A História das Coisas

A História das Coisas Annie Leonard




Resenhas - A História das Coisas


7 encontrados | exibindo 1 a 7


Rui Alencar 27/05/2012

Quem tem alguma preocupação com o futuro da humanidade deveria ler este livro...Alguns recortes:

Pag. 68...consumimos o equivalente a mais do que os recursos produzidos pela terra a cada ano. Ou seja, são necessários recursos de 1,4 planeta anualmente para dar cnta de nossas demandas...

Pág. 98...antes de comprar qualquer coisa , me pergunto se ela é realmente necessária...

Pág. 114...Não somos descartáveis. Não somos flores ofertadas no altar do lucro e do poder. Nós somos chamas flamejantes, comprometidas em derrotar a escuridão e desafiar aqueles que ameaçam o planeta, a magia e o mistério da vida. (Rashida Bee, sobrevivente de Bhopal)

Pág. 169... “O surgimento da sociedade de consumo não foi inevitável nem acidental. Pelo contrário, resultou da convergência de quatro forças: um conjunto de idéias que afirmam que a Terra existe para nosso usufruto; a ascensão do capitalismo moderno; a aptidão tecnológica; e o extraordinário acúmulo de riquezas da América do Norte, onde o modelo de consumo massificado lançou raízes pela primeira vez. Mais diretamente, nosso comportamento consumista é resultado da propaganda sedutora, aprisionamento pelo crédito fácil, ignorância sobre as substâncias perigosas de muito do que consumimos, desintegração da comunidade, indiferença pelo futuro, corrupção política e atrofia dos meios alternativos de subsistência”.

Pág. 171...Com uma sociedade menos direcionada para o consumo, acumular coisas não é o objetivo principal. Então, no lugar de passar horas vendo TV, os europeus passeiam em locais públicos, relacionando-se com amigos e vizinhos....Comentei (em viagem a Turquia), como é triste não ter uma cultura de cafés nos Estados Unidos, onde poderíamos nos reunir e debater política, arte, amor, e fazer planos para tornar o mundo um lugar melhor. E me dei conta de que somos ocupados e estressados demais para sentar ã beira da calçada e simplesmente conversar.

Pág. 182...O consumismo mantém os adultos num estado mental infantilizado em que é de praxe exigir: “Me dê isso!” O consumismo pressupõe: impulso acima de ponderação, satisfação imediata; narcisismo em detrimento de sociabilidade; direito acima de responsabilidade
.

Pág. 184...estamos tão atrelados a um hábito que o vemos como uma regra”. ..um beco sem saída conhecido é muitas vezes mais atraente que uma estrada desconhecida.

GoodGuide

www.scorecard.com => TRI Toxic Releases Inventory



comentários(0)comente



Virginia 19/06/2012

QUE COISA!!!
Um livro feito a partir de um vídeo, na minha opinião, caracteriza um caminho inverso; o usual seria o contrário. E talvez por ser uma entusiasta e apreciadora do vídeo, tenha achado o livro meio chatinho no início. Mas persistindo na leitura você é recompensado com um testemunho ambiental-sócio-político-econômico dos mais pertinentes. Embora por vezes repetitivo, o livro é um verdadeiro petardo de conscientização para todos os terráqueos: ou você produz lixo de forma descontrolada, ou você contribui para a geração de mais lixo, ou você é vítima dos efeitos deletérios de todo esse lixo! Ou, pior, você está incluído em todas as situações citadas (opção que, acredito eu, seja a mais frequente pelo mundo).
E se Annie Leonard gera uma certa paranóia - "isso é tóxico?", "tem chumbo no meu batom!", "meu condicionador contém elementos cancerígenos!", "nunca mais vou pintar as unhas!!", etc - ao mesmo tempo ela demonstra, com fatos, que a necessidade de lidar com o lixo é inevitável. E como a autora não é uma alarmista fatalista e nem uma irresponsável, ela aponta caminhos; e todos partem, sem sombra de dúvidas, da conscientização acerca da produção de lixo, do uso que fazemos da natureza e das nossas relações de consumo.
Recomendo a leitura para todos que vivem em nosso planeta!
comentários(0)comente



Hester 28/10/2013

Achei o livro bom, nos faz pensar em nosso extremo consumismo.
Mas também acei que forca a barra ao dizer que devemos quase parar de consumir.
Penso que devemos achar um meio termo. Nao há como parar ou voltar atrás. Como achar o meio termo é que é a chave do sucesso e mistério.
comentários(0)comente



Lanzim 03/11/2019

Título imprescindível pra estudar geografia
É natural q vc tenha ouvido falar no vídeo em alguma aula de geografia, e o vídeo é um dos mais populares vídeo nesse aspecto justamente por associar a questão do meio ambiente com as injustiças sociais. O livro é INFINITAMENTE mais profundo, com relatos tocantes, detalhes técnicos com linguagem clara e objetiva.

Vamos ver in loco no livro exemplos práticos e diretos de cada ponto abordado no vídeo, somos forçados a discutir políticas econômicas abusos dos países desenvolvidos recheiam o livro de exemplos. É um prato cheio pra um debate geográfico.

É um livro indispensável principalmente pra professores de geografia poderem trabalhar diversos aspectos com suas turmas.
comentários(0)comente



Lanzim 03/11/2019

Título imprescindível pra estudar geografia
É natural q vc tenha ouvido falar no vídeo em alguma aula de geografia, e o vídeo é um dos mais populares vídeo nesse aspecto justamente por associar a questão do meio ambiente com as injustiças sociais. O livro é INFINITAMENTE mais profundo, com relatos tocantes, detalhes técnicos com linguagem clara e objetiva.

Vamos ver in loco no livro exemplos práticos e diretos de cada ponto abordado no vídeo, somos forçados a discutir políticas econômicas abusos dos países desenvolvidos recheiam o livro de exemplos. É um prato cheio pra um debate geográfico.

É um livro indispensável principalmente pra professores de geografia poderem trabalhar diversos aspectos com suas turmas.
comentários(0)comente



anabia 08/06/2020

mudou minha vida
esse livro me fez refletir sobre tudo que consumo. ela traça um caminho muito bem contado sobre o impacto da produção das coisas no meio ambiente e nos seres humanos. muito muito bom de ler!
comentários(0)comente



7 encontrados | exibindo 1 a 7