A Maldição do Tigre

A Maldição do Tigre Colleen Houck
Colleen Houck




Resenhas - A Maldição do Tigre


790 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |


spoiler visualizar
comentários(0)comente



Sussurrando Sonhos 17/06/2017

A Maldição Do Tigre - Collen Houck - Resenha Sussurrando Sonhos
Kelsey é uma órfã que arruma um emprego em um circo durante 2 semana como cuidadora de animais e principalmente de um tigre branco chamado Ren, ela se torna muito amiga desse tigre, conta historias, cita as obras de Shakespeare, e conta como é viver em uma floresta livre em vez de uma jaula. Keyse tem muito carinho por Ren e seu desejo é que ele seja livre, em um certo dia ela descobre que Ren foi vendido para uma reserva na Índia, ela fica muito feliz, mas ao mesmo tempo triste, pois irá se separar do seu amado tigre. O comprador de Ren à convida para acompanhar e ver a adaptação do tigre em um ambiente totalmente novo, com a aprovação de sua família adotiva ela embarca para Índia. Ao chegar, ela pega um caminhão que irá transportar Ren, kelsey fica fascinada pelas cores da Índia mas tudo é perdido quando eles são abandonados no meio do nada, ela e o tigre. Kelsey começa a seguir Ren que aparentemente sabia para onde ir, eles encontram um pequeno chalé e é lá que ela descobre que Ren na verdade é um príncipe Indiano que foi amaldiçoado a séculos em forma de tigre e que apenas Kelsey poderia ser a quebradora da maldição e libertar ele e seu irmão. Eles embarcam em uma aventura cheia de ação e mistérios.

Amei a protagonista, ela aceitou enfrentar tudo só para ver seu Tigre liberto, Kelsy é muito indecisa mas eu a entendo, e para aceitar tudo sem saber o que vinha pela frente e o que enfrentariam precisa de muita coragem, bravura e amor . A escrita da autora é magnifica, ela descreve tão lindamente a Índia e suas culturas, nos faz viajar por mundos mágicos, por culturas e lendas, e proporciona realmente viver o livro, os personagens são cativantes, ficamos divididas entre Ren e Kishan dois príncipes Indianos de tirar suspiros.

O livro traz muitas cenas reflexivas, de que por amor você enfrenta tudo, de aprendizado e amadurecimento. Esse livro tem um lugar especial em meu coração, simplesmente amo.

Resenha no Blog detalhada.

site: http://sussurrandosonhos.blogspot.com.br/2017/05/resenha-maldicao-do-tigre-colleen-houck.html
comentários(0)comente



Fran 13/06/2017

o que eu achei do livro???
Veja o vídeo e entenderá

site: https://www.skoob.com.br/usuario/620079
comentários(0)comente



Simone.Sardinha 03/06/2017

Misticísmo
Livro: A maldição do tigre
Autor: Colleen Houck
Literatura Norte Americana

A maldição do tigre é o primeiro de 5 livros da série “A saga do tigre”.
De leitura fácil, puxada para a fantasia, o livro utiliza as lendas e crenças hindus para contar a história de uma jovem americana, que trabalhava no circo, e acabou cruzando com um tigre. A menina, cuja função era alimentar o tigre do circo, acabou apaixonou-se por ele. A empatia entre ambos foi total. Dentre da realidade de ambos, ser humano e tigre, tornaram-se amigos. O tigre era temido por todos menos pela jovem que havia se acostumado e se afeiçoado a ele.
Da relação entre ambos nasce uma linda história carregada de emoção, magia e aventura na Índia.
A partir de então passamos a conhecer um pouquinho da cultura indiana e suas disparidades.
Não é um livro de um conhecimento absurdo, mas extremamente agradável.
Ao final, ficamos com gostinho de quero mais...sem dúvida.
comentários(0)comente



Jefferson Nóbrega 26/05/2017

Não julgue um livro pela capa
Comprei o livro pela capa, que é simplesmente fantástica, mas a leitura foi sofrida. A história é envolvida de uma mitologia que tinha tudo para dar certo, mas perde-se na protagonista. A autora desperdiça linhas com dilemas como "qual fita usar no cabelo?". Por fim abandonei, pode-se argumentar que "no fim tudo faz sentido", no entanto, a leitura não possui poder de conduzir até o final.
comentários(0)comente



Guilherme.Vasconcelos 07/05/2017

Minha opinião sobre A Maldição do Tigre
Adorei esse livro em todos os sentidos, uma história de amor e aventura inspiradora!
Kelsey, infelizmente, é uma protagonista um tanto "clichê" que tem uma vislda normal e do nada vira uma garota aventureira, a diferença é que seus pais morreram. Achei a personagem parecida com Clary de Instrumentos Mortais.
Gostei muito dessa história que se passa na Índia pois assim é uma forma de aprender sobre novas culturas.
Kelsey vai trabalhar num circo e descobre queo tigre da qual ela é responsável é um humano preso na forma de tigre, e descobrindo isso ela entra numa aventura para faze - lo ser humano novamente, e em busca do fruto dourado acabam se apaixonando mas esse amor pode ter muitas dificuldades!
Leiam que vocês vão gostar!
comentários(0)comente



Eu Pratico Livroterapia 03/05/2017

A Maldição do Tigre
Kelsey, ou Kells, como gosta de ser chamada, é uma adolescente pra lá de normal, sem graça e comum na opinião dela. Era filha única e seus pais morreram em um acidente. Ela vive com uma família que a adotou. Nas férias de verão, decide procurar um emprego. Acaba sendo contratada para trabalhar por duas semanas em um circo. Ela vai... faz amizades com todos e se encanta por um lindo Tigre Branco.

Passa a visitar o animal constantemente, até que, passadas as duas semanas, conhece um homem que aparece sabe-se lá de onde, a fim de levar o tigre para ser liberto na Índia, Tal homem a convida para acompanhá-lo, já que ela se afeiçoou ao tigre, a fim de garantir cuidado e segurança ao mesmo.

Ela vai... embarca no avião com o homem, que ela chama de Sr Kadam e o tigre.

Chegando lá, ela é abandonada com o tigre... solto!!!! Ele entra na mata e ela, sem saber o que fazer, o segue. Assim acaba descobrindo que o tigre é na verdade um príncipe indiano que vive sob uma maldição há mais de 300 anos: Ele só pode se transformar em homem durante 24 minutos a cada 24 horas. Porém, estava em cativeiro e lá, permanecia como tigre, até que Kells apareceu e ele repentinamente conseguiu se transformar no Dhiren, o homem, e conseguiu entrar em contato com Kadam, seu fiel amigo.

Ren e Kells passam então a viver várias aventuras a fim de quebrar a maldição.

Eles acabam se conhecendo melhor e a menina se vê encantada pelo homem por trás do tigre. O tempo passa, quebrar a maldição não vai ser fácil. Tem gente querendo atrapalhar, tem gente querendo ajudar... enfim... o primeiro livro termina e a vontade de saber o que vai acontecer no segundo livro me consome!

Esse livro me foi indicado por duas amigas muito queridas, que amam a saga! Eu li e gostei... bastante... mas ainda não amei. Andei lendo umas resenhas dos próximos livros e confesso que, estou bem próxima de passar do "gostei" para o "amei"... vamos ver, as expectativas estão grandes! Eu amo fantasia! Dificilmente não vou me apaixonar pela saga!

Super recomendo, a linguagem é fácil, gostosa de ler. A leitura flui que é uma maravilha! Não vi erros na leitura. Li em ebook, encontrei o box completo na Amazon e me joguei.

Se gosta de gênero, leia rapidinho, você não vai se arrepender!!!


site: http://www.eupraticolivroterapia.com.br/2016/12/resenha-maldicao-do-tigre-saga-do-tigre.html
comentários(0)comente



Nádia 03/05/2017

#resenhapomarliterario A maldição do tigre
"Aproximei-me lentamente da jaula. Eu me sentia atraída pelo animal e não conseguia controlar uma compulsão muito forte e perigosa. Era um impulso quase tangível. Talvez porque eu sentisse que éramos ambos solitários ou talvez porque ele fosse uma criatura tão linda. Não sei o motivo, mas eu queria - eu precisava - tocá-lo."
.
#resenhapomarliterario
Já se imaginou se apaixonando por um tigre? E melhor, já pensou se ele correspondesse aos seus sentimentos? Ficando melhor, imagina se o tigre toma uma forma humana maravilhosa, mesmo que só por 24 minutinhos por dia! É isso o que acontece com a nossa protagonista super chatinha a Kelsey.
.
Ela resolve arrumar um emprego de verão enqto aguarda o próximo semestre para entrar na Chemeketa. O emprego é num circo e por isso ela se muda para o alojamento deles. É lá que ela conhece o belo tigre Ren. Ela ainda não sabe o motivo da atração absurda que sente pelo animal. Como se uma força invisível a puxasse sempre pra perto dele.
.
Para sua surpresa Ren é vendido para outro circo que fica na Índia, e o novo dono a convida para acompanhar o animal até o destino, juntamente com o domador, devido a sua familiaridade com o animal.
.
Porém tudo não passou de um plano para envolvê-la na história da Maldição do tigre. Lá ela vai descobrir mtas coisas sobre o magnífico príncipe Dhiren e seu irmão Kishan amaldiçoados a mais de 300 anos. .
Consciente de que tem um papel importante nessa história, Kelsey vai embarcar numa super aventura para tentar devolver a Ren a humanidade completa.
.
Pontos fortes: mitologia hindu, simbologia, magia. Sou apaixonada 💜O quebra cabeça para decifrar a antiga profecia. Além da aventura, me senti num filme estilo Indiana Jones. Ponto fraco: a chatice da Kelsey. E algumas peças sem encaixar e sem explicação, mas q por ser uma série acredito e torço para q a autora solucione nos próximos livros, amém 🙏
A leitura se arrastou em alguns pontos confesso, mas no geral foi um livro mto gostoso de ler. A parte do mistério, dos mundos místicos e do romance, sim porq amamos um romance! E a torcida pra q eles conseguissem sair de cda situação rendeu umas boas agonias! Vamos ver o q nos reserva o próximo O resgate do tigre.

site: https://www.instagram.com/p/BRGuzcBjm5_/?taken-by=pomarliterario
comentários(0)comente



Rillsimo 02/05/2017

Resenha - A maldição do tigre

Gostei muito do livro, a autora deixa um ar de suspense a cada final de capítulo, o que nos convida a ler o próximo, e o próximo até a ultima página. A narrativa também fluí muito bem, porém, uma coisa que não gostei é que achei alguns detalhes desnecessários em repetir a todo tempo na leitura. Por exemplo: Quando Kelsey vai interagir com o tigre, ela costuma passar a mão no pelo de Ren. E depois o que ela faz? Ela lava a mão. A cada momento do livro a autora cita esse detalhe, acaba que deixa a leitura um pouco cansativa. Mas enfim, nada que tire a graça do livro.

Os irmãos tigres são fantásticos, principalmente o Ren, que na minha opinião é o personagem que mais chama a atenção no livro. Por outro lado, Kelsey conseguiu me irritar. Eu não achei graça nenhuma nela e teve momentos em que quis que ela morresse. Embora Kelsey ela seja corajosa e inteligente, ao mesmo tempo ela consegue ser cheia de não me toques. Ela também é muito insegura, não confia nela mesmo, e ainda e em muitos momentos ela destrata e desfaz de Ren. Uma personagem muito cabeçuda e não da o braço a torce, sempre quer ter razão em tudo. E sinceramente, espero que ela fique menos chata nos próximos livros.

Mas enfim, tirando o fato da Kelsey ser enjoada, o livro ainda sim foi bom de ler. O que chama a atenção na estória são os tigres. Ren dos olhos sedutores e enigmáticos, e Kishan, com sua personalidade rebelde e confiante ao mesmo tempo. Não posso esquecer de um personagem que é muito importante, o senhor Kardam. Ele depois de Ren foi meu segundo favorito. Em muitos momentos ele é como um avô para Kelsey, muito tranquilo, calmo e inteligente. Ele é simplesmente fantástico.

Não poderia deixa de falar também da capa do livro, mostrando meu personagem favorito: Ren. Da para imaginar os maravilhosos olhos enigmáticos do tigre. Simplesmente fantástico. A diagramação também está impecável onde não encontrei nenhum erro ortográfico. O livro trás folhas amarelas e espaçamentos e letras em ótimos tamanho para uma boa leitura.

Enfim, recomendo a leitura do livro, pois é uma historia realmente envolvente e promete fazer o leitor sentir o calor da estória do inicio ao fim.

Continua...
http://rillismo.blogspot.com.br/2016/06/resenha-maldicao-do-tigre-por-colleen_27.html

site: http://rillismo.blogspot.com.br/2016/06/resenha-maldicao-do-tigre-por-colleen_27.html
comentários(0)comente



Duda 30/04/2017

Achei bem rabanete isso aqui
Acredito que a mitologia hindu é magnífica, mas foi muito mal utilizada... E o que dizer desses personagens? Não tive afeição por NENHUM deles; a Kelsey é chata que nem um rabanete (referências), o Ren não é tudo aquilo que descrevem no livro, preferia ele como tigre, quanto ao Sr. Kadam, jurava que era pedófilo, e vou nem comentar do Kishan, pior galã da história.
Minha resenha já está muito negativa, mas gente, quem bota a mão da jaula de um tigre na primeira semana? Ou pior, quem vai para a Índia com um cara que tu só achou simpático? Eu entendi a parte de ser uma grande oportunidade, mas não parece crível. (E isso não é um spoiler, na qual me deixou com cara de trouxa por ainda ter aceitado ler).
Esse livro me deixou numa ressaca literária e talvez, só talvez, eu continue. Do tipo, minha amiga disse que melhora, mas foi ela que me emprestou o livro também, então não sei. Mas achei válida a leitura, apesar dos pesares, conheci bastante da cultura indiana e sobre Durga.
comentários(0)comente



Bia Coelho 29/04/2017

Misticamente clichê
Na verdade é uma saga, que conta a história da Kelsey Hayes após a perda dos pais, que agora mora com seus tios e não tem dinheiro pra pagar a faculdade, na busca pra seguir seu caminho e conseguir o que precisa, ela consegue um trabalho temporário num circo.
Lá ela se encanta por um tigre branco, e começa a se apegar a ele, chega até ler pra ele, até que... Descobre que ele é humano. Ren é um príncipe preso em forma de tigre, e precisa de ajuda pra quebrar sua maldição.
Com a ajuda de Kelsey, eles encontram os antigos amigos de Ren e seu irmão Kishan, e uma looonga briga amorosa se instala já desde o primeiro livro.
A trajetória do triângulo amoroso, da jornada deles em busca de quebrar a maldição e derrotar o vilão, se iniciam no primeiro livro e termina no último da saga, O Destino do Tigre.
Acredito que a saga fez tanto sucesso pois aborda temas muito diferentes, os príncipes serem tigres e a mitologia hindu que é a base para a história. Mas ao mesmo tempo em que a saga se diferencia de tantas outras, o romance contido nela e as intrigas ainda sim são clichês, mas felizmente com um toque mágico, por causa da mitologia que a história aborda.
A narração é bem detalhista, a maneira como a escritora descreve as comidas, as lutas, pode até cansar algumas vezes, mas a leitura vale, todos merecem conhecer o Ren hahaha Sem citar as capas dos livros, que são maravilhosas.

site: https://beatrizscoelho01.wixsite.com/biacoelho/single-post/2017/04/29/Top-5-livros-de-romance
comentários(0)comente



Lilian 26/04/2017

Sugestão de trilha sonora
Não sou boa com as palavras, mas venho humildemente sugerir a trilha sonora que me acompanhou na leitura da Saga A Maldição do Tigre.
https://goo.gl/jn0ocY



site: https://goo.gl/jn0ocY
comentários(0)comente



Book.Obsession 25/04/2017

Resenha feita pela Ana Helena para o blog Book Obsession
Pensem num amor. Agora tripliquem – no. Esse é o meu amor por Ren e essa Série Maravilhosa!!!!!
Minhas amigas mais próximas (fiz elas lerem também) sabem o quanto fiquei abalada por Ren, um Príncipe Indiano que foi enfeitiçado e se tornou o tigre branco mais lindo de todos!

Bom, mas vamos à resenha...

O livro começa no Oregon (USA) com Kelsey - a rabanete mais chatinha de todas – indo trabalhar em um circo para custear a faculdade.
É lá que ela conhece e se encanta pelos lindos olhos azuis do felino. (Como não?) Ela está tão envolvida por ele que decide passar as noites ao lado de sua jaula, lendo e conversando com o tigre. E em uma das noites fala:

“Queria que você fosse livre.”
O que Kelsey não sabe, é que ao dar atenção e dizer isso, começa a quebrar o feitiço que o prende na forma de tigre há séculos.
É aí que começa a aventura. Kelsey aceita ir pra Índia ajudar seu tigre (Oi? Seu tigre? Sai fora rabanete!! O REN É MEU!!!)
Claro que ela descobre também que ele é lindo. Gente, lindo é pouco, pra mim ele é DIVINO!!
E pra minha desgraça, claro que começa a rolar um clima entre eles, além de ser impossível resistir a Ren e seu charme, ainda mais ele a chamando de sundari, rajkumari, e outras palavras indianas. NÃO TEM COMO NÃO SUSPIRAR!!!

Essa série é maravilhosa!!! E esse é apenas o livro 1.

Quem ainda não leu: LEIA!!! MAS aviso: sério risco de sofrer de DPL (depressão pós-livro).

Sem falar os passeios na cultura indiana. A autora Colleen Houck arrasou. Somos completamente sugados para a Índia junto com os personagens. Parece que estamos nos templos, palácios, jardins, florestas. E quanto as divindades? Ficamos conhecendo quase todas.

APAIXONEM-SE TAMBÉM POR ESTA LINDA SAGA!!

p.s.: mas não digam que não avisei da DPL!!

site: http://bookobsessionresenhas.blogspot.com.br/2017/04/resenha-maldicao-do-tigre-colleen-houck.html
comentários(0)comente



Luiz 23/04/2017

A maldição do tigre, é um livro com um enredo bom, uma história incrível, mas que faltou mais a oferecer!
Essa é a terceira vez que pego este livro para ler, e posso dizer que finalmente terminei de lê-lo.
A maldição do tigre é um livro com pontos positivos, mas com pontos negativos. Para começar, um dos pontos mais negativos da história, é a Kelsey simplesmente embarcar em uma viagem para a Índia para levar um tigre para uma reserva, com um senhor desconhecido, que acabou de conhecer. Sabemos que ela cria um forte sentimento com o animal. Que ela sente ter uma conexão com ele. Sabemos que ela vai receber por isso, que ela precisa de dinheiro, mas qualquer um, com sã consciência não faria isso. Não. Não faria. Isso deixou a desejar, e deixou a essência da história um pouco irreal, a escritora tinha que ter trabalhado mais nisso, ou ter criado uma desculpa mais plausível. Ignorando isso, o livro tem uma história interessante, mas que nos apresenta uma personagem, indefesa, fraca e chata. Os personagens secundários, são bem trabalhados, bem construídos e são legais, diferentes da sua protagonista, o que ajuda muito no desenvolvimento da história. A história apresenta grandes clichés já conhecidos no universo literário por parte de outros livros, como a mocinha indefesa, que não se acha bonita, a escolhida, a mocinha que precisa ser defendida a todo custo, que se apaixona pelo cara bonitão. Já conhecemos isso muito bem.
Temos um enredo, com uma mitologia nova, uma história cativante, interessante, onde nos mostra a índia como cenário principal. Não vemos muito de mitologia indiana nos livros por aí, então isso foi legal, um ponto positivo para a autora. Apesar que este primeiro livro não nos aprofunda muito dentro do universo criado, o que acabei sentindo falta, nos apresenta cenas de ações, algumas aventuras, que por sinal são bem legais, mas na maior parte do tempo o foco é no desenvolvimento do romance. Espero que nos próximos livros da saga, tenha um maior aprofundamento neste mundo, pode ser mais interessante do que apenas romance, a autora tem uma grande história nas mãos.
O romance por parte fica meloso, e deixa a narrativa dramatizada. As ações por parte da Kelsey nos últimos capítulos (onde ela quer distanciar do Ren, pois não se acha suficiente para ele) a deixa ainda mais insuportável e chata. Quem leu sabe, que ela fica muito CHATA.
Terminei o livro e não fiquei surpreso com o final, não me deixou ansioso para o próximo, mas ainda assim vou ler os outros livros, acredito que a história tem grande potencial, a autora tem potencial, criou um universo incrível, extraordinário, mágico e tem muito mais a oferecer. Não pode ser só isso. Espero muito não me decepcionar com os outros.
O final deixa em aberto que os próximos livros vão apresentar um triângulo amoroso por parte da Kelsey com o Ren e com o Kishan. O que também já é um grande cliché, e já conhecemos bem. A mocinha que se apaixona por dois bonitões, perfeitos, como elas descrevem, e ficam com o coração dividido. Espero que isso não atrapalhe a leitura, e o triângulo amoroso não fique meloso e prejudique os outros livros.
Minhas expectativas para este livro eram muitas, mas infelizmente não cumpriu tudo o que eu esperava. Ainda assim foi um bom livro, uma leitura nova, uma boa experiência, e recomendo, para que cada um leem, tirem suas próprias conclusões. Isso foi a minha opinião, e o que eu senti no decorrer da leitura. Pode ser que você goste, e para você tudo o que ler seja suficiente, e tenha uma opinião totalmente diferente da minha.

Resumindo, a maldição do tigre tem uma mitologia incrivelmente interessante, uma história cativante e com potencial, que flui bem, mas tem muito mais a oferecer. A autora tem coisa grande em mãos, mas não soube de jeito nenhum usar isso no primeiro livro. Vamos ver os próximos.

Nota: 3
comentários(0)comente



Emily.Lisse 18/04/2017

Faz um tempo que parei de fazer a leitura deste livro,mas assim que minha amiga me devolver vou termina-lo.
comentários(0)comente



790 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |