Amazônia

Amazônia M.C.Jachnkee




Resenhas - Amazônia


75 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3 | 4 | 5


><'',º> 01/03/2018

"Em "Amazônia- um caminho para o sonho", os personagens são de Ascurra e em busca de uma mudança na vida, partem para a maior Floresta Tropical Úmida do Mundo. Da majestosa Manaus dos Barões da borracha, passando pela festeira Parintins, subindo o rio Tapajós ao encontro de Fordlândia- a cidade americana construída em meio à selva até a Belém dos índios Tupinambás que observaram a chegada dos conquistadores na Baía. Eles precisarão se adaptar e encarar realidades diferentes. Irão conhecer muito dos pontos turísticos e também da história da região norte do Brasil. É um livro que traz muita informação histórica e de uma maneira sutil vai-se apresentando os personagens e a trama."

Fonte: vickydoretto.com

site: http://www.vickydoretto.com/2012/04/resenha-amazonia-um-caminho-para-o.html
comentários(0)comente



Raquel Jacobina 20/02/2016

“Talvez o dia em que as duas mãos se tocarem, a de Deus, e a do homem, a Amazônia se salve..."
No início estava achando a leitura um pouco parada e cansativa, para mim o pessoal só tomava suco, mas logo toda a informação cultural me encantou e me vi ansiando as aulas do personagem Daniel.
A trama inicia com a chegada dos viajantes em Manaus, somos apresentados a quatro moças Ana Carolina, Joana, Camila e Rafaela, e Daniel que é tio de Joana. Já de cara conhecemos a origem do nome da cidade e outras histórias importantes a respeito dos índios que habitam aquele território, as batalhas disputadas, e a chegada dos colonizadores.
Ao mesmo tempo que somos agraciados com essa aula de história também vamos conhecendo os personagens, Camila mostra suas principais características na primeira página, uma garota que ama dormir e brinca o tempo todo tirando de todos boas risadas; Rafaela é mais tímida fica apenas observando e tirando suas dúvidas com um pouco mais de receio; Ana Carolina – admito a personagem que nutria expectativas com suas falas – essa sempre muito inteligente deixava claro os seus pontos de vista com muita sabedoria; e Joana foi a que menos notei, mas vi que também era uma boa ouvinte e uma boa conhecedora de histórias graças ao tio.
Fiz uma viagem literalmente pela Amazônia e a cada nova cidade que eles iam eu ficava super curiosa, minha vontade era estar junto do grupo para poder ver o que era narrado como os museus, os salões, os chãos de borracha para abafar o som e muitas outras coisas. Fordlândia me deixou extasiada, nunca havia ouvido falar da cidade e é surpreendente saber que tem uma com estrutura de cidade americana no Brasil, ao mesmo tempo que é chocante ver que o tal do Ford só pensava em si ao transformar o nosso país que já tinha os seus habitantes e que já possuíam a sua própria cultura.
Todo o livro é uma aula, e eu que gosto de história fiquei muito contente em conhecer um pouco mais da Amazônia, já que assim como as viajantes da história, também imaginava um lugar onde só encontraria mato. A trama criada por Marli é singela, não encontrei erros e a cada frase lida sentia que as palavras eram direcionadas para mim, afinal não é apenas uma aula de história, mas uma aula de humanidade. Destaca-se o valor da amizade, o quão é importante pensar no próximo e aprender com o mesmo, e o principal, não deixar os sonhos morrerem para não sermos dominados pelo medo, até me lembrei do vilão do filme “A Origem dos Guardiões”, o Sombra.
Além de tudo isso, fiquei fascinada com as lendas, eu amo lendas, algumas conhecidas outras que fiquei morrendo de vontade de saber mais como a lenda do amuleto Muiraquitã, achei tão interessante que até queria um para mim.
Também há um romance que desabrocha com essa viagem entre Rafaela e Daniel, e eu que sempre gostei de romances não me vi tão apegada ao casal, ficava mais interessada nas curiosidades dos lugares por onde passavam e nas falas de Ana Carolina que me renderam boas anotações, a sábia me fez pensar bastante e assim como eles foram transformados na viagem, me vi transformada após terminar o livro.
O livro é pequeno recomendo para os viajantes; para quem ama um romance; e para os amantes de história, garanto que é um prato cheio.
marli.carmen 19/02/2017minha estante
OI Jacobina, fico muito contente em saber que vc gostou do livro. Agora tem a continuação nos Andes peruanos. Vou colocar em breve na Amazon.
Um beijo.
Meu facebook: M.C.Jachnkee - para saber quando estará na Amazon, caso tenha interesse.




Eve Barcelos 29/04/2015

Amazônia - Por Evelyn Barcelos {Blog PS!}
Amazônia conta a história de quatro amigas que moram em uma cidadezinha ao sul do Brasil e viajam para a região norte do país em busca de novas aventuras e do autoconhecimento. Rafaela sempre quis ser escritora e está certa de que o novo ambiente, as novas pessoas e uma cultura diferente serão a inspiração perfeita para o seu primeiro livro. Ao chegar à Amazônia elas se encontram com Daniel, tio de Joana, e professor de história, que irá participar dessa aventura com elas. Ana Carolina tem um coração enorme e enxerga a vida como poucos, está sempre tentando enxergar o lado bom em tudo. E Camila é a mais brincalhona, sempre querendo dormir mais um pouco, fazendo algumas piadas...

A história é rica em detalhes sobre a região e consegue nos aproximar daquele ambiente sem muito esforço. Mas quando o assunto é nos aproximar dos personagens, descrever sua personalidade ou até suas características físicas, na minha humilde opinião, deixa a desejar. Eu passei o livro inteiro tendo que me lembrar quem era quem, pois não tive uma descrição ou um mero detalhe que me fizesse guardar o nome e ligar à pessoa. Não que não seja falado em momento algum. No decorrer do livro descobrimos que Camila é uma "mulata", Rafaela é loira, Daniel tem os olhos azuis e... só. Juro que não lembro de mais nenhuma característica física dos personagens. Nem a idade deles eu sei! Sobre a personalidade foi um pouco mais fácil, mas ainda assim eu senti falta de alguma coisa.

Mas aí alguém pode pensar que eu li distraída ou algo do tipo. Eu não acredito que tenha acontecido isso, mas não afirmo que a história não dê mais nenhuma informação.
O ponto que eu quero chegar é que faltou essa descrição para que eu me afeiçoasse aos personagens. Eu terminei o livro sem aquele sensação de conhecê-los, sabe? Mesmo que eu não gostasse deles, eu só queria me lembrar sem tanto esforço.

Outro ponto que achei bastante cansativo foram os diálogos. Quem, em uma viagem de férias, só conversa coisas do tipo: "Você sabe o que é biopirataria? A biopirataria é a exploração de recursos biológicos..." Sério! Todos os diálogos são nesse estilo e eu acho muito pouco provável que aconteçam de verdade. Cadê as conversas sobre coisas inúteis entre as amigas?
Como eu disse, pra conhecer a história do lugar e até aprender várias coisas, é super legal. Mas pra uma história que seria um romance ou algo mais pra distrair mesmo, ficou massante. E por falar em romance, acredito que não tenha sido o foco do livro (claro), mas rolou algo parecido entre dois personagens. Porém foi uma coisa sem emoção, que não convenceu muito.

Resumindo e até repetindo algumas coisas, a história é ótima para quem quer ter algum conhecimento a mais sobre a Amazônia brasileira e descobrir sobre as cidades citadas (Parintins, Fordlândia...). Mas se você espera uma história super divertida e cheia de emoção, indico que vá com calma.

Confira mais resenhas no blog e no canal!

site: http://www.pensamentoseminstantes.com.br/
comentários(0)comente



Arca Literária 14/08/2014

Um grupo de quatro amigas decide passar as férias na Amazônia, cada um com seus objetivos, o guia da viagem será Daniel, tio de Joana.

Ao longo da trama vamos conhecendo as amigas Ana Carolina, Rafaela, Joana, Camila. Rafaela resolveu fazer a viagem tendo o cenário perfeito para inspirar a escrita de seu primeiro livro.

Confesso que Rafaela foi a personagem que mais me cativou, uma menina que sente rejeita, seu pai nunca a quis conhecer, sua avó não também não a procura e não fala com ela, uma menina muito carente, que com ajuda de suas amigas e de Daniel que se encantou por ela, aos poucos Rafaela começará a se abrir para vida. Rafaela se acha feia, e não imagina que Daniel pode corresponder a ao sentimento que ela nutre por ele.

Personagens principais e secundários muito bem constituídos e importantes ao longo da trama nos cativam.

Então agora vou falar da parte cultural do livro, fiquei fascinada, um livro recheado de informações tão bem descritas que foi possível me sentir um pouco lá também junto com eles.

Fui de Manaus a Belém, conhecendo as cidades de Parintins, Santarém e Fordlândia, conhecendo seus povos, costumes, crenças e gastronomia, foi simplesmente um banho de cultura, fiquei morrendo de vontade de conhecer a Amazônia.

Saber o motivo que a cidade Fordlândia recebeu esse nome narrada pelos próprios habitantes, foi indescritível. O livro não podia deixar de lembrar Chico Mendes que foi um homem muito importante que lutou pela preservação da Amazônia até a morte.

Outro ponto que amei no livro foi a parte folclórica, Marli aproveitou a lenda das guerreiras Amazonas para colocar um pouco de fantasia na trama.

Esse é apenas o primeiro livro, a aventura irá continuar agora nos Andes Peruanos, a autora está por lá viajando e escrevendo a continuação, espero que o romance de Rafaela e Daniel engrene torcendo muito para a Rafaela encontrar a felicidade.

Recomendo para todas as pessoas que gostam de história e cultura, como também de uma boa história.

site: www.facebook.com/minhasresenhasdp
comentários(0)comente



Rafael Augusto 30/06/2014

Um ótimo livro para conhecer a Amazônia
O livro conta a história de quatro amigas: Rafaela, Ana Carolina, Joana e Camila. 4 jovens com sonhos e perspectivas completamente diferentes e que decidem fazer uma viagem pelo norte do Brasil e conhecer a Amazônia. Isso tudo além de ter uma capa linda, pessoalmente ela é bem melhor do que na foto rs'.

Ao longo da narrativa, a autora vai guiando o leitor por lugares esplêndidos naquela região do país que é tão cheia de esteriótipos e discrepâncias. Aliás, é justamente quebrar essas ideias estereotipadas da Amazônia uma das grandes propostas do livro.

M.C. Jachnkee tem uma escrita muito fluída, gostei muito, ela vai contando as histórias e lendas das cidades nortinas de uma forma muito leve, que faz com que o enredo não fique tão massante, principalmente na primeira parte do livro, sobre Manaus.

Contudo, duas coisas me deixaram extremamente desapontado no livro.
As personagens falam, falam, falam, viro e viro as páginas e a impressão que eu tenho é que a verdadeira história do livro nunca vem. A autora optou por dar um grande enfoque aos acontecimentos históricos e lendas da região, mas o enredo das personagem principais em si ficou fraco. A história avança mas nada acontece, nada que prenda o leitor até o final do livro, acho que isso é devido ao enfoque principal ser as histórias da Amazônia e elas acabam muito rápido, é coisa de uma fala ou duas. A autora poderia juntar esse quadro amazônico a acontecimentos paralelos realmente envolventes das quatro amigas. E isso, infelizmente, me fez desistir várias vezes da leitura...

A segunda coisa que me decepcionou um pouco é a linguagem utilizada nas falas das personagens. Acho que a autora poderia ter trabalhado melhor isso, pareceu que ela ficou muito presa à norma culta da gramática, mas acontece que ninguém fala tudo certinho e se explorasse um pouquinho o sotaque da região nas falas dos nortinos ficaria bem mais interessante.

Uma coisa que me chamou muita atenção e que ficou bem forçada no livro foi a explicação do porquê a Amazônia é tão quente, olha, quando eu li aquilo...

Por fim, tentando fazer um apanhado geral do livro, a história é ótima para conhecer um pouco a região Norte do país. Na verdade, a única coisa que me motivava a terminar de lê-lo era justamente conhecer um pouco mais a Amazônia e tenho que admitir que vários esteriótipos que eu tinha caíram por terra ao final da leitura. Mas é sim um bom livro, embora tenha alguns aspectos desfavoráveis.
comentários(0)comente



Mari 21/01/2014

Você vai querer fazer parte desse grupo de viajantes!!
Eu adoro livro nacional. Esse é um pouco mais... autor nacional e um assunto que é nosso: a Amazônia.

No livro acompanhamos Joana, Ana Carolina, Rafaela, Camila e Daniel em uma viagem inesquecível à Amazônia Brasileira.

Desde o começo da leitura ja deu para perceber que as quatro meninas eram muito diferentes, mas possuíam uma amizade muito forte. Daniel, tio de Joana, é um professor de história que acompanha o grupo de amigas para a viagem da vida delas.

A história é extremamente rica. Não esperava nada diferente, pois a autora foi pessoalmente ao local, conheceu os lugares, viajou, vivenciou aquela realidade, para depois nos contar tudo. Acredito que não há forma melhor de conhecer uma nova cultura do que se inserir nela e foi exatamente isso que a autora fez. O resultado foi uma história rica em detalhes que me transportou para lá desde as primeiras páginas.

O Brasil é um país imenso, com muita cultura e história para contar! Eu, que moro na região sudeste, não conheço nem 1/3 do nosso país. Não por falta de vontade (amo viajar), mas por falta de oportunidade mesmo. O Brasil é muito grande e é bem dificil conhecer tudo!

Lendo Amazônia: Um caminho para o Sonho pude sentir o quão pouco eu sei sobre as outras regiões do meu próprio país. A realidade que a autora nos descreve é bem diferente da minha, mas ela nos conta com tantos detalhes que parece que nós mesmos estivemos lá, usando o transporte fluvial, dormindo em redes e vendo com os nossos próprios olhos como é linda a nossa Amazônia!

Eu sou louca com história, então cada vez que o grupo de amigos entrava em mais um daqueles museus, eu aproveitava cada palavra para aprender e tentava formar na minha mente como seria estar la pessoalmente.

Acredito que o livro Amazônia: um caminho para o Sonho é muito mais do que uma história, é uma oportunidade para nós, brasileiros que moramos tão longe, conhecer um pouco mais do que também é nosso: da história, das lendas, da cultura, da comida, do povo... só por isso já vale a pena a leitura.

Além de acompanhar a viagem dos amigos pelas novas cidades, acompanhamos também o amadurecimento de cada um deles, principalmente de Rafaela, que sonha em ser escritora e coloca nessa viagem toda a inspiração que precisa para escrever seu primeiro livro.

Eu apenas senti falta de um pouco de romance (eu adoro um romance). Até há um início de romance entre Daniel e uma das amigas (não vou contar qual para não estragar a surpresa), mas acho que faltou um pouco de atitude por parte dos dois, principalmente de Daniel, que era mais velho.

Preciso confessar que também senti falta de um pouco de dia a dia. Calma, eu explico! Amazônia: um caminho para o sonho conta a história de uma viagem do grupo de quatro amigas e praticamente todos os diálogos eram sobre os problemas e as belezas do local. Vi pouquíssimos diálogos corriqueiros, como qualquer grupo de amigas em viagem teria. Se elas sentavam para tomar um suco, falavam sobre o ciclo da borracha. Se saíam para jantar, falavam em como a população ribeirinha podia ajudar na preservação da Amazônia.

Acho que todos esses diálogos foram ricos e contribuíram e muito para nos mostrar qual é a realidade local, mas senti falta de diálogos mais leves...aquelas conversas que temos entre amigos, as risadas, e as histórias de viagens!

Mas absolutamente nada disso tira a importância da história! Recomendo a leitura, pois senti que me acrescentou cultura, conhecimento e uma vontade de viver aquilo tudo pessoalmente! Como ainda não foi possível, acredito que o livro Amazônia é um ótimo substituto, pois a autora não poupou detalhe e sensações da viagem!

Vale à pena conhecer o que é nosso!!!

Aproveito para parabenizar a autora pela sua obra, tão rica e bem estruturada! Obrigada pela aula de história. Obrigada por me fazer sentir parte do grupo de viajantes!


site: http://www.cantinhodeleituradamari.blogspot.com.br/2014/01/amazonia-um-caminho-para-o-sonho.html
comentários(0)comente



Suka - Pensamentos & Opiniões 21/11/2013

O livro conta a história de 4 amigas (Rafaela, Camila, Ana Carolina e Joana), que viajaram para a Amazônia juntamente com Daniel tio de Joana que serviu como um guia para elas, nessa viagem é como se cada uma quisesse descobrir um pouco mais sobre elas, sobre seus ideais, sonhos, uma busca interior. O livro trás detalhes sobre a Amazônia, como história, lendas, pontos turístico, tudo relacionado a cultura desde fascinante lugar, e claro como um bom livro você sente que há um leve romance no ar, entre Rafaela e Daniel, acredito que ambos tenham medo de encarar este fato, enquanto lia tive a sensação de está na Amazônia e senti uma imensa vontade de conhecer de perto essa localidade. Não sei se estou inganda mas é como se cada personagem fosse real, como se realmente aquelas pessoas que eles encontram, que os ajudaram e abrigaram existissem.
Esse livro me fez para e pensar sobre meus sonhos, objetivos e que podem sim torna realidade, basta você acredita.

"O Medo era o grande destruidor das almas sonhadora." (pág. 130)

site: http://suka-p.blogspot.com.br/
comentários(0)comente



Samanta 19/11/2013

Uma verdadeira viagem!
Ler o livro "Amazônia", da querida MC Jachnkee, é como entrar em um avião e desembarcar na região norte do Brasil.

Ela narra com detalhes não somente cada lugar por onde os personagens passam (como Parintins, Fordlândia, Belém do Pará e a própria Floresta Amazônica) como também a cultura e o jeito do povo local - jeito de falar, de agir, de pensar.

Eu me senti em uma deliciosa aula de História narrada através de um romance! Conheci muito do meu Brasil - muito que, confesso, ainda não conhecia. E terminei o livro com uma enorme vontade de fazer a mesma viagem que Joana, Camila, Rafaela e Daniel!

Recomendo muito a leitura, pois você também vai se apaixonar pela Amazônia.
comentários(0)comente



Aninha 05/11/2013

Resenha Blog Simplesmente Ana's
O livro começa com 4 garotas que viajam atras de um sonhos , só que o que elas encontram é muito mais do que isso , descobrem um lugar lindo onde existe uma história sensacional que deveria ser contada e recontada a todos que por ali passam , descobrem os grandes segredos que cercam aquele lugar e também visitam os mais lindos lugares que se possa imaginar , a caminhada é grande, e é claro que bate a insegurança , mais o sonho que habita o corações delas é bem maior...

Além de uma bela estória o livro te leva diretamente pra a Amazônia , nele você conhece o lugar , a cultura de lá , como as pessoas que lá vivem , como é tudo , além de ler você aprende muito , tudo tem um sentido e muitos conteúdos são colocados no livro , o conhecimento aflora , e depois disso só vem coisas boas ...

No decorrer do livro , conhecemos os personagens , e nos afeiçoando a eles . Ana Carolina é uma menina incrível sempre sabe o que falar , conforta os corações e trás muita felicidade , sua amizade é verdadeira e maravilhosa ( me senti já que meu nome é Ana Carolina rsrsr) , é uma menina muito sábia, e tem um coração enorme , sempre pensa nos outros e sempre faz o que é certo . Rafaela é meiga , mais muito insegura , suas amigas e até sua mãe a distancia a incentivam para que não desista do seu sonho "ser escritora" , é isso que a faz acreditar que tudo é possível , e com o decorrer da viagem ele percebe que foi a melhor escolha a ser feita . Camila é a "palhaça" do grupo , sempre faz piadas e acaba tirando sorrisos nos melhores momentos , destemida , vai pra todo lugar sem medo algum como se conhece todos ose lugares a anos . Joana é a mais quieta por assim dizer , mais ele também é muito meiga e carinhosa , sempre tem bons concelhos pra dar , e sua companhia é indispensável . Daniel é o guia particular das meninas , ele é tio de Joana , um homem muito educado e gentil , por onde passa faz amizade pois seu carisma contagia , leva as meninas para os melhores lugares da nossa linda e maravilhosa Amazônia.

Durante do o livro "conhecemos" moradores local , de todo o lugar , tudo e mais uma pouco , um começo de um romance surge , e isso deixa tudo mais empolgante e apaixonante . Uma das meninas resolve ficar para trás , bom não segue a viagem a diante , fica pra encontrar o que seu coração procura . Ela faz muito falta , pois é como uma irmã para todas , mais isso é importante , pois é vida é feita de escolhas ela fez a dela , resolveu ficar e fazer o que o seu coração mandou .

A viagem continua e tudo fica mais empolgante , com mais vida , percebemos que mesmo quando as pessoas se afastam elas continuam dentro da gente , lembramos dos momentos bons e felizes que elas proporcionaram para nós , assim é no livro , tudo é aprendizado , tudo que é novo faz bem , trás coisas que somente o tempo pode mostrar ... Novas experiências , coisas que levaremos para todas a vida ....

Quando o terminei o livro percebi que não só conheci a Amazônia um pouco mais , tive uma outra visão de tudo que tem lá , cada pagina , cada novo lugar , era como se eu realmente estivesse lá , vendo tudo aquilo de pertinho , tenho que admitir que aumentou o desejo de visitar esse lugar maravilhoso que se encontra aqui dentro do nosso país , que tem tanta história , que é cheia de lendas e mistérios , que é amada e desejada pelo mundo ....

site: http://simplesmenteanass.blogspot.com.br/


Dani_LJI 30/10/2013

Resenha Amazônia
Eu e Amazônia
Um caminho para o sonho

Amazônia é um livro apaixonante pois faz a gente viajar por lugares sem você sair do lugar, aguça todos os sentidos literalmente.
Rafaela, Ana Carolina, Camila e Joana são de Santa Catarina da cidade de Ascurra e elas resolvem se aventurar por Belém, Manaus,Parintins, Santarém e Fordlândia, viajando de barco, dormindo em redes, visitando museus históricos, descobrindo a riqueza do povo brasileiro.
Na cabeça delas esperavam encontrar índios e seus arcos e flechas para se defender, mas acabam mudando a percepção quando são apresentadas á Zona Franca, o passado de ascensão que de repente se acaba, deixando a cidade em completo abandono e a pobreza, porém a beleza ainda atrai diversos turistas e viajantes para uma aventura inesquecível.
Camila uma pessoa divertida e doidinha sempre alegra todos, vendo o lado bom das coisas, observadora e inteligente eu adorei essa personagem me identifiquei muito com ela, Ana Carolina pé no chão sempre atenta nas palavras de amizade e consolo, Rafaela cheia de idéias e sonhadora e Joana cheia de energia e atenciosa, e para completar o grupo entra Daniel tio de Joana que guia as aventureiras para desvendar seus sonhos.

Trecho página 67
- A Amazônia em si é um espetáculo! É como se estivéssemos em um outro mundo-disse Joana e completou estendendo a mão para o rio-Nada se compara a isso!

Nessa viagem elas conhecem a culinária local, cada detalhe, é possível sentir os cheiros e cores que são descritos pelas viajantes, Daniel um guia de primeira conta as lendas que são um traço muito forte naquela região, em que eles acreditam que realmente aconteceu, e é ai onde está toda a magia desse viagem descobrir como sobrevive essas histórias e lendas.
No decorrer das férias Rafaela fica muito atenta a cada detalhe pois seu grande sonho é escrever um livro, e cada anotação vai ganhando vida, porém o seu medo de se liberta deixa ela completamente refém desse sentimento, mas algo completamente improvável acontece, Daniel tio de Joana começa a despertar um sentimento bonito e inocente pela doce Rafaela.
A divertida da Camila sempre em alto astral da um toque diferente para o passeio seus rompantes e atitudes de moleca mas sempre observando a tudo e todos, Ana Carolina uma pessoa centrada é a cabeça da turma sempre sabe o que falar na hora certa.

Trecho página 193
"Não é por que eles fazem, que você tem que fazer também. Saber como falar é tudo!- disse Ana Carolina com aquele jeito meigo que só ela consegue ter.-A vida é uma só procure fazer o melhor, ser o melhor.

Livro Amazônia desperta na gente a curiosidade de conhecer um pouco mais do nosso Brasil, mesmo diante da pobreza que descrito por elas, muitas coisas podem ser mudadas sempre a tempo de mudar.
M.C. Jachkee foi bem a fundo nessa gostosa jornada, o livro com a narrativa em primeira pessoa intercalando entre as garotas, deixa o livro acolhedor, publicado pela editora Nova letra, é um diário de viagem que todo mundo deve ler.
Boa viagem!

site: http://livrosajaneladaimaginacao.blogspot.com.br/2013/10/resenha-amazonia-um-caminho-para-o-sonho.html


Bruna 20/10/2013

Hoje trago a minha primeira resenha de um Book Tour, do livro Amazônia, uma caminho para o sonho, de MC Jachnkee, organizado pela Susana blog Noites Malditas. Obrigada, Marli, pelo convite, e Susana pela organização do book tour!

Um caminho para o sonho foi o subtítulo perfeito para Amazônia, que além de ser um livro lindo, é uma verdadeira lição de vida, que nos faz refletir e mostra o quanto desconhecemos de nosso país e cultura.

O livro narra a viagem de cinco amigos pela Amazônia brasileira. E o grupo não poderia ser mais eclético, os cinco personagens principais são bem diferentes e têm, cada um a sua maneira, uma personalidade bem marcante e própria. Rafaela é uma jovem doce e meiga, sonha em ser escritora, mas para alcançar seu sonho precisa superar seus próprios medos, causadas pela insegurança, timidez, baixa autoestima. Camila é uma batalhadora, e aquela pessoas que apesar de todos os problemas e obstáculos nunca perde o bom humor, é a mais animada e extrovertida do grupo, e foi sem dúvida minha personagem favorita, rs. Ana Carolina é uma jovem de uma sabedoria impressionante, realmente um ser iluminado, aquela que sempre tem uma palavra de conforto e que sabe apontar algumas verdades dolorosas de forma sutil e doce. Joana é super responsável e sensata, embora às vezes bem afobada, além de conhecer muito de história em geral. E Daniel, ahh Daniel, que encanto! O inteligente e sábio professor de história, tio de Joana, que foi a melhor companhia possível para essas jovens. Adorei acompanhar o crescimento pessoal e amadurecimento destes personagens ao longo da trama.

Os personagens secundários, aqueles que cruzaram o caminho de nosso grupo de viajante e os marcaram tão profundamente, também foram muito bem construídos, e ajudaram a derrubar alguns dos muitos estereótipos que nos vem à mente ao pensar no norte do país.

Manaus surpreendeu-me. Eu tinha aquela tola ilusão de que só veria índios e mato.
Pág. 61

E também teve um clima de romance no ar, que ainda não foi totalmente trabalhado. Digo Ainda porque a aventura não terminou, e a autora está atualmente nos Andes peruanos fazendo a pesquisa de campo para seu segundo livro.

Quando comecei a ler o livro, esperava uma aventura cheia de ação, talvez alguns mistérios, mas ele foi, na verdade, uma espécie de diário de viagem. Mas essa construção ficou bem legal, pois demonstrou o nível de pesquisa da autora para escrever o livro, que foi grande e muito cuidadoso. Aprendi tantas coisas sobre o norte brasileiro, seu povo e cultura que fiquei impressionada. A autora conseguiu conduzir a trama e dar uma ótima aula de história e atualidades, contando as lendas e mistérios que permeiam a Amazônia, e também falando sobre temas tão em pauta atualmente, como a biopirataria, sustentabilidade e degradação ambiental.

Achei a capa do livro uma gracinha e super condizente com a trama, já que o barco é o principal meio de transporte no norte brasileiro, foi nele que nossos viajantes cruzaram aquelas fronteiras naturais. E não tem como não mencionar principal mensagem do livro, que como o próprio título já indica, é a importância de se buscar e lutar por nossos sonhos, pois no final sempre vale a pena.

... todo sonhador, um dia, precisa bater suas asas e voar. Voar em direção a sua grande meta, aquela que irá transformar sua vida para sempre, pois só sonhar não é o suficiente, é preciso também, coragem para lutar.
Pag. 134

Recomendo muito a leitura, que me fez refletir sobre muitas coisas, mas, principalmente o pouco que realmente conhecemos do nosso país.

Ninguém nasceu para morrer sem percorrer caminhos além daqueles que estão em sua própria cidade. Há um mundo que pertence a todos e que está à espera daqueles que se aventuram a conhecê-lo!
Pag. 184

site: http://meumundinhoficticio.blogspot.com.br/2013/10/amazonia-um-caminho-para-o-sonho-m-c.html


Camilla 15/10/2013

Resenha postada no blog Segredos e Sussurros entre Livros
Acho que todos sempre aprendemos um pouco com os livros, mesmo os de ficção e fantasia. Há sempre uma informação real que você não conhecia, ou um pequeno detalhe do qual você nunca esquecerá pelo simples fato de estar associado a uma boa leitura. Quando me interessei por Amazônia, um título nacional e sugestivo, esperava uma aventura úmida ao redor da Floresta Equatorial, mas jamais imaginei que aprenderia História. Não a um nível tão alto e humano.
A cada diálogo entre os personagens, cheio de História, me peguei perguntando para onde foram os meus onze anos de aulas de História. Lembro muito bem da maioria dos assuntos que vi, mas tirando a parte das Seringueiras, a maior parte do meu conhecimento sobre a Amazônia vem do senso comum, da TV e das revistas de turismo. E olhe que eu morei em Rondônia, mas precisamente na cidade de Vilhena, conhecida como o Portal da Amazônia! Vergonha de mim.
Se você não gosta de História, aconselho que dê uma chance ao livro, pois a abordagem feita por ele não é nada como as das salas de aula. Existe um misto de sabedoria, filosofia, fatos e lendas que torna o enredo encantador. Apesar de ter esperado por uma aventura diferente, a caminhada dos cinco personagens principais conseguiu me prender a ponto de viajar com eles a bordo de barcos ao longo das águas amazônicas. A valorização dos sonhos e o estímulo para se conseguir o que deseja, fazendo também a diferença na vida de outras pessoas, é o que conduz as quatro amigas e um professor de História a um mundo inesquecível.
Senti falta de um aprofundamento na relação entre os personagens e mesmo em seu passado. Todos se mostraram muito sábios apesar de serem jovens e a iminência de um romance deixou um gostinho de quero mais. Futilmente falando, adorei ter meu nome em um dos personagens, o que é raro. A Camila do livro não é nada como eu, mas sua personalidade irreverente me agradou bastante. Ana Carolina, Joana e Rafaela também não ficam atrás, com sua preocupação com o próximo. Particularmente, me identifiquei um pouco com a Rafaela e sua introspecção e acredito que boa parte dos leitores também irão. Não entendi muito o Daniel, mas gostei do pouco que vi e espero ver muito mais no próximo livro.
Um dos pontos fortes do livro, certamente são os mistérios acerca de vários pontos da região. Nunca pensei que as amazonas, por exemplo, fossem seres tão presentes na cultura amazônica. Só conheço suas figuras graças a histórias estrangeiras. Nunca pensei que falassem delas de verdade. Conhecer lendas como a do guaraná e descobrir uma ligação tão pouco estimada entre Henry Ford e a Amazônia são detalhes que fico feliz em conhecer.
Agradeço a M. C. Jachnkee pela parceria. Amazônia é um livro muito especial e merece ser lido por todo brasileiro, especialmente pelos moradores das outras regiões brasileiras, que precisam aprender muito sobre o valor, nem sempre financeiro e ecológico, de um patrimônio da humanidade. Boa parte da população brasileira ainda pensa em índios, macacos e árvores quando se fala em Amazônia. Tem muito disso mesmo, mas a riqueza em detalhes é ainda maior do que se imagina.

site: http://ssentrelivros.blogspot.com.br/
comentários(0)comente



Sara 13/10/2013

Amazônia
Amazônia foi um livro que me surpreendeu muito! Quando começou, eu pensei que seria mais um daqueles livros que você lê e até gosta, mas acaba sendo esquecido na hora de recomendar. Mal sabia eu que estava completamente enganada.
O livro me ensinou muito sobre a história da Amazônia, de um jeito divertido e não como nas insuportáveis aulas de história. Que atire a primeira pedra quem nunca imaginou a Amazônia sendo apenas mato, índios e “fim do mundo”? Acreditem, não é bem assim. A Amazônia tem uma história incrível, cheia de mistérios e lendas, e você termina o livro sonhando com uma viagem para lá.
A viagem da Rafaela, da Joana, da Ana Carolina, da Camila e do Daniel, tio de Joana, para o Norte do Brasil me divertiu demais. Chorei de rir com as loucuras da Camila, a Ana partiu meu coração, a Joana sempre responsável, e a Rafa... Ah, a Rafa me encantou com a inocência e insegurança dela! Desde que ela correu para o banheiro ao acordar, eu já torcia por ela e pelo Dani! Ah, e que cara incrível esse Daniel! Meninas se preparem, porque vocês sonharão com ele pelo resto de suas vidas... Um cara romântico, lindo, com olhos azuis encantadores e uma inteligência admirável!
Como se não bastasse os cinco personagens principais serem apaixonantes, ainda conhecêssemos muitas pessoas pelo caminho, que ajudaram de alguma forma na viagem das meninas, não apenas com moradia e transporte, mas com mais histórias sobre a tão bela Amazônia.
Eu realmente acredito que todas as pessoas devem ter esse livro em suas estantes e tenho um pedido... Comprem e leiam logo, para que vocês esperem junto comigo a continuação, que já está sendo escrita pela Marli! E, é claro, viagem por essa parte tão cruelmente esquecida e rotulada pelo nosso país, pois merece toda a nossa atenção e apoio.

site: http://livrodegente.blogspot.com.br/2015/06/amazonia-um-caminho-para-o-sonho-autora.html


Renata Maggessi 25/09/2013

Leitura necessária
Amazônia – Um caminho para o sonho, resumindo em uma única palavra, é Fantástico! Impossível não ler sem se emocionar e torcer pelos personagens que, de tão reais, fazem com que o leitor perceba que poderia ser ele mesmo ali, vivendo aquela aventura, percorrendo aquelas terras e conhecendo um pouco mais desse Brasil tão imenso e lindo. É uma leitura que você não quer parar, quer acompanhar cada passo dessa viagem incrível! É uma verdadeira aula de história, de geografia e um passeio pelo folclore brasileiro. A leitura é cadenciada, gostosa, repleta de palavras singelas e fortes ao mesmo tempo. A escritora descreve com maestria os lugares, de forma que o leitor consegue se ver dentro dos museus e teatros e até mesmo sentir o sabor dos pratos típicos da região. O melhor, é que se trata de um livro para todas as idades. Adultos, crianças e adolescentes vão se emocionar e descobrir muito com essas pessoas tão especiais. Infelizmente, tudo que é bom, uma hora acaba e fica aquele gostinho de quero-mais! Agora, é esperar a continuação que, com certeza, será um livro tão maravilhoso e peculiar quanto este. Obrigada, querida Marli, por nos proporcionar uma leitura tão gostosa e especial!
comentários(0)comente



Carolina DC 20/09/2013

O livro "Amazônia - Um caminho para o sonho" possui um enredo simples: quatro amigas que passam as suas férias juntas conhecendo a Amazônia. Apesar da proposta simples, a escritora conseguiu trazer para os leitores peculiaridades, contos e lendas do nosso país de forma simples, com uma conversa entre amigos, de modo que o leitor consegue "sentir" a narração, sentir-se envolvido em meio a um local tão rico em histórias.
As quatro amigas: Ana Carolina, Rafaela, Joana e Camila são um sopro de vida: jovens com sonhos, ambições, aspirações e uma sede de conhecimento inesgotável. Suas personalidades se complementam. Cada uma com uma história de vida diferente mas com o amor pela Amazônia em comum.
Conforme o grupo avança em sua viagem, vamos conhecendo personagens locais, que trazem em suas próprias histórias, um pouco da história local. Conhecemos a história do índio Ajuricaba, o Teatro Amazonas, a lenda das Amazonas e muito mais. O leitor também realiza uma incursão na culinária local, através de seus pratos a base de peixes e seus sucos com frutas consideradas "exóticas" por muitos.
"O viajante percorria as cidades e estava sempre atento ao conhecimento, tentando ao máximo fazer parte da vida diária de um povo, já o turista só ficava com máquina fotográfica na mão, fazendo cara de tolo e comparando estilo de vida". (p.177)
Ainda é possível se deliciar com um início de romance. Rafaela e Daniel (o guia das garotas), trocam olhares, ficam sem graça um com o outro (a Rafaela na verdade) e se aproximam aos poucos. É o tipo de romance gostoso de ler, bem construído repleto de "química" mas sem precipitação de nenhum dos dois. Deixa o leitor com um gosto de quero mais. Fica claro desde o início da leitura, a preocupação e a pesquisa realizada para fundamentar o livro. De modo bem detalhado, com uma linguagem simples e clara e uma narrativa deliciosa.
Um livro sobre aventuras, história e sonhos.
Em relação a revisão, diagramação e layout foi realizado um ótimo trabalho. A capa é simples, mas muito bonita e totalmente relacionada à trama.
"As vezes é difícil para o ser humano percorrer caminhos desconhecidos; os que ousam sabe que vale a pena, mas não há como fazer com que todos ultrapassem seus dias de tempestade para poderem contemplar o início de dias melhores. Cada um é responsável por sua vida e suas atitudes; os que desafiam seus limites vão além. Nenhuma força é capaz de conter um ser humano que quer voar além dos limites do céu". (p.190)

Ps: Marli, por favor, eu quero mais sobre a Rafa e o Daniel no segundo livro.
Isso mesmo leitores, a autora está realizando uma pesquisa para o segundo livro que irá ocorrer nos Andes Peruanos *-*
comentários(0)comente



75 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3 | 4 | 5