Extraneus Volume 3

Extraneus Volume 3 Eric Novello
Heidi Gisele Borges (Celly Borges)
Lino França Jr.
Leonilson Lopes




Resenhas - Extraneus Volume 3


1 encontrados | exibindo 1 a 1


Cláudia 12/09/2012

Em nome de Deus é o 3º volume da série Extraneus, é uma coletânea de contos lançada em parceria entre as editoras Literata e Estronho.
O tema é bem polêmico... as muitas barbaridades cometidas em nome de Deus, uma justificativa usada por diversas crenças e pessoas, frequentemente considerada aceitável. Religião é um assunto bem complicado de comentar, nem saberia por onde começar, felizmente os contos trazem uma boa diversidade dentro do tema e não se prendem em títulos/especificações, o leitor vai ter uma ideia de qual religião estaria sendo abordada, mas o nome não tem tanta importância, o principal (acredito eu) é o poder que exerce sobre seus crentes. No caso aqui, de forma negativa. Eu acredito que qualquer crença ou grupo que influenciem e apoiem uma pessoa de forma positiva é uma boa adição à vida da pessoa. Agora quem distorce as ideias em beneficio próprio, prejudicando os outros no processo, algo que acontece em diversas situações não religiosas também, não tem o meu apoio. É aquele velho e bom lema – o meu espaço termina quando invade o de outro.

Voltando ao livro, os 14 contos, são sobre as atrocidades, crimes horrorosos, feitos em nome de algum Deus por pessoas que nem parecem ter um conhecimento aprofundado de sua dita “crença”, que usam uma ideia para justificar seus atos, mas nem consideram estudar e interpretar o assunto a sério, realmente aplicar em todas as áreas da vida.

Acho difícil comentar livros de contos, esse ainda mais, pois ligar um ato ao conto poderia entregar a trama geral. Então não vou fazer a ligação ao título de todos. Avaliar coletânea também é mais difícil, decidi pela nota levando em conta a diversidade, originalidade e o fato de ter gostado bastante de vários contos. É um livro muito bom e ao mesmo tempo difícil pelo assunto forte.

Um dos meus contos favoritos foi - Dúvidas em Tânatos, Eric Novello – ele é sobre exorcismo e homofobia, mas o autor criou toda uma realidade com um toque sobrenatural. O BEAST – Batalhão Especial de Assuntos Sobrenaturais – tem potencial para outros capítulos.

O cortejo da insanidade, Lino França Jr. – é sobre essas pregações que passam na TV e prometem milagres em troca de uma mensalidade, era de se esperar um conto sobre isso, à maneira que o autor desenvolveu foi o que chamou a atenção, ficou bem macabro, daria um bom filme de terror.

Determinação, fidelidade, sacrifício - Amém!, Daniel Cavalcante – apresenta um “mundo” distópico. O Supremo Mestre esta investindo no Brasil, nas crianças. Elas são separadas dos pais e criadas em um Centro Comunitário, lá recebem um treinamento especial, estão virando um exérxito. Não existem mais doenças e laços de amor são reprimidos, quem recusa tratamento é levado para a Ilha de Páscoa. Esse também foi um dos favoritos.

Depois do mar, Fernando Salvaterra – é um conto bem estranho e irônico, o que me fez gostar bastante dele. É sobre o surgimento de um cadáver alienígena na praia.

Remissão dos pecados, Adriana Pueblo – mostra à ganância do pastor de uma seita, ele é um homem atormentado que começa a perder o foco.

Sofrimento eterno, Monique Rodrigues – o último texto da coletânea é bem forte, é sobre punição, a maneira como é contada a história faz toda a diferença, é violento e perturbador.

Espero ter dado uma boa ideia geral. Além dos destacados encontramos enredos sobre Palestinos e Muçulmanos, Dívida, Incesto, Inquisições, Cruzadas, Canibalismo, Bruxaria, Abuso Sexual, Pedofilia, Incesto, Prostituição, Roubo, Corrupção, Canibalismo, Punição, Perdão, Salvação e Ódio, muito ódio.
A leitura foi rápida e muito boa (ela entrega o que prometeu), principalmente pela criatividade e variedade, cada conto é bem diferente do seguinte, cada um segue uma linha de pensamento, tempo e tom.

http://www.concentrofoba.com.br/
comentários(0)comente



1 encontrados | exibindo 1 a 1