coração e o que falar da Nathalie? Ela foi uma mulher forte e corajosa, pensou na sua felicidade e na da filha e, foi contra o que a sociedade diz que é o certo, de que a mãe deve criar os filhos de qualquer jeito.
Sim, eu chorei em muitos momentos com Mark e Alicia e amei acompanhar o surgimento dessa família.
comentários(0)comente



Anabella 24/06/2020

Perfeição resume esse livro
A vida é uma estrada cheia de retas, curvas, bloqueios, desníveis e desvios... e foi num desses desvios de percurso que a pacata vida desse contador virou de ponta cabeça, e ao final de um congresso em Nova York, Mark se reuniu com os amigos no Bar Paradise para encerrar as atividades, e conversa vai, drinks vêm, ele acabou dormindo com Nathalie...nove meses depois nasceu Lucy; Nathalie até tenta cuidar de sua filha sem procurar Mark, mas John namorado de Nathalie insiste para ela avisar o pai da menina; Mark fica eufórico com a notícia e mal pode esperar para segurar sua menina nos braços, contudo ele ainda terá que esperar um pouquinho que esse desejo se realize... até o destino criar uma nova estrada e Lucy caí de paraquedas nas mãos nada experientes de Mark, deixandoo apavorado e buscando desesperadamente por uma babá ou quem sabe uma mãe para Lucy.
Alícia é uma mulher que já fez de tudo um pouco na vida, atrapalhada e azarada no amor, se vê numa encruzilhada na vida depois que ex namorado lhe roubou suas economias, tentou a todo custo pagar o aluguel do apartamento e comer pulando de emprego em emprego, até que um dia pulando a janela para fugir de seu senhorio, ela cai de bunda no chão em frente a Mark.
Pronto as estradas desses dois foram niveladas para seguirem lado a lado como patrão e funcionária, resta saber até que ponto...
Uma história divertida e emocionante, como tudo o que a Mônica Cristina escreve, tem cenas hilárias que fazem você rachar de rir, cenas doces cheias de encantamento.
Venham se apaixonar por esses três que viraram cinco, que viraram seis.
Parabéns Mônica!!!!!!
comentários(0)comente



May 21/06/2020

Eu amei essa história..
Uma romance gostoso de lê. Parabéns
comentários(0)comente



14 encontrados | exibindo 1 a 14


Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com a Política de Privacidade. ACEITAR