Horror em Amityville

Horror em Amityville Jay Anson
Lorraine Warren




Resenhas - Horror em Amityville


203 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |


Júliah 01/07/2010

Um dos livros mais apavorantes que ue já li, tive pesadelos com ele, e lógico que pra mim isso significa que o livro é bom já que o intuito é ser assustador. Mesmo depois de muito pesquisar e ver relatos dizendo que essa história não é verdadeira, como alegam alguns, isso não faz com que o conteúdo seja menos apavorante. É bom demais!
Limao 25/05/2012minha estante
nunquinha que lerei!! me pelei de medo no filme! o livro deve ser muito mais assustador. mas me responda uma coisa, o colega ali embaixo FLAVIO, disse que os fatos são reais, e voce diz que não são...afinal...são ou não sao reias?


Júliah 28/05/2012minha estante
Bom... eu pesquisei bastante e essa parte de espiritos e a casa ser mal assombrada não é real. MASSSSSS o que não consegue ter explicação é como o assassino que matou toda a familia (e que esta preso ate hj) deu um tiro em cada um deles enquanto eles dormiam e nenhum acordou com o barulho, e nem como TODOS os corpos estavam virados de bruços quando foram assassinados. Ta vendo.. existe mesmo um mistério assustador.

Ahhh lê sim! É muito bom! ahahahhaa e muito assustador!!!


Lully 01/07/2012minha estante
Eu estava querendo ler a muito tempo e recentemente peguei emprestado. Li 50 páginas em meia hora, passou muito rápido! Mas eu fiquei com muito medo e parei... Acho que quando eu for um pouco mais madura, vou terminar de ler...


Lays 23/10/2012minha estante
Júliah, você diz que pesquisou e descobriu que a história é falsa.. como você chegou a essa conclusão? fiquei realmente interessada em descobrir o que é verdade e o que é mentira nesse livro..


Renato 03/09/2013minha estante
Esse livro é simplesmente fantástico,superou fácil minhas expectativas, e na minha opinião é muito melhor que ''o iluminado'' o melhor do gênero lido até então,fazia muito tempo que eu buscava por esse livro e nunca encontrava até que um dia achei em um sebo e fiz o pedido pela internet,e não arrependi,sempre lia cometários a respeito do livro e sempre quis ler ele,é indispensável na lista de quem é fã de terror,recomendo mesmo.


Diego 01/08/2014minha estante
Quanto a essa questão da história ser falsa, podem ter certeza de que o tema é controverso.
Para quem quiser se aprofundar, recomendo a leitura do livro The Demonologist: The Extraordinary Career of Ed and Lorraine Warren [Gerald Brittle].
Lá você encontra um relato do Ed e da Lorraine Warren sobre essa e outras histórias. Claro que cabe a cada dar credibilidade ou não a essas pessoas. Eu dou, por várias razões. Abraços


Renato 05/11/2015minha estante
Como todas as histórias com conteúdo sobrenatural, não tem como saber se é real ou não. O fato é que se encontra extensa documentação na internet (geralmente em sites ruins) com fotos da casa, da família assassinada e da família que foi morar depois. A história é contada como real e parece que foi bastante divulgada na mídia na época que os Warren foram passar alguns dias lá.




Tôca 16/01/2009

Muito Bom!
Um dos livros mais assustadores que já li. Mesmo para quem já viu o filme, vale muito a pena ler este livro. Ah sim, a história contada no livro é relativamente diferente do filme. Por sinal, muito melhor.
comentários(0)comente



Flávio 03/08/2011

Um documentário em forma de romance. É assim que podemos descrever o livro "Horror em Amytiville", baseado nas experiências vividas pela Família Lutz quando mudaram-se para o número 212 da Ocean Avenue, em Amityville. Durante os 28 dias que permaneceram na casa, fatos estranhos aconteceram.

De fato, Jay Anson conseguiu apurar a fundo a história dos Lutz e do Padre Mancuso (outro protagonista do livro). Obteve depoimentos de todas as pessoas envolvidas e pesquisou sobre todos os acontecimentos que antecedem a mudança da familia. Tudo isso para dar credibilidade à história, que é arrepiante em alguns momentos.

Por adicionar depoimentos e informações sobre a casa durante a obra, a leitura se torna um pouco cansativa em certos momentos, pelo estilo de narrativa que se assemelha, e muito, a um documentário, como já citei. De qualquer forma, é um bom livro. Para quem gosta da sensação do medo, ler este livro na madrugada é, sem dúvida, uma boa pedida. Mas não existe nada mais instigante do que saber que os acontecimentos contidos no livro foram reais.
Paulinha 18/12/2009minha estante
Concordo em gênero, número e grau. ;)


Pandora 10/04/2016minha estante
Eles se mudaram? Porque eles moravam no 112... rs...

Brincadeira, também achei cansativo em alguns momentos.




Bárbara :) 02/06/2010

Regular
Li esperando por um friozinho na barriga que nunca chegou.
Taci 04/08/2011minha estante
até agora to esperando esse friozinho na barriga também :)


Jossi 10/08/2014minha estante
O meu "friozão" ainda surge, cada vez que lembro de tudo o que ficou implícito dentro da história. O que mais intriga o leitor não é, exatamente, as cenas de terror (que parecem ser narradas, de fato, como um documentário e é mesmo uma narrativa tipo jornalística), mas os seguintes questões:
1 - Tudo aquilo aconteceu de fato?
2 - Se aconteceu, ao que se deviam todos aqueles fenômenos absolutamente bizarros?
3 - Se tudo foi real, por quê os "fenômenos" preferiram perseguir a família Lutz, mesmo quando estavam fora de casa?

4 - E o mais intrigante de tudo: E se for verdade? Tais horrores não poderiam se manifestar novamente - com qualquer um de nós?

Tomara que não, Deus nos livre! Hehehe. Eis o motivo que me deixou arrepiada após a leitura.




Craotchky 06/12/2015

Uma experiência com Amityville
"Até onde me foi possível verificar, todos os acontecimentos narrados neste livro são verdadeiros."

Horror em Amityville conseguiu fazer algo não muito trivial. Sem nenhuma dúvida esse é o livro que mais medo me deu até hoje; acho pouco provável que algum outro o supere nesse quesito, porém espero estar errado quanto a isso. Esse pequeno livro conseguiu atingir, quiçá superar as altas expectativas que eu tinha em relação a ele; coisa pouco comum de acontecer.

É possível imaginar com quanta gana iniciei a leitura de Horror em Amityville? Desejava esse livro há anos, e já tinha perdido a oportunidade de comprá-lo. Enfim, depois de uns três anos de espera, eis que consegui adquirir um exemplar. Entretanto um volume velho, desgastado, com manchas, mas em bom estado geral. Pode parecer loucura e talvez realmente seja mas acho que ler a história num livro velho e desgastado como esse exemplar contribuiu de alguma forma para minha leitura ser tão boa no quesito sentir medo.

Como eu logicamente sabia da reputação deste tomo no seu gênero, esperava, e até ansiava sentir medo durante a leitura (Julgo jamais ter sentido medo lendo algum livro até então; no máximo alguns esporádicos arrepios). Então, numa tentativa de concretizar esse desejo, e de quebra intensificá-lo, resolvi ler somente à noite (com o clima sombrio que apenas esse momento do dia proporciona), no silêncio completo, e à luz de um abajur. Toda essa preparação não foi inútil pois, proporcionou-me uma imersão profunda na história e no ambiente criado por ela, e amplificaram significativamente minhas sensações e emoções.

"No lúgubre silêncio da madrugada no quarto frio, George ergueu o crucifixo e Kathy recitou o padre-nosso."

A partir da página 130 a coisa fica ainda mais tensa. No silêncio sepulcral eu torcia para que não soasse algum ruído em casa... Acredite ou não, o barulho aconteceu, oriundo da geladeira descongelando. Ah, e naquele instante que levou para a consciência registrar o som e relacioná-lo a algo lógico; naquele brevíssimo momento o coração deu aquela acelerada, a respiração sessou, um frio percorreu o corpo fazendo a pele se arrepiar. Medo, medo!

Jay Anson escreve muito bem, de forma sucinta, clara e principalmente direta. Parece que cada parágrafo é importante, indispensável. Contém várias cenas realmente assustadoras. Dentre elas a que mais me impressionou (amedrontou) foi a “coisa” na escada... Para quem gosta do gênero o livro é essencial; um dos cinco melhores de horror que já li. E olha que já li um bocado... Se você gosta de terror esse é OBRIGAÇÃO.

Leia.
À noite, de preferência.
Eder 06/12/2015minha estante
Eu adoro esse livro. Em todos os sentidos.


Samara 04/07/2016minha estante
Adorei sua resenha, eu queria ler esse livro, mas até agora não o encontrei para comprar. Os livros que me assustaram foi de Edgar Allan Poe e os lia somente a noite.


Craotchky 05/07/2016minha estante
Obrigado querida Samara. Este realmente é um livro difícil de achar. Ouvi falar que ele será lançado pela DarkSide; comprei o meu em um sebo, me custou 10 reais, valor muito bem empregado. E Poe é mestre, um dos meus ídolos na literatura.


Mandark 04/08/2016minha estante
Minha edição também é velhinha e me vi em sua resenha, pois minha experiência foi bastante semelhante. Realmente um dos melhores livros de terror que li na vida!!! Suas resenhas são incríveis, por sinal.


Craotchky 17/08/2016minha estante
Obrigado Mandark!! Odeio essas resenhas que praticamente são sinopses ou resumos dos livros, então procuro evitar essas características nas minhas. Tendo abordar outros pontos e opinião pessoal para não acontecer de a resenha ficar abstrata.


Augusto 29/10/2017minha estante
Um dos melhores do gênero certamente. Comecei a lê-lo de forma despretensiosa por conta de decepções recentes com obras "similares" e acabou sendo uma grata surpresa.




Mandy 26/03/2014

Da tanto medo, mas a curiosidade não deixa você parar!
É tão assustador, da tanto frio na barriga e é tão peculiar que, das duas uma: ou você fecha o livro para nunca mais ler, ou devora tudo o mais rápido possível!
Confesso que só escolhi ler Horror em Amityville, porque gostaria de "testar" meu nível de "medo" , afinal faz muitos anos que não paro para ler Stephen King, Allan Poe e outros mestres do terror que não conseguia mais medir quanto eu me assustava (ou não) com bons livros de terror!
O livro descreve alguns fenômenos de uma forma tão perfeita que precisei parar em alguns momentos só pra contar para alguém, o quão bizarro era tudo aquilo!
Com fundamentos Espíritas, fenômenos Poltergeist, entre outras coisas, chega a testar nossos nervos, somando tudo a pior parte de todo o livro: Saber que a história é baseada em um assassinato real e você facilmente encontra muitas fotos do local (hoje em dia e na época do crime), declarações de várias pessoas sobre o assunto, etc...

É aquele tipo de livro delicioso, você sente um frio na barriga e ao mesmo tempo que está com medo e quer parar, você não consegue: a curiosidade é mais forte e é ótimo quando finalmente termina a leitura, vencendo todos os medos!

PS: Eu acabei de me reprovar no teste, estou com medo haha!
PPS: É não estou pronta para ler O Exorcista (por enquanto).
comentários(0)comente



Allice 28/10/2014

Um dos melhores livros que eu já li!
Fazia um tempo que eu não lia um livro com tanto empolgação, que me prendesse desde as primeiras páginas. A forma como o autor conduz à narrativa, faz com que a pessoa queira saber o que irá acontecer depois (hoje vou ler só um capítulo e quando percebe já leu uns cinco).

Um dos fatos interessantes da narrativa, em minha opinião, é que o livro ele não foi escrito para dar medo aos leitores (embora o sobrenatural sempre cause medo à maioria das pessoas). Mas, foi escrito para mostrar transformações psicológicas que os personagens passaram nesse processo de obsessão, que no começo são tão sutis que ninguém consegue perceber.

Em resumo, fiquei complemente envolvida com o enredo do livro. Senti medo, angústia, torci pela família e pelo padre. Acho que isso já são fatores mais do que suficientes para esse livro ir para o topo da minha lista de favoritos.
comentários(0)comente

Everton 28/10/2014minha estante
Alguém tem que lhe dar livros decentes né, de nada... de nada... hahaha




luizmerino 07/03/2010

Puro terror real !!
Já peguei o livro para ler sabendo bastante da história por documentários e filme ( que é bem diferente ), a única coisa que eu posso afirmar depois de ler o livro é : Pertubador !

Jay Anson cria uma narrativa com os relatos reais da família que vivenciou o ocorrido na casa de uma forma tão pertubadora que é difícil você não sentir medo por tudo o que aconteceu naquela casa em Amityville.

Já faz 2 dias que eu durmo com um olho aberto olhando ao redor para ver se não tem nenhum par de olhos vermelhos iguais ao do porco, maldita mania de ler esse tipo de livro a noite hahahahahha.
Nathy 26/12/2012minha estante
Esse foi,depois de O iluminado, o livro mais assustador que eu ja li! É incrível e te prende de um jeito que só quem leu sabe. Fikei dias com medo de abrir o livro e encontra o Jodie rs'




Alexandre 27/08/2010

Pra quem não tem medo de coisas do capeta e afins... é uma ótima leitura, mas pra quem não consegue dormir de luz apagada ou ficar em casa sozinho depois de ler algo do gênero, sugiro passar bem longe... é bem forte e aterrorizante, rs
comentários(0)comente



Cesar AS 10/03/2009

Um dos poucos livros de horror que li, e confesso que me assustou muito, bem diferente do filme. Olhos vermelhos na escuridão é f...
comentários(0)comente



Mateus 29/03/2009

Aterrorizante!
Depois de ler ele, nem queria dormir de noite!
É um grande livro de terror, e deve ser lido por todos que gostem de perder o sono.
comentários(0)comente



Cami 17/06/2010

Perturbador
O livro conta a história de uma família que se muda para uma nova casa, que anteriormente havia sido palco de uma terrível tragédia em família.

Os dias passam e coisas estranhas acontecem: temperaturas baixas em um determinado quarto, ruídos inexplicáveis, fenômenos indesejados e presenças espirituais perturbadoras.

Li o livro todo em apenas um dia. Virou roteiro de um filme morno, mas a obra original prende a atenção do leitor do início ao fim e, ao contrário da adaptação para o cinema, amedronta de verdade.
comentários(0)comente



Aline Maia 09/02/2011

É um livro bem interessante... Parece um documentário :)
Horror em Amityville é do tipo de livro que te envolve, vc não consegue largar ele, o leitor fica querendo saber qual é a próxima coisa estranha que vai acontecer na casa.

Não li muitos livros de terror, mas esse livro realmente me deu medo '-'
Foi difícil de dormir a noite no dia em q li ele ^^
Cheguei a me arrepiar com a parte da banda no andar de baixo :S, e eu nem preciso falar do Jodie e seus olhos vermelhos, não?
Me senti corajosa por ter conseguido terminar a leitura.
Eu não sei se o que é narrado de fato aconteceu, mas se não aconteceu a narrativa foi bem convincente! É uma história bem intrigante.

Pra quem se interessa por coisas inesplicáveis e gosta de se assustar, esse livro é recomendadíssimo ;)

ps.: o filme é bem diferente.
Evelyn Ruani 01/06/2010minha estante
Eu também gostei do livro! Embora também tenha tido dificuldades de domir rsrsrsrs

O filme é bemmm diferente mesmo...

Bjos


P e d r o 23/04/2011minha estante
Sua resenha me fez querer ler o livro, apesar de provavelmente, ter que pagar umas noites mal dormindas, esta é a parte ruim :D

No começo não queria ler este livro, pois vi o filme e achei fraco, mas todos dizem que o livro é melhor, irei lê-lo.


Tiago Ribeiro 29/05/2011minha estante
Quem quiser o livro eu to trocando ele pelo PLUS. É, eu sei: Fazer propaganda em resenha alheia é O FIM. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk




Niii 12/08/2009

Gostei, mas fiquei com muito medo... kkkkkkkk
Sou medrosa mesmo!!! E ainda mais em livros que fico imaginando tudo, muito pior do que assistir.
comentários(0)comente



Itin | @onlyforbooks_ 18/09/2010

Diabólicamente assustador!!!
A inquietante e perturbadora história de uma casa possuída pelo mal!
George e Kathy Lutz compram uma casa em Amityville e para lá se mudam com seus três filhos. O que seria um começo normal para toda e qualquer família – ignorando o fato de que a casa em questão é uma lendária mansão, onde Ronald Defeo matou a tiros os pais e seus quatro irmãos, alegando ter ouvido vozes do além – acaba se tornando um pesadelo, ao se depararem com acontecimentos sobrenaturais, e a presença de uma entidade diabólica muito perigosa.
Jay Anson narra minuciosamente todos os 28 dias aterradores que a família Lutz passou na casa em companhia do espírito das trevas, e como a entidade perseguiu-os, e a todos aqueles que ousavam ajuda-los. O livro é realmente assustador, e a cada parágrafo um acontecimento diabolicamente bizarro é narrado de forma aterradora. Os tormentos sofridos pelos Lutz incluíam: portas arregaçadas, janelas abertas a noite, acontecimentos estranhos no famoso horário mítico 03h15min, objetos que se moviam sozinhos, a presença perceptível de entidades, odores terríveis, presença de efeitos ectoplásmáticos, e entre os mais aterradores: a presença perceptível de um demônio com cabeça de porco, que aparentemente só a filha do casal via!
Um clássico do gênero terror / exorcismo, o livro tem como cereja do bolo um fator muito singelo: foi completamente baseado em fatos reais! Bom isso é uma grande incógnita, rodeada de controvérsias! A mansão de fato existe, e foi mesmo o palco do crime aterrador narrado no livro, e todos os eventos foram confirmados pelos Lutz! No final do livro, um capítulo a parte tem o relatório feito por médiuns, parapsicólogos e ocultistas que estiveram no local, e todos afirmam que se sentiram mal no local, inclusive o porão, e o quarto do segundo andar – onde supostamente a entidade maligna repousava – e apesar de nunca nada ter sido confirmado, nem registrado, os especialistas afirmaram que a casa era habitada por fantasmas, e ainda continha uma presença efetivamente maligna: um demônio!
Por outro lado, se afirma que Ronald Defeo só alegou ter ouvido vozes, para alegar insanidade no julgamento, e que os Lutz teriam deixado a casa por causa da falência de seus negócios. Contestando ainda mais a história sobrenatural, existem boatos que os Lutz receberam dinheiro para narrar a história, e que muito é contraditório, e ainda que o próprio Jay Anson teria anos depois confessado que tudo num passou de um golpe publicitário para vender o livro. A Igreja também não confirma nada, e desmente os infortúnios sofridos pelo padre causados pelo demônio. Ainda há o fato de que a famosa mansão foi colocada a venda a poucos dias, e os moradores que lá residem a mais de uma década, afirmaram nunca ter visto absolutamente nada estranho!
Se é real ou não, talvez nunca venhamos a saber, mas o fato é que Horror em Amityville é um clássico da literatura de horror, completamente envolvente e assustador, e nos leva a fazer uma singela e intima pergunta: “Tudo bem que existe mais coisas entre o Céu e a Terra que nossa vã filosofia pode entender, mas que merda tem na cabeça de alguém que permanece mais de um dia numa casa que portas se abrem do nada, e um porco do mal é amigo da sua filha? Bom se coisas assim existem, é melhor o Constantine existir também!!!

Critica aqui, com uma foto bem legal de um suposto fantasma no interior da mansão:

http://perimeter7.blogspot.com/2010/09/horror-em-amityville-amityville-horror.html
comentários(0)comente



203 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |