Brawn

Brawn Laurann Dohner




Resenhas - Brawn


10 encontrados | exibindo 1 a 10


Jessica A. 28/06/2015

Cadê ventilador?!
Nossa mãe!
Que caaaaalor!!!

Pra quem curti ler um livro/série beeem hot e com uma pegada diferente, se joga!

Bem, comecei a leitura de Brawn, pois depois de ler um livro medonho, precisava de algo rápido e que já conhecia premissa da história e também, pq estou querendo muito ler Tiger (eita que não chega no livro dele), e não estou querendo pular logo pra ele, pois não quero spoiler e nem sair da ordem. Comecei a ler esse livro sem saber absolutamente nada dele, dei nem uma espiadinha na sinopse pra não perder a vontade. E confesso que gostei, gostei do drama que a autora colocou, me irritei um pouco com a mocinha, mas nada que me deixasse com raiva, e com o passar da história vc vai entendendo o motivo pelo o qual ela é tão insegura de si mesma. E Brawn é um ogro-fofo-mandão-possessivo.

Gostei do enredo, apesar de não ser um dos melhores na minha opinião, mas não deixou a desejar, a leitura foi super rápida e fluida. Além de tudo, vemos alguns personagens dos livros anteriores e posteriores.

Se recomendo? Sim, porém saiba que essa série é bem Hot, fique perto de um ventilador hahahaha (estou avisando!)
Nota: 4,5
Izabella 28/06/2015minha estante
Adorei esta série tbm! Vc vai amar o livro do Tiger ^_^


Jessica A. 28/06/2015minha estante
Nem fala Iza! Adoro tbm, toda vez q estou em uma ressaca das brabas ou depois de ler algo ruim leio algum livro dessa série! O pior que vira um vicio e vc quer ler todos de uma vez kkkkkkk


Izabella 29/06/2015minha estante
hahhaha Verdade! Eu parei no Tiger, por enquanto.. depois voltarei a ler o restante. :)


Nesca 10/03/2016minha estante
Nossa estou adorando os livros dos novas espécie, queria um livro sobre Brass,acho que ele merece um


Jessica A. 12/03/2016minha estante
Nesca, aiiii apaixonante né?! AMO demais! Só falta 'Numbers' pra "terminar" a série por enquanto! É verdade, tbm queria! :/




Cristina 04/08/2014

Série Novas Espécies - livro 5

“Um olhar para Brawn e Becca está se perguntando como ele ficaria sem suas roupas. Brawn é imediatamente atraído por Becca, mas jurou nunca tocar uma fêmea humana. Elas apenas não são resistentes o suficiente para o tipo de sexo violento que mais gosta. Quando ficou sabendo que vai morar sob o mesmo teto que ela, simplesmente enxergou isso como uma chance de ampliar seu conhecimento sobre os humanos. Ansiosamente espera fazer isso mantendo suas mãos longe dela...Suas boas intenções acabam quando são sequestrados e presos juntos dentro de uma cela. Brawn se vê revivendo um pesadelo quando é mais uma vez submetido a experimentos de reprodução nas mãos dos inimigos das Novas Espécies que usam Becca para conseguir o que querem. Brawn vai fazer tudo o que puder para protegê-la, mas dependerão um do outro se quiserem sobreviver.”

Tim Oberto é o chefe da força tarefa que trabalha com os NE no resgate dos que ainda estão em poder da Mercile ou de seus associados. Depois que Jessie foi ferida no trabalho e teve de ser substituída, a ONE ofereceu um dos seus para preencher a sua posição. Jessie fazia o primeiro contato quando um Nova Espécie prisioneiro era recuperado. Mas o novo integrante da equipe precisa ficar entre os humanos ou o helicóptero teria que buscá-lo a cada missão. Seria um desperdício de tempo, dinheiro e recursos, quando há pouco para gastar.
A ideia de Tim é acomodá-lo na casa de hóspedes no fundo de sua casa, cuja dona e moradora é sua filha Rebecca. Tudo certo se ele tivesse comunicado seus planos para Becca. Ela fica irada com a notícia que precisa sair de sua casa e voltar a morar com seu pai, afinal, ela não é uma criança mas uma jovem viúva de 29 anos. Ela se recusa a sair da casa, mas aceita ter o NE como seu hóspede. Ainda mais quando o conhece e fica hipnotizada por seus incríveis olhos azuis de gato. Tim fica muito preocupado com a força da atração que sente entre os dois, mas Becca é teimosa como uma mula e não há nada que ele possa fazer...
Brawn se voluntariou para participar da força tarefa de resgate com os humanos. Ele é membro do Conselho NE e tem certa autoridade juntos aos seus. Ele está muito atraído por Becca mas precisa se controlar e não deixar que ela perceba. Nunca se sentiu assim por uma humana por achá-las muito frágeis. Ele gosta de “pegar uma mulher forte, rápido e profundo” e acredita que a machucaria. Isso esfria um pouco o clima para Becca, ela fica com medo mas ainda continua atraída por ele. Bem, eles seriam companheiros de casa e só.
Mas, tudo muda quando eles são sequestrados por um grupo que ainda tenta continuar com as pesquisas da Mercile sobre reprodução dos NE. Eles são colocados em uma jaula e encontram outros 3 Espécies prisioneiros. Cada instinto protetor dentro de Brawn ganha vida. Ela precisava dele para ser forte, solidário e não estava acostumada a estar à mercê dos outros. Faria o que fosse preciso, mas o perigo não poderia ser ignorado. O confinamento os torna mais próximos e já não é possível evitar o contato que ambos tanto desejam.

Até agora o que menos gostei. Foi um pouco difícil de ler, demorei mais que os outros. Não sei porque, mas não engrenei. Falta alguma coisa, o ritmo é um pouco diferente dos outros livros da série.
Nem a capa ajudou. Ela é feia e essa pose ficou meio estranha...
Apesar disso, Becca e Brawn são ótimos juntos.
A sinceridade e a química entre os dois é muito legal. Muito hot!
Achei chatinha a história de Becca e de seu marido. Além disso, ela é muito insegura nem parecia uma heroína da Laurann.
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Bekah Abreu 11/01/2016

Por mais amor e menos embromação.
Heey amores! Tudo certo?

Vim aqui para falar mais (claro) da série que abalou meu coração em 2015: Novas Espécies.

Dessa vez vim falar do Brawn (para quem não notou ainda, os principais nomeiam os livros [duh!]). A gente vê ele pela primeira vez, no livro do Valiant (meu amor). Ele tem genes de um grande felino e quase rola algo entre ele e a Tammy. Porém ele é um cavalheiro e tudo acaba bem.
No livro, ele se coloca para trabalhar fora das terras dos N.E. e lidar com as equipes de salvamento. Por isso, acaba entrando na casa de Becca (minha xará), por que seu pai é o líder da equipe. Desde o começo ambos sentem Aquela atração, só que por a Becca ser viúva e ele um N.E., decidem abafar o caso e ficarem só como amigos.
Só que ao que parece, a noticia que tem um N.E. dando sopa no mundo humano, chegou aos ouvidos de gente errada...

Bem, eu curti o fato desse livro ser focado no mundo fora da Homeland e Reserva, e pensei que iria ser uma coisa. Só que ai ocorreu uma sucessão de eventos malucos e do nada, me vi de volta a o ‘mundo normal dos livros dos N.E.’. Quem ler vai entender o que eu disse. Eles voltam a estaca zero! Cobaias!

Então, o mocinho é bem bacana. Achei que ele ia ser uma versão Valiant mais séria, mas acabou que ele é bem racional e na dele. No começo eu esperei muito dele, por isso que no meio do livro já achava ele meio chato. Acredito que quem curta o estilo dele vá amar o jovem mais que eu.

Já a Becca é uma sofredora, mas muito forte (como todas as Rebecas). Ela vive tendo que lidar com um pai super protetor, uma morte prematura do marido (que não era lá essas coisas) e depois uns eventos chocantes. Eu me solidarizava muito com ela, até que começou os ‘mimimis’.
Gente! Ai meu Deus!

Parecia que o povo procurava situações para sofrer! Achei os dois, dois panacas. Pareciam dois jumentos ruins que não sabiam fazer nada certo. Quando a becca parecia ta evoluindo, Brawn empacava e vice versa.

Mas eu recomendo o livro, por que no final acaba tudo ‘in love’ e dá tudo certo. Mesmo com esse ‘embromation’ todo, a gente torce e faz uns ‘awnnn’ quando a coisa fica fofa.

Eu gostei, mas nem tanto. Mas leiam e tirem suas próprias conclusões.

Beijos, leitoras hots!
Kaoana 09/09/2018minha estante
undefined




Jussara 23/01/2018

É bom mas...
A protagonista feminina me pareceu um tanto irresponsável demais... Não consegui entender certas atitudes dela por mais que ela tenha se explicado. Até o momento é pra mim o livro menos interessante da série mas, vou ler os outros.
comentários(0)comente



Nicky 24/11/2016

Brawn, um NE encantador
Neste 5° livro da saga Novas Espécies, conhecemos o desenrolar da história de Brawn e Becca. Pode-se conhecer melhor através desse livro a realidade brutal que os NE sofreram e suas possíveis negligências e violências que viviam nas bases.
comentários(0)comente



Patrícia 16/04/2013

Grupo de leitura escritora Laurann Dohner - facebook
Boa noite...

Eu tenho um grupo da escritora de romances eróticos laurann Dohner. Se alguém quiser conhecer ou for fã da serie será muito bem vinda. Temos debates e brincadeiras de temas hot... e sobre outras autoras também...CHRISTINE FEEHAN.E.L.JAMES,SILVYA DAY,BETH KERYe outras autoras de livros de romances Eróticos - livros Sedução Cyborg, Novas especies,carpatos,50 tons de cinza... . PARTICIPEM...

http://www.facebook.com/groups/522926434412691/
comentários(0)comente



Raquel Comunale 03/05/2015

O quinto livro da série narra a chegada de Brawn, um Nova Espécie felino, na casa de Tim Oberto. Brawn havia se oferecido para trabalhar com Tim e seus homens no resgate de Novas Espécies. O que Brawn não imaginava era que ao chegar na casa de Tim descobriria que seria hóspede na casa da filha dele: Becca Oberto. Viúva e perto dos 30 Becca fica completamente chocada com a visão de um Nova Espécie musculoso e extremamente sensual prestes a morar com ela. Contudo tudo muda de figura quando ex-funcionários da empresa que criou os Novas Espécies invadem a casa de Becca e leva ela é Brwan para uma das clínicas.

Os dois passam por diversos abusos mas acabam se envolvendo sexualmente enquanto são mantidos presos. Para Becca fica claro que Brwan não quer nada sério com ela visto que ele sempre deixou claro que não gostava de se envolver com humanas. O que eles não imaginavam era que as ações dentro do cativeiro mudaria a vida deles completamente.

É difícil falar desse livro sem soltar spolier. Achei o mais fraco de todos os livros até agora mas ainda assim tem seu charme e uma pegada hot interessante.

site: http://desencontre.blogspot.com.br/
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Janise Martins 27/08/2019

Brawn
Mais uma história com ação, tensão e tesão. Por enquanto, toda série tem sido assim. Mas sempre com uma história bem diferente da outra e as Novas Espécies são bem interessantes, nos prende. Até aqui a autora está indo bem, acho que os livros não serem grandes ajuda muito.
Brawn foi colocado para substituir Jessie no trabalho de resgatar Novas Espécies ainda em cativeiro. E pela primeira vez uma Nova Espécie viveria fora da Reserva ou de Homeland. Mas para azar dele e, trabalho de um traidor, ele e Becca, a filha de seu chefe humano, foram sequestrados. Eles foram levados para um laboratório secreto, onde era feito a tentativas de procriação das Novas Espécies. Um laboratório de terror!! Eles passam por maus momentos.
Quando Brawn e Becca se conheceram, se sentiram atraídos, mas ele deixou claro que não tinha interesse em humanas, mas estando em cativeiro e tendo que proteger Becca, os sentimentos mudaram e aumentaram.
Depois que eles foram resgatados o pai dela mexeu os pauzinhos para que eles não se encontrassem mais, como resultado cada um pensava que o outro não queria se ver. Só que acontece uma coisa que vira a vida de Becca de cabeça para baixo, ela ainda tenta resolver sozinha mais foi impossível. Quando, de novo, por meio de terceiros, eles voltam a se encontrar. Mas está tudo complicado. Diferente dos livros anteriores, aqui a Becca faz um mimimi. Até entendo ela, mas não deixa de ser chato.
Gosto do casal, e a gente torce por eles, para que acabe logo os maus entendidos. Gostei de ler. Até aqui tem valido a pena a série “recreio”.
E foi isso.
Bjoo.



site: https://janiselendo.blogspot.com/2019/08/novas-especies.html
comentários(0)comente



10 encontrados | exibindo 1 a 10