Erick Turow e os Anjos da Vida e da Morte

Erick Turow e os Anjos da Vida e da Morte Ítalo Anderson Poscai


Compartilhe


Resenhas - Erick Turow e os Anjos da Vida e da Morte


1 encontrados | exibindo 1 a 1


Cristiano Rosa 09/11/2012

Diário CT: Erick Turow e os anjos da vida e da morte
O livro Erick Turow e os anjos da vida e da morte foi uma cortesia do autor Ítalo Anderson Poscai. A obra, publicada pela Editora Multifoco no ano passado, é o primeiro volume de uma série ficcional que mistura elementos fantásticos e de ficção científica em dias atuais. Com 156 páginas e 21 capítulos, o exemplar possui uma diagramação simples e capa que retrata bem o enredo.

Narrada em 3ª pessoa, a trama conta a história do jovem Erick, que se descobre filho de Deus e aos poucos se transforma também em um, incomodando um pouco o trabalho dos anjos. O protagonista conversa diretamente com seu Pai e desenvolve poderes, tendo visões e ouvindo vozes que só ele consegue por suas habilidades.

Ele então conhece o anjo da vida e o anjo da morte, que tentam manter o equilíbrio na Terra, chamada de “chão” na história – o lugar entre o céu e o inferno. Os personagens secundários, que são os pais, um tio e alguns amigos, participam pouco do enredo. Só mais o seu tio, que conhece um pouco esse lado oculto e possui uma loja de artefatos com coisas interessantes ao sobrinho.

Aos poucos, Erick toma consciência de seus problemas e acaba preocupando também os pais, que percebem que o filho tem andado diferente e estranho nos últimos dias, mandando-o até para um psiquiatra. Mas antes disso, ele ainda tenta entrar para o time de basquete da escola e até mesmo trabalhar com seu tio, que acaba morrendo um tempo depois de revelar alguns segredos ao sobrinho.

A obra não tem um aprofundamento narrativo, seu desenvolvimento é ágil e o leitor precisa estar sempre atento a tudo o que acontece, principalmente quando “vozes” conversam com o protagonista. Há muito aprendizado para o personagem central que ele assimila rápido demais, causando até mesmo estranhamento a quem lê, pois a aceitação dele é breve e sua posição perante o que ocorre é sempre confusa.

A linguagem do livro é simples, os capítulos são curtos no início e depois aumentam um pouco. A narrativa acontece muito rápida quando a história começa – há um número grande de informações em um número pequeno de páginas -, e senti falta de mais diálogos entre os personagens. Os conflitos de Erick são um pouco superficiais, e talvez leitores mais religiosos se incomodem com as afirmações a respeito do personagem Deus sobre as pessoas.

A obra Erick Turow e os anjos da vida e da morte, que já tem continuação em Erick Turow – As Gêmeas e o Persuasor, o segundo volume da série, tem um bom enredo, até prende o leitor, mas parece ser um resumo de uma grande trama. O autor trabalha com temas interessantes, cria boas cenas e descrições, mas a falta de um maior detalhamento – que poderia ser explorado melhor no texto - acaba incomodando um pouco durante a leitura. Porém, aos que preferem ou gostam de um livro para se ler em uma única tarde, ele é bem recomendável.

Fonte: http://www.blogcriandotestralios.com/?p=19536
comentários(0)comente



1 encontrados | exibindo 1 a 1