O Livro de Ouro da Mitologia

O Livro de Ouro da Mitologia Thomas Bulfinch




Resenhas - O Livro de Ouro da Mitologia


118 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |


Mateus 28/06/2010

Enfim encontrei um livro que conseguiu saciar minha fome por mitologia. Já li muitos livros sobre o assunto, mas algo assim nunca encontrei igual. Passei por Tróia, do Cláudio Moreno, Odisséia, de Homero, a série Percy Jackson, de Rick Riordan. Todos estes me fascinaram imensamente, e em cada um encontrei grande fonte de mitos e lendas mitológicas. Porém, O Livro de Ouro da Mitologia bate todos eles, pois nenhum é tão rico em descrições e detalhes. É um verdadeiro almanaque, ou melhor, um grande dicionário da mitologia grega e romana. E para minha grande satisfação, ao contrário do que eu pensava, o livro não trata apenas da mitologia grega e romana, mas também da nórdica, egípcia, hindu, dentre outras.

A mitologia grega já me fascina há muito e muito tempo, desde que assisti o filme Hércules quando era criança. Ver agora todos esses personagens mitológicos reunidos em um só lugar foi sensacional. Para quem não conhece nada sobre mitologia, este é um ótimo livro para começar, e para quem já é inteirado no assunto, é um prato cheio para enriquecer ainda mais sua cultura. Se acham que irei parar por aqui com livros do assunto, estão muito enganados. Continuarei buscando mais e mais sobre mitologia. Mas uma coisa é certa: O Livro de Ouro da Mitologia será o rei dentre todos.

Se você pensa que mitologia se trata apenas de um bando de deuses decidindo sobre a vida dos mortais, está grandemente enganado. A história da mitologia vai muito além disso: guerras, assassinatos, amores, ciúmes, maldições, feitiços, monstros, suicídios... Às vezes imensamente bizarra e trágica, às vezes grandemente poética e bela. Acompanhar cada personagem é uma aventura única, nos emocionamos realmente com cada um deles. Tudo é verdade ou mentira? Isso ninguém nunca irá descobrir. Mas seja verdade ou mentira, penei pela pobre Clícis, me emocionei com a jovem Psiquê, me entristeci com a ninfa Eco. Perceu, Proteu, Teseu, Hércules, me senti lutando ao lado de cada um desses valorosos heróis.

Para finalizar, venho lamentar o triste fim do paganismo e de todo o tipo de mitologia. Como o próprio livro diz, "ás vezes, quando nos sentimos poéticos, chegamos a lamentar tal mudança de concepção, e a achar que o coração perdeu tanto quanto o nosso cérebro ganhou com essa substituição". A ciência e a tecnologia podem até ter nos trazido um enorme conhecimento e nos mostrado o que realmente é verdadeiro e o que é imaginário. Mas os grandes mitos que enchiam nossos corações chegaram ao fim, e as belíssimas lendas mitológicas se afundaram e nunca mais vão voltar. Nas palavras do poeta Wordsworth:

Por Deus, preferia ser
Um pagão, alimentando crenças antiquadas,
Para que, de pé neste prado agradável
Vislumbrasse coisas que me fizessem menos abandonado;
Contemplasse Proteu levantando-se do mar,
E ouvisse o velho Tritão tocando sua antiga corneta.
Aline Memória 09/06/2010minha estante
E além de completo em matéria de mitologia grega, ainda aborda outras mitologias? Okay, com isso você me convenceu, preciso ler esse livro!


xxFelipe 04/09/2010minha estante
Me convenceu também. Pelo jeito parece excelente.


Fana 12/10/2010minha estante
Linda resenha, Mateus! Me fez divagar um pouco, especialmente no final!


hpsoares 15/10/2010minha estante
Nossa, que incrível sua resenha!
Fazia tempo que estava atrás de um livro como esse e com essa resenha, me convenceu de que 'preciso ler esse livro!'


Fernanda Samie 29/07/2011minha estante
Adorei a resenha! Estou lendo também e só de ver o que você escreveu estou mais ansiosa de chegar em casa e ler mais um pouco! E sobre a parte final, bem, essa é a grande razão de hoje eu não ser cristã!


Sarah 15/10/2011minha estante
Gostei da sua resenha. Realmente não tem muitos livros hoje em dia que possam saciar aqueles que adoram a mitologia - independente da religião, é claro.
É importante frisar que os gregos acreditavam mesmo naquele universo e, para aqueles que começaram a ler e começaram a ''mergulhar'' agora nisso, por favor, mantenham a mente aberta. Sem preconceitos. :)


Giovanna 29/02/2012minha estante
Adorei sua resenha.Também adoro mitologia grega, mas nem todos os livros são bons. Achei muito legal que no livro também tem mitologia egípcia :)
ótima resenha, parabéns !


LL 23/06/2012minha estante
Depois que li a Serie de Percy Jackson apaixonei pela Leitura e agora sempre buscando ler mais quero ler esse livro em breve


Lala 31/03/2013minha estante
Depois de da série Percy Jackson, a vontade de ler mais mitologia grega aumentou e recentemente estou procurando um livro de mitologia grega, pela sua resenhA, o Livro de Ouro da mitologia, me pareceu muito bom e estou entre este e o Grande Livro de Mitos Gregos, sabe se é bom? o segundo livro?


Mateus 31/03/2013minha estante
Não conheço o segundo livro, mas posso dizer que O Livro de Ouro da Mitologia é um livro fantástico e vale muito a pena ler!


Igor Brasil 15/05/2013minha estante
O grande livro dos mitos gregos é sensacional, mais completo. O problema é o valor, ele muito mais caro. Se tiver condições compre o segundo. Mas se quiser uma alternativa mais barata e também muito boa compre o primeiro!


Manuela Mascarenhas 18/04/2014minha estante
O livro em si é maravilhoso, no entanto perde um pouco em questões de aprofundamento com relação ao livro As Cem Melhores Histórias da Mitologia, por exemplo.

Parabéns pela resenha!


Valentina.Cunningham 25/01/2016minha estante
Matheus eu amei a sua resenha, vc definiu o meu sentimento pela mitologia!
Eu comprei esse livro quando era criança, exatamente esse da foto, é uma das primeiras edições que não é mais vendida, tem as fotos das pinturas bem grande para ver, eu me apaixonei por ele no instante que o vi, gastei toda a minha mesada nele... Eu tinha acho que 13 anos, até hoje sou extremamente feliz com ele! O nome faz jus porque ele de fato de ouro com todas as histórias, canticos, poemas... Nossa, nenhum livro até hoje me encantou tanto quanto esse!


Bia 07/02/2016minha estante
Estou esperando o meu chegar, e já estava muito ansiosa para ler, mas depois que vi seu coméntario, fiquei com mais vontade ainda .


Manu Cassanello 26/11/2018minha estante
Eu estou lendo esse, mas vi também "O Livro da Mitologia", sem o termo "de ouro", de capa amarela e da editora Martin Claret. Gostaria de saber se alguém já leu os dois e se tem alguma diferença de conteúdo. Os títulos em inglês são quase iguais (segundo as próprias informações de cada livro). A primeira vista, parecem ser apenas duas versões do mesmo livro, mas eu gostaria de confirmar com alguém que já tenha lido os dois.




Edu 13/01/2016

Legal
Legal o livro, tem uns textos bem interessantes, mas... a ideia do autor de chamar os deus gregos pelos nomes romanos matou o livro totalmente. Quem prefere os nomes romanos pira.
Inato 12/08/2016minha estante
Devia apresentar os dois


Edu 13/08/2016minha estante
As vezes o nomes em grego aparecem entre parenteses, ou são comentados, mas não é sempre. O autor preferiu mesmo os Romanos, nem curti.


Edu 13/08/2016minha estante
Mas tem bastante coisa legal no livro, apesar disso.




Mano Magrão 09/09/2015

Completão!
História completa sobre o tema proposto, nenhum detalhe fica para trás. Super recomendado para quem gosta do tema e deseja conhecer mais sobre o assunto!
NandoLAo 10/09/2015minha estante
muito bom mesmo


Patricia.Paixao 27/01/2016minha estante
Faltou se aprofundar na mitologia egipcia




Peterson Boll 26/05/2011

Criatividade
Depois de ler sobre dezenas de cosmogonias e centenas de divindades, cheguei a conclusão que o Monoteísmo é no mínimo, tedioso.
George Facundo 07/06/2011minha estante
Nesse assunto, não sei se vcs viram, mas eu gostei muito de uma série chamada "O Poder do Mito", uma entrevista com Joseph Campbell! :-)


Aline R. 10/07/2011minha estante
hahahahhahahah, boa :D




Fábio da Silva 14/07/2014

O Livro de Ouro da Mitologia
“O Livro de Ouro da Mitologia corresponde ao volume A Idade da Fábula de Thomas Bulfinch. É o melhor livro de referência e divulgação da mitologia, indicado em centenas de escolas e universidades de todo o mundo.” (texto extraído do próprio livro) Personagens como Apolo, Hércules, Minerva, Midas, Pandora; monstros como a Esfinge, a Quimera, Centauros e Grifos; A Guerra de Troia, O Regresso de Ulisses, As Regiões Infernais são alguns dos assuntos tratados, sem mencionar a mitologia Nórdica e Oriental, temas que até hoje fascinam a todos inclusive os produtores de Hollywood, o que vem rendendo ótimas bilheterias. Com O Livro de Ouro da Mitologia – Historias de Deuses e Herois, além de enriquecer sua cultura, o leitor será transportado para um mundo mágico e mitológico. Eu recomendo.

site: http://blogdofabiodasilva.blogspot.com.br/2011/09/o-livro-de-ouro-da-mitologia.html
Fábio da Silva 14/07/2014minha estante
É uma ótima leitura para os amantes de mitologia.




Cris Lasaitis 28/12/2010

http://cristinalasaitis.wordpress.com/2009/04/29/leituras-abril2009/

A Idade da Fábula virou O Livro (Edi)Ouro da Mitologia provavelmente porque é uma referência clássica, foi escrito no século XIX. É uma compilação de mitos organizados pelo critério (caótico) de Thomas Bulfinch, que tem o mérito de abranger a quase totalidade da mitologia greco-romana, as narrativas clássicas (de Homero e Virgílio - muito bem contadas, aliás!); e ainda uma paçoca de mitos hindus, egípcios, persas, nórdicos e celtas. De resto, prometo que não vou bater muito porque Thomas Bulfinch não está aqui para se defender.

O livro é bom? Eu diria que é completo, rico em informação, é um livro que eu certamente daria para uma criança ou um adolescente conhecer mitologia. Mas para alguém que está pesquisando com um interesse que vai além da mera curiosidade e se preocupa com a acurácia, não é uma boa fonte de pesquisa. O texto de Bulfinch não é aquela coisa (ou a tradução que é ruim, ou os dois), os mitos estão encobertos por um véu de puritanismo vitoriano (sinto dizer, a pornochanchada mítica ficou de fora), e a todo o momento ele faz referência a textos poéticos (absolutamente redundantes) de escritores da língua inglesa, como se estivesse se escondendo atrás deles pra se proteger: ”olha, não fui eu que disse, foi Lord Byron!”

O critério de agrupamento de informações é curiosamente nebuloso, juntando no mesmo capítulo temas tão próximos quanto Pitágoras, oráculos e mitologia egípcia, ou Zoroastro, mitologia hindu, Buda e o Dalai Lama(??!!). Realmente, pros americanos do século XIX devia ser tudo farinha do mesmo saco (ora bolas, Buenos Aires ainda é a capital do Brasil!). Apesar de seguir a nomenclatura romana, em alguns momentos os nomes deslizam pros lados da Grécia, Minerva ora é chamada Palas, Febo é mais chamado de Apolo… Não existe nenhuma divisão entre o que é mito, o que é história e o que é literatura; todas as informações são lançadas no texto e misturadas como se fossem uma coisa só. A biografia de Safo (não sei porque, mas como critério de confiabilidade a biografia de Safo sempre é o tendão de Aquiles) saiu-se uma pérola: uma grande poetisa da antiguidade que se apaixonou por um jovem e se atirou de um penhasco - que romântico! Franboesa de ouro também para o tradutor e o time de revisores que deixaram todas as referências a Shelley (MARY Shelley) no masculino.

Mas olha pelo lado bom: é cheio de figuras!
Danilo 02/07/2014minha estante
Corrija-me se eu estiver errado, mas o Shelley citado é o Percy Bysshe Shelley, marido da Mary Shelley, que é ainda hoje famoso por suas poesias como Ozymandias. Já a Mary Shelley se consagrou enquanto romancista.




Nena 07/11/2016

Para quem quer um resumão básico em um só livro, esse é o livro certo. Fala da mitologia grega, romana, guerra de troia, a odisseia de Ulísses, Pitágoras, mitologia oriental e nórdica. Tudo bem resumidão e com ilustrações. Ponto fraco: muito resumido, ilustrações em preto e branco e não cita as “coincidências” da vida de vários deuses com o cristianismo. Aliás, usou por mais de uma vez o termo “trevas do paganismo” referindo-se a uma religião muitíssimo mais antiga q o cristianismo, o q achei tremendamente desrespeitoso. Mas é um bom livro.
Vikevelyn 07/11/2016minha estante
Como sempre suas resenhas estão sensacionais (: vou ver se tem em pdf pq comprar um "resumao" nem compensa.




Daniel 01/10/2017

Livro de Prata da Mitologia
Para ser chamado de livro de ouro um livro tem que tratar de tudo relacionado ao tema e não é isso que se vê neste livro.

O autor trata com riqueza de detalhes a mitologia clássica greco-romano, citando até heróis e mitos irrelevantes. Mas dedica poucos capítulos para as mitologias nórdica, bretã e oriental. Também não há citação nenhuma às mitologias latino americanas, as ricas culturas maias, astecas e incas e mesmo indígena brasileira e estadunidense.

Por isso, para mim, este é o livro de prata da mitologia ou o livro de ouro da mitologia greco-romana.
l. r. Silva 19/12/2017minha estante
Tive essa mesma impressão. Também incomodou um pouco o fato dele usar os nomes romanos dos mitos, em vez dos gregos. O que você recomenda na linha das demais mitologias que você citou?
um abraço, valeu!




Gustavo 15/04/2013

UM GRANDE E APRESSADO RESUMO!
O livro nada mais é do uma coletania de artigos rápidos e desconexos dos mitos gregos. Não há uma narrativa coerente, nem um estudo de como a mitologia era importante para os crentes antigos. Cada capitulo traz uma rápida descrição de um mito, seu parentesco com outros deuses e/ou uma resumida narração de sua historia.
Vale o preço que se paga em um livro de R$10,00 que se encontra numa banca de jornal.
Lene 09/11/2015minha estante
Quando li a proposta do livro me apressei em comprar imaginando se tratar de um livro completo sobre mitologia greco-romana apenas, daí apareceu uma promoção imperdível e comprei toda feliz e achando que era algum livro que contasse mesmo a origem, as histórias, os romances e guerras. Enfim, queria um resumo histórico das lendas, algo como um livro de história mesmo, apesar de não haver comprovação disso. Ledo engano.
O livro chegou e já me desapontei, percebi antes de abrir que não teria nem metade da metade dos mitos que desejava saber mais, mas imaginei que tivesse uma continuação ou algo assim.
Li os primeiros contos ( porque nada mais é do que isso ) e folhei por cima, percebendo assim as lendas nórdicas , entre outras e só então percebi que o livro (fino demais pro meu gosto) era não só uma obra "completíssima" da mitologia greco-romana que imaginei, era também uma obra completíssima de todos os heróis famosos, lendas, artefatos e tudo mais da toodaa a mitologia!!!
Olha, nunca me desapontei tanto com um livro, e sou do tipo que não reclama ou abandona nada, mas esse livro nada mais é que uma coletânea de contos , algo que eu posso fazer retirando os contos da internet e imprimindo, com a diferença que o meu livro seria muito mais completo.
Pra quem tem acesso a net hoje, não recomendo a compra, é perda de tempo, uma pesquisa rápida, um site de contos e lendas tem mais conteúdo que o livro.




Alex Marcelo 23/05/2015

Recomendo!
O Thomas Bulfinch conta a estória dos Deuses, Semi Deuses, Heróis etc de uma forma tão clara e objetiva, que dificilmente senti vontade de parar à leitura. Eu que sempre tive um certo interesse em saber um pouco mais sobre a Mitologia Grega posso dizer com veemência que aprendi muita coisa e fiquei fascinado! Confesso que para marinheiro de primeira viagem é um pouco mais confuso, pois o lance dele ter dado os nomes dos Deuses em grego e romano deixa a gente um pouco perdido! (risos) Mas nada que umas repaginadas não resolvessem tal problema, ouso informar que é um livro com muitas informações.Muito bom! Com certeza lerei novamente e pesquisarei mais outros livros com o mesmo tema. Em tempo, Bulfinch foi feliz em ter enfatizado também sobre outras mitologias como a Nórdica, Celta, etc. O livro é excelente!!! Super recomendo!
Alex Marcelo 23/05/2015minha estante
Ah, não curti muito os poemas citados.




ELAINE 26/01/2014

Fascinante!
Sempre fui fascinada por mitologia, principalmente a grega.
Esse livro nos leva a histórias fascinantes de deuses, deusas, ninfas, castigos, heróis, e um conhecimento geral para quem busca saber sobre mitologia.
Joy* 29/03/2014minha estante
Concordo. Eu também sou fascinada pela mitologia.




Everson Rodrigues 18/12/2015

Análises descompensadas, mas leitura regular.
É interessante o modo didático que começa o livro e as análises sobre a mitologia grega prendem a atenção. As discussões sobre monstros mitológicos e sobre a origem da mitologia também são boas. Infelizmente o livro se propôs a discutir várias mitologias, mas foi tão breve em outras importantes como a egípcia que ficou meio frustrante. No mais, é uma leitura recomendada pra quem tem interesse no assunto e quer uma leitura leve.
Patricia.Paixao 27/01/2016minha estante
Achei que iria encontrar mais informacoes sobre a mitologia egipcia e seu politeismo fascinante.Mas fiquei descepcionada com isso.O autor poderia especificar "O livro de ouro da Mitologia Grega e Nordica",mas por 9.90 foi uma boa leitura.




Fran RW 31/08/2012

"O Livro de Ouro da Mitologia" - Thomas Bulfinch
Pra mim, particularmente, mitologia nunca foi sinônimo de chatice. É que tive contato com ela relativamente cedo: Quando tinha 14 anos, li a versão de Odisseia adaptada pela Ruth Rocha, para um trabalho de escola. Porque, por incrível que pareça, aqui em casa não tinha um mísero aparelho de DVD ou um videocassete, onde eu pudesse ver o filme.

Isso em 2007.

Depois disso só voltei a me esbarrar com os deuses do Olimpo este ano, quando participo do Desafio Literário, que propôs o tema Mitologia Universal para o mês de setembro. Aí, este amiguinho do qual vou começar a falar daqui a pouco, furou minha fila de leituras programadas para este ano.

Pra início de conversa, originalmente o título deste livro nem era esse aí. Era A Idade da Fábula. Ele só passou a ser publicado no Brasil sob o coditítulo de O Livro de Ouro da Mitologia porque é o trabalho mais completo já escrito sobre o assunto. E também, sejamos sinceros, porque este título é muito mais atraente do que aquele. ;)

É bem completinho. Mostra com detalhes todas as lendas mitológicas greco-romanas mais conhecidas. Ele conta, por exemplo, como, segundo tal cultura, teriam surgido o universo, certas constelações, os girassóis, o eco... Por quê as ameixas são vermelhas, os narcisos se chamam assim, por quê nas Olímpiadas os vencedores são coroados com louro, entre outras coisas.

Mas não é só isso. O livro fala também das mitologias asiática e nórdica, e um pouquinho das crenças célticas. Agora tenho certeza que se tivesse lido esse livro antes, teria entendido com muito mais facilidade algumas histórias contadas em O Senhor dos Anéis que, dá pra ver, o Tolkien retirou da mitologia nórdica.

Outro cara que usa muitas passagens e criaturas mitológicas em seus livros é o Shakespeare, por isso, se você quiser entender tudo o que está em seus livros, sugiro que leia este do Bulfinch.

O que faz completo O Livro de Ouro da Mitologia não são só as lendas contadas nele. São as imagens de inúmeras estátuas e pinturas de deuses e heróis que, mesmo em preto-e-branco, são de encher os olhos com a riqueza de detalhes que têm, muitas delas incrivelmente realistas, - e os poemas, extraídos de livros de poetas como Milton e Byron, que encerram cada capítulo,

A leitura dele pode parecer difícil no começo, porque os deuses e heróis são citados com seus nomes romanos, não com os nomes gregos a que estamos acostumados. Em vez de Zeus, Apolo e Afrodite, por exemplo, se fala de Júpiter (ou Jove), de Febo e de Vênus. Mas garanto que é só no começo. :)

Sem dúvida, é um dos livros mais interessantes que já li, e não é chato, não. Além do que, é cultura! (Em ambos os sentidos da palavra.) É, sobretudo, para curiosos e sedentos por conhecimento, como eu, e é, claro, tem tudo para ser o livro de cabeceira de quem adora mitologia.
comentários(0)comente



Marcus.Ãliver.R 08/07/2019

Médio, mas interessante
É um livro didático com a maioria dos mitos gregos e serve de base para futuras leituras, mas tem uma escrita um pouco devagar. Um livro para se ler uma vez e as vezes consultar em uma dúvida, porém não é o melhor livro sobre mitologia grega.
comentários(0)comente



Tony Nando 06/05/2013

muito interessante
livro muito bom, quem gosta de mitologia esse livro faz uma viagem em varias histórias mitológicas do passado, um resumão de tudo que já ouvimos, excelente para quem gosta de história. recomendado !
comentários(0)comente



118 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |