Mistério no museu imperial

Mistério no museu imperial Ana Cristina Massa




Resenhas - Mistério no museu imperial


15 encontrados | exibindo 1 a 15


17/09/2009

Comecei achando meio chato, principalmente por estar lendo porque a escola mandou, mas depois não consegui mais parar de ler. É uma aventura fantástica que atiça a nossa curiosidade, melhor ainda foi ir até Petrópolis depois conhecer o Museu Imperial. Ótimo para quem começou a se interessar por leitura agora.
comentários(0)comente



Suzane 13/04/2009

Historia para todas as idades
Para quem gosta de aventura, misterio, gente jovem e muito romance adolescente deve ler...É gostoso de ler, voce se apega a história e aos personagens de uma forma encantadora.
comentários(0)comente



Leilinha 06/06/2014

Os invencíveis
Os Invencíveis é o nome do grupo de Eugênio, Goma (Marco), Isadora e Sofia. Eles jogam e competem entre si, ou na internet contra outros grupos. Em uma viagem com a escola ao Museu Imperial, no Rio de Janeiro algo estranho começa a acontecer. Mas com medo que alguém não acredite, Jonas (que viu coisas estranhas)decidem não falar nada. Eugênio compra (na loja do museu) quatro quebra-cabeças para levar para ele e seus amigos montarem, iniciando assim, um novo desafio para Os Invencíveis. Porém, após montarem, descobrem que tem algo de errado. E algo relacionado com o museu. Os invencíveis, resolvem voltar ao museu e pedem para Jonas (que acabou contando as coisas estranhas que viu no museu) ir junto para tentarem descobrir o que há tão misterioso lá.
O livro realmente é coberto de mistério desde a primeira página. Me apaixonei pelos Invencíveis!
comentários(0)comente



Cacau 30/03/2012

Ganhei esse livro na minha formatura do ginásio(2004), ele é fantástico, engraçado e divertido. Ensina muito sobre amizades e o carinho que devemos ter com nosso amigos.
comentários(0)comente



Saribera 15/11/2011

Mistério de primeira
Que as livrarias enterrem os Conan Doyles e as Crhisties de vez, tá aqui um livro de mistério infanto-juvenil de primeira qualidade, com um fundo histórico todo brasileiro.

É a história dos Invencíveis, grupo de adolescentes com o lema "um por todos", eles se envolvem na investigação de um mistério no museu de Petrópolis, trata-se de um quebra-cabeça reprodução de um Quadro de D.Pedro II que tem uma pessoa a mais que o original. Muito suspeito! A investigação do caso vai levar os jovens a perigos e aventuras.

Recomendo, apesar de retratar a família imperial com muita simpatia.
comentários(0)comente



Fêh Zenatto 07/12/2016

RESENHA - BLOG COISA E TAL
Entre os livros que mais marcaram a minha vida estão os da série Os Karas, escritos por Pedro Bandeira, e Mistério no Museu Imperial me lembrou demais essa outra série por também ter um grupo de jovens que sempre se metem em confusões e tentam resolver mistérios. Em uma época da vida em que as amizades são tão presentes e importantes, livros onde os adolescentes se encontram no mundo são extremamente representativos e despertam a curiosidade do mundo.
Além disso, o livro fala muito sobre a história do nosso próprio país já que toda a parte central da história se passa no Museu Imperial e não tem como não ficar curioso com as descrições das grandes salas, fazendo com que queiramos conhecer também o lugar.

A leitura do livro é rápida, fácil e prazerosa e, mesmo sendo um livro infanto juvenil, o enredo não é bobo. Acabamos completamente surpreendidos com o desenrolar da trama e nos identificando com as diferentes personalidades dos cinco integrantes d'Os Invencíveis. Temos Eugênio, o Gênio, o atual líder que está sempre conectado à internet e arquitetando todos os planos infalíveis da equipe; Goma, melhor amigo de Gênio, que nunca está sem um chiclete na boca, passa o tempo todo imaginando e criando cenas na sua cabeça; Sofia é irmã de Goma e extremamente sonhadora, disposta a lutar por seus amigos acima de tudo; Isadora é uma menina mandona que sonha em virar líder mesmo estando sempre contando com a palavra final de Gênio e, por fim, Jonas, o última a entrar n'Os Invencíveis, o craque do time de futebol que, mesmo com a pose de valentão, está morrendo de medo de toda a aventura.

As aventuras d'Os Incríveis continuam com mais 3 livros (Enigma na Capela Real, O Segredo do Colecionador e O Mistério da Ilha de D. João VI) e o término desse faz com que fiquemos com muita vontade de acompanhar mais das aventuras deles.
É uma série ótima para aqueles que já são fluentes na leitura mas ainda não foram completamente capturados por ela (meu enteado lerá esse livro muito em breve)!

site: goo.gl/cN7Z4h
comentários(0)comente



Biblioteca Álvaro Guerra 06/09/2018

Mistério no Museu Imperial
"ajudem a desvendar o mistério.”

Mistério no Museu Imperial é um livro um pouco diferente dos que nós costumamos resenhar aqui no Por Essas Páginas. A Editora Biruta e Gaivota possuem diversos livros infantis e juvenis. Através dessa parceria iremos trazer sugestões de livros para essa faixa etária – seja para quem ainda guarda um pouco de criança em si mesmo ou até mesmo para presentear.

Mistério no Museu Imperial, escrito pela carioca Ana Cristina Massa é um livro da série Os Incríveis. Esse é o primeiro livro – mas pelo o que eu entendi, eles não precisam ser lidos na ordem, porque são aventuras independentes. O que eles têm em comum são os personagens protagonistas. Eugênio, também conhecido como “Gênio” é o líder do grupo; Marco (ou Goma), como o apelido já diz, é viciado em chicletes e tem uma imaginação que vai muito longe; Isadora é aquela menina meio mimada e metida e que quer se tornar líder do grupo; Sofia é a irmã do Goma e amiga de Isadora e Jonas já faz o tipo mais atlético, e apesar de ter boas notas, o seu comportamento não é tão bom assim. Aliás, a pequena biografia presente atrás do livro foi de muita ajuda para o início da leitura. As apresentações são feitas muito rapidamente no primeiro capítulo – e por isso eu me perdi várias vezes durante a leitura. São muitos personagens para poucas páginas e por isso eu até pensei que esse não fosse o primeiro livro da série e eu precisasse de informações anteriores. Além disso, em alguns diálogos ficava muito difícil perceber quais personagens estavam participando daquela conversa. O início foi um pouco confuso, mas conforme o enredo foi se desenvolvendo a narrativa fica muito mais fluida.


Nesta aventura, o grupo faz um passeio da escola para o Museu Imperial, casa de verão do imperador Dom Pedro II e da família real, presente em Petrópolis no Rio de Janeiro. A professora Rosa ia explicando sobre cada sala e a sala de música foi eleita pelos alunos a mais bonita de todo o museu. Goma começou a sonhar acordado, imaginando tirar a princesa Isabel para dançar e sobre o que ele iria conversar com o Imperador. Quando ele acorda, a turma já estava no final do corredor… E Goma sente alguém atrás dele mas quando vira, já não tinha mais ninguém. Na sala do trono do Imperador, Jonas teve uma experiência semelhante. Nenhum dos dois comenta nada com o restante da turma. Na loja de suvenir, Eugênio resolve comprar quatro quebra-cabeças iguais. Esse seria o desafio para eles decidirem quem seria o novo comandante do grupo. Mas mal eles sabiam que essa pequena brincadeira iriam levá-los a um mistério muito maior…

museu
Mistério no Museu Imperial me lembra muito os livros que eu lia quando eu estava no Ensino Fundamental. Não aqueles livros que eu terminava de ler porque era obrigada, mas sim aqueles que eu terminava porque não conseguia parar de ler. O enredo é bem simples mas a autora consegue fechar muito bem o mistério que ela propôs. Essa série Os Incríveis tem como um dos objetivos despertar o interesse dos jovens sobre determinadas época da história do Brasil. E o que eu achei muito interessante foi que a autora conseguiu colocar os pontos sobre o Período Imperial sem ficar parecendo um trecho de um livro didático. As informações estavam diluídas no meio do mistério – e quando você percebe você teve uma pequena aula de história. Mas não são só fatos históricos que esse livro ensina, porque ele também nos mostra o grande poder que é ter amigos.
Um dos motivos que eu escolhi esse livro foi porque eu conheço o Museu Imperial e eu adorei como a autora conseguiu o descrever muito bem. Eu me peguei sorrindo logo na primeira cena, quando alguns alunos tem dificuldades com as famosas pantufas que os visitantes tem que usar para poder não danificar o piso do Museu. Mas se você não conhece o local, não se desespere: o livro conta com imagens lindas do Museu e inclusive uma planta dele! Eu gostaria muito de ter lido esse livro antes de ter feito a minha primeira visita ao Museu Imperial, que adivinhem só, foi com o meu colégio (assim como no livro).

museu 2
Em algumas outras resenhas, eu já comentei sobre a utilização de linguagem de internet e como isso às vezes atrapalha. Nesse livro, os personagens também trocam mensagens dessa forma mas a autora, além de usar a forma abreviada, colocou embaixo o que cada frase significa. Achei isso muito importante, principalmente porque esse livro pode ser usado sim na sala de aula. E ninguém quer que os alunos comecem a escrever “vc” e ” naum” na hora da prova, certo? (Além é claro de ajudar os leitores mais novinhos que podem não entender… Apesar que essas crianças hoje em dia estão mais espertas do que muitos adultos!).
Enfim, Mistério no Museu Imperial não é só é uma ótima aventura para a faixa etária para qual ele foi proposto mas também é uma leitura divertida para o público adulto! Se vocês quiserem conhecer mais sobre a obra ou autora, é só entrarem na página do livro no site da Editora Biruta."

Link da resenha: http://poressaspaginas.com/resenha-misterio-no-museu-imperial

Esse livro se encontra disponível para empréstimo nas Bibliotecas Municipais de São Paulo. De graça!

site: http://bibliotecacircula.prefeitura.sp.gov.br/pesquisa/titulo.jsf?codigo=472173&tipoPesquisa=titulo&tipoDoc=0
comentários(0)comente



Moonlight Books 30/12/2014

O livro traz uma história dinâmica e rápida de ser lida, o texto é jovial e de fácil assimilação, os personagens são cativantes e você consegue viajar para o local durante a leitura.

site: Leia o restante da resenha em http://www.moonlightbooks.net/2014/12/resenha-misterio-no-museu-imperial.html
comentários(0)comente



Fogui 11/03/2015

Os Invencíveis
Mistério no Museu Imperial
Ana Cristina Massa
Série: Os Invencíveis
Biruta
2003


Já sei! Não precisa me lembrar, sei que tenho idade para ler está estória para meus priminhos de 5 e 10 anos. E não deveria ler por prazer da leitura. Também sei que deveria ler sobre assuntos que correspondem a minha idade.

Mas o "Mistérios no Museu Imperial" é tão gostosinho, cheio de referências históricas . Além disso Os Invencíveis são tão cativantes e inteligentes. E outra coisa, amo ler sobre mistérios e história, imagine quando os dois assuntos estão juntos no mesmo livro...

Quer ler a resenha completa e muito mais, visite o blog Momentos da Fogui:

site: http://foguiii.blogspot.com.br/2015/03/serie-os-invenciveis-misterio-no-museu.html
comentários(0)comente



Marina - @respire.literatura 02/06/2016

Mistério no museu imperial, de Ana Cristina Massa
Mistério no Museu Imperial é um livro infanto juvenil escrito pela autora nacional Ana Cristina Massa. O livro conta a história de um grupo de jovens, Os Invencíveis, que estão sempre em busca de novas aventuras. A autora tem uma escrita fluida, leve e divertida fazendo com que o leitor fique curioso em saber o que está por trás de tanto mistério. Esse é o primeiro livro que recebi em parceria com a editora Biruta e amei os mimos e a cartinha que eles mandaram. Enfim, eles são super atenciosos. Mas vamos falar sobre a trama...

Eugênio ou Gênio, Goma, Isadora, Sofia e Jonas são amigos inseparáveis que estão sempre em busca de grandes desafios. Eles se autodenominam Os Invencíveis e são grandes aventureiros. Na empreitada da vez, após visitarem o Museu Imperial, o líder do grupo, Gênio, decide comprar um quebra-cabeça de três mil peças e lança o desafio de quem do grupo montar o quebra-cabeça primeiro, sem ajuda de ninguém, será o grande vencedor e levará o premio de ser líder do grupo.

" – O grande prêmio. O poder total, o título de líder dos Invencíveis, o comando do grupo. O novo comandante tem direitos e deveres. É quem decide tudo o que vamos fazer, organiza o próximo desafio e tem como dever manter o grupo unido, ser justo e nunca mentir." – Pág. 20

O desafio foi lançado e todos estão eufóricos para terminar os seus o mais rápido possível. Contudo, o que seria uma grande diversão, acaba se tornando algo mais sério quando Gênio percebe que tem algo de errado com o quebra-cabeça que apresenta um item que não deveria estar ali. A partir daqui começa o desafio maior: uma investigação que é um verdadeiro "quebra-cabeça". Então, eles voltam ao Museu Imperial, em Petrópolis, para desvendar o mistério e o que está por trás de todo esse jogo.

RESENHA COMPLETA NO BLOG

site: http://www.anebee.com.br/2016/05/resenha-misterio-no-museu-imperial-de.html
comentários(0)comente



Alysson 18/04/2012

Mistério no Museu Imperial
Este livro, para mim foi um dos melhores!!!
O livro tem muitos temas(suspense,aventura e mistério)por isso gostei tanto dele.
A amizade e a união, neste livro são bastante importante,pois os amigos tentam resolver os mistérios juntos de forma que um ajude o outro com seus medos.
Este livro tem um fim surpreendente,que sinceramente eu adorei, recomendo a leitura.
Com o livro Mistério no Museu Imperial aprendi que a união faz sim a força!!!!
Raquel 09/05/2012minha estante
Se você gosta de mistério e suspense, procure os contos de Conan Doyle que têm Sherloxck Holmes como personagem. Na biblioteca tem!




SahRosa 27/01/2016

Resenha exclusiva do blog Da Imaginação à Escrita
Que tal embarcar em uma aventura ao lado de uma turminha divertida e corajosa? Em Mistério no Museu Imperial, da autora Ana Cristina Massa, vamos conhecer Gênio, Goma, Isa, Sofia e Jonas, Os Invencíveis, que sempre estão dispostos a embarcar nas mais diversas jornadas. Com uma escrita leve e dinâmica, a autora nos brinda com um enredo cheio de referências, uma ótima escolha para o publico infantil e juvenil, além de ser uma boa opção para os leitores mais velhos, afinal, como o enredo encanta e envolve o leitor, mesmo tendo uma narrativa e descrições mais simples, perfeita para obras infanto juvenis, Mistério no Museu Imperial, vai agradar ao público de todas as idades.

Após visitarem o Museu Imperial, Gênio decide levar um quebra-cabeças de três mil peças, o novo desafio dos Invencíveis, a cada semana, o líder do grupo deve entreter o grupo com um novo jogo e desta vez, aquele que montar o quebra-cabeças, será o novo líder dos Invencíveis, ditando todas as regras. No entanto, o que deveria ser mais um passatempo divertido para Gênio, Goma, Isa e Sofia, acaba sendo o inicio de um mistério ainda maior. O quebra-cabeças possui um elemento diferente, que não deveria estar ali, algo que intriga os Invencíveis e para desvendar esse mistério, o grupo decide voltar para o Museu, afinal, ali deve estar todas as respostas deste grande segredo. Para ajudar os Invencíveis, Jonas se une ao grupo e perceberá o quanto essa aventura longe do campo de futebol, lhe trará recordações valiosas e novos amigos.

Este é o primeiro livro da série Os Invencíveis, ou seja, nesta obra vamos saber mais dessa turminha e como a amizade deles é forte, mesmo com alguns obstáculos. Os leitores mais jovens irão se identificar com o grupo e os mais velhos ficarão admirados com eles; Gostei bastante dos Invencíveis, até mesmo a Isa, a mais chatinha, meio mandona, como diria o Goma, é uma personagem maravilhosa, mas o destaque vai mesmo para o Gênio, líder dos Invencíveis, um garoto perspicaz, esperto e que adora jogos, e Goma, o mais divertido do grupo, seu apelido se deve por seu peculiar vicio em chicletes, Goma tem uma imaginação fértil e com isto traz a ainda mais leveza ao enredo, suas cenas são mais divertidas e depois de conhece-lo, você vai querer experimentar os mais diversos sabores de chiclete.

Como mencionei, o enredo, sua narrativa e até mesmo conclusão, são simples e diretas, isto é um o ponto ao mesmo tempo positivo e negativo, digo negativo, pois eu queria um pouco mais de elaboração por parte do mistério e até saber mais sobre o vilão, mas compreendo que em livros neste gênero, o enredo não é necessariamente elaborado, afinal, o público-alvo pede histórias mais simples e diretas, já que nesta idade que se começa o apreço pela leitura e se for ao contrário, pode acabar afastar o jovem leitor, por isso digo que esta característica de Mistério no Museu Imperial é uma faca de dois gumes, pois o leitor mais velho pode acabar esperando mais; No entanto, apesar disto, a obra entretêm e é divertida, por tanto, recomendo sim a qualquer leitor, independente da idade.

Outro ponto muito legal nesta obra, é o Caderno de Curiosidades no final do livro, com plantas do Museu, curiosidades históricas sobre o Brasil e imagens do interior do Museu, local em que a história é o foco, temos até a foto da Carruagem de Gala, que os Invencíveis se esconderam para desmascarar o vilão! Quanto ao trabalho editorial, a Biruta está de parabéns, a diagramação é simples, mas bonitas, a revisão um primor como sempre, não encontrei um único erro. A narrativa de Mistério no Museu Imperial é feita em terceira pessoa, com foco nos Invencíveis, os capítulos possuem um bom tamanho e cada um fecha com um gancho ótimo, que incentiva o leitor a querer ler mais!


site: http://www.daimaginacaoaescrita.com/2016/01/resenha-misterio-no-museu-imperial-ana.html
comentários(0)comente



AlexP 10/09/2013

Os Invencíveis é um grupo de amigos de 12 a 13 anos que tem uma grande curiosidade em coisas incomuns. Tudo começa em uma excursão da escola, onde eles vão para o Museu Imperial em Petrópolis. O grupo nota acontecimentos estranhos no museu. Nas ferias eles vão visitar o avô de Eugênio, o vô Otaviano. A casa do Otaviano fica em Petrópolis, perto do Museu Imperial. Eles investigam o museu e acontece algo estranho a cada vez. Eles encontram um homem de preto mexendo em algo dentro da sala de segurança e ele começa a fugir. O grupo corre atrás do homem de preto. Esse homem era o Sombra. O começo do livro não é interessante, mas já no terceiro capítulo quando o grupo vai para Petrópolis, o livro fica mais emocionante. O livro muda por que o grupo começa a investigar o Museu Imperial, enquanto isso há muitas ameaças ao grupo. Eu aprendi que há pessoas falsas por ai que vendem coisas falsas. Então se tem que tomar cuidado com o que se compra.
comentários(0)comente



Joshua 20/04/2012

Um mistério bem dosado, mas que quase não supera minhas expectativas...
Mistério no Museu Imperial de Ana Cristina Massa é um livro, só para esclarecer, direcionado ao público infanto-juvenil, basicamente para pré-adolescente, até mesmo pela linguagem que a autora decidiu usar em sua escrita.

O livro relata a aventura em que um grupo de crianças - denominados O Invencíveis - entra após um passeio escolar no Museu Imperial em Petrópolis. Depois que certas coisas estranhas ocorrem no Museu, o grupo decide voltar e investigar tudo, e após certas revelações a história dá muitas reviravoltas e cenas bem legais.

Para explicar melhor, Ana, a autora, escreveu uma história que no início é bem entediante, mas que logo na metade toma ritmo e você não consegue largar mais o livro. O mistério no começo talvez seja meio sem pé e cabeça, mas logo depois tudo faz sentido e a história começa a conquistar.

Os personagens, por sua vez, são bem estruturados e possuem personalidade. Eugênio - apelidado de Gênio - é o líder do grupo Os Invencíveis, e bem inteligente. Na verdade ele por si só resolve o mistério, mas precisa boa parte da ajuda dos amigos, como Isadora, mimada, metida, quer ser a líder do grupo, mas quando vê que suas atitudes são um tanto egoístas, faz tudo pela equipe para resolver o mistério. Jonas é apenas um garoto normal, jogador de futebol da escola e almejado pelas garotas, principalmente por Sofia, esperta e uma amiga fiel. Seu meio-irmão, Goma, no livro serve como alívio cômico, e as vezes é bem engraçado. Os personagens se destacam por si só. A autora criou conflitos entre os personagens, mas no final deixou bem claro que a amizade e o perdão vence tudo.

Enfim, o mistério do livro todo gira em torno de um homem misterioso, sem identidade, que foi visto pela turma no Museu Imperial. Nomeado como Sombra por eles, o homem guarda muitos segredos, e até planos contra o próprio Museu, tudo por uma causa. Mas isso que move o livro: por quê?

A história, em suma, é muito bem bolada, e possui muitos elementos bons que a autora se utilizou dando um bom resultado para o livro. É claro que encontrei pontos negativos em algumas cenas do livro. As vezes a autora fazia com que os diálogos se tornassem meio que vazios, e muitas vezes você não sabia quem estava falando no momento, dificultando o entendimento. Era meio que preciso voltar alguns parágrafos e entender o que se tratava a cena. Não foi um ponto ruim, mas é bom revisar isto. Outro ponto negativo que encontrei foi a própria revisão mesmo. Muitas vezes o traço de identificação de diálogo faltava, e você confundia um parágrafo normal com a fala de um dos personagens. Mas no final, os pontos negativos não foram muitos...

O livro conta com extras bem legais, como a planta do Museu Imperial e toda a área a sua volta, imagens de salas dentro do Museu, como o Gabinete de D. Pedro II, a Sala de Música, a Sala de Estado... uma pintura de D. Pedro II - que é a verdadeira razão para o mistério do livro - e algumas indicações de sites sobre o assunto pela autora.

Enfim, recomendo o livro, mas antes de mais nada, releia o primeiro parágrafo da resenha e tome sua decisão. O livro pode agradar, como também não pode superar as expectativas do leitor, mas é uma boa leitura com certeza.

- O livro é o primeiro volume de uma série intitulada Os Invencíveis. O Mistério do Museu Imperial é seguido de outros dois volume até agora lançados, Enigma na Capela Real e O Segredo do Colecionador.
comentários(0)comente



Momentos da Fogui 01/10/2016

Momentos da Fogui
Leia a resenha no blog:

http://foguiii.blogspot.com.br/2015/03/serie-os-invenciveis-misterio-no-museu.html

site: http://foguiii.blogspot.com.br/2015/03/serie-os-invenciveis-misterio-no-museu.html
comentários(0)comente



15 encontrados | exibindo 1 a 15