Nada é por acaso

Nada é por acaso Zíbia Gasparetto
Lucius
Lucius




Resenhas - Nada é por Acaso


46 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4


Andreza Silva Souza 29/09/2010

Lágrimas....
Que lindo livro para se iniciar na literatura espírita.
Eu me apaixonei por ele, pela história e pela Zibia, eu me emocionei muito e muitas lágrimas escorriam do meu rosto sem que eu pudesse contê-las.
Livro digno do título, pois realmente "Nada é Por Acaso", acredito que na hora em que eu estava na biblioteca, sem saber qual livro escolher, algum espírito iluminado me levou à prateleira "Espiritismo" e me fez com que eu o visse.

Indico à todos, à qualquer pessoa que acredita que o mundo não é apenas isso aqui, que existe algo de muito sábio que rege as nossas vidas e faz com que nos encontremos.


comentários(0)comente



Vivian Pitança 26/03/2013

Este livro me fascinou desde o começo. Foi o primeiro livro espírita que li e fico muito feliz em ter sido ele. Falando nisso, já agradeço à amiga super fofa que me emprestou, obrigada Bárbara. ;)
Marina, que estava cansada de ser explorada em seu antigo emprego, resolve se livrar dele e procurar um novo, onde fosse valorizada. Penso que o autor não quis fazer nenhuma crítica, mas é impossível ler sem pensar: como algumas empresas, ainda que pequenas não valorizam seus brilhantes empregados, os dando melhores oportunidades... É algo muito triste que se tornou rotina hoje em dia, graças ao crescente egoísmo capitalista. Em sua busca, consegue uma entrevista em uma renomada empresa de São Paulo. Nesta entrevista, recebe uma proposta inesperada: dar a luz a uma criança que deveria ser o novo herdeiro da empresa de Adele, ou seja, da renomada empresa. A ideia é ser mãe de aluguel de Maria Eugênia, filha de Adele, que é estéril. Marina deveria deitar-se com seu marido e gerar a criança. Uma ideia que gera muita polêmica em nossa sociedade, ainda mais na de alguns anos atrás, como penso que é a do livro, pela série de acontecimentos.

Depois de muito refletir e ter sonhos com o espírito de uma moça que pede a ela que aceite a proposta, Marina decide aceitar. Em troca, ganharia a proteção de Adele e um milhão de dólares. Ela aceita pensando que ajudaria a salvar uma empresa, que cairia nas mãos de uma pessoa sem capacidade de administrá-la, resolveria todos os problemas de sua família, e claro, os seus próprios. Analisando seu lado, é uma atitude nobre por pensar no próximo e não somente em si mesma. Como o próprio espírito diz a ela, ela deve seguir as leis do universo, não as leis dos homens. As leis do universo são sábias e cooperam para o bem de todos, enquanto a dos homens ainda não chegou a este nível.

Esta decisão muda completamente a vida dos personagens. Então o leitor passa a ver mais de um caminho, os capítulos se alternam, mostrando cada lado da história. O casal: Maria Eugênia e Henrique, e a vida de Marina. A leitura é gostosa, você sempre quer saber o que acontecerá, o motivo dos acontecimentos, por que tal personagem tomou determinada atitude se antes se exibia de outra maneira... Mas o mais legal é que no final tudo isso se encaixa, todas as respostas aparecem, as histórias se entrelaçam, e percebemos, sem sombra de dúvida, que nada é por acaso.

A parte do espiritismo se faz mais presente da metade para o final, assim como em Ninguém é de Ninguém. E nossa... É encantador. Repito o que já disse antes, se você é uma pessoa de outra religião ou ateu, sem preconceitos, leia e encare como ficção, vale muito a pena. Há lições de vida valiosas e uma trama muito bem construída. E repito o que já disse em relação a Ninguém é de Ninguém: parece real, eu não consegui ler pensando que de algum modo, aquilo não houvesse acontecido. A escrita é tão boa, tão envolvente... É incrível, e é impossível ler sem se envolver com os personagens.

Um ponto muito bem trabalhado no livro, que fica bem claro para os leitores, é que a vida trabalha para o bem de todos, ensinando nos momentos precisos e presenteando também. Então, por mais que a situação pareça ruim, na verdade, não é, pois um dia, você verá algo que lhe fará entender o motivo de cada coisa e aprender com aquilo. Deus nos ama e quer nos ver felizes, então planeja para que tudo no universo trabalhe a nosso favor, independente de quem somos ou fazemos, sempre há o perdão e a chance de recomeçar. É uma lógica espírita. Concordando ou não, vamos refletir, é interessante, não é mesmo? Outro é a questão das decisões que temos que tomar em determinadas situações. Esta questão do acordo, faz com que nossos personagens tenham que tomar várias decisões que envolveriam consequências. E também, como nossas decisões, trazem problemas ou "prêmios".

Uma questão que adorei e me fez aprender muito, foi a questão da traição e do perdão. Nossa, consegui ver a mim mesma num dos personagens. É engraçado, como nosso orgulho é ferido por atos, situações e como perdoar pode se tornar difícil, quando não somos nós que precisamos do perdão. Como é difícil entender o outro e perdoar. Ainda que ele tenha melhorado, algumas marcas do passado ainda podem doer e ser lembradas mesmo com o tempo. Por quê? Talvez porque o perdão não tenha sido verdadeiro. Porque só dizer "eu te perdoo" e continuar não muda o que aconteceu, muito menos apaga aquilo do coração de quem sofreu a "falta". E então passamos a querer que o outro, ainda que se mostre arrependido, sofra como sofremos, que ele seja atingido, porque nos atingiu. Como fazemos isso? Algumas pessoas com os mesmos atos, outras com gelos e outras lembrando aquilo que aconteceu para provocar brigas e um "exame de consciência doloroso no outro". É aquela questão: temos níveis e tempos diferentes de evolução, e somos criados em diversos tempos, então, por que eu, que estou há mais tempo aqui para aprender, ou evolui mais, devo julgar meu irmão que ainda está começando sua caminhada, se nem sei se cometi os mesmos erros que ele em outras vidas? É a mesma situação que vemos quando um universitário pede a uma criança no jardim de infância que saiba o mesmo que ele. Injusto, não é? Então, porque não posso perdoar e devo ser dura se há um tempo atrás eu talvez tivesse a mesma atitude daquele que me magoou? Não somos perfeitos, não nascemos assim, e o aprendizado leva tempo e muito, muito esforço.

Essas lições vieram para a minha vida na hora certa, em que eu mais precisava. Com uma simples leitura de uma história que eu nem conhecia muito a respeito até ler, consegui superar desafios que a vida me dava e adquirir maturidade em relação a situações que geralmente não compreendemos, ou nos revoltam.
Se eu pudesse, diria pessoalmente ao Lucius e à Zíbia, muito, muito obrigada mesmo. Pois com suas histórias, muitas vidas se iluminam e aprendem, conquistando um conforto para a alma e a coragem para o futuro.

Veja mais: http://sucessoparaseublog.blogspot.com.br/2013/03/resenha-nada-e-por-acaso.html
Amanda.Goldschmidt 05/06/2019minha estante
Estou lendo seu comentário em 2019, já tinha lido o livro em 2017 achei maravilhoso, porém suas considerações finais servem para o momento que estou passando, em relação ao perdão, em relação a querer q a outra pessoa sofra igualmente o q me fez sofrer, me faz pensar muito, mas ainda não consigo da meu perdão verdadeiro, já não desejo mais q a pessoa sofra, só não quero mais a convivência dela, mas espero poder perdoar um dia.. Obg por suas palavras aqui.




Ádila 25/07/2012

Melhor livro
Melhor livro que já li, adoro todos os da Zibia e acho incrível como eles dizem aquilo que você precisa ouvir no momento.
comentários(0)comente



kassya 30/03/2009

esperava mais
mais uma vez, acho que esperava mais da historia.
comentários(0)comente



Chris Guedes 20/02/2009

Este livro consegue fazer uma viagem além da própria viagem do espiritismo. Um link com as vidas passadas típico de Zíbia, uma linguagem simples e uma história que quis ser polêmica, mas desistiu no meio do caminho, compõem esse romance desprovido de ânimo. Aqui acolá, peca também por um machismo sutil. Recomendo apenas para ler como passatempo ou para os fãs da autora.
comentários(0)comente

Ilane Virgílio 21/03/2010minha estante
Esse é dos meus livros preferidos. Já dei de presente a várias pessoas também. Uma história linda e que nos ensina muito.




Nana 22/10/2011

Nada é por acaso
“A vida nunca pune. Ela ensina do seu jeito. Sinaliza de diversas formas, tenta advertir as pessoas provocando situações nas quais ela pode perceber a verdade, mas para os resistentes, que se acomodam e não querer mudar, ela permite que colham os resultados de seus enganos para que aprendam o que já estão maduros para saber.” –pagina 47
História escrita em 2005 pela escritora Zibia Gasparetto que possui como tema: mulheres estéreis que buscam uma mãe de aluguel para gerar um filho.
Neste livro vamos conhecer Marina uma advogada que com experiência no ramo, procura novas oportunidades e aceita participar da seleção em uma mega empresa.
Esta empresa é de uma mulher poderosa que planejou essa seleção para procurar uma mulher que servisse de barriga de aluguel para sua filha estéril e somente assim ela conseguirá um sucessor na sua empresa.
Com isso Maria conhece Adele e assim a presidente da empresa ao ver a jovem e perceber que ela é diferente das outras moças entrevistadas faz-lhe a proposta :que ela tenha um filho com o marido de sua filha estéril para que seu neto possa assumir suas empresas.
Quem nunca ouviu em pessoas que por sua ambição “topam” qualquer proposta?Isso aconteceu com Marina que no começo não concordava com que Adele tinha dito, mas com dinheiro que receberá aceitou.
E assim a vida dessa advogada começa a mudar......
Calmem pessoal,não vou contar a história por inteiro,vocês terão que ler o livro para saber das mudanças de Marina,mas pode ter certeza que o final vai te surpreender!
Este romance espírita me fez refletir nos meus erros e nas muitas oportunidades que a vida me propôs e eu não soube usufruir ou disse NÃO.
Tanto para mim quanto para a personagem do livro, Marina, a pobreza era a falta de escolaridade e de conhecimento, mas para a autora é a falta de oportunidades, mas ao pensar um pouco existe nesse mundo pessoas que eram pobres por demais e hoje são ricas, mas que elas nunca perderam uma oportunidade.
Existe uma frase que é interessante escrever aqui: Há três coisas na vida que nunca voltam atrás: a flecha lançada, a palavra pronunciada e a oportunidade perdida.
Marina não perdeu essa oportunidade que a vida propôs a ela e nós?Quantas vezes perdemos?
Outra coisa que esse livro tem de especial é o tema das mulheres que são estéreis,contudo Zibia transcreve que ser estéril não é um problema e sim um caminho para que você receba uma criança em sua família.
E daí se o filho não tem as suas características físicas?O amor que ele terá por você será igual àquele que você poderia ter gerado no seu ventre,pois ele terá de você a sua educação e o seu carinho de mãe.
Espero que vocês gostem da leitura deste livro e desculpem por não conseguirem transcrever tudo que eu queria,pois como disse o assunto que a escritora escreve é difícil de ser explicado.
Beijos Pão de queijo!
fomesedeevontadedeler.blogspot.com/
Karina.Carpes 21/04/2015minha estante
Olá . Adorei seu resumo, será que poderia postar todo ele ? Pois não tenho como ler o final do livro .
Obrigada :)




Barbara 31/05/2014

Nada é Por Acaso
Uma história envolvente contada com riqueza de detalhes, o livro prende até o final, e nos faz repensar a respeito de muitas escolhas que tomamos durante a vida.
comentários(0)comente



Gigi Reit 29/05/2015

Planos Divinos
Esse livro demonstra muito, os pensamentos e as perguntas que costumamos fazer sobre nós mesmos -"Por que me sinto ou costumo agir de determinada forma perante a, determinada situação ou pessoa?".
A nossa vida - Por que não está dando certo ? Por que tinha que acontecer justo comigo?".
Até onde existe o certo e o errado? As leis da Terra e a vontade Divina.
comentários(0)comente



Cris 03/07/2013

Entediante
Nunca tinha lido nenhum livro espírita, mas tinha muita vontade de ler algum livro da Zibia por causa da fama que ela tem. Me decepcionei, achei o livro chato na maior parte do tempo, uma história boba, sem pé nem cabeça. Os diálogos são muito sem graça, a forma como o romance da personagem Marina acontece é bem fora da realidade. Os pontos positivos são a mensagem que a escritora passa, que realmente é muito bonita, com ensinamentos interessantes que nos fazem refletir, independente da religião. Porém, a história contada é totalmente absurda, não consigo imaginar alguém aceitando uma proposta como Marina.
comentários(0)comente



Linda 16/09/2014

Amei o livro muito interessante, a maneira como todos de alguma forma estão envolvidos e ligados tanto pelos laços de sangue como pelos laços do coração, mostrando muitos exemplos que podemos levar para o nosso cotidiano, coisas que as vezes acontecec conosco ou com quem conhecemos são personagens simples mais ao mesmo tempo entridos em situações complexas, acamos nos identificamos com Maria Eugênia, aqueles que tem am9or a seus filhos e que não ver a menor chence de da-los para alguém, caimos matando em Marina.... mais aos poucos no decorrer da história a vida vai mostrando que nada é por a caso e que nem sempre o que julgamos ser certo, é realmente a verdade suprema.
comentários(0)comente



Fábbio - @omeninoquele 19/07/2017

Maravilhoso!!
"Nada acontece por acaso. Os desafios da vida são preciosas oportunidades de amadurecimento."

Um plano ousado e arriscado que vai servir pra salvar a vida financeira de uma família muito rica, e mais ainda os interesses de uma mulher poderosa que não deseja perder o domínio de suas empresas.

Em Nada é por acaso, conhecemos Marina, uma jovem esforçada, que faz tudo para que sua família venha a prosperar na vida. Eles são muito humildes e por isso Marina acredita que com seus estudos ela poderá melhorar a vida do irmão e da mãe que tanto fez por eles.

É aí que Marina conhece Adele, uma mulher rica que lhe oferece uma oportunidade de emprego um tanto ousada. Acontece que a filha de Adele é estéril e que sem ter um hedeiro legal a direção das empresas passaria para o irmão do marido de Adele que não saberia como administrar e logo acabaria com tudo.

O plano seria Marina engravidar do marido da filha de Adele e depois entregá-lo a família em troca de muito dinheiro, de cara Marina recusa, mais depois ela pensa bem e resolve aceitar, porque aquele dinheiro viria também a ser útil para o que ela sempre sonhou que é a independência de sua família.

O plot do livro é esse, a gravidez de Marina, o nascimento dessa criança, que mesmo sem saber, acabaria juntando as historias dessas famílias que vêm de outras vidas.

A vida de todos mudam completamente com o nascimento da criança, e antes o que era um plano pra salvar a vida financeira e um certo "poder" a uma pessoa, se torna algo muito além do que se pode explicar.

No livro podemos encontrar lições de sabedoria para a vida. De uma forma sutil que os livros com esses temas podem trazer para nós. Me sinto muito bem quando leio um romance espírita. E esse é o tipo de livro que é pra pessoas de mente aberta e de total convicção quanto à sua religião.

É um livro que nos faz refletir o amor ao próximo, as escolhas que fazemos e a religião acima de tudo.

Vale a pena ressaltar que essa é uma nova edição e que esse livro, foi publicado originalmente em 2005 pela editora Vida e Consciência, e é um dos maiores sucessos da escritora Zibia Gasparetto.


site: https://www.instagram.com/p/BWvrS2TBlcC/?taken-by=omeninoquele
comentários(0)comente



Vi 10/07/2011

Nesta emocionante história, aborda-se o tema de mulheres que buscam mães de aluguel para terem seus filhos por elas.

Marina quis cedo ir a São Paulo para formar-se em Advocacia, ter vida própria e poder ajudar a mãe e o irmão. Começa então a trabalhar como estagiária em uma empresa, mas terminado seu curso, percebe que pode conseguir muito mais.

Procurando novo emprego, é chamada para uma entrevista em grande escritório de advocacia, mas a proposta apresentada à sua frente é bem diferente da que imaginara: Adele, mulher poderosa e presidente da empresa, quer que Marina tenha um filho com o marido de sua filha estéril, para que seu neto possa, no futuro, assumir seu império. As recompensas por tamanho favor seriam a proteção de Adele e um milhão de dólares!

Começam mudanças na vida de todos, e este plano, mesmo gerado na ambição, traz no ventre de aluguel um canal de união entre a mãe estéril e um filho do coração.
comentários(0)comente



Marcus Vinícius 21/12/2011

Grande e importante lição sobre o dinheiro!
Ensinou-me que o dinheiro, quando não afeta a si e aos outros, ainda que dado por uma vida, não é maldito. O amor deve sempre prevalecer, aliás, nada é por acaso!
comentários(0)comente



Secret Magic 29/06/2015

Resenha #21 - Nada é por Acaso de Zíbia Gasparetto
O que você faria se recebesse a proposta de vender um filho?

Tudo na vida depende do modo como você olha. Todas as situações têm vários lados. São suas crenças que vão determinar como você vai lidar com elas. Agora, as leis cósmicas são perfeitas e vão agir com a verdade, independentemente das ilusões. (Trecho)
Marina é uma jovem que deseja crescer no mundo, mas seria capaz de engravidar para poder conseguir dinheiro? No começo o livro se começou chato, simples de mais pro meu gosto, sempre gostei da Zíbia e por isso comprei esse livro, na viagem que fiz me empenhei a ler e aprender a gostar, até que Marina me encantou. Depois de anos decidi comprá-lo novamente já que emprestei e nunca me devolveram, então agora vou apresentar esse livro incrível que conquistou meu coração.
É tão emocionante a vida deles, o sofrimento que a senhora que não pode ter filhos passou, ela abortou tantas crianças do marido que a maltratava que acabou ficando estéril em sua reencarnação, seu amado é esta criança que não poderia vir de seu ventre, sendo seu filho da outra mãe, e Marina era sua empregada muito amiga, unindo a todos nesse mundo novamente. Seu desenrolar mostra tudo que não podemos entender, que a vida tem um sentido superior, que mesmo que não dê certo na vida passada, nessa reencarnação tudo pode mudar, Deus pode fazer as coisas mudarem assim como cada pessoa, decidindo seguir seu caminho, sem saber se está fazendo certo ou não, errando outra vez ou finalmente conseguindo seu final feliz.

site: http://k-secretmagic.blogspot.com.br/2015/06/resenha-21-nada-e-por-acaso-de-zibia.html
comentários(0)comente



San 05/07/2012

Evolução
Aprendi que tudo que acontece na nossa vida tem uma explicação,que se tivermos a sensibilidade para refletimos podemos evoluir com o passar do tempo.Isso se conseguir fazer dos obstáculos um aprendizado para evitarmos falhas que outrora cometemos.
Mylene.Ribeiro 13/08/2017minha estante
undefined




46 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4