Chama Negra

Chama Negra Alyson Noël




Resenhas - Chama Negra


120 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |


Biblioteca Álvaro Guerra 01/02/2019

Enquanto tenta ajudar Haven na trasição para a vida imortal e libertar Damen do feitiço que não a permite que ela toque nele, Ever se aprofunda mais e mais nos mistérios da magia negra. O feitiço, porém, vira contra a feiticeira, e ela se presa a seu maior inimigo: Roman. A força estranha e poderosa que toma conta de seu corpo impede que Ever pare de pensar nele, de desejá-lo.. Ela quer resistir à atração incontrolável que a está consumindo. Ele que se aproveitar desse momento de fraqueza. A ponto de se render, Ever procura a ajuda de Jude, arriscando tudo e todos para salvar a própria vida e seu futuro com Damen...

Livro disponível para empréstimo nas Bibliotecas Municipais de São Paulo. De graça!

site: http://bibliotecacircula.prefeitura.sp.gov.br/pesquisa/isbn/9788580573411
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Caroline.Weber 16/03/2018

Enquanto tenta ajudar Haven na transição para a vida imortal e libertar Damen do feitiço que não a permite tocar nele, Ever se aprofunda mais e mais nos mistérios da magia negra. O feitiço, porém, vira contra a feiticeira, e ela se vê presa a seu maior inimigo: Roman. A força estranha e poderosa que toma conta de seu corpo impede que Ever consiga parar de pensar nele e de desejá-lo. Ela quer resistir à atração incontrolável que a está consumindo. Ele quer se aproveitar desse momento de fraqueza. A ponto de se render, Ever procura a ajuda de Jude, arriscando tudo e todos para salvar a própria vida e seu futuro com Damen?
comentários(0)comente



Pri 27/02/2018

Quase desistindo dessa série...
Há anos estou tentando terminar essa série, mas esses livros começaram com uma premissa muito boa e depois ficaram repetitivos e irritantes. Decidi que precisava por um fim nisso e peguei o quarto para ler, mas achei tão chato que fiquei tentada a largá-la de vez.

"Nosso passado pode fazer parte de quem somos, mas não define quem vamos nos tornar."

Ever ainda luta para descobrir como consertar seu erro e poder novamente tocar em seu namorado, Damen. No entanto, sua ligação com Roman está ficando mais forte, cada vez mais irritante e difícil de controlar. Decidida a acabar de uma vez por todas com essa situação, ela resolve seguir o conselho das gêmeas e refazer o feitiço que a ligou a ele, torcendo para que dê tudo certo dessa vez. Mas, como sempre, Ever novamente faz besteira. E ela não pode recorrer a Damen, já que ele não aprova seu envolvimento com magia negra, e não há mais ninguém para ajudá-la a escapar do que fez.

"É errado usar magia para fins egoístas e desprezíveis. Há um carma a pagar, e isso vai voltar para você multiplicado por três."

Além de tudo que está acontecendo em sua vida e dessa questão séria de Damen e Roman, Ever também precisa lidar com sua amiga Haven, que é a mais recente imortal criada. Nem de longe Haven reage como Ever imaginava e acaba revelando-se uma imortal extremamente forte e habilidosa, maravilhada com o que o mundo tem para oferecer agora. O problema é que Haven não acredita em Ever quando ela diz que Roman é perigoso, e isso faz com que a amizade das duas fique muito abalada.

"(...) O que estou tentando deixar claro é que cada um de nós tem um lado sombrio, todos nós, sem exceção."

Com tantos problemas graves e afundando cada vez mais, Ever não tem mais alternativa a não ser pedir a ajuda de Jude, mesmo desconfiando que ele seja parte do grupo de imortais perigosos. O lado ruim disso é que ela não consegue evitar a atração que sente por ele, devido às histórias que tiveram em suas vidas passadas.

"Talvez Damen estivesse certo quando disse que não fomos feitos para lembrar nossas vidas passadas, que a vida não foi feita para ser uma prova com consulta. Todos temos o próprio carma, os próprios obstáculos para superar."

Ela tenta pensar em Damen em qualquer atitude que decide tomar, mas acaba afastando-o mais e mais. Qual será o futuro desse relacionamento se as coisas continuarem no rumo em que estão? Ever conseguirá consertar todas as besteiras que andou fazendo para enfim viver a tão sonhada vida perfeita ao lado de sua alma gêmea?

"(...) por mais que eu esteja comprometida em limpar minhas energias e me concentrar apenas nas coisas boas e positivas, a vida ainda é a vida. Ainda é dura, complicada e um tanto confusa: são lições a serem aprendidas, erros a serem cometidos, triunfos e decepções, e nem todo dia foi feito para ser uma festa."

Esse livro foi uma verdadeira decepção para mim. A história que a autora criou tem um potencial enorme, aborda assuntos que nunca vi em nenhum outro livro, mas, definitivamente, ela não soube conduzir isso e se restringiu a um chatíssimo romance adolescente.
Ever continua chata e idiota como sempre. Ela não aprende com os erros dela. Não entende que tem várias pessoas ao seu redor dispostas a ajudá-la, continua insistindo em fazer tudo sozinha e em mentir. Sinceramente, não sei como Damen tem tanta paciência para continuar com ela. Ele continua sendo o namorado perfeito, sempre compreensível, que perdoa todas as enrascadas em que ela se mete. Mas, gente, tudo tem limite, e essa compreensão toda já está ficando irreal para mim. Ele confia cegamente nela, mas ela não sabe retribuir essa confiança. Jude é outro cara mega apaixonado e que continua ajudando-a mesmo depois que ela o mete em várias confusões. Sério, não sei o que essa garota tem de tão especial. Roman continua irritante também, e Haven me deixou bem chateada com o que se tornou. Não imaginava que ela fosse desandar tanto.

"— Ever, conseguir ou não atingir nosso potencial completo ou cumprir nossos verdadeiros destinos depende de nós. É uma realização totalmente nossa."

A história é super lenta. O livro é pequeno, mas não conseguiu me prender. Demorei muito para terminá-lo, porque estava achando bem chato. Não acontece nada de tão importante em grande parte do livro, é quase inútil para a saga. Só no final que a emoção de fato acontece e aí fica interessante.
A narrativa é em primeira pessoa, pelo ponto de vista de Ever. O livro que comprei é a edição econômica, então não tem orelhas, mas segue o padrão da edição normal, as páginas são amareladas e a fonte é confortável para a leitura, apenas poderia ser um pouco maior. Encontrei alguns erros de revisão, mas nada que atrapalhasse a leitura.
Estou realmente desanimada para prosseguir com a série, porque imagino que o próximo livro seja tão arrastado quanto esse. Precisarei estar com paciência e disposta a lê-lo rápido. Mas ainda não quero abandonar a série, ainda mais chegando na reta final. Espero que a autora ainda me surpreenda e me mostre o lado interessante de tudo que ela criou.

site: http://www.sigolendo.com.br/2018/02/resenha-chama-negra-4-imortais.html
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Paula 10/09/2017

Sabe quando você começa a não curtir mais uma série, mas ainda assim quer conhecer o final e ver quantas burradas a protagonista ainda consegue fazer? Esse é meu caso com Os imortais. Eu li o primeiro livro e pensei em continuar, mas a história foi desandando a cada novo exemplar.

Além dos problemas de praxe que já citei em outras resenhas (Roman se achando o gostosão e o fato de Ever e Damen não poderem mais se tocar), agora a protagonista precisa lidar com sua melhor amiga Haven, que também virou uma imortal após mais um desastre no final do livro anterior. A garota já era impulsiva e meio louca, então não preciso dizer que virou uma versão pior de si mesma, né? E tem mais: Ever precisa decidir o que sente por Damen, Jude e... Roman!

Não estou de brincadeira. Na tentativa de desfazer todo o emaranhado de problemas que ela foi acumulando nestes quatro exemplares, Ever acaba mergulhando na magia negra, se vê amarrada à pessoa que mais odeia, e não consegue evitar a atração de Roman. Parece complicado, mas no decorrer da história se mostra tão simples resolver o assunto que fiquei me perguntando: pra quê?

Sinceramente, pode parecer que sou implicante, mas não consigo gostar da Ever e da maioria dos personagens da história. Complica mais ainda que a narração seja feita por ela, é meio cansativo ler e reler a mesma ladainha. Voltando à questão dos personagens, Jude continua sendo meu favorito, e ainda acho que, no lugar dela, escolheria ele e seus "olhos verde-água".

O final do livro foi aceitável, definitivamente a parte que mais gostei. O gancho para Estrela da noite é bem óbvio, dá para adivinhar todo o enredo do livro seguinte. Pode até ser um pouco repetitivo e sem sentido manter a história por seis longos exemplares, mas confesso que fiquei curiosa para o quinto.

É uma pena que a Alyson Nöel tenha optado por estender tanto essa história. Não sei se já comentei, mas gosto da forma divertida como ela escreve, e os livros são fáceis de ler. Concluí toda a série rapidamente, o que talvez compense o tamanho dela. Porém, ainda acho que uma trilogia teria sido suficiente. Não deixo de recomendar a história, é claro, e fiquem de olho porque em breve saem as duas últimas resenhas.
comentários(0)comente



Lly 04/08/2017

LIDO : 1 vez
DATA : ??/??/201? - ??/??/201?
TENHO : ??/??/201
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Kellbet 30/05/2017

Como eu digo sempre, não comecem o primeiro livro se tiver o segundo, o terceiro, e por adiante. (Risos)
Ever passa maus bocados e dessa vez ela está sozinha, ou quase sozinha pelo menos.
Quanto mais ela tenta acertar nas escolhas, mas ela erra. Ela não está sozinha decidindo, pois tem um inimigo fazendo um jogo pelas sombras. E com isso, toda decisão que ela tomar sairá do rumo, pois ele faz com que isso aconteça.
Mas pelo o que entendi o final ainda não chegou para toda essa vingança.
Um inimigo cai e outro se levanta. (Risos)
Vamos ler o próximo e torcer para que seja o último, pois o suspense está me matando.
;)

site: https://kellbet.blogspot.com.br/2017/04/alyson-noel-chama-negra_29.html?spref=fb
comentários(0)comente



Dany 17/04/2017

Chama Negra de Alyson Noel
Para eles, o verdadeiro amor não tem fim

Minha Opinião: Esta muito difícil ter motivação pra continuar lendo a série. Se não tivesse tão perto de terminar, juro que desistiria, mas felizmente só faltam dois livros para concluir a história. Que por sinal, eu devia ter parado no primeiro livro...

Ainda tinha esperanças de que a Ever mudasse. De que houvesse um amadurecimento da personagem, mas cadê? Teve não.

Ainda partindo do gancho que Lua Azul#2 deixou, continuamos a andar em círculos. Absolutamente nada evoluiu na história, fora que incrementaram um “acontecimento” que só Jesus na causa. Eu sei que o livro é de fantasia, mas esse fato não consegui engolir.

De todos os três este foi o que mais demorei pra terminar de ler. E olha que apesar de não está gostando da história, os demais até que eu lia rápido. Mas esse... Meu Deus, me dava sono só em pegar.

Como os amigos, Miles e Haven já não estão tão presentes aí é que a Ever faz burradas mesmo. Não gosto de ficar falando só sobre as coisas das quais não gostei em um livro, mas não consigo falar sobre o que gostei porque foi praticamente nada.

A leitura se tornou muito chata, a Ever como sempre se fazendo de “vitima” na história. Estou com receio que de essa enrolação sem necessidade dure até o último livro. Até porque nenhum acontecimento relevante pra história ocorreu. Pelo contrário, em vez da escritora usar certo fato pra modificar a alavancar a história ela preferiu fazer com que nada evoluísse.

A relação dela com o namorado continua na mesma, assim como a relação com a tia que a cria não fortaleceu os laços. Não sei de fato aonde a Ever quer chegar com esse comportamento dela, só sei que ela nem de longe é uma personagem que cativa e faz a história ir pra frente.

Ainda bem que tá quase acabando, só falta dois livros. Espero conseguir ir até o final.

site: http://recolhendopalavras.blogspot.com.br/2017/01/chama-negra-de-alyson-noel.html
comentários(0)comente



Marcos.Souza 19/03/2017

Chama Negra!
Gente, cada vez menos eu tenho empolgação para continuar essa história!
Mas isso agora e questão de honra! Sério o protagonista e praticamente uma planta, as vezes eu acho que estou lendo um script de Malhação com tanta infantilidade dos personagens! A autora se perdeu e agora só enche linguiça para prencher páginas! Um bom livro não precisa ter 500 páginas, precisa conter boa história! Tá bem ruinzinho viu...
?' 02/01/2018minha estante
Concordo plenamente, como você dissw, vou terminar de ler a saga por uma questão de honra. Todos os livros, são basicamente a repetição do anterior, mas com um vilão diferente. O pior é que eu pedi de aniversário o primeiro livro e a pessoa me deu os SEIS, então mesmo que eu não queira, tenho que ler, não posso ter livro não lidos na estante kkk Agora só falta o último, mas vai demorar bastante para eu ler, porque a leitura perdeu todo o sentido.




Marci 11/11/2016

O feitiço virou contra a feiticeira..

Quando mencionei na resenha anterior de que o livro "Terra de Sombra" não acrescentou em nada no foco principal é porque a situação no início desse livro continua praticamente a mesma, porém com uma diferença: sua melhor amiga Haven agora também é imortal e Ever está se sentindo cada dia mais atraída por Roman (depois de uma tentativa fracassada de deixá-lo atraído por ela).

Ever continua um pouco insegura e fazendo escolhas não muito inteligentes, mas se você levar isso pro lado divertido, você acaba se prendendo ao livro.
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



miny 30/08/2016

livro ótimo!
comentários(0)comente



stefany 26/08/2016

Chama Negra
Chama Negra é o quarto volume da série Os Imortais. Como vimos em Terra de Sombras, Ever ainda se vê com um triste dilema: ainda não conseguiu o antídoto para o feitiço em que Damen está preso. Mas não bastasse isso ela também tem que lidar com sua mais recente "criação": a imortalidade de Haven. Ah, e não para por aí. Ela está começando a se sentir estranha, e uma fera interior a está dominando e a amarrando ao seu pior pesadelo: Roman. Além disso ela começa a ficar estranha e agressiva, além de estar perdendo seus poderes aos poucos. A chama negra a está dominando.

site: http://www.nomundodoslivros.com/2011/04/resenha-chama-negra-de-alyson-noel.html
comentários(0)comente



120 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |