O Monstro Mora ao Lado

O Monstro Mora ao Lado Lisi Harrison




Resenhas - O Monstro Mora ao Lado


12 encontrados | exibindo 1 a 12


Vivi 04/05/2011

É....
O livro começa exatamente onde o primeiro parou, e até a metade, o livro, é usado para terminar a estória do primeiro.
Este também é um livro muito gostoso, bem contado e divertido até demais (ri muito com o Heath, Candace, Billy, D.J.).
Infelizmente nada é perfeito...
Uma coisa que o livro pecou, para mim, foi na troca de tradutor. Foi adicionada muita linguagem de Internet no livro - naum, num, bunita - acho que isso matou parte do livro, afinal livro é cultura então não deve ter escritas erradas. Eu particularmente detesto ler algo escrito errado propositalmente.
Eu ainda tenho preferencia pelo primeiro, sei lá foi amor a primeira leitura, este eu esperava um pouco mais.
E a autora manteve o método de deixar o final do livro para o próximo volume, que já tem capa anunciada.

Resenha completa no blog: http://www.filmeslivroseseries.com/2011/05/monster-high-2-o-monstro-mora-ao-lado.html
comentários(0)comente



Giulia Schmidt 03/05/2014

Monster High #2
Em "O monstro Mora ao Lado" tudo melhora e denigre ao mesmo tempo.
O ritmo é mais acelerado, o lado cômico é explorado e a cultura pop continua. Digamos que quem se incomodou com a "encheção de linguiça" do primeiro livro, está à salvo.
PORÉM...
Como diz a sinopse, nesse volume temos a Cleo como destaque. Se antes eu a achava interessante, agora penso ser um desperdício.
A anti-heroína (múmia), se torna tão monstruosa quanto qualquer popular de filme americano. Clichê. A personagem é explorada superficialmente, o fato dela ser uma morta-viva e uma garota "malvada" é ignorado.
Isso poderia ter sido melhor, mas ainda assim, gostei da Cleo.
Já a Melody - que eu achava sem gracinha - rege a parte mais frenética da história, enquanto Frankie se tornou menos "fofinha".
Também temos várias reviravoltas, das quais gostei bastante.
O final me deixou curiosíssima sobre o futuro de Melody :O
Giovanna 03/02/2012minha estante
#Up, também acho. Cleo é uma personagem cheia de lados a serem explorados e a Lisi me faz um papelão desses. Melody também me deixou curiosa ^~^
Agora só nos resta ler a continuação.




iluj 21/01/2012

Se o primeiro livro foi leve e divertido, o segundo não perdeu o ritmo.

Neste segundo livro, vemos a Melody tentando arrumar uma solução para que o seu namorado IRADO não seja exposto, assim como a sua nova amiga Frankie e os demais IRADOS da cidade. Mas não ceder a chantagem da Bekka , que está "irada" por perder o nomorado Brett para a Frankie e estar ardendo por vingança, e o menor dos seus problemas, Melody agora tem que lidar com a ira de Cleo, que vê os holofotes serem tirados de sua direção e seu ensaio para a revista Teen Vogue comprometido pelas investidas de Melody , Frankie e cia, para mostrar que o mosntro mora ao lado e você não deve ter medo.

Mais uma vez Monster High mostra que ser diferente está na moda e de uma maneira leve e divertida e como cada um tem um lado "irado", só resta descobrir qual.

Além dos personagens já apresentados no livro 1, mais alguns começam a ter destaque, um desles é o Billy, o garoto invisível, que termina ajudando a Melody e a frankie em seus planos, resultando em boas risadas, o Billy é um fofo e muito engraçado.
Bom se Monster high já termina um mega problema pra resolver, em O monstro mora ao lado não fica diferente, se você quer um livro leve e divertido eu indico.


resenha postada no blog:
http://www.tatybooks.com/2011/10/o-monstro-mora-ao-lado-monster-high-2.html
comentários(0)comente



Bruna Fazio 12/04/2012

Sou apaixonada por essa série. Eu nunca havia lido um livro que falasse sobre monstros de uma maneira tão teen.
Monster High 2 - O Monstro Mora Ao Lado retoma a história no momento exato em que o primeiro livro acabou. Frankie e Melody estão lotadas de problemas e nesse livro, elas tem que resolver. A metade da história fala sobre a solução do problema criado no primeiro livro e a outra metade fala sobre novos problemas.
Nesse livro, temos duas novidades: a primeira é que Cleo entra com a sua narrativa e o Billy também. Nunca gostei da Cleo, se querem saber e nesse livro, caraaaamba. Eu a odiei ainda mais. Que menina mais egoísta e mimada, céls. Apesar de eu não gostar dela, a narrativa pelo pelo de vista dela é bem importante para a história. Já o Billy, ele ganha bem mais destaque nesse livro. A narrativa dele também é legal. Adorei como eles fizeram a diagramação no capítulo dele! Como ele é invisível, não há nenhum desenho. Legal né?

Continue Lendo em: http://naoqueroparardeler.blogspot.com.br/2012/04/resenha-monster-high-2-o-monstro-mora.html
comentários(0)comente



ntampinha 31/07/2015

Fofinho :3
Comprei o livro de presente para minha sobrinha e como sempre, decidi averiguar o que o mercado anda publicando para a idade dela.

A capa é bonitinha, porém simples, nada muito diferente dos produtos Monster High disponíveis no mercado. Não posso dizer que o enredo é ruim e seria cruel de minha parte fazer isso, pois não é um livro exatamente para a minha idade e não posso recrimina-lo só porque não se encaixa à mim. O enredo é interessante à idade a que pertence, uma história bem pré-adolescente mesmo, envolvendo as monstrinhas de Monster High e algumas (des)aventuras escolares bem engraçadinhas :)

O livro não tem assuntos pesados, a leitura flui bem e as personagens possuem a mesma personalidade do desenho, apesar de estudarem numa escola normie (não, eles ainda não estão em Monster High). Mas este não é um livro que possa ser lido de forma individual, pois um volume necessita do outro para ser entendido melhor... Quando o comprei não encontrei o primeiro volume e devido a isso, eu e minha sobrinha sentimos certa dificuldade em entender o início da história.

O único ponto negativo do livro foram os erros de digitação, que se repetiram várias e várias vezes. As mensagens de celular que deveriam ser enviadas por "Melody" estavam sendo enviadas por "Frankie" e ver um batepapo "de Frankie para Frankie" foi bastante esquisito. Certas falas também sofreram com os erros de digitação, falas de Deuce levaram o nome da Cleo e vice-versa, achei isso bem chato ¬_¬

No resumo, posso dizer que gostei do livro, o final dá uma brecha para novos conflitos, que sinceramente, me deixou tentada a conferir o próximo volume :)

>> Opinião Final: Uma graça! Para quem gosta do desenho, vale a pena dar uma conferida. A história é fofa e para a idade certa, será um prato cheio para a leitura.
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Emily Annie 07/07/2012

A múmia Cleo(ópatra)
Título Original: The Ghoul Next Door
Ano de Lançamento: 2011
Número de Páginas: 336 páginas
Editora: Poppy / iD


Monster High 2 : O monstro mora ao lado, é ainda melhor que Monster High!
Continuando com a narrativa de capítulos intercalados, agora em vez de duas personagens, há três; Frankie, Melody, e Cleo.
Cleo, uma múmia patricinha, chata e fútil.
Também temos a nova personagem secundária - por enquanto, assim espero - Júlia.
Agora, um problema que não se aplica só a este livro, mas a vários outros: a tradução dos nomes. Não faz muito sentido traduzi-lo no livro se não existe tradução nos websódios e na linha de bonecas, ficaria muito melhor se tivessem mantido Ghoulia.
Uma das coisas que mais gostei foi o modo que as mensagens de texto foram colocadas e da assinatura que cada uma das personagens tinha.
Também gostei dos ¨Capítulos azarados cujo nome foi esquecido¨, foi uma ótima maneira para pular uma personagem quando a história pede capítulos contínuos na visão daquela personagem.
Monster High 2 continua com os deslizes irritantes do primeiro, e apresentando desnecessárias descrições ou citações de nomes de gatos ou ratos de laboratório com glitter.
Mas, mesmo com esses erros, continuo gostando muito desta série.

¨O Freak é o novo Chique¨


(resenha também disponível em noscontamos.wordpress.com !)
comentários(0)comente



Kitty 11/08/2011

O primeiro, li meio arrastado, achando a Frankie insuportavel.
Mas esse segundo e' bem melhor. Continua sendo um livrinho fofo tween, mas tem mais acao, a historia flui mais facilmente e vc comeca a conhecer melhor os personagens. Ainda prefiro a Melody do que a Frankie, mas ela ta melhor agora.
E GO Billy!!! Vc e' o cara! :)
comentários(0)comente



Maria Clara | @mariaclarabruno 19/07/2012

Quando eu li o primeiro livro, achei que ele tinha apenas os quatro “inho” (fofinho, bonitinho, bobinho e engraçadinho). Esse livro já é diferente, mas não tão diferente assim.

Eu tento tirar o máximo de proveito das minhas leituras e me esforço para aprender alguma coisa até com os livros mais infantis, e foi essa a minha “análise” para com o livro durante a leitura.

Lisi Harrison escreveu um livro sobre direitos iguais e contra o preconceito para adolescentes e crianças, que quase sempre se deixam levar pela opinião dos outros. E ela fez o trabalho dela muito bem!

Ao falar da vida das personagens e de seus romances, ela seguiu a risca os “inhos”, mas a vida de um pré-adolescente é assim, não é? Quando uma menina com 13 anos se apaixona pela primeira vez, para ela, aquele rapaz é o amor da vida dela e é seu príncipe encantado. E não a culpo por isso, ela tem somente 13 anos e não sabe e não viveu quase nada – mas quem sou eu para falar alguma?

E ela também conseguiu construir os defeitos e qualidades de suas personagens muito bem, me atrevo a dizer. O egoísmo, a ganância, o orgulho e a lealdade foram muito bem retratados e aplicados em sua história. E seus personagens também cresceram ao longo do livro, assim como as pessoas ao longo da vida.

Este livro me agradou mais que o primeiro, e por isso o bônus de +1 coração.

www.coffeesandbooks.com
comentários(0)comente



Marlene 22/05/2012

Livro pra se divertir com os monstros.
Achei ele mais fraquinho em comparação ao primeiro, mas está sendo interessante essa história. Envolve toda a questão do preconceito, o que as pessoas sofrem com isso e a luta para conseguir derrubar isso. Espero ler o próximo o mais rápido possível porque a história ficou meio em aberta rsrsrs'
Enfim...
Recomendo às adolescentes de 11 a 13 anos, por ser uma história com um enredo legal e hilário :D'
comentários(0)comente



John 19/11/2012

Monster great!
Nesse segundo volume, simplesmente adorei os capítulos da Cleo, pois além de uma das minhas personagens preferidas, Lisi descreveu a personalidade forte e arrogante de Cleo como eu esperava. A história de "O Monstro Mora ao Lado" é muito boa, mas não tanto quanto a do primeiro livro, pois achei o final um tanto bobo com a parte da Teen Vogue e dos camelos. Ainda assim, ver os irados mais unidos foi ótimo, sem falar na participação mais ativa dos personagens Billy e Brett na trama. Enfim, Monster High continua empolgante e estimulante, uma ótima opção.
comentários(0)comente



Rusbis 04/07/2012

A Maldição do segundo livro
O que dizer sobre o livro?
Como eu disse no título desta resenha, infelizmente este livro sofreu com a maldição da continuação. O primeiro volume desta série foi ótimo e me surpreendeu positivamente, por não esperava nada dele e acabei mordendo a lingua, então, acabei ficando ancioso e com bastante espectativa sobre o segundo e este se revelou bem morno e muito abaixo do anterior.

Quais os destaques do livro?
Os personagens continuam sendo o grande destaque desta série, embora quem deveria ter tido O destaque de todo o livro (Cléo, estou falando de você, menina), acabou ficando bem apagadinha. Mas, tirando isso, os personagens foram muito bem desenvolvidos e aproveitados, destacando Melody, Frankie e o engraçadíssimo InvisiBilly, entre tantos outros.
A história tambem ficou bem interessante, como todo este negócio de documentário a favor dos Irados e tudo mais.

Quais os pontos negativos do livro?
Eu não sei o que houve, mas, Lisi Harrison teve uma ótima idéia para esta continuação e acabou se perdendo totalmente no desenvolvimento dela. Ela poderia ter destrinchado e história a partir desta idéia de varias maneiras, mas, acabou deixando a história apenas no trivial e mal o desenvolveu decentemente, fazendo o livro ficar sem graça e sem folego para nos fazer ler o livro avidamente até o fim. Sim, eu cheguei até o fim, mas, com menos da metade do interesse que tive ao ler o anterior.

Concluindo:
Infelizmente esta continuação não chegou nem aos pés do primeiro volume da série e espero sinceramente que no terceiro tudo melhore, já que a história do segundo ainda não terminou e pode ser que a autora salve a série, que começou tão bem, deste segundo livro fraco.
comentários(0)comente



12 encontrados | exibindo 1 a 12