Nascida à Meia-Noite

Nascida à Meia-Noite C.C. Hunter




Resenhas - Nascida à Meia-Noite


205 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |


Priscilla 02/12/2011

Entre Fatos e Livros- http://fatoselivros.blogspot.com/
Estou apaixonada! Estou muito apaixonada! Irremediavelmente apaixonada por esse livro!

Sabe quando o leitor pega um livro nas mãos e tem a certeza de que a leitura será proveitosa? Então... Assim foi com Nascida à meia- noite.

Kylle Gallen é uma adolescente de 16 anos, cheia de personalidade, passando por problemas em aceitar o fim de seu namoro e o divórcio nada amigável dos pais. Mas nenhum problema da menina se compara ao choque que levou ao ser enviada para um acampamento de jovens problemáticos, Shaldon Faws.

Contudo, Kylle logo descobre que ao invés de jovens com sérios problemas comportamentais, seus novos "colegas" são, na verdade, sobrenaturais. Suas companheiras de chalé? Uma bruxa maluquinha e uma vampira esquentadinha. Os paqueras? Um fae (fada) e um lobisomem. Amigos? Fadas, metamorfos, descendentes de Deuses...

Mais difícil que aceitar que esses seres fantásticos existem é acreditar que também seja um deles. Ela não pode se transformar em lobo, sente asco só de pensar em sangue e com certeza não possuí os dons da magia. Sua única anormalidade é enxergar um fantasma- apelidado por ela como soldado Duque. É então que acompanhamos Kylle em sua jornada de auto descoberta e aceitação do universo sobrenatural que pode ser tão assustador quanto atraente.

"Risos e gritinhos femininos chegaram aos seus ouvidos.
Tinha achado a ideia de que eram "normais" reconfortante,
mas não podia exagerar: Nenhuma daquelas pessoas era normal.
Nem ela."

Eu não sei o que é melhor nesse livro! A narrativa é feita em primeira pessoa e possuí uma linguagem bastante atual, típica de YA, cativante e engraçada. Aliais, com esse livro o leitor não sabe se ri, se chora, se por curiosidade lê tudo de uma vez ou se realiza a leitura devagar para prolongar a sensação gostosa. Seja como for, prepare-se para a DPL (Depressão Pós Livro).

O romance é daqueles que o leitor daria o rim um dedo para entrar na disputa. Derick, o fae, além de um gatinho possuidor de um físico invejável e de olhos verdes irresistíveis, é um fofo super dedicado e apaixonado. Lucas, o lobisomem, é puro FUEGO! Meu coração gamou no lobo, mas tem um lugarzinho para o Derick também.

Não é só de romance que se faz a vida, a amizade também tem sua importância. E nisso Kylle também está bem servida. Miranda e Della são uma comédia à parte. Vivem entre tapas e beijos e dão um frescor a história.

Eu li muitos livros esse ano, mas sem sombra de dúvidas, esse foi um dos melhores. O único defeito é se tratar de uma série, o que significa a espera do lançamento do próximo volume. Mas para felicidade geral da nação Nascida à Meia- Noite pode virar filme!!!

Finalizo reafirmando: estou apaixonada por esse livro! LEIAM, LEIAM LEIAM!
melzinharj 13/03/2012minha estante
É impressão minha ou esse livro parece uma cópia modificada de Fallen?


Ju 17/05/2012minha estante
Quando vi a sinopse, à primeira vista, também pensei que poderia ser uma cópia modificada de fallen. Tipo, tem tudo para acreditarmos que seja, maaaas eu ainda não li o livro. Vou comprá-lo hoje e ai vou comprovar né...


Bruninha 21/06/2012minha estante
EU SIMPLESMENTE AMEI DE PAIXÃO A HISTÓRIA DO LIVRO, LIA COMO SE ESTIVESSE ASSISTINDO UM FILME QUE NÃO CONSEGUIA PAUSAR OU ALGO DO TIPO! AMEI E RECOMENDO A TODOS!


Nataly 05/12/2012minha estante
1º- Acampamento Shadow Falls, 2º soldado Dude, 3º- Derek, e a narrative é em 2ª pessoa, só os pensamentos que, lógico, são de Kylie, desculpe a correção, mas... e sim, série é muito boa, envolvente, realmente espero que se torne um filme e espero também que não seja um filme como o Ladrão de Raios baseado no livro de Rick Riordan.Boa leitura! é um livro ótimo, estou esperando o 4º da saga já e se quiserem, tenho os dois primeiros livros dessa saga disponiveis para download, me contatem por e-mail informando o assunto (nataly.padilha@hotmail.com) e irei responder em breve!! Abraços! ;)


Priscilla 25/03/2013minha estante
Nataly, obrigada. Eu irei consertar assim q possível. Algumas vezes escrevo de madrugada, por isso a falta de atenção. Já li o 4° livro, Sussurros ao Luar e é perfeito!


Katia 24/09/2013minha estante
Kylie Galen**** não Kylle Gallen...


Cristiane 21/08/2014minha estante
sim é muito envolvente a historia de Kylle Gallen, li a saga toda em menos de um mês, e estou ensaiando pra ler de novo,rs


Luanna 16/10/2014minha estante
ESTOU LENDO O PRIMEIRO DA SÉRIE, MAS ESTOU ADORANDO E ME DIVERTINDO MUUUUITO COM A KYLLE!!


Daia 21/01/2021minha estante
Gente na ajudem onde posso ler esse livrob


Bea 20/04/2021minha estante
Esse livro é tão maravilhoso ??, cheio de magia e mistério. A história consegue prender você a cada página ?. Esse livro precisa ser mais valorizado ?.


pâm 08/05/2021minha estante
como faço p ler, não consigo




Bárbara Allen - @mgeekportal 16/07/2017

Dona flor e seus dois supernaturais
Tenho que confessar que comprei esse livro pela capa, muito mais que pelo tema porque não ligo muito. Mas foi tudo tão maravilhoso... e me envolvi tanto na história que quando a última página virou lá estava eu desesperada catando o próximo, decepção porque não tinha lançado no Brasil o segundo. Ou seja, minha vida foi uma grande tortura esperando pelos lançamentos. Voltando a história, é tudo tão bom no livro que nada enjoa e mesmo tendo um tema central, existe em cada livro situações a parte que não deixa a história cansativa e parada, existe sempre algo novo para se descobrir. ⠀

Sobre os personagens é um tão bem escrito que o outro, tá a principal às vezes da vontade de matar, porém os dois maravilhosos Lucas e Derek compensam ela é que se eu pudesse pegava os dois e viva como Dona Flor e seus dois maridos. Fora isso temos a rebelde Della e a fofa Miranda (que quero colocar no potinho).

Não tem como não se apaixonar pela Saga do Acampamento Shadown Falls". Se fantasia é sua praia, mergulhe então nesse livro. Em breve estarei fazendo uma releitura dele e quem se aventurar em uma leitura conjunta so gritar aqui!
@meus_livro Estela 16/07/2017minha estante
Eu tenho só essa edição , snif snif


@meus_livro Estela 16/07/2017minha estante
Eu tenho só esse volume , snif snif


Bárbara Allen - @mgeekportal 18/07/2017minha estante
Aiii chegou a ler??? Assim que puder compre os outros também! São maravilhosos


@meus_livro Estela 19/07/2017minha estante
ainda não li .




Alessandra 13/12/2013

Começo de um amor inexplicável
Á Vida de Kylie Galen esta desmoronando ,os pais estão se separando, a avó veio a óbito, e o namorado terminou o relacionamento com ela. Ela enxergou um soldado que mais ninguém via. Depois de estar no lugar errado e na hora errada,a mãe decide manda-lá para um acampamento para jovens problemáticos.
E, assim começa o primeiro livro de uma série que me marcou muito.
Logo na Viagem de ônibus até o acampamento nós percebemos que há algo de estranho nos campistas e já percebemos que o acampamento não é nada muito "Normal"
Quando a Nossa protagonista chega ao acampamento de cara descobre que é um acampamento para jovens sobrenaturais (ela também é uma sobrenatural), mais ninguém consegue definir sua especie. Como em todos os livros de gênero sobrenatural ,no começo a protagonista se recusa a acreditar em tudo o que está diante dos seus olhos, não acredita que faz parte daquele mundo.
Nesse primeiro Livro nós acompanhamos o processo de adaptação e aceitação Da Kylie com aquele mundo totalmente novo,onde bruxas ,lobisomens ,vampiros e etc...Existem.
Também conhecemos os dois garotos que vão compor o triângulo amoroso que acompanha toda a série. Derik é um Meio Fae hiper fofo, sempre disposto á ajuda-la , onde faz com que ela se sinta em um verdadeiro conto de fadas.
Lucas(Team Lucas \o/) é um Lobisomem puro Sangue que foi vizinho de Kylie quando crianças,ele é super protetor,auto-confiante e um fofo também, mas, de um jeito diferente do Derik.
Os outros personagens são bem construídos, explorados e são totalmente cativantes, não tem como você não querer ser amigo deles.
O mistério apresentado é bem envolvente e te faz querer saber logo o desfecho.
Narrativa leve, leitura super fluente, desde á hora que comecei a ler não conseguia desgrudar os olhos do Livro, Porque eu me senti totalmente envolvida pela história.
"Nascida á meia noite" é aquele tipo de livro que não deixa você desgrudar dele até terminar de ler ,te faz querer entrar no universo do livro e vivenciar várias coisas que os personagens vivem.
Pra quem gosta de sobrenatural,com romance e quer dar umas boas risadas mais que recomendo não só "nascida á meia noite" mais a saga acampamento shadow Falls inteira.
Rafaelle 18/12/2013minha estante
Ótima resenha! Me fez querer ler o livro imediatamente!


Cau @foconaleiturabsb 02/01/2014minha estante
Adorei sua resenha, exatamente como me senti qd começei a ler a serie. Estou no meio do terceiro livro, e não consigo parar de ler!!!


Petra2005 18/01/2015minha estante
que ser sobrenatural kylie é




Paloma 23/08/2013

Chato, nenhum personagem me prendeu.
"NÃO", era só isso que eu pensava enquanto lia Nascida à Meia-Noite.
Me peguei várias vezes com vontade de rasgar o livro.
Sei que muita gente disse que o livro é ótimo, e por isso eu comprei, mas não me agradou nem um pouco.
Tive impressão de que a futilidade da cabecinha de Kylie era ressaltada à cada instante.
Achei comparações e frases idiotas, como a Kylie ficar dizendo que azul era o novo preto. Que cerveja tem gosto de xixi... Enfim, coisas que mães falam as filhas adolescentes.
Parecia que eu estava lendo um daqueles livros informativos sobre sexualidade, drogas e juventude só que com uma linguagem descolada.

Não curti, no meio do livro, lá pelas 140 páginas , eu já estava cansada de Kylie, Miranda e Della, e ia saltando parágrafo por parágrafo sem ler, só lendo os rápidos diálogos de tão chato que os personagens eram e de tanto que a autora fixava as mesmas qualidades.
Lucas tem olhos azuis, acho que toda vez que se referia a ele, tinha que dizer "aqueles olhos azuis", Derek é igual a Trey, toda vez que se refere a Derek, você pode esperar por um "Mas ele é igual a Trey", Kylie quer ser normal e fica páginas e páginas dizendo que é melhor ter um tumor no cérebro... Enfim, uma chatice só.

Sinceramente, C.C. Hunter não me conquistou, até a entediante Zoey de Marcada me prendeu, mas Kylie não passa de uma adolescente reclamona e medrosa.
Cris 22/09/2013minha estante
Caraca! Estou com o livro embaladinho pra ler e dei de cara com esse comentário,rsrs. Agora eu ja comprei e vou ler. Espero que eu goste. Ou,pelo menos,consiga ler até o final sem me sentir desesperada pra acabar a leitura.


Paloma 08/10/2013minha estante
Oi Cris, leia o livro, tem muitas resenhas que fazem elogios a este livro. Não é o meu caso porque eu não sou romântica desse jeito e não gosto quando o livro se repete demais, sou mais os vampiros da Anne Rice e o Dorian, ou entao o mundo perfeito da trilogia fronteiras do universo, enfim, esse tipo de história não me encanta muito, porque acho os personagens muito pobres, eles se atem a amar, odiar. Eu preciso de personagens que sejam quase reais, kkkkkk é isso! Mas leia e depois me conte o que achou.




Edna 08/01/2021

Que livro perfeito!
Esse foi o primeiro romance sobrenatural que eu tive o prazer de ler, e devo admitir que até hoje não encontrei nenhum melhor.
Um livro que te faz querer ler em um só dia que prende a sua atenção do início ao fim. Li todos 5 em uma semana de tanta empolgação.
Acredito que haja muitas críticas de muitos leitores, por começar pelo título que muitos afirmam "não ter nada a ver com o livro", mas isso é explicado logo quando ela chega ao acampamento.
Mas para essa leitora não existe livro igual se tratando dessa categoria de romance sobrenatura.
Existe aqui um triângulo amoroso, e ao contrário de muitos livros sobre triângulo amoroso em que a gente já sabe com quem a mocinha vai ficar, esse aqui nos deixa na expectativa pra saber quem vai ser.
E não é só isso, ao contrário de muitos livros desse gênero que só gira em torno do romance, esse aqui nos trás uma drama e mistério nunca visto por essa leitora.
Talvez eu esteja superestimando esse livro, mas não consigo encontrar defeito algum nele.
RECOMENDO!!!
Ka 08/01/2021minha estante
O livro é muito bom mesmo! É dificil achar romance sobrenatural tão bom quanto ele! E os personagens são incríveis ?


Edna 08/01/2021minha estante
Concordo plenamente ?




Nicole 16/02/2021

Muito bom, amei muito, te envolve do começo ao fim, um dos melhores livros com criaturas sobrenaturais ??
Lore 16/02/2021minha estante
Caramba li faz tantos anos que nem lembro a história. Meu livro está amarelo como se tivesse 200 anos.


Nicole 16/02/2021minha estante
Kkkkkk




Anny | @annykindle 16/01/2021

Uma fantasia bem 2008
Quando iniciei a leitura tive a sensação de que era uma extensão de Fallen e PJO, pois a estrutura da ambientação e dos personagens se assemelha demais a esses dois livros. Não é algo que considero ruim, só mais do mesmo.

Como é uma saga de 5 livros, tudo ainda está muito vago e a única certeza desse livro é um triângulo amoroso que não sei se vou gostar muito.
Carolayne 07/04/2021minha estante
Eu gostei, faz tempo que li. Mas achei melhor que fallen.


Anny | @annykindle 07/04/2021minha estante
Não achei ele ruim, só um pouco fraco pra o gênero. Mas vai da opinião de cada leitor ?




Emii 08/05/2019

Uma prato cheio de clichês
Nascida a Meia-Noite é o primeiro da série Shadow Falls, que possuí mais quatro sequencias, totalizando 5 livros. Nesse primeiro somos apresentados a Kylie, uma adolescente comum que vem se sentindo insatisfeita com sua vida. As coisas não estão do jeito que ela queria, seu namoro acabou de terminar e ela ainda se senti muito atraída pelo boy, seus pais estão se divorciando, ela não tem uma boa relação com sua mãe, ainda por cima, em momentos aleatórios ela é assombrada pela presença de um homem vestido de soldado que só ela consegue ver, como se fosse um fantasma.
Com tudo isso acontecendo, após uma confusão durante uma festa, a mãe de Kylie resolve matricula-la em um internato de verão. Muito infeliz, Kylie é obrigada sair de casa, se afastar de sua melhor amiga e de seu amor, destinada a ficar confinada em lugar cheio de delinquentes.
Mas quando chega, Kylie percebe que não é um simples internato e não são apenas "delinquentes" . E também descobre que não é por acaso que ela foi parar ali.
A verdade sobre Shadow Falls é que é um acampamento para seres sobrenaturais. Lobisomens, fadas, vampiros e metamorfos. Não é nada do que Kylie esperava e sequer imaginava que existia.
No começo, ela não gostou nada. Mas conforme o tempo passa, ela percebe que não é tão ruim viver ali. Novas amizades, novos amores...
Derek é um meio-fae simpático, fofo e causa emoções fortes nela. Perto dele, ela se sente calma e ele a diverte e lhe atraí.
Também temos Lucas, uma lobisomem gostoso, que é um pouco mais misterioso, principalmente porque ela tem a leve impressão de que já o conhece de algum lugar.
Fora as duas garotas que logo viram amigas de Kylie, Miranda e Della. A amizade delas é linda, apesar de um pouco boba por causas de algumas besteiras.
Além de estar conhecendo pessoas novas, Kylie também está se conhecendo. Apesar de terem lhe dito que ela tambem é sobrenatural, Kylie não acredita e nem quer acreditar. Ainda mais porque ninguem consegue saber se ela é lobisomen, fada, metamorfo ou vampiro. ninguém consegue identificar o que ela é, a que especie ela pertence e isso faz Kylie se sentir uma aberração em meio a aberrações. É bastante irritante porque a protagonista é muito chata nessa questão. Por que, quem é que nao ia gostar de saber que tem habilidades especiais?? Eu no lugar dela iria amar.
Mas para Kylie será bem trabalhoso desenvolver a ideia de que não é um ser humano comum, e buscará desesperadamente por respostas para saber quem é, ou O QUE É. Enquanto isso tenta lidar com suas novas paixonites.

O livro é bom?

Bem, depende da sua idade. Se você for nova/o ou está começando a pegar gosto pela leitura, a narração é muito suave e você nem notará os erros e não se incomodará com o enredo fraco e as coisas toscas. Então, dependendo do publico alvo, até que funciona. É por isso que dei mais que 3 estrelas.

O livro é beeeem mediano, está entre ruim e regular, mas dependendo do seu gosto, pode ser que vc goste. E a leitura prende bastante, essa é uma qualidade autora.
Ste 18/07/2019minha estante
Gostei da tua resenha, vou dar para minha filha ler, ela tá no início da vida de leitora, tem 11 anos. Obrigada.


Emii 19/07/2019minha estante
Faz isso sim, ela vai gostar :) fico feliz por ter ajudado




Beatriz Gosmin 28/01/2012

Resenha por Beatriz Gosmin (www.livroseatitudes.blogspot.com)
----
Não desmaiem com o tamanho da resenha, eu tava inspirada. rs.

Kylie é uma adolescente de 16 anos que está passando por uma fase difícil: seu namorado Trey a largou, sua avó amada morreu e seus pais estão se divorciando. E, mesmo tendo mais afinidade com o pai desde sempre (pois sua mãe é a “Rainha do gelo” como ela a chama), ele fora embora sem levá-la, deixando-a com a mãe. Sem falar que um certo soldado andara perseguindo-a, e infelizmente ela parecia ser a única que conseguia enxergá-lo.

Para ‘esfriar’ a cabeça e tentar esquecer que seu pai se fora sem levá-la, Kylie resolve ir a uma festa com sua amiga Sara, mas aí é que as coisas ficam piores.
A polícia aparece e leva todos os jovens presentes para a delegacia, e mesmo tendo ligado para o pai, fora sua mãe quem fora buscá-la. Kylie estava realmente ficando magoada com o pai. Não queria ficar com a “Rainha do gelo”.

Pra ajudar, depois do episódio da prisão sua mão resolve mandá-la para o acampamento Shadow Falls, um lugar para adolescentes problemáticos. Indicação da sua querida analista, a Dra. Day.

Kylie, não tendo outra opção, (seu pai não se opusera) embarca no ônibus que seguiria para o tal acampamento. Ela não era problemática, não havia usado drogas na festa, por que sua mãe fizera isso com ela?

No ônibus ela se depara com adolescentes aparentemente bem estranhos: uma garota gótica com cabelo tricolor (verde, preto e rosa) que segurava um sapo, um menino loiro cujos olhos ela tinha certeza que mudaram de cor (lentes, provavelmente), uma menina muito pálida e um menino cheio de pircings entre outros. E todos pareciam franzir a testa para ela.

Miranda, a garota do cabelo tricolor, logo começa a puxar conversa com Kylie e esta logo aproveita para questionar sobre o tal acampamento.

- E como... como é lá? O acampamento, quero dizer. Não me diga que é uma droga.
- Não chega a ser terrível. [...] Quer dizer, se você não tem medo de ver sangue. – completou, num sussurro.

Kylie, ao chegar lá e conhecer Holiday e Sky, as líderes do acampamento, Kylie é posta diante de uma verdade quase impossível de se acreditar: o acampamento abrigava seres sobrenaturais e não adolescentes problemáticos. Ela até tentara discordar, negar a loucura que era aquilo. Mas depois de ver um menino se transformar num Unicórnio na sua frente, bem, acho que isso mudava tudo.

Em sua cabana ficaria com Della, - a garota pálida e vampira - e Miranda - a bruxa do cabelo tricolor. Conhecera também Metamorfos, faes (fadas), lobos. Mas o mais intrigante era que ela não sabia o que era. O tal “Franzir a testa” era um dom que os sobrenaturais tinham que permitiam que eles ‘lessem’ o padrão cerebral dos outros e assim soubessem o que eles eram. Mas ninguém conseguira lera o de Kylie. Kylie não sabia ler os dos outros. Kylie tinha certeza de que estava no lugar errado. Ela era humana, francamente!
Mas Holiday, afirmava que ela não era, afinal, nascera à meia –noite e isto já era uma prova básica de que era diferente. Todos ali haviam nascido à meia – noite. E ela via fantasmas.

Kylie, no entanto, se negava a acreditar que pertencia àquele mundo. Era humana e descobriria um jeito de provar isso.

No acampamento ela acaba se deixando encantar por dois garotos: Derek, um fae e Lucas, um lobisomem que ela se lembrava muito bem devido a certos acontecimentos em seu passado. (ambos gatérrimos)
E, juntando os dois aos demais problemas que a rodeavam, era demais. Principalmente depois que certos acontecimentos misteriosos começam a acontecer, ameaçando fechar a acampamento.
*_____________*

Bem, no começo eu estava receosa com a história porque atrás do livro diz que se adoramos P.C Cast e Kristin Cast e Alyson Noel, nos surpreenderíamos com o livro. Eu pessoalmente não sou fã da série Imortais e nem House Of Nigth, ou seja, fiquei com medo de ler o livro. Mas resolvi apagar da mente o que li atrás dele e comecei a leitura. Engolia as palavras com a imaginação a mil, estava gostando muito. Mas infelizmente o livro não me surpreendeu.

Achei ele um tanto previsível, desde o começo desconfiei de algumas coisas que foram comprovadas (para minha tristeza) no final.
Também achei que o livro não teve ação. Nada. Ficou só no enrola enrola com a paixonite dela pelos garotos e ação (coisa digna de se esperar de um livro que contém fadas, bruxas, vampiros e lobisomens) nada.

A obsessão dela por não ser sobrenatural também me cansou em certo momento. Gente, se falaram que você é, você é e pronto! Num vê fantasma? Num nasceu à meia-noite? Pronto! Chega de manha e acredita que é sobrenatural de uma vez! – rsrs.

Os personagens eu achei super legais (em sua maioria), cada um com seu jeitinho. E, mesmo achando a história pouco explorada pela autora, acredito que nos próximos livros irá ficar melhor. E confesso que me senti extremamente tentada a verificar minha certidão de nascimento para realmente comprovar que não nasci à meia-noite (segundo minha mãe). Gostaria muito de ser um ser sobrenatural!

Beijos
Bia
Jullyane 17/02/2012minha estante
Também fiquei com 'medinho' porque compararam a escritora a P.C. e Kristin Cast (que detesto) e a Alyson Noel, que até podia ter escrito livros melhores, se quisesse, mas se embananou totalmente. Gostei da escrita da escritora, da forma de apresentar a história, mas realmente falou um 'motivo' maior. O acampamento ser ameaçado por causa de desaparecimento de animais numa reserva é meio 'bleh', vc não acha?

Enfim, ainda assim, estou curiosa pra ler o próximo livro.


Beatriz Gosmin 17/02/2012minha estante
Também achei isso bem 'sem motivos', rs.
Com tantos sobrenatuais era de se esperar mais ação e medos, rsrs.

Também estou ansiosa pelo próximo, acho que vai melhorar! Obrigada pelo comentário.




ka mcd 06/03/2013

Nascida À Meia-Noite
Acho que a maior parte dos leitores brasileiros está louca para ler esse livro. Eu pelo menos estava curiosíssima para conhecer essa estória, os personagens, os elementos sobrenaturais dela e tudo que a envolvesse. Isso, como sempre, criou expectativas. E expectativas nunca são boas. Mas eu não sofri aquela decepção que normalmente sinto ao ler um livro que me deixou tão ansiosa (apesar de ter sim, esperado mais dele).

A primeira coisa que eu preciso dizer, acredito que seja sobre o modo como a autora escreve. Não exatamente a escrita dela, mas como ela conduz a estória. É simplesmente viciante. Mesmo o livro sendo meio lento como foi no começo, eu ainda não conseguia largá-lo por um segundo sequer. E juro que estava tão envolvida que cheguei a sonhar com ele.

Tudo isso combinado à escrita simples e bem humorada me fez terminar o livro em praticamente um dia. E sair correndo pela continuação logo que o fechei.

E o final é outra coisa que preciso comentar. Ela foi uma das autoras mais lazarentas quando se trata de finais que deixam coisas demais em aberto para o próximo livro. Eu queria morrer quando li a última página do livro. E quis matar a editora por ter colocado metade do primeiro capitulo do livro seguinte. Eles só podem estar querendo que nosso cérebro derreta de antecipação, né?

Mas, claro, ele tem seus pontos positivos também. Como as personagens. Kylie começou totalmente cabeça fechada. Ela não sabe o que é e ninguém parece saber o que ela é também, já que seu padrão mental é diferente de todos os outros. Então ela prefere acreditar que tem algum tumor cerebral ou que seja louca, do que aceitar o fato de que é uma sobrenatural. Isso me irritou nela, apesar de ser uma característica que eu admire. O bom é que ela muda muito, mas muito ao longo da estória. E foi uma mudança tão sutil e tão real.! C.C. conseguiu fazer tudo parecer completamente natural e real. Os sentimentos da Kylie, o modo como as amizades dela foram se tornando cada vez mais intensas, os sentimentos dela por Derek, os sentimentos dela por Lucas, o que ela sentia por seus pais e o que sentia pelos amigos que deixou para trás.

Além disso temos o plot todo. Esse livro tem um mistério que culmina em uma cena de ação bem interessante. E acho que a autora deveria ter dado mais enfoque à essa parte do livro – a segunda metade -, não à primeira. Por que o livro pareceu comprido demais, mesmo sendo viciante. Se ela tivesse cortado algumas cenas e explicações desnecessárias teria sido muito melhor e eu, talvez, tivesse dado uma nota mais alta.

Como aconteceu no segundo livro...


http://blogminha-bagunca.blogspot.com.br/2011/12/resenha-nascida-meia-noite-awake-at.html
Mary 25/07/2014minha estante
quantos livros dessa saga já foram lançados no Brasil e quantos vão ter ?? não quero começar uma serie grande mas to muuuito ansiosa para ler




Léo 31/07/2013

Acampamento Shadow Falls
Nascida à Meia-Noite traz uma abordagem um tanto original. A obra proporciona uma ótima leitura e um bom momento de entretenimento. C.C. Hunter cativa os leitores com uma narrativa simples e fluida, onde temos Kylie Galen como protagonista. Apesar da história ser narrada em terceira pessoa, parece ser em primeira pois tudo sempre é descrito pelo ponto de vista de Kylie.

Neste livro, comparações foram inevitáveis. Em vários momentos sua mistura sobrenatural envolveu trechos que me lembraram Fallen, Crepúsculo e House of Night. Porém, não desmereci a obra. Apesar de algumas semelhanças, o livro foi escrito de uma forma que certamente agradará os leitores dos gêneros YA e sobrenatural, além de ser muito bem desenvolvido.

A protagonista Kylie tem dezesseis anos e - graças a Deus - ela possui uma coisa que a maioria não tem: PERSONALIDADE. Ela não cai na conversinha de ninguém e sempre desconfia de todos. Essa característica foi a que me chamou mais atenção nela, pois a tornou totalmente diferente das mocinhas inocentes e facilmente manipuladas dos outros livros do gênero.

Além disso, temos um triângulo amoroso intrigante e legal. Infelizmente não me surpreendi em nada. Somos apresentados ao lobisomem Lucas e ao meio fae Derek. Ambos são interessantes, mas o que não é explicado logo de cara é o interessante, por isso prefiro os suspeitos. Derek é um rapaz bom, charmoso e disposto a conquistar Kylie a todo custo. Kylie fica em dúvida quanto ao que sente por ele, pois não sabe se o que sente é natural ou o dom de Derek a afetando. Já Lucas é um cara que fez parte do passado de Kylie e que deixou algumas desconfianças sobre sua índole. Ele é durão e seus sentimentos por Kylie beiram do intenso ao perigoso.

A história se passa no Acampamento Shadow Falls, na cidade de Fallen. O acampamento trabalha com a fachada de acolher jovens problemáticos, mas na realidade é um acampamento para sobrenaturais de diferentes espécies (vampiros, bruxas, lobisomens, fadas, etc.). O intuito do acampamento é manter a paz entre as espécies. Kylie é enviada para lá sem ter a mínima ideia da existência desses seres. Ela acredita que foi enviada para lá devido as afirmações de ser perseguida pelo fantasma de um soldado. O grande mistério dessa saga é sobre a real identidade de Kylie, que ainda não sabe que tipo de criatura é. A única coisa que sabemos é que ela vê e fala com fantasmas e que seu padrão cerebral é diferente, impedindo os outros seres de lerem seus pensamentos.

Esta é uma ótima dica de leitura para quem gosta de YA sobrenatural. C.C. Hunter consegui me prender a sua história de uma forma muito eficaz. Além disso, o final do livro nos deixa uma grande pergunta que nos faz querer ler o restante da série para descobrir a resposta.

site: http://www.segredosentreamigas.com.br/2013/07/ta-na-estante-nascida-meia-noite-110.html
Nathália 17/09/2013minha estante
Comprei o livro porque achei a capa muito atrativa.Quando começei aler,achei meio chato,parado.Mas depois isso mudou,o livro foi ficando cada vez mais interessante.Me apaixonei por Lucaso lobisomem e também por Derek um fae.Confesso que Kylie não me interessou muito,mas amei Holiday.Há história é cheia de mistério,o soldado Dude sempre faz uma vsita á Kylie,porém ela não entende o motivo de ele se apegar nela.De romance ele é repleto,a menina namorava Trey mas antes do acampamento eles terminaram,seu coração bate mais forte por Lucas e Derek(que são lindos *__* ).Eu particularmente me apaixonei pelo livro,estou louca para ler o segundo.




Ceecii 24/07/2018

Insistência definiu a leitura...
E como foi preciso perseverar por meses, anos! Nascida à Meia-Noite foi um dos primeiros livros que tive de ficção, comprado há mais ou menos 5 anos. E desde então experimentei várias vezes lê-lo. Porém, nunca conseguia sair dos 5 primeiros capítulos, até que chegou o dia em que dei um basta e decidi que era hora de ler por completo.
Dando sequência à palavra que definiu minha leitura com esse livro, "insistência", também necessitei usá-la durante os quase 5 meses de leitura. Nunca fiquei tanto tempo pra ler um livro, mesmo estando super ocupada. E entendi o porquê.
De alguma forma, não me senti atraída pelos personagens, Kylie, a principal, é até "consciente", sendo um pouco diferente das outras do gênero e foi a única exceção. Os personagens são rasos, alguns bem fracos, o triângulo amoroso não foi explorado como achei que fosse, o desenvolvimento da trama deixou MUITO e digo, MUITO a desejar. Um livro ou uma história que se leia, tem de haver início, meio e fim, mas parece que a autora deixou quase tudo para o segundo volume. Apenas pro leitor comprar a continuação para ENTENDER a premissa do enredo: "O que é Kylie?". A narrativa é em terceira pessoa, mas as vezes eu sentia como se fosse a própria Kylie que tivesse narrando. A forma como foi escrita é uma ótima atração para adolescentes que não tem tanto o hábito de ler.
Enfim, não abordei sobre o enredo para não soltar um "spoiler acidental", mas o final até que deu uma melhorada nas conversas sem finalidade, sem rumo e sem nexo que cerca de 90% o livro teve. Recomendo o livro se for o único do gênero que ainda não leu ou se gosta de uma história de adolescente; e se for o primeiro livro do gênero a ler ou estiver em duvida com algum outro, então, pro seu bem, não leia.
10/01/2019minha estante
Comigo foi basicamente a mesma coisa. No começo eu até estava empolgada, gostando da história e tolerando bem o triângulo (coisa que eu passei a detestar durante meus anos de leitura). Mas a coisa foi ficando insustentável. O enredo é extremamente raso, a autora basicamente não desenvolve mais nada a não ser a confusão mental da protagonista, e isso foi bem chato pra mim. Uma pena, porque dava para ter feito bastante coisa.




Letícia 03/08/2013

Me apaixonei *-*
O que eu posso dizer sobre esse livro ? Simplesmente perfeito . Estou apaixonada por ele .
A história te prende do começo ao fim , a cada capítulo ,a cada pagina. Não tem como ler esse livro e não se apaixonar .
Kylie Galen é levada para um acampamento de adolescente '' problemáticos '' ao chegar no acampamento ela percebe que não é um acampamento comum de adolescente mas sim um acampamento de adolescente sobrenatural . Sim sobrenatural : Vampiros , Lobisomens , Bruxas etc ...
No começo Kylie se recusa a acreditar que ela mesma seja uma sobrenatural , mas ao passar do tempo ela acaba percebendo que sim ela tem alguns poderes . Mas o que ela é ? Vampiro ? Bruxa ? Lobisomem ? Ai que esta ela não sabe , ninguém sabe .
Ao decorrer da história Kylie tentar descobrir o que ela é , mas também tenta descobrir o porque ela pode ver alguns espíritos e os outros integrante do acampamento não podem. Mas os mistérios não acabem por ai .


Este é um ótimo livro para se ler , um YA sobrenatural . Mas é claro que o mistério tem que ser revelado o que é que acontece nos outros livros da saga .
2 Despertar ao Amanhecer
3 Levada ao Entardecer
4 Sussurros ao Luar
5 Chosen at nightfall

Recomendo =)

CahParnell 03/09/2013minha estante
Me apaixonei por esse livro logo que começei a ler.. Me apaixonei pelo Derek, O Lucas (to dividida entre os dois ainda)Miranda awwn, Della.. Ameeii




Luna 17/11/2014

PERFEITO
Tenho até vontade de chorar só de lembrar da Kylie ! Amo, amo e amooooo essa coleção ! Li os 5 livros com trezentas e tantas páginas casa um em apenas 1 semana e meia. Super, mega, ultra, hiper RECOMENDOOOOOOO !!!!!!
Luna 17/11/2014minha estante
Outra coisa, a Kylie me lembrou muuuuuuuito a Zo, então se vc curte a coleção House Of Night, vai amar Shadow Falls !




Analu. 13/02/2014

Olha não gostei do jeito que achei que gostaria. A Kiley é sofrivel demais, é impossível (pra mim) gostar dela. E plmd não consegue controlar seus hormônios, não pode ver um macho! Não admito essas coisas de se apaixonar TÃO rapidamente por 2 caras ao mesmo tempo gente, sem lógica isso. E ainda mais quando os bofes são lindos e maravilhos, perfeitos que gostam da prota mais sem graça da história.

Achei a escrita estranha, não sei oq era, mas senti como se tivesse buracos. Achei os diálogos muito fracos.
E todo o livro girou em torno da Prota (chata da peste) tentando se convencer que era ou não sobrenatural, superar seus medos, e dar uns pegas.
Eu acho que o livro tinha muito mais a oferecer, pq a história é boa, mas a dona não soube aproveitar.
Talvez melhore nos próximos volumes, tenha mais ação, mais suspense, mais sangue! UAHSUAHSU sei lá.
Eu não odiei o livro nem nada, só acho que criei muitas expectativas.
Bom, apenas.
Jessé 03/03/2014minha estante
EHHUEHUEHUEHUEH ri muito, cara. Mas a sua renha me ajudou, pelo jeito é aquela história de clichê de sempre...




205 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |