Libertação

Libertação Chico Xavier




Resenhas - Libertação


25 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2


Marco 18/02/2010

Possivelmente a mais instigante das obras. Em seu prefácio, dada a gravidade do tema a que André Luiz se aprofunda para nossa informação e alerta, Emmanuel, sem tecer maiores comentários acerca da obra em questão, lembra, tão somente, da antiga lenda egípcia do Peixinho Vermelho...
Dividida em 20 capítulos, a ação principia em ambientes soturnos e aterrorizantes, mostrando uma estranha cidade. Conta André: "Após a travessia de várias regiões, "em descida", com escalas por diversos postos e instituições socorristas, penetramos vasto domínio de sombras.
A claridade solar jazia diferenciada.
Fumo cinzento cobria o céu em toda a sua extensão.
A volitação fácil se fizera impossível.
A vegetação exibia aspecto sinistro e angustiado. As árvores não se vestiam de folhagem farta e os galhos, quase secos, davam a idéia de braços erguidos em súplicas dolorosas."
"O que mais contristava, porém, não era o quadro desolador, mais ou menos semelhante a outros de meu conhecimento, e, sim, os aoelos cortantes que provinham dos charcos. Gemidos tipicamente humanos erampronunciados em todos os tons."
"Em minutos breves, penetramos vastíssima aglomeração de vielas, reunindo casario decadente e sórdido.
Rostos horrendos contemplavam-nos furtivamente..."
A cidade, terrível purgatório, é o reino de Gregório, o cruel e implacável Grande Juiz de milhões de mentes preguiçosas, delinquentes e enfermiças, e afeto especial de um espírito angélico: Matilde.
Matilde deseja que Gregório deixa pobre moça encarnada em paz.
Gregório promove a sua morte lenta para tê-la consigo, em seu "reino".
Nos capítulos seguintes, a descrição do ambiente sinistro em que Gregório, agindo como Juiz, induz infeliz mulher a assumir posição de loba em virtude dos abortos cometidos em vida, além de outros quadros impressionantes.
Da cidade estranha, André Luiz, Elói e o Instrutor Gúbio se dirigem até o Rio de Janeiro, onde buscarão salvar a garota da morte horripilante.
Em seu lar, obsessores e magnetizadores infernais revezam-se na tarefa infeliz de lhe subtrair a vida, minuto a minuto...
De desfecho surpreendente, o livro mostra pela primeira vez a maturidade espiritual de André Luiz e sua capacidade de ação, quando Gúbio, precisando ausentar-se da casa da vítima encarnada de Gregório, passa o comando da tarefa às suas mãos. Narra André que, quando Gregório aproxima-se para lutar e vencer, enfrentando a todos com sua palavra ferina e provocadora e seus olhos felinos, "exceto eu, que deveria permanecer atento à tarefa direcional que me fora cometida, ninguém ousou modificar a atitude de profunda concentração nos propósitos de humildade e amor ao que fôramos conclamados."
Para libertar Gregório das trevas do próprio coração, Matilde estava para materializar-se...
Obra indispensável a todos quanto trabalhem com desobsesão e doutrinação.
comentários(0)comente



Leo 24/06/2011

Muito bom
Esta vez foi diferente.
A missão tinha propósito bem definido e aos poucos a coisa foi se complicando e complicando mais, com isso o livro pegou um rumo narrativo totalmente diferente dos anteriores.

Desta vez preciso confessar que a linguagem rebuscada me derrubou um pouco, mas nada que comprometesse a leitura.

Agora André consegue descer ao umbral para enfrentar o "chefe local" numa missão praticamente impossível. As lições passadas de amor ao próximo servem de exemplo para nós que estamos acostumados a utilizar a 3ª Lei de Newton no dia-a-dia.

A "atuação" de Gúbio enquanto "infiltrado" nos mostram que as coisas não são tão diferentes assim do outro lado, que a inteligência não tem nada a ver com o caráter e que quando usada para o mal, a perspicácia pode ser uma ferramenta extremamente eficiente para a direção que se apontar.

Belo livro, quando peguei o ritmo não conseguia parar, algo que não acontecia desde "Nosso Lar".

comentários(0)comente



Carol Vidal 03/11/2015

Uma história sobre como o amor pode libertar
Com uma narrativa quase cinematográfica, André Luiz traz mais uma história repleta de lições. A leitura que flui está presente em mais esse livro, tornando prazeroso acompanhar os desdobramentos da história.

E uma das mensagens mais importantes que a obra traz é a compaixão para com aqueles ditos perseguidores. Através de Gregório e todos aqueles ligados aos Dragões do Mal, vê-se espíritos procurando a Justiça Divina à sua forma; espíritos esses extremamente inteligentes e conscientes da realidade que os cerca e que tentam, de maneira torta, proteger aqueles que amam.

Dessa forma, fica a mensagem: o amor liberta e só através dele é possível alcançar a verdadeira paz. Leitura indispensável!
comentários(0)comente



luriddle 22/01/2013

Tentei ler esse livro uma outra vêz e não consegui; justamente por ele ser chocante; necessita de conhecimento espírita ou no mínimo de uma grande vontade de entender o espiritismo, para que se possa compreendê-lo.
Este livro trata das culpas advindas a todos encarnados e desencarnados que trilharam pelos descaminhos morais, prejudicando a si mesmos e ao próximo. Como a evolução espiritual é Lei Divina,chega o tempo da prestação de contas, a partir do tribunal da própria consciência. Enquanto o arrependimento não brota no culpado, por sintonia ele será situado em tormentoso clima astral,onde encontrará milhares de Espíritos similares. Porém, alguns desses obsessores poderosos e cruéis arvoram-se em juízes implacáveis que em razão da culpa dos mais fracos se valem,para escravizá-los.A forma como isso acontece é narrada deforma esclarecedora e chocante,são descritos os abismais ambientes das trevas onde estão tais Espíritos caídos no mal.Os distúrbios físico-psíquicos-espirituais são analisados nos Planos Espiritual e Material, com detalhamento de alto impacto , funcionando esta obra como enérgico alerta a todos nós, criaturas ainda nas duras lutas do auto-aperfeiçoamento moral.
Cada homem se sentará no trono que levantou ou se projetará no fundo do abismo que preferiu
comentários(0)comente



Adriano Schiessl 11/09/2018

Interessante...
Emocionante , instrutiva e esclarecedora história de almas encarnadas e desencarnadas , em suas lutas, acertos e desacertos no mundo físico e no mundo espiritual, trabalhando em conjunto para a libertação das sombras interiores e exteriores.
comentários(0)comente



Jack Zack 17/05/2018

Livro que nos ajuda a perceber porque é ainda tão difícil a aceitar plenamente a mensagem de Cristo por sermos limitados em enxergar que a maldade em nós e nos outros nada mais é do que a dor, a tristeza e a sensação de desamparo que carregamos. Mas Jesus jamais se cansa de nos esperar com as primeiras promessas de trabalho em seus caminhos de luz.
comentários(0)comente



Amauri 28/02/2009

Comovente
De toda a obra psicografada por André Luiz, este livro foi o que mais me comoveu, me levando as lágrimas.
Trata-se do resgate de uma alma, habitante das sombras, a pedido de sua mãe.
comentários(0)comente



rogeriocardoso.debarros 14/01/2015

Continuação dos relatos de André Luiz
Uma continuação dos relatos de André Luiz nos submundos da espiritualidade. O mais interessante é que este livro foi escrito na decada de 40 e fala-se de dragões do submundo e espiritos inteligentes que estão no mal, coisa que só li depois na Trilogia de Robson Pinheiro com os livros Legiões, Senhores da Escuridão e a Marca da Besta. Libertação fala da busca de um espirito que estava no mal e vai para o bem, com ações de espiritos superiores.
comentários(0)comente



spoiler visualizar
Ronney.Reis 24/12/2017minha estante
undefined




Moitta 25/12/2010

Uma dor maior sempre consola uma dor menor.

Já surpreende pela bela história do prefácio, creio que escrita por Emmanuel, sobre um peixinho que vence barreiras e cresce, e também sobre os males da ignorância.

Os ilimitados recursos do bem aparecem nesse livro de variadas formas.
André segue o instrutor Gúbio e o assistente Elói até locais de energias mais baixas, na missão de ajudar uma moça, filha espiritual de Gúbio. Chegam numa cidade completa situada nos baixos planos, e conseguem a permissão de ajudarem disfarçados de algozes.

Gúbio com paciência e calma sabe esperar a hora certa de agir, e não apenas consegue ajudar sua antiga filha, como muitos torturadores e trabalhadores da sombras, atraves de suas corretas atitudes, sem julgar e nem abandonar nenhum ser, por mais baixo e ameaçador.

Um livro de muitos ensinamentos, como todos da série. Um caso explicado em detalhes ricos e muito proveitosos.
Mais uma vez, criamos nossa realidade com a força dos pensamentos, constantemente. Plantamos o que colhemos, e a oração se mostra como canal da vontade divina sempre disponivel.
comentários(0)comente



brunnoleto 31/07/2016

Excelente!
Mais uma atividade laboral de André é descrita em "Libertação", ele relata um excelente trabalho de resgate e libertação realizado em regiões umbralinas, descrito com os detalhes que só André sabe fazer. Recomendo principalmente pelos grandes ensinamentos de amor ao próximo demonstrados através das atitudes dos salvadores, sempre com humildade e enaltecendo os ensinamentos de Jesus.
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



23/12/2011

Incrível como podemos nos surpreender. André Luiz, nesta jornada edificante, junto com o instrutor Gúbio e Elói, adentram nas profundezas do lado negro das organizações inteligentes para nos dar luz às tarefas e pensamentos dos espíritos menos esclarecidos e seus planos destrutivos. A missão desta vez é ajudar os espíritos encarnados a se livrar dos grilhões de ódio ao que os obsessores se prendem por estes. Durante este percurso aprendemos sobre o poder que o amor, a dedicação e a fé possuem juntos, atuando na capacidade de produzir maravilhosas mudanças na alma de todos os envolvidos em situações complexas e desesperadoras. Esta história reflete as palavras de Gúbio "A prece ajuda, a esperança balsamiza, a fé sustenta, o entusiasmo revigora, o ideal ilumina, mas o esforço próprio na direção do bem é a alma da realização esperada".
comentários(0)comente



Janine.Martins 25/01/2019

Cheio de post-it, marca-texto, anotações e deixando minha cabeça fervilhando quanto a muitos aspectos. Sem contar o incentivo de um amigo com vários spoillers que me deixavam ainda mais curiosa. Leitura densa, mas muito esclarecedora!
comentários(0)comente



Mayara.Francine 14/03/2019

Por meio de uma narrativa envolvente, André Luiz nos exemplifica a importância de seguir sempre os ensinamentos de Jesus, mostrando que os caminhos do mal levam ao sofrimento sempre. Entretanto, a misericórdia divina é sempre bálsamo em nossas vidas, mostrando que a Libertação depende apenas de nós.
comentários(0)comente



25 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2