Lago dos Sonhos

Lago dos Sonhos Kim Edwards




Resenhas - Lago dos Sonhos


42 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3


B! 02/03/2013

Sem tempero!
A leitura é tranquila e leve, mas só a partir da página 200 é que fica interessante. Bem, mas também não dura muito e logo volta a monotonia. A proposta sugere autoconhecimento, mas foi tudo tão sem tempero e desinteressante! Não chega a ser chato, mas é que o "mistério" proposto, até então, não desperta curiosidade... O romance também não!
João 08/11/2013minha estante
Gostei da sua opinião!Bem parecido com o que senti ao ler esse livro!


Lilian.Baumguertner 23/11/2015minha estante
Eu estou lendo e nunca demorei tanto para ler um livro.




Bianca 07/09/2011

Mais uma resenha do http://redomadecristal.com.br/blog/
Lago dos Sonhos, de Kim Edwards, chamou minha atenção pela autora. Apesar de nunca ter lido, sempre ouço muitos comentários sobre O Guardião de Memórias, outro livro dela. Então, não precisei pensar duas vezes e foi o livro que escolhi para ler e resenhar esse mês para a Editora Arqueiro.

A sinopse e a capa colaboraram com a sedução e, quando chegou a ver de começar a leitura, pensei que tinha tudo para dar certo.

A princípio, pensei que fosse amar o livro. A perda do pai, constante fuga para não sofrer, o mistério que começamos a conhecer no início da história, um amor não-resolvido no passado, e alguns outros fatores me levaram a crer que amaria a leitura.

"Agora, semanas mais tarde, eu começava a me preocupar se aquela seria mesmo a minha vida ou apenas um breve interlúdio na existência que eu havia imaginado."

O grande problema foi que a história se arrastou. Tudo era descrito nos mínimos detalhes e a narrativa tornou-se insuportavelmente lenta. Tinha horas que eu queria muito ler, mas pegava no sono. Depois ficava nervosa porque sabia que história era boa, mas a narrativa me derrubava e impossibilitava uma leitura mais fluente. Mesmo ao terminar, senti que faltava alguma coisa.

Luci não é uma protagonista fácil de se gostar também. Ela é egoísta e chata, muitas vezes. Tenho problema com adultos egoístas. =/

Sei que muitos adoram livros assim, mas acredito que não funciona para mim. Talvez, se eu tivesse lido intercalado com outras leituras poderia ter aproveitado mais.

"Será que eu iria conseguir fazer isso? Será que o passado poderia algum dia ser simplesmente passado?"
Vanessa 14/05/2012minha estante
Infelizmente eu não consegui ler até o final. Fiquei muito decepcionada, pois depois de ler o Guardião de Memórias achei que O Lago dos Sonhos ia ser tão bom quanto, mas deixou muito a desejar.
A nerrativa é realmente muito cansativa... concordo com vc!




Mah Mac Dowell 02/03/2020

Não gostei
Leitura arrastada que não flui desde o começo. Uma decepção ainda mais para quem já leu o outro livro do Autor. Só não abandonei porque odeio abandonar livro.
Ana Paula 04/03/2020minha estante
Perfeita resenha. É bem esse o sentimento.




João 08/11/2013

Nem parece um livro escrito pela autora de O Guardião de Memórias!
Esperava uma leitura interessante,que me prendesse como o outro
livro.
Foi um livro meio difícil de ler!
Lucy é uma personagem chata,não consegui simpatizar
com ela,suas discussões com a mãe e o irmão são
completamente sem pé nem cabeça.
A única parte que me agradou foi a história
de Rose Jarret. Não achei sentido nenhum na ligação
de Lucy com Rose além do parentesco.
Foi tudo meio sem nexo nesse livro(minha opinião,tem gente que gostou).
Lud 15/09/2014minha estante
Foi exatamente o que eu senti,o livro não prendeu minha atenção,com exeção da historia da Rose!




Ana Luiza 05/03/2012

Comprei "Lago dos Sonhos" numa pequena feira do livro na praia enquanto estava de férias. Logo que comecei a ler achei um pouco repetitivo e desanimador, e fui deixando de lado, até que resolvi continuar a leitura e não me arrependi. A história da parente esquecida de Lucy te deixa bastante curiosa. Há muitos nomes, pessoas, cidades.. e me perdi um pouco nesse aspecto. No geral o livro é muito bom e deixa algumas lições de vida.
comentários(0)comente



Geicy Lemos 05/09/2015

A busca por Rose Jarret.
Antes de ler Lago dos Sonhos, tinha me apaixonado pelo O Guardião de Memórias, romance escrito pela mesma autora, Kim Edwards. Logo, comecei a leitura com muitas expectativas, esperando encontrar uma leitura tão empolgante quanto a anterior, mas a realidade não foi bem assim.
Lago dos Sonhos é um romance interessante porém, muito cansativo. A única coisa que me fez continuar lendo foi a curiosidade de saber quem tinha sido Rose Jarret e que fim ela tivera. A história, de uma forma geral, é bem instigante... a busca de Lucy Jarret por sua antepassada, Rose, a faz descobrir seu lugar no mundo. E é depois de descobrir quem foi Rose, que Lucy finalmente consegue seguir em frente- depois da morte de seu pai.
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Thaís 18/05/2011

Lucy Jarret está morando no Japão com seu namorado Yoshi. Ele está em busca de ascensão no trabalho, ela em busca de um emprego. É uma viajante, acredita que aproveitou bem sua vida com o namorado, estudando e viajando. Mas a falta de um emprego é constante em sua vida, Yoshi a apoia no que precisa, mas ela sente que falta algo a mais, quando recebe a notícia de que sua mãe sofreu um pequeno acidente, ela se dá conta, de que já não vê a mãe há um tempão, e os frequentes abalos e tremores que acometem o Japão, ela percebe que vive assim, em constante abalo pessoal e emocional e que se sente solitária, desde que seu pai morrera.
De volta a Lago dos Sonhos, sua cidade natal, Lucy percebe que muitas coisas mudaram desde a última vez que esteve visitando a cidade, e outras nem tanto. Ela nota que a cidade evoluiu, mas sua vida e coração sempre permaneceu preso ao passado, enquanto Yoshi fará algumas viagens antes de ir encontrá-la em duas semanas, ela tentará absorver novos ares e tentar de alguma forma descobrir porque se sente tão solitária...
A mãe de Lucy, parece estar apaixonada novamente, e prestes a vendar a casa para seu tio Art. Seu irmão está firme com Avery e esta está grávida do mesmo. Alguns documentos que ela encontra no carro de seu pai, que não foi usado desde a sua morte, muda totalmente sua versão aceita de vários fatos que aconteceram nos últimos anos, e descobrir quem foi uma antepassada sua, é uma meta traçada em sua estadia. Vários acontecimentos surgirão, impasses, um amor do passado e novos rumos e objetivos, mas uma coisa ela aprenderá, que de uma maneira ou outra, sempre estamos presas ao passado, e algo sobre a morte de seu pai, tira de seu ombro um peso enorme.
"Lago dos Sonhos" tem uma capa linda, a diagramação da Editora Arqueiro é impressionante e com acabamento muito bonito. A história do mesmo é plausível, mas deixa pequenos vestígios de que o tema poderia ter sido abordado com mais ênfase pela autora, alguns acontecimentos ficaram indiferentes no livro, detalhes que poderiam ter feito diferença no rumo que tomou a história, gostei do livro, porque ao mesmo tempo que nos leva a uma narração agradável, ele nos faz refletir acerca de nossas próprias vidas, mas ainda assim senti que faltou mais emoção, mais sentido em todo o livro. Mas recomendo que leiam e tirem suas conclusões. Recomendo!
comentários(0)comente



danilo_barbosa 26/07/2011

Passado e presente podem ser libertadores
uem conhece Lucy Jarret, pode pensar que ela tem tudo que deseja.
Já correu o mundo e viveu intensamente com os empregos mais atípicos que você pode imaginar. Agora, no Japão, vivendo com seu namorado Ioshi, ela vive uma crise.
Além das aparências, ela está desempregada e seu romance, que achou que ia ser intenso, chegou naquela fase da calmaria de todo longo relacionamento. Ela quer a procura de um rumo na sua vida, quando recebe a notícia de que sua mãe sofreu um acidente de carro.
Apesar de não ser nada grave, ela decide voltar para casa em Lago dos Sonhos (Editora Arqueiro, 336 páginas), a procura de encontrar um rumo na sua vida e quem sabe se encontrar. Apesar de que, voltar para o lugar onde ela deixou e vive fugindo após a morte de seu pai, afogado no lago, pode não ser uma ideia tão boa assim.

Lá ela vai reencontrar antigos amigos, parentes e amores. Além disso, escondida em um compartimento secreto num banco do solário da casa onde sua mãe vive (e onde ela cresceu), ela encontra uma carta, cheia de sentimentos, datada no início do século 20.

É a partir daí que Lucy decide investigar a história daqueles personagens tão perdidos e amortecidos pelo tempo, contidas em uma singela folha manuscrita, para dar um sentido novo para sua vida (pelo menos enquanto estiver por ali). Graças a esta investigação, passado e presente vão se misturar, transformado Lucy em uma nova pessoa e trazendo a tona segredos tão antigos de sua família que muita gente tentou esconder.

Kim Edwards é uma mestra em contar histórias humanas. Criou uma história bonita, cheia de personagens humanos, imersos em suas dúvidas e escolhas. Em sua narrativa, ela incita o leitor a se espelhar nas decisões de Lucy e buscar a verdade dos seus medos, mesmo que em muitos momentos doa enfrentá-los.

Lucy é uma personagem extremamente carismática, apesar de muitas vezes sua demora para encarar decisões e pautar demais seus atos possa exasperar os mais apressadinhos. As descrições da cidade de Lago dos Sonhos e demais locais são apaixonantes e um espetáculo a parte. Foi impossível eu não me sentir caminhando pelas ruas ensolaradas, cercado de gente conhecida e sentindo o cheiro do lago a minha volta. O doce e acre cheiro do lago cercado de mistérios.

Outro fator importante foi o cuidado que a autora mostrou o movimento sufragista do início do século nos EUA. Passamos a admirar estas mulheres, que abdicaram tanto de suas vidas, pelo direito de escolher diante de uma sociedade extremamente machista. É triste saber que muitas delas pagaram um preço terrível para as mulheres de hoje terem a liberdade de erguer sua voz e tomar decisões na sociedade atual. Apesar de muita gente achar que ainda estamos longe da igualdade dos sexos, graças a estas pioneiras a situação já melhorou consideravelmente.

Veja resenha completa no Literatura de Cabeça:
http://bit.ly/oIHFI1
comentários(0)comente



mary 15/08/2020

Tenho esse livro a cinco anos, e nesse tempo já tinha tentado ler duas vezes, mas não fluía.
Nessa terceira vez não posso dizer que foi fácil, os capítulos são muito longos e me obrigava a parar no meio porque cansava fácil.
Mas a história foi me envolvendo e me mostrou o feminismo de um ponto de vista que nunca tinha imaginado.
Achei que faltou emoção por parte da Lucy em alguma ocasiões, as vezes não conseguia decifrar o que ela estava sentindo e ficava meio vago.
Apenas por isso e pelos capítulos longo que não ganhou 5 estrelas.
comentários(0)comente



Carolini 19/03/2013

Lago dos Sonhos
‘’Livro:Lago dos Sonhos
“As vezes o Passado Esconde segundos capazes de transformar
Nossas vidas. Pgs:329
Data Começo: \04\12\12 10:54Pm 2 Mêses e 12 Dias
Data Termino:02\07\12
Detalhes :Comprei na dvd oteca
Editora :Arqueiro


Lago dos sonhos
Em o Lago dos Sonhos conta a história de Lucy Jarret que vê seu pai morrer no lago da casa onde morrava “por isso Lago dos sonhos” após isso ela si casa e vai morrar no Japão co Yoshi seu namorado,mas por quem ela sempre foi apaixonada foi por Kegan seu amigo de infância,que após voltar ao Lago dos Sonhos descobre que ele si casou e tem um filho.Após seus que um billete de Rose,Lucy começa a pesquisar sobre seu passado e descobre que morava com seu bisavõ e que ele foi apaixonado por Rose...e sempre desenha seus quadros com uma rosa ..Depois disso Lucy descobre que Rose teve uma filha que si chamava Iris e que ela a abandonara.Rose morre,,mas Lucy descobre que Iris esta viva com seus 92 anos de idade e a revela toda a verdade que foi abandonada por sua mãe, Lucy vai a descobre o testamento de seu bisavô onde ele deixa tudo para Rose e Iris .Depois di tudo isso Lucy acaba descobrindo que seu Tio Avery foi quem matou seu pai no lago numa briga num barco, Lucy conta tudo a Iris , e depois disso ela si casa com Ioshy e tem uma filha
Minha opinião:Esse livro é um livro difícil de ler,tem uma historia complicada di si entender ..porem tem uma historia diferente ...




comentários(0)comente



Zaneli 05/10/2013

Livro realista
Como eu já mencionei no meu perfil, eu tenho um apreço especial por Romance Histórico. Esse livro é um dos bons. A protagonista (Lucy) vê -se no meio de um mistério que circula sua família, uma mulher que viveu a mais de 100 anos atrás ( que faz parte da família de Lucy), participou de um movimento de direito de voto entre as mulheres.
Como a autora mesma cita, isso mudará o ponto de vista de Lucy sobre o mundo.
Eu considero esse livro muito bom, é bem calmo, um pouco diferente das leituras que faço. Mas ai vai do gosto de cada um.
comentários(0)comente



Gilles Vieira 30/04/2015

Não gostei, muito monótono.
Sinceramente, este livro é muito decepcionante. Principalmente se você, assim como eu, estiver procurando uma narração tão imersiva e envolvente como a contada em "O Guardião de Memórias".

A autora abusou na descrição dos cenários, tornando a leitura extremamente cansativa e massiva. Também achei que o foco principal da personagem, Lucy Jarrett, é exaustivo, criando uma situação muito enfadonha.

Para concluir, o final da história trás muitas perguntas que poderiam ter sido esclarecidas, principalmente relativas ao personagem Art.
comentários(0)comente



Summy 29/10/2013

Excepcional
Já havia lido O guardião de memórias e achei a leitura tão agradável que resolvi ler este segundo publicado da Kim e me surpreendi.
Pelo nome do livro, parece um romance bobinho, mas não. Existe uma carga dramática em cima dessa história onde não vejo há tempos.

Toda a história voltada em descobrir o que aconteceu com uma pessoa da família até então inexistente é cheia de detalhes e a riqueza desses detalhes deixa a história linda.

Leitura altamente recomendada para quem gosta de dramas com mistérios envolvidos.

Envolvimento da primeira a última página.
comentários(0)comente



Riva 19/04/2012

Tão interessante quanto o Guardião de Memórias!
comentários(0)comente



42 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3