Sob a Luz dos Seus Olhos

Sob a Luz dos Seus Olhos Chris Melo




Resenhas - Sob A Luz Dos Seus Olhos


85 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6


Nati 12/06/2019

Os olhos doem... de tanto revirar.
Bem, tentarei ser o mais respeitosa possível, porém algumas verdades precisam ser ditas.
O livro tinha tudo pra ser um queridinho meu, amo essas histórias clichês, mocinhos fofos e tals, mas no meu ponto de vista foi muito mal escrito.
Esse foi meu primeiro contato com a autora e confesso que não sei se tentarei novamente. Faltou desenvolvimento, poxa. Tudo muito corrido. Você pisca e de repente se passa 5 anos, pisca, passa mais 2 e assim vai. Acredito que muito teria ajudado se ao invés de simplesmente passarem os anos, tivessem capítulos sobre eles, acontecimentos em tempo real e não somente a narrativa, pelo pensamento e lembranças da mocinha.
Também achei os diálogos fracos, não consegui me envolver e me apaixonar pelos personagens. Na real, achei eles bem mal construídos...
Não sei pq consideram a autora uma Nickolas Sparks br. Só pelas desgraceiras?
Enfim, esse não será um livro que indicarei, mas quem sabe mais pra frente eu crie coragem e leia algum outro dela.
comentários(0)comente



Juliana.Santos 22/05/2019

Sob a luz dos seus olhos
Elisa resolve passar um ano estudando e trabalhando na Inglaterra. A família não aceita muito, mas ela promete que aconteça o que acontecer ela não estenderá a viagem.
Antes de seguir para Londres, Elisa vai para passar alguns dias em York. Em suas andanças, ela esbarra com um inglês muito charmoso e que possui os olhos azuis mais bonitos que ela já viu na vida.
Os dois trocam algumas palavras sem importância algumas vezes, mas Elisa simplesmente não consegue esquecê-lo.
Esses encontros meio atrapalhados, porque Elisa é toda estabanada (risos), marcam o início de uma das histórias mais emocionantes que eu já li!!! “Sob a Luz dos seus olhos” tem muito romance, um pouco de suspense e reserva grandes emoções para os leitores. É uma viagem lindaaaa, posso garantir!
Um amor forte e verdadeiro que consegue sobreviver a tsunamis, terremotos e furacões.
É o tipo de livro que faz a gente chorar, então prepara os lencinhos e o coração!!!!
Em uma determinada parte da trama Paul pede para Elisa explicar o significado da palavra saudade. E quando termina o livro é isso que a gente sente: Saudade da linda história de amor que eles viveram!!!!

site: https://www.instagram.com/cantinho_da_coruja/
comentários(0)comente



Grazi @graziliterata 08/03/2019

Arrisco dizer que ela superoupas Nicholas Sparks
Esse livro foi uma surpresa pra mim, por diversas vezes tive que segurar o choro por ler em um transporte público, mas segurar mesmo, daquele jeito que a gente olha pro alto, respira fundo até passar a vontade de chorar. Se estivesse no conforto do meu lar, teria chorado de soluçar tenho certeza disso.
Nesse livro Chris Melo não fica só naquele romance água com açúcar, em diversas partes você se surpreenderá com a reviravolta que vai dar.
Nele tem romance (lógico), mas também tem muitas cenas de aventura e suspense.
Não espere dele aquele romance perfeitinho, mas sim uma história que poderia muito bem ser baseada em uma história real. .
comentários(0)comente



Geovana.Freitas 07/11/2018

Apaixonante!
Havia baixado o livro há muito tempo e comecei a ler por curiosidade, a autora conseguiu me fisgar logo de cara e quando percebi estava totalmente submersa nessa linda história. É aquele livro que você sofre, torce, se apaixona e quer devora-lo.
comentários(0)comente



Thalita - @mundodaspaginas 19/09/2018

Encantador! É daquele tipo de livro que aquece o coração.
Essa resenha foi postada originalmente no perfil literário no Instagram @mundodaspaginas
.
📖 Imagine conhecer o amor da sua vida, viver intensamente com essa pessoa e em um momento perder tudo isso. Imagine viver seis anos da sua vida sentindo o vazio que a falta dessa pessoa deixou no seu coração e de repente receber um e-mail do seu grande amor querendo te reencontrar.
.
❝ Sentir falta é notar a ausência de alguma coisa. Saudade é quando o peito aperta, quando falta o ar, é quando parece difícil continuar vivendo.❞
.
📖 Aos 23 anos, Elisa decide passar um ano trabalhando na Inglaterra para provar para si mesma que se tornou adulta. Logo em seu primeiro dia conhece Paul em pub e os olhos azuis dele ficam grudados em sua mente e povoam os seus sonhos. Quando o destino se encarrega novamente de unir esses dois, eles não perdem a chance e decidem se entregar a esse sentimento intenso. No entanto, Elisa precisa lidar com uma situação importante em sua vida e os dois acabam se separando, mesmo contra a vontade.
.
📖 Seis anos depois, ele decide que precisa de respostas e Elisa precisa lidar com seus sentimos novamente enquanto decide se vale a pena se jogar novamente de cabeça na vida conturbada e cheia de acontecimentos que Paul está vivendo.
.
📝 Que livro! Desde as primeiras páginas a escrita da Chris me conquistou e me fez suspirar. O livro está repleto de post-its marcando todos os trechos que me emocionaram ou que me deixaram com o coração aquecido. E foram muitos! O desenrolar do livro é cheio de acontecimentos e o romance que tanto me fez suspirar não tem nada de água com açúcar, é muito bem construído e, sobretudo, muito verossímil. Impossível o leitor não se colocar no lugar dos personagens e não enxergar um pouco de si mesmo na Elisa e no Paul.
.
📝 Destaque também para os personagens secundários que fazem total diferença. Principalmente Cadu, que de tão amado ganhou um livro próprio. Em diversos momentos, a autora nos faz acreditar que algo irá acontecer e nos surpreende com algo completamente novo. Esse, com certeza, é um romance que será relido muitas vezes.
.
Essa resenha foi postada originalmente no perfil literário no Instagram @mundodaspaginas
comentários(0)comente



Michelle 07/02/2018

Apaixonadaaa!! *-*
Sabe aquele livro que a gente termina de ler e fica parada olhando para ele fechado e não consegue parar de chorar?! Então, é esse!!

Estou até agora abalada, impressionada, emocionada, triste e ao mesmo tempo apaixonada e encantada.

Sim, minha gente.. Esse livro causa essa mistura de sentimentos mesmo!!

Elisa trabalha numa editora no Brasil, que devido a um programa de intercâmbio, no qual ela se inscreveu, terá que morar em Londres por um ano. Antes de chegar à Londres, ela fica na cidade de York que sempre sonhou em conhecer e é lá que encontra pela primeira vez com Paul, aquele que viria a ser muito importante na sua vida.

Paul sempre sonhou em ser ator e corre atrás de seus sonhos. Mesmo que tenha que se esforçar muito e começar debaixo, tenta a todo custo ganhar algum papel de destaque e ter seu sonho realizado. Ele está em York com os amigos com uma peça e lá encontra Elisa, a mulher que mexe demais com seus sentimentos e que logo mudaria totalmente sua vida.

Paul e Elisa se envolvem aos poucos, mas o que sentem um pelo outro não é uma paixão qualquer e sim um amor, que é tão forte que até eles mesmos ficam assustados com a imensidão desse sentimento.

O primeiro susto que levei foi com uma situação que acontece com a Elisa. Fiquei atordoada e sem acreditar que aquilo realmente estava acontecendo. Mas com o decorrer do livro fui ficando aliviada. E mais ainda com tudo de lindo que vem a acontecer, isso me deixou muito empolgada. Mas como a dona Chris Melo deveria se chamar Chris Sparks, ela sempre nos dá além do "perfeito", ela nos dá a "realidade" e é claro que sempre nos deixa com rios de lágrimas nos olhos.

O que posso dizer é que temos amor nesse livro, muito amor, amor que ultrapassa qualquer barreira, que enfrenta qualquer coisa no mundo. Mas uma coisa é certa, de comum essa história não tem nada!! É uma história totalmente especial. Que nos mostra além do "e viveram felizes para sempre".

Termino essa resenha grata por essa história e recomendando a todos, que gostam de um romance intenso e lindo, que leiam o mais rápido que puderem, porque estou até agora me perguntando: "Por que demorei tanto para ler esse livro?!

Então, leiam, leiam, leiam!!
comentários(0)comente



Danii 04/01/2018

Ontem mesmo antes de terminar a leitura deste livro pensei: faz tanto tempo que não leio Nicholas Sparks, acho que vou colocar algum na minha lista. Mas nem precisei, esse livro realmente foi tudo que encontro nas leituras do Tio Nicholas.
O início é delicioso, um romance jovem, escrita leve que você chega na metade do livro sem perceber... daí em diante muita coisa acontece. Superação, reviravolta e um final arrebatador! Há muito tempo não me debulhava em tantas lágrimas! Mas valeu cada capítulo, cada lição!
comentários(0)comente



Luana Moraes 30/10/2017

Romantico
A vida não é feita só de momentos bons e aqui em Sob a luz dos seus olhos a autora aborda bem este lado cruel da vida. Existem momentos em Sob a luz dos seus olhos que partiram meu coração pela riqueza de detalhes na narrativa da autora;

Comparo este livro aos best sellers romanticos de Nicolas Sparks, que possuem um bom enredo e histórias que são tão apaixonantes que ficamos imersos nelas por dias.
comentários(0)comente



Simone 18/10/2017

Um enredo envolvente!
Com uma escrita singela e — diga-se de passagem — perfeita, fui apresentada a um enredo que apresenta uma bela lição. Confesso que não achei tudo aquilo que ouvi dizer por aí, pensava encontrar algo extraordinário, e acabei me deparando com uma trama cortês.

Sob a luz dos seus olhos é um romance/drama envolvente e acolhedor. Acredito que para apreciadores de gênero (assim como eu), terá não só entretenimento, mas um conteúdo reflexivo e de grande relevância. Os personagens protagonistas são apaixonantes, tão como os secundários, que também ganham uma razoável parcela de ardor. A trama tem algumas reviravoltas instigantes. Contudo, o que de fato me enterneceu, foi o seu desfecho, com uma protagonista vivida, relatando o lado bom e ruim do amor. EU REALMENTE ACHEI LINDÍSSIMO!!! S2

P.S: Confira a resenha completa no link abaixo.

site: https://simonepesci.blogspot.com.br/2017/10/falando-em-sob-luz-dos-seus-olhos-de.html
comentários(0)comente



Kamila 22/08/2017

Sob a luz dos seus olhos vai contar a história da Elisa, uma brasileira que viaja a Londres a trabalho. Ela trabalha numa editora e, graças a um programa da empresa, fará um intercâmbio de um ano na capital da Inglaterra. Mas, antes de chegar a Londres, ela passa em York, cidade fofinha e cheia de paisagens medievais. E é lá que ela vê pela primeira vez um belo rapaz de olhos azuis, que a deixa muito impressionada.

Agora sim, em Londres, ela vai morar na casa dos Hendson, onde é bem recebida e imediatamente se integra à família. E ela finalmente vai encontrar o dono do par de lindos olhos azuis. É o Paul, um dos filhos do casal Hendson. O sentimento nasce de maneira imediata, para desespero dos pais e encantamento dos jovens.

Mas, se a Chris Melo é considerada a "Nicholas Sparks de saia" (socorro), não é a toa. Paul e Elisa vão ficar juntos, claro, só que algo grave vai acontecer na vida da jovem, fazendo com que ela volte ao Brasil imediatamente, sem sequer se despedir direito do namorado. Seis anos se passam, Elisa tem 29 anos e Paul é um ator famoso. E finalmente ele vai reencontrá-la.

Como ela precisou largar tudo, Elisa precisou praticamente recomeçar do zero. Cadu é um doce de pessoa, seu vizinho, não sabe do passado da jovem, mas depois vemos seu lado machista e imbecil - e ainda estou indignada com o fato de que ele protagonizará o livro seguinte, Sob um milhão de Estrelas - e Carol, médica e melhor amiga de Elisa, que sabe tudo da moça, menos sobre Paul - amo e irei protegê-la.

Paul está muito mudado. Famoso, não namora mais do que dois meses, volta e meia está com uma mulher diferente, completamente irreconhecível para Elisa. Até pensamos que vai rolar um triângulo amoroso entre Paul, Elisa e Cadu, mas como eu já disse que Cadu é um imbecil, graças aos deuses da Literatura isso não acontece. Não à toa, o casal demora, mas fica junto.

Com o casal junto e feliz, vai passar mais um tempo e vai acontecer outra tragédia. E é aí que o amor do casal será posto à prova, isso porque, quando mais ninguém acreditou, Elisa foi até o fim. Com ela, só mesmo Philip e Rachel. Uma história de amor e superação, mas que não me encantou tanto assim.

Vamos lá, é um ótimo livro, mas não é tão encantador assim. Me irritei com o Cadu (e ainda não superei o fato de que ele ganha um livro só pra ele), fiquei triste com os fatos e amei o casal principal, mas não acho que a Chris seja um Nicholas Sparks feminino, tá mais pra Dani Atkins da América do Sul, isso porque a autora conduz os fatos de tal modo que nos faz acreditar que alegria infinita é uma coisa suspeita. Sob a Luz dos Seus Olhos é uma mistura de "A Escolha" (tio Nick, resenha aqui) com "A História de Nós Dois" (da Dani, resenha aqui). Aliás, essa história é bem parecida com as que citei.

Foi uma história bem escrita, detalhando bem as paisagens londrinas e americanas (onde o casal vai viver, em Santa Monica, Califórnia), mas o livro mais parecia bipolar: por um lado, felicidade em excesso, fiquei esperando acontecer coisas ruins. Aí elas aconteceram. E, olha, Chris pegou pesado, houve duas vezes que levei a mão à boca pra conter um grito (eu estava no ônibus), o que gostei muito, porque quebrou bem o doce da trama.

Um casal que amei demais, torci e shippei foi Philip, que é irmão de Paul, e Rachel, que vai aparecer no fim, então não direi nada sobre ela. FICO NO AGUARDO DE UM LIVRO SÓ DELES, OBRIGADA. Quem me recomendou o livro foi a Ana, do EC&M, que chorou com a obra (e ela raramente chora com livros). Não cheguei a chorar, mas gostei de ter conhecido a escrita da Chris. Como eu disse, não morri de amores pelo casal principal, mas não significa que não gostei, pelo contrário, amei bastante, apenas não me senti convencida por Paul e Elisa.

Cada capítulo começa com um nome de música, que vai de Elton John a One Direction, nenhuma faz meu gênero, mas a galera vai gostar bastante das sugestões. No Spotify tem a playlist que a autora montou com músicas que a inspiraram durante o processo da obra, a lista é diferente das canções que estão no livro, mas acredito que vocês vão gostar também. Li no Kindle, aproveitando um dia em que a Rocco disponibilizou a obra gratuitamente na Amazon. Não vi nenhum erro na obra, agora vou dar um tempinho para ler Sob Um Milhão de Estrelas - devidamente autografado, rs. Recomendo a leitura.


site: http://resenhaeoutrascoisas.blogspot.com.br/2017/08/resenha-sob-luz-dos-seus-olhos.html
comentários(0)comente



Maristela.Pinheiro 26/07/2017

Uma linda história... fiquei encantada
comentários(0)comente



Ani 15/07/2017

Sob a Luz dos Seus Olhos foi meu segundo contato com a escrita da Chris Melo e nossa... O livro foi lançado pelo selo Fábrica 231, da Editora Rocco e ficou uns 15 dias gratuito na Amazon.




A obra traz a história de Elisa, uma jovem que decide fazer um intercâmbio na Inglaterra e finalmente ter sua vida de adulta. Já Paul, é um ator que está tentando aproveitar o máximo que a vida tem para oferecer. Eles se encontram uma vez casualmente e isso mexe com Lisa mais do que ela queria, e quando ela pensa que nunca mais encontraria os olhos azuis mais profundos que já conheceu, ela descobre que Paul pertence à família que ela está hospedada no intercâmbio e isso faz com que ela mude diversos planos.

"Sentir falta é notar a ausência de alguma coisa. Saudade é quando o peito aperta, quando falta o ar, é quando parece díficil continuar vivendo. Saudade é a ausência de alguém."

Chris Melo é conhecia como Nicholas Sparks de saia, não posso afirmar essa sentença pois nunca li nada do autor, mas posso dizer com todas as letras que a autora é incrível e não veio para brincadeira.
O livro começa com Lisa já mais velha, bem-sucedida e fechada, durante um temporal ela fica presa no escritório e resolve olhar os e-mails pessoais quando percebe que recebeu uma mensagem de alguém que virou sua vida de cabeça para baixo.




É depois desse e-mail que o enredo decola e nós conhecemos o passado de Elisa e o que a fez se fechar para o mundo. Ela e Paul tiveram momentos lindos e diversos planos que uma doença levou. Ele segue sua vida de ator, dessa vez muito famoso e rodeado de fãs, enquanto ela se fechou para tudo que traga felicidade.
Podemos conhecer cada detalhe do passado desses dois adultos quebrados e obviamente começamos a torcer para que o presente traga um pouco de paz para os corações dos personagens.

"Às vezes, os ponteiros se arrastam e nos castigam ao prolongar momentos ruins. Outras vezes, o tempo voa como um cometa e nos faz sentir roubados por ter andado tão depressa."

Depois de um determinado momento, podemos acompanhar a felicidade deles, sonhos realizados, o casal perfeito. Confesso que fiquei até um pouco enjoada de tão doce que o enredo estava se tornando, até que PAH! A autora foi lá e colocou um pouco de ação no enredo, e assim, não foi pouca coisa... Eu adorei a mudança de rumo, tanto que fiquei até as 3:30 da manhã até descobrir qual o desfecho a obra tomaria e meu Deus, eu chorei. E como eu chorei. A autora tocou em cada parte do meu coração e me deixou tão triste e tão feliz ao mesmo tempo. Acredito que as cenas finais foram as mais lindas que já li – apesar de tristes – e isso fez com que Chris Melo entrasse na minha lista de autores favoritos.




Sob a luz dos seus olhos me deixou apaixonada, feliz, triste, encantada... foi um misto de emoções que há tempos não sentia. Agradeço muito a autora por criar algo tão lindo e incrível. A Rocco acabou de lançar Sob Um Milhão de Estrelas e eu já estou com o livro aqui! Em breve, teremos resenha.
Por favor, leiam e se apaixone por essa obra tão linda. Mais que aconselhada!



site: http://www.entrechocolatesemusicas.com/2017/02/sob-luz-dos-seus-olhos-chris-melo.html
comentários(0)comente



Barbara Lima 06/07/2017

"Esta é a nossa vida, a parte que vale a pena ser contada. Toda a transformação que um ser humano sofreu porque disse sim, toda a magia que só existiu porque, em um dia qualquer, nossos olhos se cruzaram."

Eu prometo, estou tentando ser o mais respeitosa possível enquanto escrevo essa resenha! Não está entendo porque comecei assim? Bom, continue lendo.

Sob a luz dos seus olhos está ganhando por enquanto o troféu de pior livro que li em 2017. São tanto problemas que me faltaria espaço nessa resenha para descrever todos, mas vamos lá, vamos falar dos principais.

Sob a luz é um romance nacional que conta a história de amor entre Elisa e Paul, ela brasileira e ele inglês. Tudo começa com a mocinha relembrando o começo desse romance 6 anos após seu último contato com Paul.

Uma jovem Elisa consegue um estágio em uma editora na Inglaterra, é lá que ela conhece o amor de sua vida, Paul é um jovem aspirante a ator que está lutando para ser reconhecido. É na chuvosa Londres que o amor deles floresce... A vida segue, muitas coisas acontecem e vamos acompanhando a vida de ambos até sua morte.

Parece bonito não? Mas não é.

O livro é fraco, tem diversos problemas de narrativa e um drama excessivo que me fez revirar os olhos quase o tempo inteiro.
O primeiro conflito é a separação forçada do casal. No início o leitor pensa que aconteceu algo muito importante que separou os dois, mas não. O motivo da separação deles é tão nonsense que... mas até isso da pra comprar. É um motivo com justificativa idiota sim, mas relevamos.
Recapitulando: casal se conhece, se apaixonam, juram amor eterno, um problema acontece, eles se separam, seis anos depois se reencontram e aí já foi metade do livro. Quando cheguei a metade da história e vi que o conflito inicial tinha se resolvido na velocidade da luz meu primeiro pensamento foi: ferrou, o que vão inventar agora?!?!

Não vou mais falar sobre a história pra evitar mais spoilers, mas o que senti enquanto ia lendo é que a cada página ia ficando pior. A história vai correndo, os anos vão passando e o final é quase um tiro de misericórdia, eu não aguentava mais ler e só fui até o final porque era o livro do mês do BR das GeLs!

Eu preferiria que a relação do casal fosse melhor desenvolvida, se víssemos as pequenas coisas do dia a dia do que anos e anos de uma narrativa do tipo: "Ele era compreensivo, conseguíamos nos entender em tudo. Ele era minha alma gêmea" bla bla bla bla bla. Já entendemos que o amor de vocês é incrível, mas até os perfeitos brigam!!! E são essas brigas, CONFLITOS, que tornam um livro interessante.

Não consegui me apaixonar pelo casal, tem até umas frases bem bonitas mas que não conseguiu me fazer entrar na história. Eu não acreditava na Elisa e no Paul como um casal que não suportaria viver afastados um do outro.
Li um YA bem bobinho enquanto lia esse livro e nele eu consegui sentir mais a angústia de ambos quando o amor deles foi provado do que quando o mesmo aconteceu entre Elisa e Paul.

Duas estrelas porque consegui ler até o final e por causa de algumas quotes. Mas não indico, odeio dizer isso mas não indico mesmo. - Barbara

site: https://livrosentregarotas.blogspot.com.br/2017/02/resenha-183-sob-luz-dos-seus-olhos.html
comentários(0)comente



Galáxia de Ideias 21/06/2017

Paul e Elisa viveram algo único e exclusivo deles.

Sempre ouvi muitos elogios sobre os livros da Chris Melo, antes de ler Sob a luz dos seus olhos, li somente O bom do amor. Toda a sutileza e carisma que vi no livro, pude constatar ser uma marca da autora. Sob a luz dos seus olhos é um livro singelo e muito apaixonante. Me peguei em vários momentos tentando me colocar no lugar dos personagens, mas falhei miseravelmente pois a estória foi feita exclusivamente para ser vivida por Elisa e Paul, e afirmo que viveram intensamente.

Elisa é uma personagem que passa por duas fases em sua vida que são um divisor de personalidade. Primeiro vemos uma garota radiante e cheia de vida que quer aproveitar cada intensamente. Ela ama, ri, sonha e se entrega com todo sua alma. É muito difícil não gostar da personagem e toda sua aura vibrante. Em segundo ela passa por uma fase sombria e tranca tudo dentro de si, porém sua essência é a mesma. Meio apaga e sem vibrações, mas a mesma. Não posso dizer o que acontece com ela, mas Chris Melo merece a fama que tem de ser a "Nicholas Sparks" de saia.

Já Paul é uma constante. Do jeito que ele se apresenta á nos no começo da estória ele permanece. Quando digo isso, é de uma forma boa pois na segunda fase da Elisa, ela precisa justamente de todo amor e dedicação que ele tem a oferecer. O livro é basicamente isso, as passagens da vida dos dois e todo o sentimento e reciprocidade que recebem um do outro. O casal é daquele tipo que nos faz invejar a vida que tem. Não pelo luxo e glamour, mas sim pela coragem que tem de serem completos juntos. É até difícil falar sobre a relação, eles chegam a ser algo quase inatingível. Se formos colocar na nossa realidade é um caso de um em mil, e talvez seja esse o maior ponto negativo da estória.

Os dois vivem um verdadeiro contos de fadas que poderia ser um filme da Disney, e grande parte do que vivem em nada se assemelha a vida real. Também acontecem tantas coisas com eles que fiquei meio chocada, mas que me levaram a torcer ainda mais pelo final feliz deles. Creio que foi justamente isso que a autora quis despertar ao leitor, mas é difícil terminar a leitura e pensar "Hum, um dia viveria esse amor". Terminei a leitura pensando que presenciei algo único e extremamente raro.

Os personagens secundários da estória são muito bem construídos, porém pouco explorados. O foco é única e exclusivamente o romance de Elisa e Paul. Os familiares deles aparecem, mas só nos momentos que o enredo pedia, e, logo sumiam novamente. Assim como também os amigos que poderiam ter um papel mais importante na vida deles. Adoraria ter um livro só sobre o irmão do Paul e saber como ele encontrou o amor nos braços de uma personagem que aparece bem no finalzinho do livro.

O enredo da estória é algo crescente. Acompanhamos as fases ao longo da vida do casal. A única coisa que me fez tirar uma estrelinha foi o fato de achar que algumas coisas foram corridas. Anos se passam em duas linhas, enquanto dias levam páginas e páginas. A escrita da Chris Melo é viciante e muito gostosa de ler, é daquelas que você lê cem páginas sem nem perceber. Algumas partes chegam a ser poéticas e lindas com reflexões profundas. Serio, marquei tantos quotes que meu livro ficou todo coloridinho de marcadores ♥.

A parte física do livro dispensa elogios. A Rocco fez um trabalho extremamente caprichado e belíssimo. A capa trás toda a alegria da personagem e ainda nos remete ao frio de Londres. Internamente o exemplar vêm com folhas amarelada e ásperas. A fonte utilizada está num tamanho perfeito deixando a leitura ligeira e fácil. Todo começo de capítulo temos o nome de uma música que serve de trilha sonora para aquela capítulo em especifico, o mais legal é que são músicas conhecidas, e mesmo senão ouvirmos naquele momento ela logo vem a mente.

Enfim, Sob a luz dos seus olhos foi um livro que me surpreendeu. É lindo, apaixonante e trás um sentimento maravilhoso ao decorrer da leitura. Adorei a estória e já desejo poder conferir outros livros que a autora publicou. Recomendo livro para todos que amem um livro de romance arrebatador e bem amorzinho em todos os sentidos.

Resenha postada no blog Rillismo

site: http://rillismo.blogspot.com.br/2017/06/resenha-sob-luz-dos-seus-olhos-por.html
comentários(0)comente



Eric "Julián" Silva 14/06/2017

Bem escrito, mas clichê
Não sou fã de histórias românticas por uma série de motivos que prefiro listar em uma postagem exclusiva para isso. Contudo, procuro ser uma pessoa aberta e, como bom amante da literatura, procuro sempre ler de tudo. Assim, consigo com que minha antipatia não seja mero preconceito, mas fundada na minha experiência literária com o gênero. Por isso, muito de vez em quando, vocês verão por aqui alguma resenha de um livro de história romântica. Hoje falarei de um deles e que entrou como o sétimo livro da nossa campanha do #AnoDoBrasil.

Sob a Luz de Seus Olhos é um livro muito bem escrito, com uma qualidade narrativa que torna a leitura fluida e natural. A forma como a autora trabalha a palavra torna a escrita envolvente e mergulhada nos pensamentos e sensações dos personagens. Além disso, a autora opta por escrever em tempo presente, o que nos dá a sensação de que a narrativa acontecesse simultaneamente à leitura.

Narrado quase que inteiramente pela perspectiva de Elisa, Sob a Luz de Seus Olhos conta a história de uma personagem decidida e forte, que mesmo sendo um pouco estabanada sabe muito bem o que quer e o que não quer, ainda que os seus sentimentos as vezes lhe traiam. Elisa é o meio termo entre uma mulher jovem e madura, por vezes louca, espontânea e impulsiva. Paul, por sua vez, é bem mais contido, mas se encontra igualmente em um meio termo entre ser maduro e ser jovem. Com certeza a marca de ambos os personagens é a entrega total ao que sentem recorrendo inclusive ao sacrifício de si pelo outro.

Contudo, não seria honesto se eu dissesse que o livro não está povoado pelos famosos clichês das histórias de amor. Sim, ele está, e em muitas passagens eu conseguia antecipar o que aconteceria no capítulo a seguir. Eram pequenos sinais, pequenos ápices, mas tão comuns e corriqueiros no gênero que não havia como errar.

Percebi um esforço da autora para tornar a história de amor do casal algo mais verossímil e real, mas, ainda assim, toda a narrativa estava envolta por aquela atmosfera ?sublime? dos amores perfeitos, incondicionais, inexplicáveis e eternos. Não é que eu seja contra as histórias de amor, juro que torço para o casal na maioria das histórias que leio, mas quando o foco é o casal e o amor deles a história me causa enfado.

No gênero das histórias de amor as passagens que descrevem a intensidade do sentimento dos personagens, suas juras e divagações são as que mais me cansam, e digo que por isso pulei um parágrafo ou outro na leitura de Sob a Luz de Seus Olhos. Contudo, principalmente a reta final, quando ocorre o acidente e o mistério envolta dele avivou-se em mim um novo interesse pela história e me fez vê-la com outros olhos. Não obstante reconheço o talento inegável da autora para a literatura, sobretudo no que consiste a sua escrita, o que certamente me faria ler outro de seus livros caso a mesma se aventura-se em outros gêneros e temas.

Eric Silva, resenhista do blog Conhecer Tudo

Confira no blog a resenha completa do sexto livro da campanha anual de literatura e que nesse ano homenageia a literatura do Brasil.
http://conhecertudoemais.blogspot.com.br/2017/06/sob-luz-dos-seus-olhos-chris-melo.html
Fernando Lafaiete 14/06/2017minha estante
Muito boa a resenha Eric. Expôs muito bem os motivos que te fizeram dar a nota que deu. :)


Eric "Julián" Silva 14/06/2017minha estante
Obrigado




85 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6