Maus

Maus Art Spiegelman




Resenhas - Maus


284 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |


Pedro | @LeitorCasual 16/07/2019

MAUS
Certamente, Maus é o livro e quadrinho mais importante de sua época, que aborda uma temática bastante densa da forma mais realista possível, apesar das representações figuradas das diferentes nacionalidades.

Os judeus são apresentados como ratos, alemães como gatos, poloneses como porcos e americanos como cães. Assim como expressado pelo The Times, "todos são terrivelmente humanos". É angustiante acompanhar as dificuldades impostas à essas personagens e ver como o homem é capaz de infligir mal aos seus semelhantes.

A traição, a incerteza, a insegurança e o medo eram recorrentes na vida daqueles perseguidos pelo regime facista. Frente a tamanha adversidade, como a restrição de alimentos, as trocas de moradia forçadas, a desapropriação de bens, dentre outros...a sociedade logo chegou ao ápice em que a comida se tornou a mais importante moeda de troca.

O texto é capaz de atordoar o leitor por relatar as atrocidades cometidas contra os prisioneiros, em sua maioria judeus, com tamanha franqueza. O trabalho forçado até o esgotamento das forças físicas, as crianças que eram seguradas pelo calcanhares e lançadas contra paredes ou vagões, as câmaras de gás, as valas em que eram queimados mortos e vivos; um número infinito de pessoas assassinadas sem qualquer remorso.

A questão familiar também aproxima o leitor de uma , além de reafirmar a veracidade dos eventos narrados.

Ganhadora do prêmio Pulitzer, esta é uma obra  muito marcante e importante para os leitores em leitores em geral.

Siga o @Leitor Casual no Facebook!
ELIZ 17/07/2019minha estante
Adoro esse quadrinho! Essa importante obra.




Soninha 12/07/2019

Uma HQ que doeu muito até chegar ao término. Penso que por mais que seja triste a leitura, muito triste, é importante que tentemos imaginar o horror que foi o holocausto, pois a fidedignidade real mesmo é impossível retratar. Porque por mais horrível que sejam os relatos, só quem esteve lá e sobreviveu sabe de fato o que aquele inferno significou. Serve para refletirmos a vergonha que esse fato tem para a história mundial e que jamais devemos os preconceitos ou qualquer tipo de discriminação chegar ao nível da loucura, onde seres humanos são tratados como uma peste, um mal, que deve ser eliminado, extirpado da face da terra.
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Adriano 08/07/2019

Emocionante
Sem palavras, leia se emocione com essa história, e veja que não estamos nem um pouco longe. O autor nos coloca na época e no sentimento da época.
Nicky 09/07/2019minha estante
Já li. É maravilhoso. Um leitura criativa e emocionante


Adriano 09/07/2019minha estante
Concordo eu demorei pra ler, um amigo meu me indicou e fiquei surpreso com a história




Leiturinha da Bi 04/07/2019

Maus é Orgânico e Necessário
Existem um sem número de livros acerca dos horrores da II Guerra Mundial. Alguns versam sobre os horrores de forma geral, outros sobre pessoas que de alguma forma se esforçaram por fazer uma diferença positiva, outros ainda sobre histórias de indivíduos que viveram esses horrores – lista não restritiva. Maus se encaixa nessa terceira espécie de história.
É algo que mexe, mexe muito porque mostra as consequências na vida de uma pessoa e como essas consequências se propagam com efeito de ondas: pai, mãe, madrasta, filho e assim por diante.
Os próprios desenhos e disposição das letras são claustrofóbicos. Isso me incomodou no início, mas conforme a leitura evoluiu, entendi como um componente a mais para causar o efeito pretendido pelo autor, e funciona.
As histórias devem ser escritas, devem ser lidas e os efeitos devastadores devem ser sentidos, afim de que nunca esqueçamos e Maus cumpre seu papel. O último quadrinho é absolutamente sobre relacionamento, sobre os efeitos da catástrofe da IIGM nos relacionamentos. É individual, é orgânico, é necessário.
comentários(0)comente



Ray (@padawanliterario) 25/06/2019

Mesmo vencendo a corrida, no fim, os ratos perdem.
Maus é aterrador.
Não é sobre ler mais um livro a respeito da 2º Grande Guerra, é como ler o diário de alguém. Algo muito pessoal. Senti como se não devesse estar lendo aquilo. Art conta através dos quadrinhos, não apenas a história do pai, mas também as consequências disso na vida dele, de Anja e na do próprio Art. Como o Holocausto quebrou todos eles, os que sobreviveram e os que só o conhecem de ouvir falar.
Não preciso dizer que tudo que é contado pelo pai de Art é doloroso e assustador porque ainda não li nenhum relato sobre essa guerra que não seja assim. A diferença aqui foi a sensação de estar lendo algo as escondidas. Era como se o Vladek fosse aparecer atrás de mim a qualquer momento dizendo: "Você no deveria saber disso. Isso é meu". E em alguns momentos eu quis realmente brigar com o Art, tipo: "Cara, não seja assim com seu pai. Você já não sabe a história toda? Tudo que ele já passou?" . No entanto, eu também fico imaginando quão difícil deve ter sido crescer com um pai que nunca mais se sentiu seguro, uma mãe que, querendo ou não, morreu por culpa daquela Guerra.
Os traços são bons de olhar, os animais caracterizando as nacionalidades foi uma ideia incrível e me lembrou um pouco A Revolução dos Bichos de George Orwell . Um leitura marcante e super recomendada.
comentários(0)comente



Danielbped 21/06/2019

Maus, de Art Spiegelman.

Vencedor de um Prêmio Pulitzer e um American Book Awards, esta obra fantástica nos traz a história do pai do autor, Vladek Spiegelman. Vladek, judeu polonês, foi um dos poucos sobreviventes do holocausto. A história é contada em formato de entrevista, Art é jornalista e convenceu seu pai a dar uma entrevista sobre o ocorrido, assim, nós acompanhamos tanto os acontecimentos do holocausto, em forma de flashbacks, quanto o desenrolar da entrevista, como conversas entre pai e filho, problemas de família. Daí nós começamos a perceber os traumas causados por tudo que Vladek passou. Ele se tornou uma pessoa totalmente mesquinha e preconceituosa, causando diversas intrigas entre pai e filho. É impressionante perceber que depois de tudo que passou, ele ainda assim tem a capacidade de julgar as pessoas simplesmente pela aparência ou pela etnia. É como a esposa do Art fala para Vladek: ?Que absurdo! Como logo você pode ser tão racista?! Fala dos negros como os nazistas falavam dos judeus!?.

A mesquinharia meio que dá para entender, ele passou fome em diversas situações enquanto refugiado. Isso nos leva a pensar em todas aquelas pessoas que são tão fechadas e com atitudes tão severas, principalmente os mais velhos. Não conseguimos entender o porquê deles agirem de tal forma pois não sabemos pelo que essa pessoa passou na vida, cada pessoa tem a sua história, cada um com a sua complexidade.

Os personagens são retratados na forma de animais. Os judeus são ratos, os nazistas são gatos, os americanos são cães e assim por diante. É uma analogia interessante, pois temos o esteriótipo de cães caçarem gatos e gatos caçarem ratos.

Enfim, de fato, Maus é uma leitura importantíssima. Acredito que todos terão muito o que refletir após esta leitura.
comentários(0)comente



Renan.Lima 04/06/2019

Ótima história
Uma história pesada e bem explícita, retratada de forma bem impactante por meio da HQ, que não é desvalorizada em nenhum momento por estar nesse formato, recomendo a todos que tiverem a oportunidade de ler.
comentários(0)comente



fellipe! 02/06/2019

RÁDIO PINDAÍBA #09: "MAUS"
Mancha e Vina discutem sobre um dos Quadrinhos mais importantes de todos os tempos: “MAUS”, de Art Spiegelman. Adentrem-se nesse retrato das experiências traumatizantes do pai de Art, Vladek Spiegelman, nos Campos de Concentração, durante a Segunda Guerra Mundial, na Alemanha Nazista. *

Edição e Vitrine: Mancha;
Pauta: mancha e Vina;
Contato: rabetadegalo@gmail.com

* Programa originalmente lançado em 30 de Outubro, 2018.

site: http://rabodegalo.net/radio-pindaiba-09-maus-de-art-spiegelman/
comentários(0)comente



Bruna 22/05/2019

Livro "Maus"

É um livro bastante comovente, onde Art Spielgeman (autor do livro) retrata a história real do seu pai Vladek e sua luta diária somente pelo fato de ser judeu,que naquela época não era considerado nem gente.
Trata-se de um livro contado em quadrinhos muito bem feitos, o que achei bastante interessante, pois foge um pouco da leitura habitual, Maus para quem não sabe significa "ratos" para os alemães, que era de fato como os judeus eram vistos.
Art, também coloca no livro como ele enxergava que eram vistas as pessoas, os ratos eram os judeus, gatos = alemães, porcos= poloneses, cachorros = americanos.
Retrata sobre a sobrevivência nos campos de concentração,e a presença forte do nazismo.
Apesar de triste, gostei bastante e recomento, acredito que esse livro deva ser de leitura obrigatória para quem deseja entender mais sobre o que foi o holocausto ( massacre de judeus), pois é rico em conhecimento com relação a este acontecimento.
Luiz 01/06/2019minha estante
Vou colocar na lista.




Lili 10/05/2019

Apenas Incrível!
Amei cada pedacinho desse quadrinho! É incrível como o autor conseguiu desenvolver cada personagem, cada sentimento... Eu me emocionei com a história, me senti vivendo tudo que os personagens passaram. Simplesmente incrível! Vale super a pena ler, reler, ter na estante de casa!
comentários(0)comente



Leonardo.Damascena 02/05/2019

Leitura obrigatória
Li essa obra de arte em menos de uma semana.
Leitura fácil, rápida e te prende facilmente.
Um dos meus preferidos, sem dúvida.
E historicamente indispensável.
comentários(0)comente



Adalba 01/05/2019

Uma história emocionante sobre o holocausto. Este quadrinho nos ensina muito a estar sempre atentos aos horrores cotidianos.
comentários(0)comente



jessyhehe 27/04/2019

:)
A história é simplesmente triste e linda.
Recomendo a leitura!
comentários(0)comente



AndrA.BrandAo 22/04/2019

tinha visto esse livro na casa de carioquinha anos antes de lembrá-lo e buscar para ler. li no computador porque o formato dele não era adequado para a leitura no lev.um livro fascinante
comentários(0)comente



284 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |