O Noivo da Minha Melhor Amiga

O Noivo da Minha Melhor Amiga Emily Giffin




Resenhas - O Noivo da Minha Melhor Amiga


145 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |


spoiler visualizar
Ali Schmidt 29/06/2010minha estante
Boa resenha. Gostei da sinceridade!


Cibele 06/07/2010minha estante
Eee spoiler...


Magali 23/03/2011minha estante
podia ter avisado que tinha spoiler!


Anne 17/01/2013minha estante
Bom eu Li (Something Blue) presentes da vida ,nem sempre o que queremos e aquilo que realmente precisamos ,vendo a historia de um novo angulo ,o D Darcy.

Realmente por ter lido este primeiro ,eu não gostei da atitude da Rachel ,pq tudo e na visão da Darcy,agora verei a visão da rachel pra saber o que aconteceu de vero ^^

Amei a Darcy e a busca do seus novos valores pra vida ^^


Carol 17/04/2013minha estante
Achei a mesma coisa... é tudo tão esquisito que eu não conseguia sentir raiva da Darcy... muito pelo contrário. Pra mim não rolou!


Raíssa 15/07/2013minha estante
Concordo plenamente com você. Engraçado que já li, Presentes da Vida e adoreiii. O livro é lindo! Mas esse detestei.
Tudo que a Rachel tem é inveja. E chega a dizer que nem se sente culpada. Pelo Amor de deus o.O Não é possível.. Ela passa o início todo do livro comparando ela a Darcy e que não sei o que... Enfim, horrível.


NakamaDoEmerson 17/07/2013minha estante
Eu discordo totalmente. Também não gosto de traição, mas esse livro fez a realidade das pessoas de hoje em dia. Eu simplesmente amei u.u


04/12/2014minha estante
Totalmente em desacordo com a resenha. Amei o livro, sugiro que leia o Presentes da Vida que você não vai sentir pena da Darcy.


Letícia 15/01/2015minha estante
Faço das suas palavras as minhas! Tive aversão pela personagem Rachel, assim como pelo Dex. Rachel é tão passiva que não é capaz de admitir os próprios erros, colocando a culpa em Darcy, que foi a personagem que eu mais gostei no livro. Sinceramente, o livro foi uma decepção sem tamanhos. Um absurdo tudo que ele prega. Horrível. Se pudesse daria 0 estrelas.


MarioLuiz 19/03/2016minha estante
Como li todos os livros de Emily Giffin editados em português, posso dizer que ela é uma autora que gosta de escrever sobre questões moral que vivem seus personagens sem fazer juízo de valores, mas para termos uma ideia mais equilibrada dos personagens Darcy e Rachel o ideal éra ler, este da resenha, depois Presentes da Vida, também editado em português como A Noiva Traída e por fim Questões do Coração para conhecer os pais de Dex a irmã e como está se dando a vida de casados de Dex e Rachel alem de torcer que de tudo certo às duas protagonista, o que é impossível sem um eminente desastre. E para ver como tenho razão em meu comentário a respeito da escritora, leia Ame o que é Seu, mais uma protagonista para fazer você sentir raiva, uma vez que parece que Ellen não valoriza o que tem de melhor em seu casamento e está doidinha para arrumar uma encrenca da qual não terá como lidar. Já em Laços Inseparáveis são duas protagonista para ficar com raiva e um final com um grande ponto de interrogação. O livro que mais gostei desta autora foi Uma Prova de Amor, que no fim há uma reviravolta, mas que afinal não é tão uma reviravolta assim. Não entendeu? Se ler entenderá, mas lembre-se: Esta é Emily Giffin.




RenataSara 04/09/2009

Nota 10000000 ...
Li esse livro ha cerca de 1 ano e amei , ele é realmente diferente...
Me fez sentir varias emoções como rir, ficar feliz, apreensiva, nervosa enfim ele fez o que todos os livros em minha opinião deveria fazer, nos deixar empolgados com a leitura a tal ponto que não possamos desgrudar do livro antes do final e com ele foi exatamente o que aconteceu ...
O livro é tão bem escrito e tão bom, que nos faz entender e torcer por uma situação que geralmente condenamos sem dó que é se apaixonar pelo noivo de nossa melhor amiga.
Eu confesso torci muito pela Rachel apesar dos pesares e sei que voce tambem vai torcer, quem não torceria ?!?!?
Uma ótima pedida para quem curte literatura feminina e quer dar muita risadas ^^
comentários(0)comente



Talita, 02/10/2010

Um livro que você não cansa de ler, já li várias vezes e sempre tenho vontade de ler mais uma vez, leitura rápida que te prende do inicio ao fim.
comentários(0)comente



Lizzy 14/04/2010

DIVERTIDO!
O livro é um ótima diversão, dá para ler rapidinho. Acho que a narrativa em primeira pessoa sempre favorece.

O problema da nossa heroína é que ela tem o MAL DO CACHORRO VIRA-LATA, sabe aquelas pessoas que acham que não merecem o melhor, ou seja, o melhor emprego, a melhor amiga, o melhor namorado...e se contentam com o médio, mais ou menos. Ela é assim.

Então quando ela se envolve com o noiva da melhor amiga, essa transgressão muda a vida dela para sempre, não só por ela viver o amor mas porque ela descobre que quer o melhor também, e que todos nós temos o direito ao que há de melhor na vida.

A amiga dela é uma insuportável.

Lembra o estilo dos filmes o CASAMENTO DO MEU MELHOR AMIGO e MUITO BEM ACOMPANHADA.

Recomendo.
comentários(0)comente



Viviane 15/12/2011

O livro é bem escrito e até bonitinho em alguns momentos. Porém a história de trair a melhor amiga realmente não me agradou. Essa sacanagem com a amiga e sua personalidade fraca me fizeram não gostar de Rachel. Por incrivel que pareça me simpatizei mais com Darcy, mas minha personagem preferida no livro foi Hillary.
Enfim, esse livro não entrou para os meus favoritos, mas essa é a minha opinião. =)
Tatiane 31/03/2012minha estante
Concordo com você


Bruna 01/02/2013minha estante
Eu também, desde o inicio nao consegui gostar da Rachel! nenhum homem, vale tanto a pena assim, pra por em cheque uma amizade


MarioLuiz 19/03/2016minha estante
Leia Presentes da Vida, também editado como Noiva Traida e você irá odiar a Darcy e achar a Rachel uma santa, mas no final... leia!
Mas não pense que terminou.você ainda terá algumas informações sobre o casamento de Dex e Rachel através de sua cunhada Tessa no livro Questões do Coração.




karine 09/11/2010

gostei bastante; a história não é surpreendente e um pouco clichê, porém garotas que têm melhores amigas podem se identificar bastante, não pela traição, mas sim pelos valores envolvidos, situações que constantemente colocam nossos princípios em colisão com nossos sentimentos; vale a pena arriscar a solidez de uma grande amizade, perder uma pessoa importante por um romance? e se for amor de verdade? e se você nunca tivesse percebido que esta amizade nunca te fez bem, que você vivia numa competição inconsciente? a amizade é uma variação do amor? qual dos dois é mais valoroso? qual dos dois vale à pena perder?
comentários(0)comente



Karol 12/01/2013

Não gosto de Rachel!
Eu não gostei da protagonista e isso tornou a leitura um pouco penosa pra mim. Ela é fraca, medrosa, sem auto-estima e sua relação com Darcy realmente não é algo que possa ser chamado de amizade. Darcy é realmente imatura e egocêntrica, mas não justifica o comportamento da amiga em relação a ela e olha que não falo apenas da traição! Ela é tão fraca que tinha medo de botar o Dex contra a parede para ele tomar uma posição! Uma advogada que não gosta da profissão e teme confrontos foi o pior de tudo! Ela se sentia passada pra trás até por ser alguns meses mais velhas que Darcy! Enfim, não gostei dela porque ela se coloca sempre como vítima!
MarioLuiz 19/03/2016minha estante
A autora era uma advogada que se tornou escritora, mudou até de país, então, pode haver por parte dela alguma reticencia em relação a antiga profissão, ou esteja fazendo alguma critica velada as seu antigos pares ou até mesmo zoando com eles. Não sabemos exatamente a base do que partiu a autora para criar o romance. Harlan Coben costuma usar nome de amigos em personagens fictícios em seu livros, quando eles permitem ou quando peçam, até dos seu leitores. Escritores podem estar passando mensagens tão sublimar aos seus leitores que nos passam desapercebidos.
Alguns pelo menos, com certeza.




May 11/10/2010

Interessante
hahaha, o livro é interessante, para não dizer outra coisa.


Eu até que gostei da história, mas ela é muuuuito longa, muuito cansativa. Tinha horas que eu ficava morrendo de raiva da Rachel, ela é muito idiota, também não fui muito fã do Dex, aliaás, no começo eu gostava dele, mas depois fiquei meio assim.

No geral meus personagens preferidos do livro não foram os principais, e sim a Hillary e o Ethan.


:D
Cris-SC 05/12/2010minha estante
Apesar de ter gostado do livro, também concordo com você com relação ao Dex... No início gostava dele, mas depois acabei vendo ele mais como um safado do que um apaixonado rsrs
Realmente o Ethan e a Hillary são mais pés no chão e não tão deslumbrados como os personagens principais!




Elis 19/06/2012

Se a intenção era que eu apoiasse a Rachel ou entendesse a traição...
Todo mundo que me conhece sabe que eu odeio traição. Acho algo tão sem desculpas que evito ler livros que contenham esse ato que para mim é crime hediondo e inafiançável. Mas ganhei o livro Presentes da vida da Editora Novo Conceito e achei que deveria dar uma chance a autora. Antes de começar a Barbara me avisou que era série, ou seja, eu poderia até ler mas não saberia o que houve antes. Como sou paranoica com esse negócio de séries, sempre quero ler na ordem. Lá fui eu ler O noivo da minha melhor amiga.

Logo de cara percebo que o livro é em primeira pessoa (Eca! Mil vezes ECAAAAAA!). Me senti desafiada duplamente. Putz, livro de traição em primeira pessoa? Oi?
Nas primeiras páginas, você já consegue pegar o tom do livro. Rachel é a pobre coitada e a Darcy é a amiga piriguete, má, egoísta e sem noção. Só que a impressão que eu tive foi que a Rachel era uma panaca e a Darcy, uma aproveitadora de panacas. Voialá, amizade perfeita!
Durante várias páginas (várias mesmo), me senti sendo uma psicóloga e a Rachel no divã despejando toda uma vida sendo a panaca da Darcy. A vontade de gritar e tacar o livro longe só aumentava.
E o que é aquele Dex? A mãe dele deveria cumprir pena com trabalhos voluntários por parir um homem tão frouxo! Queria a mulher mas nunca falou nada. Conheceu a melhor amiga dela, caiu dentro e ainda a pediu em casamento, mas na primeira oportunidade o que ele fez? Transa com a mulher que realmente queria sem se importar com a noiva. Vai ser frouxo assim no inferno pro capeta sambar na tua cara idiota! (Deu para perceber que não suporto homem frouxo não é? Bom.)
O que se segue é o típico "vou ficar com as duas", e nem é por ele ser um cafajeste, novamente é o lado frouxo dele atuando mesmo. Então fica a Rachel sofrendo de dia e virando os olhinhos à noite, sempre falando mal da Darcy para justificar a traição e o Dex com as duas, quando é pressionado a tomar uma decisão, o lado frouxo dele assume de novo. Affeeee

Só reafirmou tudo o que eu penso sobre traição.

A Darcy realmente tem um péssimo caráter mas vou dizer a vocês, se a intenção era que eu apoiasse a Rachel ou entendesse a traição. Esse livro falhou miseravelmente.


"Leia o texto original no blog Codinome: Leitora"
10/07/2016minha estante
Kkkkkkkkk sua opnião é completa e sem dúvida a mesma que a minha, todo o livro eu passei " nossa mas que homem froxo, pooourra"




Juliana @jaliagoraesuavez 07/04/2009

Adorei o livro! Não queria que acabasse... mas acabou MUITO rápido!! Eu li que existe um livro da Emily contando a história do ponto de vista da amiga traída... mas não lançou ainda em protuguês. Tomara que não demore muito!
Niii 19/10/2009minha estante
Meu primeiro Chick Lit... Nunca esqueci... Rachel e Dex... muito bom!!!!! Emily Giffin é perfeita... muito detalhista, mas perfeita!!! Li a continuação e gostei tbm...


Dri Ornellas 01/08/2010minha estante
Um dos meus favoritos!




Paula 10/03/2010

Pensei váárias vezes durante o livro, em dar duas ou três estrelinhas, só por a Rachel ser tão passiva, tão "songa-monga". Mas a virada que a história toma no final, é muito engraçada, vale muito a pena ler. A História é um tanto clichê, mas não deixa ela menos interessante por causa disso. Parece mais um roteiro de filme, todas as cenas vão passando na cabeça. Incrivel como o livro mexe com nossas emoções !!!
comentários(0)comente



Tati 15/11/2009

Imperdível, apaixonante, fofo
Gente, pq demorei tanto pra ler este livrooo????? Simplesmente um dos melhores romances que já li até agora, e com toda a certeza, entrou para a minha lista de favoritos!!!!!

Rachel é amiga de Darcy há anos, desde a infância, mas sempre se sentiu inferior à amiga além de a própria Darcy fazer com que elase sentisse assim. Mas as vésperas do casamento de Darcy com Dexter, antigo amigo e colega de faculdade de Rachel, Dex simplesmente agarra Rachel e a leva para cama, e é aí que começa toda confusão...

Um romance que não te deixa largar o livro, que faz com que vc se identifique com Rachel e fique torcendo para que as coisas se resolvam de uma vez! Daqueles que dá uma dorzinha no coração qdo a gente acaba de ler!! E se vc ainda não leu, corre lá, pq assim como e vc irá devorar este livro!!
comentários(0)comente



vanessa 15/07/2013

Rachel e Darcy são amigas desde a infância. Rachel sempre achou Darcy muito sortuda, por ela sempre ter sido a mais bonita, a que tinha as melhores roupas, a mais popular, a mais divertida e por sempre conseguir o que queria. Rachel sempre foi a coadjuvante na história toda porque a Darcy consumia toda a atenção e sempre foi egoísta!

Mas isso não é motivo para trair a melhor amiga assim né? logo com o noivo dela, poxaa!!

- Isso era o que eu pensava quando comecei a ler o livro. Depois Rachel se tornou minha queridinha, certo que eu não aprovo completamente a atitude dela, mas eu a compreendo sim!

Ao longo do livro a autora conta a história das duas amigas, e ela conseguiu fazer com que eu tivesse muita raiva da Darcy em certos momentos. Como uma pessoa pode ser tão fútil e competitiva?! Rachel sempre se manteve ao lado da amiga, sendo que em certas situações ela nem percebia as falsidades da Darcy de tão ingênua que era.

Então acontece, e ela se apaixona pelo noivo da melhor amiga..(Gentee ela não tem culpa de ter se apaixonado por ele ) e no desenrolar da história me peguei torcendo pela Rachel, torcendo pra ela batalhar pelo que queria e pra ela deixar de ser tão passiva, como foi por toda a sua vida!

Com uma narrativa gostosa de ser ler, Emily Giffin me prendeu do inicio ao fim!
- 5 Estrelinhas para a Rachel!
;)
Andréia 04/08/2013minha estante
Otima resenha! E foi por sua causa q eu li esse livro! e ameeei também,vou logo ler presentes da vida, pois estou muito curiosa!!! :)




Luana 28/05/2012

Amei cada personagem, principalmente, Rachel, Ethan♥, Hillary e Darcy (e antes que eu me esqueça recomendo peremptoriamente o filme homônimo baseado neste livro, impossível não rir). A leitura é incrível, você começa e simplesmente não consegue parar, foi impossível ler só 1 capitulo por dia (foi essa a quantidade estipulada para a leitura). Para mim que sempre achei namorar ex de amiga impraticável tive uma grande surpresa ao me identificar com a Rachel, não tem como não torcer por ela, amava quando defendia a sua causa no ”tribunal”, mas ficava triste quando não se valorizava. Pode parecer loucura, mas gostei muito da Darcy apesar de todos os defeitos, que não são poucos, ela despertou o meu lado maternal e me identifiquei bastante com ela, dá pra perceber que ela ainda não ‘cresceu’.

Rachel é uma advogada tímida, com pouca auto-estima, passiva e complacente enquanto Darcy é desinibida, confiante, dominadora e egoísta. As duas têm personalidades muito diferentes, mas não há dúvidas que apesar da excessiva competitividade elas se amam muito e quem tem uma amiga de longa data sabe que os laços do tempo são mais fortes que a gravidade; como se esquecer de alguém que está presente em todos os momentos importantes da sua vida, que sabe todos os seus segredos, que esteve com você na primeira mentira etc. Como arrancar essa olanta que possui uma raiz tão profunda. Quem disse que os opostos se atraem e os iguais se repelem não deve ter previsto Dexter no experimento, Dex é o amigo de faculdade de Direito da Rachel e noivo da Darcy, quando no trigésimo aniversário da Rach acabam na cama uma tremenda confusão começa. E agora, será que a Rach vai abrir mão da longa amizade pelo amor de Dexter. Ela será capaz de roubar o noivo da melhor amiga?

“Lembro do dia em que fomos deixadas no shopping com nossas reles economias da sexta série e saímos correndo para comprar nossos colares de ‘melhor amiga’, um coração partido com dizeres em cada uma das partes, cada lado pendurado numa corrente folheada a ouro.”

“... fico imaginando como chegamos a este ponto. Como pudemos nos apaixonar pela mesma pessoa? Como pude sabotar o noivado da minha melhor amiga? Nos últimos segundos antes de pegar no sono, desejo voltar atrás e desfazer tudo, presentear essas menininhas com uma nova
chance.”

“Dex é canhoto” #sonho

“ É como se alguém estivesse me sacaneando, dizendo: Chegou perto, mas está sem sorte.”

“Não vá! Por favor! Eu te amo! Mude de idéia!”
comentários(0)comente



Leandro 24/10/2011

Sabe aquele livro que quando você começa, não consegue parar de devorá-lo? Pois bem, “O noivo da minha melhor amiga” é assim. Divertido, rápido e gostoso de ler.

"O Noivo da Minha Melhor Amiga conta a história de Rachel, uma jovem advogada de Manhattan. A moça, sempre vista por si mesma e por seus amigos como a "certinha" e bem-comportada, muda radicalmente no seu aniversário de trinta anos, após a festa oferecida por sua melhor amiga, Darcy. Meio deprimida por chegar aos trinta sem o marido e os filhos que imaginava ter a essa altura da vida, Rachel se excede na comemoração e termina a noite na cama com Dex, seu grande amigo de faculdade e noivo da sua melhor amiga. Até a noite em que ficou com Dex, Rachel era o modelo de filha e amiga perfeita, embora se visse como um fracasso. Nunca transgrediu as leis, nem mesmo as de horário de trabalho, ao contrário da egoísta, narcisista mas irresistível Darcy, em torno da qual Rachel e, posteriormente, Dex sempre orbitaram. Enquanto a boa moça e tímida Rachel teve alguns poucos namorados e conseguiu um emprego estável porém sem graça num escritório de advocacia, a linda e popular Darcy namorou todos os bonitões do colégio, construiu uma glamourosa carreira de Relações Públicas e sempre conseguiu tudo o que quis, inclusive manipular e obrigar Rachel a fazer o que desejava. E agora, após uma noite com o noivo da melhor amiga, Rachel acorda determinada a esquecer para sempre o fatídico encontro, mas acaba descobrindo que sempre amou Dex. E, apesar da amizade a Darcy, começa a perceber que ela não é exatamente o que se espera de uma melhor amiga. À medida que a data do casamento se aproxima, Rachel se desespera com a urgência da decisão que precisa tomar e acaba passando por uma profunda reavaliação de sua vida, para concluir que "certo" e "errado" são conceitos muito relativos. Narrado em primeira pessoa por Rachel, o livro ganha a simpatia do leitor pela empatia da protagonista, que expõe suas dúvidas e sentimentos de forma muito honesta e humana. E o final reserva grandes surpresas."

Para continuar lendo, acesse: http://www.leandro-de-lira.blogspot.com/
comentários(0)comente



145 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |