Carrie, a Estranha

Carrie, a Estranha Stephen King
Stephen King




Resenhas - Carrie, A Estranha


1025 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |


@Marlonbsan 23/03/2020

Carrie, a Estranha
A adolescente, Carrietta White, não leva a vida comum como a dos outros de sua idade, muito por conta de sua mãe, que a impede, devido a sua devoção religiosa. Já no colégio, os ?colegas? a perseguem e atormentam. Mas Carrie possui um segredo, objetos próximos a ela costumam se mexer de forma nada natural.

O livro é narrado, na maior parte, em terceira pessoa, trazendo relatos, entrevistas, reportagens, trechos de livros (criados para dar contexto narrativo), que montam a história e o que aconteceu com Carrie em parte da sua vida e mais especificamente no baile de formatura e o seu desfecho. A leitura é fluida, King já demonstrava o que viria a ser sua escrita posterior que pesa na prolixidade, porém nesse livro ele não se aprofundou tanto nesse ponto. Mas mesmo assim, a forma como é montada e contada a história fica um pouco confusa e não cativa muito.

Carrie é uma personagem que sofre muito, tanto pela sua criação, com uma mãe extremamente religiosa que não a instrui sobre seu corpo e o fato de ser mulher, quanto pelos seus ?colegas? de escola que a tratam de forma lamentável. O que a motiva a tomar as atitudes narradas.

O toque sobrenatural referente à telecinesia é explicado através de trechos de um livro (fictício) que explora o assunto e é interessante como foi abordado, King desde o começo demonstrava uma criatividade fora do comum. No geral, traz uma importante lição relacionada ao bullying e a forma de tratar as pessoas.
Kah 16/04/2021minha estante
Alguém me ajuda como faço para começa a ler o livro?


@Marlonbsan 16/04/2021minha estante
O Skoob é uma rede social feita para organização de leituras, não é possível ler os livros por ela




Readhim 23/10/2020

Carrie, A Estranha
Início - 5
Desenrolar - 3
Personagens - 4
Escrita - 4
Conclusão - 5
comentários(0)comente



Bill 29/07/2010

Justiça!
Não considero este livro um livro de terror, nada há que produza medo, mas revolta, porém, sim.

Alguns dos abusos sofridos pela Carrie, eu próprio já os sofri e se eu tivesse seus poderes (ou qualquer outra pessoa) teria feito o mesmo que ela fez, tenho certeza disso.

O que é justiça?

O que é vingança?

Quando é um e quando é outro?

Na paz e conforto de nossos lares julgamos a vingança como um crime, mas na pele de um vingador, seria vingança ou justiça em nossas mentes?

Pra mim (sei que serei criticado), Carrie fez justiça contra uma cidade desprovida de valores reais, com uma máscara de bondade, enfim, hipócrita.

Existem várias formas de crimes, existem várias formas de morte. Carrie foi assassinada e violada em sua dignidade em todos os dias de sua vida, repetidamente e de diversas formas diferentes.

Seu opressor tinha muitos rostos e muitas personalidades. O que fez foi legítima defesa, apenas isso.
Kelly SB 14/10/2010minha estante
UAU!!
Super resenha!! Adorei!
Não chegui a ler Carrie, a Estranha, mas já assisti ao filme, que mesmo bem mal produzido [ok, me critiquem], talvez por ser bem antigo, despertou em mim esse mesmo sentimento, de justiça. Também não vi nada de terror no filme, talvez pela produção, lá vou eu de novo rs, mas tem uma boa história. Quem sabe eu leia o livro algum dia. =D


Jeferson 11/11/2012minha estante
O mais interessante é que tem horas em que dá vontade de entrar no livro só para dar umas bofetadas em alguns personagens! O sentimento de injustiça aumenta com o passar das páginas!O livro é perfeito, sua resenha tbm!


Bill 11/11/2012minha estante
Obrigado Jeferson!


Daniela 15/03/2014minha estante
Adorei sua resenha e esse livro é incrível.


Bill 15/03/2014minha estante
Obrigado Daniela.


Larissa 06/01/2015minha estante
Então, seguindo seu pensamento, toda cidade merece sua Carrie.


Bill 01/04/2016minha estante
Merece?? Por quê?


Jake 08/02/2020minha estante
Como faz pra ler gente? Eu n to conseguindo kkkkk




Cerry35 18/01/2021

Eu só queria proteger a Carrie ??
"Jesus me olha da parede,
Rosto frio feito pedra,
E se sou por ele amada
Como ela diz q sou,
Por que me sinto tão só??"
Leticia.Lucena 18/01/2021minha estante
Quero ler muito,meu filme favorito ?


Cerry35 19/01/2021minha estante
Eu gosto do filme tbm ?


Karine 19/01/2021minha estante
Passada, deve ser um livraço


Cerry35 19/01/2021minha estante
Sim, é bem pesado tbm


Karine 19/01/2021minha estante
??




Nathali 03/09/2020

É o primeiro livro que leio do Sephen King e achei muito bom por ser o seu primeiro livro publicado. Com certeza vou ler os outros!
comentários(0)comente



@milvidasmilmundos 15/01/2021

E viva o mestre
Quem já leu alguma coisa do King, vai notar um pouco a diferença de escrita de Carrie, assim como a evolução dos livros seguintes!
É um baita livro e uma boa maneira de começar a conhecer o trabalho do mestre!
comentários(0)comente



Gabriel 17/02/2021

Triste à beça
Esse livro é muito tocante desde o início. Durante todo o livro eu senti muito pela Carrie: ninguém merece uma mãe como a dela e nem ser tratada pelas pessoas da forma que ela era.

Apesar de ter amado a essência da história, eu me incomodei um pouco com a forma da narrativa (que oscilava entre a visão dos personagens e as conclusões científicas/jurídicas). Os momentos não narrados pelos personagens eram um pouco cansativos e desmotivantes, sem contar que o autor entregava o que iria acontecer antes do fato realmente ocorrer, ou seja, dava spoiler.

Me apeguei à Carrie, à Susan e ao Tommy. O restante dos personagens são uma caçamba de lixo que mereceram o que receberam.
Ellen 18/02/2021minha estante
Já viu o filme?


Gabriel 18/02/2021minha estante
Ainda não assisti nenhuma adaptação. Pretendo assistir somente o primeiro (dizem que é o mais fiel)


Ellen 18/02/2021minha estante
O mais fiel é o segundo


Ellen 18/02/2021minha estante
O de 2002, porque tem as partes dos depoimentos e do incêndio na rua entre outras coisas que os outros dois filmes não possuem. Mas o primeiro é bacana até


Gabriel 18/02/2021minha estante
Muito obrigado pela recomendação. Quando der, vou assistir os dois primeiros


Ellen 19/02/2021minha estante
Disponha




Julia 25/05/2021

O livro é dividido em 3 partes: a primeira apresenta Carrie White, uma adolescente com poderes paranormais. A segunda narra os eventos da véspera do baile e, a terceira, contém trechos de cartas, reportagens e documentos que tratam sobre a telecinesia.

Não é um dos livros que mais gosto do King, mas achei a história muito boa!
Madu 25/05/2021minha estante
Amo essa história de paixão ??


Julia 25/05/2021minha estante
Ai, Madu, queria ter amado também, mas não consegui. Mas achei uma história muito boa!




Aline 25/11/2010

Estranha é a tua Mãe!
Querida Mamãe S. (minha mãe),

Obrigada por ter concedido a mim a liberdade comedida das adolescentes felizes e ter me dado uns tapas só quando eu mereci. Amém.
comentários(0)comente



joaoggur 16/08/2020

Muito bom
Primeiro livro que leio do Stephen King, adorei, vou ler os outros!
Xuliana 16/08/2020minha estante
Indico Misery, mto bom


antribeiro 16/08/2020minha estante
Maravilhoso eu amei , entrou ate pros meus favoritos ??????




Geo @livrosdageo 18/04/2021

Sensacional
É impressionante que a escrita do King seja tão boa desde o primeiro livro. E pensar que esse livro foi parar no lixo! Obrigada Tabitha King por salvar essa obra de um destino cruel. Amei demais ??
comentários(0)comente



Matheus 30/01/2021

Começando por aqui a leitura das obras de Stephen King em ordem cronológica.

A escrita é feita em formato parecido a de um documentário, com diferentes pontos de vista e situações sendo narradas, sem separação por seções ou capítulos, sendo as "quebras" na narrativa feitas pelo início de um novo parágrafo (há apenas dois grandes capítulos no livro, e um mais breve que funciona como epílogo). A história acompanha, em alguns momentos, a vida de Carrie White, em outros os relatos de Sue Snell, sua colega de escola, assim como pareceres científicos da comissão que veio a analisar o acontecimento na cidade, entrevistas com sobreviventes da tragédia etc.

É impossível não sentir empatia por Carrie, que passou a vida atormentada pelo fanatismo religioso extremo de sua mãe e sofrendo bullying na escola, até que na noite do baile de formatura o seu dom de telecinesia - manifestado em poucos momentos durante a infância, porém compreendido gradativamente pela garota após um evento traumático no início do livro - irrompe e traz consequências catastróficas.

Há uma introdução muito interessante escrita por King, em que ele fala sobre o contexto de sua vida quando escreveu a história, e sobre as duas garotas que o autor teve como colegas de escola em sua juventude, que serviram de inspiração para a criação da personagem Carrie White.
comentários(0)comente



Gláucia 10/10/2010

Cuidado!
Atenção! Àqueles que são praticantes do "bullying" nas escolas ou em qualquer outro local, aconselho a leitura desse pequeno (e grande) livro. Repensem sua atitude frente àquele(a) estranho(a) colega.

Quanto ao título, ou subtítulo em português, já que o original é apenas Carrie: ESTRANHA É A SUA MÃE! Literalmente. Desafio qualquer um a ser normal com uma mãe daquela.
Pedro 10/10/2010minha estante
Pois é... Se eu fosse um desses que humilham os outros apenas por serem diferentes e lesse esse livro, pensaria duas ou três vezes antes de repeti-las.


Jow 18/10/2010minha estante
Belíssima visão do problema!
Sua resenha enfoca de uma maneira simples, as problematizações do livro.




Juh Saint 16/09/2020

entendo o sucesso do livro especialmente depois do lancamento do filme, mas eu achei bem ok por assim dizer
o livro tem um tamanho que eu considero ate curto so q ele se torna mt lento, so pela forma que o escritor resolveu contar a estoria e devo elogiar entao que os personagens sao excelentees mt bons, principalmente a carrie mas acabam ficando mto simples se for comparar com outros livros do autor, eles chegam ate a sereem cliches
existe tb um visivel amadorismo na narrativa mas isso eu perdoo pq ne e oprimeiro livro do autor. olha acho q hj o livro se tornou ainda mais rico em trama por conta do bullying, do preconceito q viraram assuntos mais palestrados pel as outras pessoas e isso e um elogio rico pra qualquer livro, ele se tornou ainda mais necessario no seculo 21 !!
comentários(0)comente



1025 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |