O Guia do Mochileiro das Galáxias

O Guia do Mochileiro das Galáxias Douglas Adams




Resenhas - O Guia do Mochileiro das Galáxias


868 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |


Vitor.Correa 24/04/2018

O leigo se divertirá, o nerd entenderá
Quando disse isso no título, na vdd eu não quis dizer a respeito de que "você não vai entender a história ", pelo contrário. Mas algumas referências feitas no livro, você pode achar sem sentido, mas se você tiver bastante conhecimento, vai entender a maioria. Genial!
comentários(0)comente



Vbelinc 20/04/2018

Livro simplesmente incrível!
Sabe quando você está sem paciência pra ler livros autamentes complicados e inteligentes? Então, esse é o livro pra você, ele troca toda complicação por comédia sem menosprezar a inteligência do leitor!
comentários(0)comente



Daniele.Santoro 17/04/2018

Douglas Adams, pai dos nerds
Sinopse:

Arthur Dent é um humano comum que é avisado por um amigo diferente do que ele pensava, que a Terra será destruída em pouco tempo e eles precisam sair dalí. A partir daí, há incríveis viagens intergalacticas, onde Arthur encontrará seres bizarros, máquinas, buracos negros e por aí vai. Então, acomode-se para a leitura, prepare sua toalha e boa sorte!

----------------------

Crítica:

Douglas Adams é um rei mesmo rsrs.
Ele criou teorias excêntricas, porém divertidas e lógicas, sobre nossa existência, além de personagens criativos, que me deixou confusa quanto suas intenções, pois são todos muito impulsivos.
Não é um texto tão "sério", tem uma pegada infantil. Mas, na minha opinião, não é algo ruim. O livro tem um tema bastante confuso e imagino que se fosse um texto mais "adulto", seria cansativo e difícil de entender.
A ideia de Adams foi muito original e valeu a pena ter lido cada parágrafo do livro.
42
comentários(0)comente



Paula 12/04/2018

Incrível
É assustador como nós, seres humanos, não conseguimos imaginar um sistema de organização social muito diferente dos modelos que temos na Terra. É como se qualquer outro lugar existente deva seguir a lógica humana. As relações de todos os outros seres seguem a nossa, hierarquias, ganância, poder, aspirações, status quo... Talvez seja absurdo demais imaginar que outra forma não conhecida seja melhor, ou apenas exista.
Posto isso de lado, o que me surpreende nesse livro são as sátiras feitas justamente a posição do Homem: aquele melhor e superior a todos. Gosto da ridicularização na qual somos representados, achando que entendemos tudo e todas as coisas, mas na verdade fazemos parte de um todo muito mais complexo e inimaginável.
As dúvidas com certeza nos movem, tal qual move todos os outros seres comunicantes entre si: os que vivem. Adorei a reflexão que esse livro me proporcionou.
dsvieira 13/04/2018minha estante
undefined




apenas Jamayra Greyce pra vc 10/04/2018

Alice no país das maravilhas?
{Isso n é bem uma resenha, é só o que eu achei do livro e minha hist com ele, pra guardar como memorando e, quem sabe, reler daqui a algum tempo}

NOSSA SENHORA, QUE LIVRÃO.

A edição econômica do Guia está em promoção na internet desde qnd comecei a comprar livros online - o q faz um tempinho já. Então, desde a primeira vez q vi o kit com 5 livros, tão mimosinhos, na casa dos 30 conto, essa série entrou pra minha wishlist.

Mas uma coisa ser barata n muda em nd o fato de eu n ter um real no bolso, então demorou bastante pra eu realmente comprá-los, ainda mais pq, nas horas de escolher livro novo, eu acabava escolhendo outros, q n esses.

Tá né, daí li Dezesseis luas, e o maravilhoso do Ethan fala bastante sobre o Guia do mochileiro das galáxias nele. Aí pronto né, eu precisava saber do q ele tanto falava bem.

Anos dps FINALMENTE comprei a coleção toda, q pelo visto continua em promoção.

Eu n sei bem o q dizer, acabei de ler agorinha e ainda estou digerindo tudo.

Anyway, esse primeiro volume me lembra mt Alice no país das maravilhas. A diferença mais gritante são as referências à física - em Alice as referências são mais especificamente matemáticas, e os seguimentos sociais satirizados.

Achei a história é mt bem construída e humorada. Eu ri alto de verdade.

Daora.
comentários(0)comente



Edgar.Egawa 07/04/2018

Alice e ficção cientifica
Se Lewis Carroll tivesse escrito as histórias de Alice na atualidade, seria o Guia do mochileiro das galáxias.
comentários(0)comente



Diane 06/04/2018

Fantástico!
O Guia do Mochileiro das Galáxias é aquele clássico literário que me fez perguntar: por que não li isso antes??? Adorei o humor do Douglas Adams na construção dos seus carismáticos personagens e já tô ansiosa para ler a continuação.
comentários(0)comente



Lidy Laís 28/03/2018

A Terra está prestes a ser destruída, e agora, o que fazer? Arthur Dent com certeza não saberia se não fosse o seu amigo Ford Prefect, um alienígena mochileiro que vive de passagem no Planeta Terra.
Ambos escapam da destruição pela genialidade de Ford embarcando em uma nave espacial e a partir dali, vivem diversas aventuras que vão além da nossa imaginação humana. Mas não precisa entrar em pânico, pois eles possuem o Guia do Mochileiro das Galáxias, que contém todas as informações (atualizadas) para sobreviver na imensidão do espaço.
Nesta ficção, Douglas Adams sabe cativar o leitor, com seus personagens únicos e seu senso de humor inteligente e sem igual. Então, arrume sua mochila (não esqueça a toalha!) e embarque nessa viagem muito fora do normal.
comentários(0)comente



Brunno 28/03/2018

Estudos correlatos acerca do universo, a vida e tudo o mais
Esse livro é simplesmente genial, uma obra que faz mão de tantos clichês de forma cômica que é impossivel não rir e submergir no mundo
comentários(0)comente



Zaira Verena 25/03/2018

Uma ficção fora do comum
O guia do mochileiro das galáxias, o primeiro de cinco da série de Douglas Adams. É um livro de ficção científica com muito humor ao mesmo tempo irônico faz critica a sociedade, a política, a burocracia. Narra sobre Artur Dent, um humano que está prestes a ter sua  sua casa demolida e seu amigo  extraterrestre de Betelguese, disfarçado de desempregado que o salva da destruição do planeta terra. Juntos se envolvem em uma grande aventura na galáxia. Uma leitura que nos faz rir e questionar sobre o sentido da vida e do universo. A obra começou como uma série de rádio e depois tornou-se um best-seller mundial.
.
RESENHA EM VÍDEO:
https://youtu.be/ODSZTSOP_jw
comentários(0)comente



Luke 22/03/2018

Uma pequena parte da genialidade de Douglas Adams
O modo como Douglas descreve esse universo "maluco" que existe em sua mente é sensacional, os mundos, os planetas, os personagens, tudo, e principalmente o humor único e sarcástico e exagerado que somente Douglas Adams tem e ninguém copia, dá um toque especial a tudo isso. As noções que ele coloca no texto, de mundos fantásticos e tecnologias completamente doidas, te faz imaginar um universo muito maior que até o nosso, e as possibilidades exageradas, e até mesmo absurdas, fazem o leitor virar páginas e páginas ansiosamente, querendo ver o que acontece em seguida, já que nada que Adams faz é de fato previsível. Uma excelente história que merece ser lida por todos.
comentários(0)comente



Lyn 22/03/2018

Um clássico da cultura nerd, que espalha sua influência em vários séries, filmes e livros, afinal quem nunca ficou pensando sobre a vida, o universo e tudo mais?

O livro originalmente baseado em uma série de rádio, e que depois de ser livro ganhou o próprio filme. Criado para ser uma sátira ao modo como a ficção científica e a comédia viam o espaço.

Como protagonista Arthur Dent, que se vê obrigado a viajar com seu incomum amigo Ford Perfect, explicando a galáxia e sãs coincidências e é maravilhas, enfrentando perigos e ameaças de todos os tipos.

É um livro obrigatório para todo amante de ficção científica e que tem curiosidade sobre o espaço, um marco para a cultura geek e um cult.

site: https://electronicmaze.wordpress.com/2017/04/18/a-critica-guia-do-mochileiro-das-galaxias/
comentários(0)comente



Raquel Comunale 06/03/2018

O segundo livro da série começa com Arthur, Trillian, Marvin, Ford Perfect e Zaphod sendo atacados por uma nave vogon que tinha instruções direta para explodir a nave deles. Justamente nesse meio tempo Arthur decidiu solicitar a produção de chá e isso exigiu todo o esforço do computador da nave fazendo com quem fosse impossível se proteger ou simplesmente sair correndo pelo espaço. Quando já estavam encarando o fim eles decidiram apelar para um ancestral de Zaphod. Obviamente a situação toda se tornou um caos. Zaphod e Marvin foram jogados para outro planeta enquanto Arthur, Trillian e Ford Perfect ficaram na nave sem fazer a menor de ideia do que fazer a seguir já que a nave simplesmente não funcionava. Zaphod então começa a descobrir o seu propósito oculto em uma parte dos seus cérebros (ele tem duas cabeças). O grupo volta a se reunir um tempo depois e vão em direção ao restaurante no fim do universo para uma refeição animada cujo o próprio boi vai a mesa dos clientes e sugere as melhores partes do seu corpo antes de se matar. O grupo, pra variar, volta a se meter em problemas e novamente é separado. Arthur e Ford Perfect acabam chegando novamente num planeta conhecido só que dois milhões de anos no passado. Destaque para Marvin que continua estrelando os trechos mais cômicos do livro.

site: http://desencontre.blogspot.com.br/
comentários(0)comente



Raquel Comunale 01/03/2018

Arthur Dent estava prestes a ter sua casa demolida quando um amigo dele seu apareceu e o convidou para tomar uma cerveja. Mesmo sabendo que não é uma boa ideia Arthur decide ir para o bar junto com Ford Perfect. Ford tinha nascido em um planeta completamente desconhecido pela raça humana e estava exilado na Terra há 15 anos. Ele trabalhava como pesquisador de campo do fabuloso livro O Guia do Mochileiro das Galáxias. Quando Ford começa a explicar para Arthur que a Terra será completamente destruída o humano nitidamente não consegue acompanhar seu raciocínio mas demora pouco tempo para Arthur compreender o quanto Ford tem razão. Os dois acabam então fugindo da extinção do planeta se escondendo em uma das naves enviadas justamente para destruir o planeta. Arthur ainda tentando processar a existência de vidas alienígenas e lidar melhor com viagens de longa distância quando os dois acabam encontrando outros 3 viajantes extremamente peculiares. Zaphod Beeblebrox é o presidente da galáxia, um ser de duas cabeças e completamente excêntrico. Trillian é uma terráquea aliada de Zaphod. Marvin é um robô com sentimentos de um humano depressivo. Os cinco "amigos" então se unem para uma viagem completamente sem pé nem cabeça guiados exclusivamente pelos devaneios de Zaphod. Douglas Adams criou um universo completamente insano e incrível na mesma proporção. A história é MUITO boa. Os personagens são ótimos e a narrativa tem um ritmo perfeito. Comprei os livros da série muitos anos atrás e me arrependi bastante de não ter lido isso antes.

site: http://desencontre.blogspot.com.br/
comentários(0)comente



Leandro 24/02/2018

Que viagem boa!
Você poderá estranhar no começo a narrativa com vários nomes estranhos e passagens que parecem totalmente enchimento de linguiça ou sem sentido, mas esse livro é muito bom. Apesar de ser pequeno, aconselho que você o leia devagar e refletindo em cada capítulo, ou não. É um ótimo livro, principalmente caso você queira saber dicas valiosas sobre o universo.

site: dicadoleandro.wordpress.com
comentários(0)comente



868 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |