A Bandeja

A Bandeja Lycia Barros




Resenhas - A Bandeja


136 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |


Su 22/10/2019

Preciso admitir que o motivo de ter me interessado por esse livro foi a beleza da sua capa.
Livros de ficção com teor evangélico não são, exatamente, aqueles que me interessam, mas esse me intrigou pela sua sinopse.
Angelina está prestes a ver sua vida ser completamente mudada. Por ter sido criada como filha única até os seus quinze anos, foi excessivamente mimada por seus pais. Agora com dezoito anos, está arrumando a mala para uma nova fase na sua vida. Ela irá começar a faculdade em outra cidade e, devido a distância, terá que morar em uma república.
Na viagem para o Rio de Janeiro, é inevitável que seus pais não falem sobre a chance de ela se envolver com alguém na faculdade, ainda mais por ser cristã. No entanto, ela prontamente afirma que não está interessada em relacionamentos amorosos durante o período de faculdade.
Ao chegarem na república, seus pais logo se despedem, antes que decidam levá-la de volta para sua cidade. Na primeira noite em seu novo dormitório, Angelina decide ler algumas passagens da Bíblia e se surpreende por todas elas se relacionarem com a necessidade de se ter cuidado para não cair.
Essa foi uma leitura bem rápida e agradável. Apesar do livro girar em torno da temática cristã, a autora acertou na mão. Além disso, a forma que ela abordou o relacionamento de Angelina com Deus me pareceu bem verdadeira. No entanto, senti que as últimas páginas me incomodaram um pouco, talvez pela perfeição com que tudo acontece.

“Eu não estava acostumada a uma vida com tantas emoções. Parecia que estava vivendo
uma das histórias de um dos meus livros favoritos. Uma parte de mim dizia que aquilo tudo era tão... errado. Mas ao mesmo tempo, por que tudo isso estava acontecendo comigo? Não seria um “plano de Deus” que eu entrasse na vida do Rico para que ele pudesse conhecê-lo? Claro que eu não era nenhum exemplo de virtude, mas pelo menos vinha de uma família cristã, o que já devia me garantir algum pedacinho do céu, eu achava. Tinha que concordar que quando estava perto dele esquecia completamente que existia qualquer coisa além dele.”
comentários(0)comente



Regy 27/08/2018

um livro não tão bom quanto o título sugere
Eu achava que daria nota máxima a este livro quando li sua sinopse.
A ideia de uma garota que vai a faculdade e ali é apresentado o mundo de pecado e ela sucumbe, mas volta atrás quando percebe a burrada que fez, parecia ser perfeita. E seria se não fossem alguns pontos negativos que encontrei na trama.
O começo da estória foi meio frustrante, uma garota de 18 anos agindo como uma de 13. Angelina aparenta ser tão imatura que chega a incomodar e eu quase desisto de continuar a leitura. Ela tem ótimos pais e uma bela vida, ainda assim quer a todo custo eliminar tudo isso para viver feito uma adolescente com hormônios desenfreados. Sinceramente, eu só consegui notar o quanto ela agia feito uma tola, quando percebi que ela jamais fora cristã. O fato de ser criada na Igreja e ter pais cristãos não contribuíram para um caráter cristão e nem mesmo para um convívio melhor com os outros. Isso é que foi incoerente, afinal ela tinha por melhor amiga a filha do pastor e a garota era ajuizada e tornou-se missionária, então porque a Angelina comportava-se como se jamais conhecera qualquer preceito bíblico? Confesso que não entendi. Se a trama era sobre uma garota cristã que cai no laço do mundo, a Angelina estava MUIIITO longe de ser uma. Os pensamentos dela estavam sempre contrários a Bíblia e tudo o que ela fazia era diferente do que a Palavra recomenda. Houve momentos em que deu vontade de entrar na estória e sacudi-la para ver se ela crescia, amadurecia e se convertia, mas... Isso é impossível! Odeio quando não posso fazer os personagens enxergarem a verdade e odeio não poder mudá-los.

Leia mais em:

site: http://regyjesus.blogspot.com/2016/05/a-bandeja.html
comentários(0)comente



Tania.Cruz 22/07/2018

Reflexivo
Protegeu por diversas vezes a leitura deste livro. Recentemente resolvi lê -lo e em poucos dias o fiz. De forma geral posso dizer que se trata De uma leitura leve, capítulos de bom tamanho e tudo é escrito em primeira pessoa, o que, do meu ponto de vista, deixa tudo mais interessante. Outro fator a se considerar é que é uma história ambientada em nosso próprio pais, o que torna mais fácil conseguir imaginar tudo o que acontece nela.
O livro de forma geral é tocante. A historia se Angelina com certeza se mistura com a história de muitas mulheres em situação semelhante. Com certeza é algo que leva a reflexão sobre como temos encarado diversas situações do nossocsia a dia, seja ela conosco ou com um amigo.
Nota-se que toda a história preza pelos conceitos cristãos, pelo real sentido de se amar o próximo e pelo significado de graça e compaixão. De fato posso considerar que esta narrativa foi simples porém profunda e precisa. Se eu soubesse, com certeza teria lido antes. Portanto, vale a pena dar uma chance a está história maravilhosa e apreciar todo seu ensinamento.
comentários(0)comente



Sophia.Merkauth 21/07/2018

Um dos melhores nacionais que li na vida! A autora é fantástica e escreve maravilhosamente bem. Envolvente do inicio ao fim, um livro que vale muito a pena ler! Principalmente para os jovens!
comentários(0)comente



Débora Reis 21/06/2018

Como sempre pesquiso livros para realizar leitura coletiva com as jovens e adolescentes da igreja, achei este há alguns anos e entrou na "lista". Somente agora resolvi dar uma chance a ele [rsrs]. E não me decepcionei.
Apesar de ser uma história simples, é muito comum: as coisas "boas" que seduzem nosso coração; nossa atração por elas, mesmo sabendo que só nos causarão mal; a GRAÇA de Deus.
Muito fácil de ler. Indico especialmente para o público juvenil.
Quem sabe leia junto com meu grupinho ;-)
comentários(0)comente



Luana Moraes 20/10/2017

Qual pecado te seduz?
Um romance que começa como outros, uma jovem começando a faculdade, cheia de planos e empolgada para o futuro. Em seu primeiro dia no Campus conhece Rico, um homem bonito e sedutor, que mais tarde descobre ser seu professor, um relacionamento proibido, que vai contra tudo o que aprendeu desde pequena, mas como não ceder a tentação quando ela tem uma doce voz e te faz suspirar.

A mensagem cristã deste livro é linda, mostrando a realidade pela qual muitas pessoas passam. Mostrando os dilemas e as consequências de nossas ações. Tocante e único como todos os livros de Lycia Barros.

Eu li primeiro Perdido sem Você que acontece depois desse, peguei alguns spoiler no anterior, mas nada que acabasse com a magia desse livro
comentários(0)comente



deborah.fernandes 22/09/2017

Quando a escritora convence!
Conheci a Lycia Barros da melhor forma possível: No meio do stand da Arqueiro, na bienal de São Paulo, dando autógrafos. Ao pegar um livro, ela me explicou a história e sua inspiração, e o resultado, foi a compra do livro (autografado, ai que emoção!) e a paixão por uma nova história.

A história é simples, porém muito bem contada. Uma menina, com família tradicional, religiosa e de cidade pequena, se muda para uma cidade grande para estudar e explorar o mundo. Ela se apaixona, começa a criar novos laços e comete erros, até que uma hora se encontra. Seria muito "clichê" se não fosse tão bem contada!

A personagem, aos trancos e barrancos, consegue entender o seu lugar no mundo e o que é certo e o que é errado, conseguindo mudar a sua forma de pensar, porém, ao mesmo tempo, não mudando as tradições da sua família. O mais legal disso tudo é ver cidades nossas na história. Por favor, autores brasileiros, usem mais isso! Que delícia é ver cidades lindas do nosso Brasil como cenário em um romance.

Esta história marca, principalmente para quem já passou por uma separação da família devido a estudo ou novas oportunidades, como é difícil esta relação de "faço o que meus pais gostam ou o que eu acredito no certo" e a mudança do nosso comportamento quando aprendemos, finalmente, a cuidar dos nossos próprios narizes.
comentários(0)comente



Sabrina Souza 09/07/2017

Qual pecado te seduz?
E mais uma vez Lycia tendo como objetivo nos trazer uma mensagem, e nesse caso foi sobre tentação e nossos desejos. Esse é o livro que fala aos nossos corações fortemente e com certeza foi um divisor de águas para mim.
comentários(0)comente



Ana 24/03/2017

O livro A bandeja – Qual pecado te seduz? É um livro que fala de Deus sem citar nenhuma religião em si. Aliás, ele é mais do que um livro que fala de Deus, ele descreve em cada uma de suas páginas o que Deus quer e espera de nós. Através da vida de Angelina a autora nós mostra erros que todos nós cometemos tanto no decorrer de nossa vida, quanto em algumas situações especificas. São dificuldades e escolhas que passamos, mas também são avisos que desconsideramos. O livro nos faz refletir como estamos tanto quanto pessoas, quanto em relação a nossa fé. Nos vemos em pelo menos uma das situações de Angelina, e uma personagem com a qual podemos nos identificar, ao mesmo tempo em que podemos tirar proveito de aprender para evitar situações que podem ser postas a nós futuramente. Quanto mais eu penso, mais concluo que para explicar a escrita, a estória, o aprendizado e a fé que fortalece através deste livro só podemos citar o amor. E Deus é amor.
O que quero dizer, é que vale a pena ler este livro. Vale a pena dedicar uma parte de seu tempo para ele, mesmo que você não seja religioso. Como disse, o livro não cita nome de igrejas ou religiões, até porque ele é mais do que um livro de determinada religião. Ele é um livro que fala de Deus para todos. Seja quem conheça a Deus ou quem quer conhecer. E mesmo se você não se encaixar em nenhuma dessas duas pessoas há uma terceira: Ele é para aqueles que estão perdidos e que buscam a Ele sem (ainda) saber.
Espero ansiosamente poder ler os outros livros da autora o quanto antes!
comentários(0)comente



Daniele 17/02/2017

Guia para jovens e adolescentes
Esse livro trata da vida de Angelina(amei o nome), que tem uma família maravilhosa, uma boa educação e inicia sua faculdade no Rio. Ela tem muita expectativa, mas quando chega lá tem uma reviravolta que irá colocá-la em prova. Será que os valores dela estão bem arraigados para que não balance com as circunstâncias? Bom, leia o livro e descubra. Eu gostei bastante e vejo como um bom instrumento para orientação de jovens e adolescentes!
comentários(0)comente



Larissa.Filipov 11/02/2017

A BANDEJA
MUITO LINDO!!!!!!!!!!!!!
comentários(0)comente



Rúbia 24/12/2016

Resenha: A Bandeja – Qual Pecado te Seduz? – Lycia Barros
Livro: A Bandeja – Qual Pecado te Seduz?

Autora: Lycia Barros

Editora: Arqueiro

Sinopse: Aos 18 anos, Angelina está prestes a viver o maior desafio de sua vida: sair de Petrópolis para estudar no Rio de Janeiro, deixando para trás os cuidados e a proteção de seus pais.

Assim que se instala na república de estudantes e começa a assistir às aulas, a jovem percebe que as dificuldades serão muitas. Ela divide um quarto com uma colega desorganizada, uma frequentadora assídua de festas e chopadas que vive cercada de más companhias. Além disso, as condições das instalações da faculdade são precárias e os professores não parecem comprometidos.

Angelina já está desanimando de sua nova vida quando esbarra no lindo Alderico – ou Rico –, um cara capaz de fazer qualquer garota perder o fôlego. O que ela não poderia imaginar era que Rico é seu professor de linguística e se interessaria por ela também.

Deslumbrada com a descoberta da paixão e certa de que Rico é seu grande amor, Angelina se joga de cabeça nessa relação, ignorando todos os conselhos que recebera dos pais a vida inteira.

Ao mesmo tempo ela começa a ter sonhos que não consegue entender: homens lhe oferecem objetos numa bandeja e, logo depois que Angelina aceita seus presentes, eles se transformam em feras e desaparecem numa floresta.

Primeiro volume da série “Despertar”, A bandeja é um romance arrebatador que retrata os dramas e as provações pelos quais qualquer jovem passa quando se afasta de sua essência e deve trilhar de novo o caminho do amor verdadeiro e de Deus.

Ei, meus lovelies leitores.

Para quem não sabe, no meu insta estou participando de uma TAG Natalina que foi promovida pelo insta do blog em parceria com o da nossa blogueira Vanessa, o literachá.

Hoje é meu quarto dia e o tema é: Livro ceia de natal – Livro que você amou ler e leu super rápido.

Aproveitando o tema, resolvi unir as duas coisas, resenha + tag, e para isso escolhi A Bandeja da Lycia Barros, essa autora que é sempre super atenciosa.

Bem, deixa eu contar um caso para vocês: em 2011 aconteceu uma grande enchente na minha cidade que causou a perda de quase todos os meus livros. Na verdade na época só me sobraram dois livros. É triste, eu sei. Mas minha cunhada linda se condoeu da minha perda e me deu esse livro de presente para ajudar a reconstrução da minha mini biblioteca.

Assim que pus as mãos nele não parei a leitura até terminar, e definitivamente posso dizer que foi um dos livros mais marcantes que já li.

Então sem mais delongas, a primeira coisa que me vem à cabeça ao lembrar da trama não é a personagem central, e sim o Alderico. Primeiro porque de acordo com a descrição o cara deve vir de outro planeta, o planeta de pessoas bonitas.

Clica no link aqui, e vai no nosso blog, pufavozinho rs
Beijinhos =*

site: http://tmlqa.com.br/resenha-a-bandeja-qual-pecado-te-seduz-lycia-barros/
comentários(0)comente



Jessica.Hellen 10/12/2016

A bandeja O despertar
Livro lindo. Um dos meus preferidos
comentários(0)comente



linhaliteraria 26/10/2016

Despertar - A Bandeja
Oi leitores
Trago hoje a resenha desse livro lindo que é um romance fofo e os nosso casal é Angelina e Rico. Angelina é uma menina super quieta, cristã com seus vários princípios que está acabando de entrar para faculdade de letras, ela acaba de fazer 19 anos e vai morar na cidade grande em uma república, pois ela mora no interior do Rio de Janeiro. Com tanta coisa nova restes a acontecer nessa nova fase da sua vida agora independente, ela entrega tudo nas mãos de DEUS para sempre seguir o caminho certo. Até que ela conhece Rico, que nada mais é do que lindo, simpático e sedutor porém é seus professor na faculdade, o que complica qualquer tipo de aproximarão entre eles sm falaar que ee é um pouco mais velho que e ela.
Então ai a gente já ver que é um daqueles romances proibidos que eu particularmente amo e que me envolvi do começo ao fim.
comentários(0)comente



Vanessa Motaa 23/08/2016

Impossível largar a leitura
Ai que orgulho venho tendo das literaturas nacionais!
Esse foi meu primeiro livro da Lycia Barros e fiquei altamente chocada do quanto essa obra falou comigo. Quando acabou fiquei com necessidade do próximo livro.
A Bandeja conta a história de Angelina que vai aprender muito ao longo do livro o peso de suas decisões.
Que leitura marcante e escrita fluida! certamente vai ser uma história que irei ler e reler.
Slayer_D2 04/09/2016minha estante
Realmente VanCruzz, a leitura fácil e explícita, ajudou muito e me chamou muita atenção.
A autora, nos mostrou através da trama de Angelina, que apesar dos erros cometidos, ainda há chance para aquele que a deseja.


Vanessa Motaa 20/09/2016minha estante
Oi Ally! foi exatamente essa a minha conclusão =)




136 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |