Fani em Busca do Final Feliz

Fani em Busca do Final Feliz Paula Pimenta




Resenhas - Fazendo meu filme 4


196 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |


Universo Fictício 18/09/2017

Fazendo Meu Filme Quatro me surpreendeu. Neste, livro podemos ver a evolução de cada personagem e reviravoltas inimagináveis a cada um, até porquê há um salto de 5 anos na trama de nossa querida turma.
Começamos conhecendo uma Fani segura, independente, forte e madura, uma Fani com uma carreira promissora no mundo de Hollywood. E acredito que nesse momento vocês estão se perguntando: O que aconteceu em 5 anos? Calma, aos poucos Fani relata como foi sua chegada em Los Angeles e seus primeiros dias na faculdade, pois através de flashbacks ela conta com detalhes como foi sua vida para sua amiga Gabi que estava de visita. Sim minha gente, Fani fez novas amizades e novos amores, porém não deixou suas raízes para trás.
Sim, agora vocês estão se perguntando: E o Leo? 5 anos se passaram e Fani seguiu sua vida, estudou, se formou, fez pós-graduação - em trilha sonora; olá lembranças do Leo - e iniciou uma carreira. Mas apesar de tudo e de todos, o Leonardo sempre esteve presente em seu coração; durante todos esses anos, Fani escreveu cartas, nunca enviadas, para Leo relatando todos os momentos vividos e falando de seu amor por ele.
Durante os relatos de Fani, descobrimos sobre tudo que aconteceu na vida de cada personagem, menos do Leo, pois desde a separação, ela nunca mais teve notícias de seu primeiro amor. É aí que chegamos na surpresa do livro, há capítulos narrados em primeira pessoa pelo próprio Leonardo, assim conhecemos sobre sua vida atual e passada, assim podemos entender porque o Leo agiu da forma que agiu com o rompimento com a Fani, e assim podemos ver que ele nunca esqueceu seu primeiro amor, até porque ele se tornou um jornalista cultural focado em cinema.
E agora é assim que deixo aquela esperança a vocês, será que esses caminhos de música e cinema vão se reencontrar? Leia esse maravilhoso livro para descobrir.
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Nina @vicioseliteratura 24/07/2017

O desfecho ideal para uma obra que nunca esquecerei
O tempo passou para Estefánia Castelino Belluz. Agora ela já está formada em uma das faculdades de cinema mais renomadas do mundo. A vida dela mudou muito, ela mudou muito, desde que decidiu seguir o seu sonho, se aventurar no novo e ir morar em Los Angeles. Agora ela mora com uma de suas melhores amigas, esta fazendo a pós-graduação e ainda por cima seu filme está concorrendo a um prêmio. Ah, Fani finalmente fez seu filme! Só que este, teve o final que ela sempre sonhou.

O livro intercala passagens do presente, quando a Fani está se preparando para finalizar a pós-graduação e a apresentação do seu filme em um festival, e o passado, contando um pouco dos últimos cinco anos da vida da menina, desde aquele dia fatídico que a fez mudar sua vida inteira. Dá metade em diante do livro, temos a narração na visão do Leo, também intercalando passado e presente. E para finalizar, tem a visão apenas do presente, onde é intercalado entre os dois personagens A autora não poderia ter acertado mais neste livro. É muito emotivo e nos dá os melhores detalhes da vida de cada um, para sabermos como é que eles seguiram a vida, e, com que virada do destino os dois voltam a se encontrar.


Na história também temos a presença fundamental dos melhores amigos que a Fani conquistou durante toda a jornada dela: A Gabe, a melhor amiga que agora está quase se formando em medicina, a Ana Elisa que foi morar junto com a Fani por alguns meses, o Cristian que foi o cara que pisou na bola feio com a Fani, mas também foi o que deu a grande oportunidade a ela (que ainda é super famoso em L.A), e a Tracy, a “irmã-inglesa” da Fani.

Eu não queria que acabasse, mas quanto mais eu lia, mas precisava saber o que ia acontecer. Chaguei a prever algumas coisas, porém algumas cenas me pegaram completamente desprevenida, e não teve solução melhor a não ser as lágrimas. Também senti uma raivinha em algumas partes de certo personagem ciumento, mas superei.

Eu não quero falar muito para não estragar todas as surpresas e reviravoltas que há nesta linda história de amor. Mas quero dizer que chorei muito, sorri também e fiquei com aquela sensação boa de “dever cumprido” ao finalizar a história da vida da Fani e de como ela conseguiu fazer da vida dela, uma aventura digna de história de cinema.



site: http://www.vicioseliteratura.com.br/2017/03/eu-li-fazendo-meu-filme-4-fani-em-busca.html
comentários(0)comente



Gabrielly.Bezerra 13/07/2017

Amei muito
Cá entre nós, não sou tão fã de livro que é apenas de romance como esse.
Mas esse livro me surpreendeu sendo tão maravilhoso.
Ele retrata a vida da Fani e do Leo ai e foram separados pelo destino que não conspira muito a favor deles ( na verdade nem um pouco), ele mostra como cada protagonista tá vivendo longe um do outro e tal tal... Mas não, o livro não gira só em torno deles dois, tem muito mais personagens pra se apaixonar!
Esse livro me ensinou que não há problemas sem soluções e o que tiver que ser será, ele me ajudou a enxergar o futuro com mais otimismo e acreditar um pouquinho no amor, apesar de que relativamente não acho que seja o foco da autora.
Bom o que importa é que eu amei, amei de verdade.
comentários(0)comente



lalaa | @boooks_forever__ 15/06/2017

ameeeei - spoiler dos primeiros livros
Eu gostei muuuito desse livro gente! Nossa, li 600 páginas em 4 dias, maravilhosoo?! Como todos os livros da Paula Pimenta, se você ainda não leu nenhum dela, leia! A história da Fani é envolvente, bem escrita e bem pensada, depois que eles terminam no final do volume 3 da série, cada um vai pra um lado, Leo vai pro Rio fazer faculdade de jornalismo, e Fani vai pra Los Angeles fazer faculdade de cinema ?? Nesse livro, Paula vai contar tudo que aconteceu com os dois nesses 5 anos que nós, leitores, ficamos "por fora", namorados, festas, amigos novos, e suas carreiras... Primeiro é a Fani contando, depois o Léo. Eles ainda se amam, mesmo com novos "amores" em suas vidas. Para não dar spoilers, é só isso que eu posso dizer. É uma leitura envolvente, mesmo o livro sendo relativamente grosso, é um livro leve e rápido de se ler de tão bom!
comentários(0)comente



vickpezzini 02/05/2017

CHATO E INFANTIL
Quando leio que a Mia de O Diário da Princesa não cresceu no último volume da saga, me imagino pensando o que pensam da Fani. Uma mulher de 23 anos correndo pro quarto e se trancando pra chorar? Paciência, né?! Achei bem mais ou menos, extremamente forçado e infantil.
Mary Potter Herondale 31/05/2017minha estante
Achei que só eu não suportava a Fani e que não gostou muito de Fazendo Meu Filme. Não consegui em envolver, me emocionar, eu sou adolescente e não consegui me identificar nenhum pouco. É muito drama, a Fani é muito chata, insuportavel, tanta oportunidades, as coisas pra ela chegam de mãos beijadas e ela so sabe ficar chorando e fazendo drama. Sinceramente não notei muito amadurecimento nessa Fani como dizem. Ela tem 23 e ainda tem cara de quando tinha 16. Nem quis terminar de ler o último livro, tentei e tentei mas não aguentei e abandonei. O que salva é so Alejandro, a Tracy, Marilu e Gabi. Até a Meri, que é bem mais mimada e fútil eu a achei muito mais interessante que a Fani. Todo mundo fala bem dessa série, mas eu não consegui gostar, quero me desintoxicar dessa historinha. Apesar de muita gente dizer que Minha Vida Fora de Série é melhor, nem sei se quero ler também. pode ser que eu leia outros livros da autora, mas não quero que tenha a ver com Fazendo Meu Filme. Se eu tivesse lido com 12 ou 14 acho que teria gostado, porque eu tava começando na leitura e e eu era bem clichêzinha assim. Não é contra clichê eu ate gosto de um romance cliche, mas acho que tem que ter um drama, mas não um draminha forçado assim.




Annynha_3006 18/04/2017

Fofo Maravilhoso Fabuloso
Sem sombra de dúvidas é o melhor livro da série.
A 5 anos separados, Fani & Leo agora com 23 anos tem que se reencontrar novamente, o que pode gerar muitas intrigas, mas será que elas podem superar elas e finalmente ter ser tão sonhado final feliz? será que haverá outro "impedimento"? o que aconteceu durante esses 5 anos? Será que Fani perdoará Leo?
É isso que você descobre em Fazendo Meu Filme 4 ~ Fani Em Busca do Final Feliz.
comentários(0)comente



01/03/2017

É
Bom, não sei se vocês sabem, mas ligar o raio problematizador é um caminho sem volta. E com esse livro não foi diferente. Se não fosse a resistência que eu tenho em abondonar livros, e o apreço que eu tenho com o Leo e a Fani, teria abondonado logo de cara.
Por quê? Pelo simples fato de ser machista, e naturalizar comportamentos abusivos. Claro que tem como retratar sem endossar, mas não foi o caso que ocorreu aqui.
Primeiro: CIÚMES NÃO É PROVA DE AMOR.
Sério Paula Pimenta? Com tantas meninas e meninos se inspirando na sua história você fala explicitamente que ciúmes é prova de amor? Falando isso você deixa naturalizado situações abusivas, sentimento de possessão, insegurança. Por favor, mude isso nas suas próximas histórias, mostre que ciúmes não é saudável, porque a pessoa não é sua, e sim ela está com você, você não tem o direito de possuir e controlar quem chegar perto dela.

Segundo: EX DE ATUAL NÃO É INIMIGO
Claro que há casos e casos, mas no geral é isso.

Terceiro: PELO AMOR DA DEUSA, NÃO NATURALIZA/JUSTIFICA COMPORTAMENTO ABUSIVO
"Antes de se afastar, ele me deu um leve empurrão, o que fez com que a Winnie começasse a latir. Sem a menor pena, ele deu um chute nela que gruniu alto. Ele não ligou e foi andando para a saída. Eu estava sem reação até aquele momento, mas aquilo me despertou. Fui correndo atrás dele, o alcancei na portaria e o chamei de covarde , gritei que ele n tinha o direito de maltratar a Winnie, que se ele quisesse descontar a raiva dele em alguém, era pra bater em mim, e não em um ser indefeso. Ele veio mesmo em minha direção, como se fosse me dar um soco, mas, em vez disso, ele apenas arrancou o meu colar e o jogou no chão (...) Então ele entrou no carro e foi embora.
(...) Senti minha raiva começar a evaporar. No lugar dele, eu provavelmente teria tido a mesma reação. Claro que eu nunca chutaria um animal ou destruiria um colar, mas certamente eu teria sentido vontade de fazer isso"
E ela se refere essa explosão abusiva como incidente em um dia faditico.
Seriously Paula? Seriously?

Quarto: MACHISTA
Esse livro vive separando as mulheres em: para casar (belas, recatadas e do lar) e só para aproveitar (qualquer uma que exerça liberdade de expressão e sexual).
¬¬'
Apesar de ter uma protagonista feminina e terem certa profundidade e elas conversam entre si, 99% do mundo delas gira em torno de homens.

Quinto: SITUAÇÕES E PERSONAGENS DESNECESSÁRIOS
Eu achei algumas situações muito forçadas que poderiam muito bem serem retiradas sem nem fazer consquinha na história e digo o mesmo para alguns personagens.

Apesar de as vezes morrer de ódio com essas situações, porque lembrando, muitas pessoas se inspiram nessa história porque nunca é 'só um livro', gostei do livro pois desde 2012 eu acompanho o filme da Fani e meu coração está pesaroso por não ter mais nada sobre eles para ler
comentários(0)comente

Amanda Rios 01/03/2017minha estante
ARRAZOU


01/03/2017minha estante


Cecília 28/03/2017minha estante
Li esse livro em 2013 e amei, mas hoje em dia as vezes penso dele novo e penso nisso também...


Mary Potter Herondale 31/05/2017minha estante
Pode ser machismo, mas é realmente o que muitos homens pensam, homens de verdade e honrados não vão querer assumir uma mulher rodada, que dá pra tantos, que transa sem compromisso. Feministas não podem obrigar ao homem aceitar isso, assim como elas dizem que as mulheres são livres para fazerem o que quiserem, ou que cada um é livre, então o homem é livre também para decidir que mulher ele acha que presta para relacionamento. As mulheres tambem fazem isso. Feministas reclamam que se o homem ficar com várias é garanhão e a mulher puta, que é hipocrisia o homem poder ficar com várias. Mas pergunte a elas se as mulheres preferem o homem que pega várias, o experiente ou um virgem, timido e se surpreenderá com a resposta.


Vic 02/07/2017minha estante
AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA, EXATAMENTE. Li o primeiro fmf em 2013 e só agora fui ler o último, e esses foram meus pensamentos




Sofia Z 24/01/2017

Muito emocionante!!!! <3
Fiquei muito emocionada nesse livro! Ri, chorei, fiquei com raiva, fiquei feliz, etc...
Eu gostei muito de todos, mas pode se dizer que eu fiquei com um apego maior por esse por ter o final que eu queria...
Amei
comentários(0)comente



Mary 26/12/2016

Inesquecível
Não tenho palavras para descrever esse livro, mas sei que sempre vou me lembrar dá história da Fani e do Leo, o amor incrível e sem limites deles nunca sera esquecido por mim
comentários(0)comente



Anna Gabriela 07/12/2016

Fazendo meu filme 4
Cinco anos se passaram e agora a nossa Fani cresceu, amadureceu, mudou... O sonho de ser uma cineasta está cada vez mais perto, seu filme de "amorzinho" será produzido, morar e estudar em Los Angeles é maravilhoso, seus amigos são incríveis...
Ela sente falta do Brasil, da família, dos amigos que ficaram, mas tudo está caminhando muito bem. Até que uma visita repentina de um passado nada bem resolvido vem à tona, abalando-a e colocando em dúvida suas atitudes, suas decisões e, principalmente, seus sentimentos...
Leo realizou seu sonho de se tornar um jornalista. Tem seu apartamento e seu negócio próprio, além da empresa onde trabalha. Alguns amigos ficaram no passado e outros preencheram espaço. Apesar de alguns probleminhas com a namorada, outros com o trabalho e mais alguns com a realidade de um adulto, sua vida está caminhando bem. O que ele não esperava, era a oportunidade que ganhou de poder resolver problemas mal-resolvidos no passado e, quem sabe, de recuperar um amor ainda não apagado mesmo após cinco anos...
Esse é meu livro preferido da série. Sinto um pouco por ter lido ele tão rapidamente... A Paula me fez devorá-lo em pouco mais de um dia e, obviamente, me fez ficar surpreendida com o conteúdo como sempre. Como traz acontecimentos comuns no cotidiano é impossível não se identificar, não se emocionar, não querer ser amigo de todos os personagens.
Esse livro realmente fechou a série com chave de ouro. Dá uma saudade imensa dos personagens e me deixa nostálgica toda vez que releio. Posso dizer sem nenhuma dúvida que, de todos os livros dessa série, esse foi o livro que mais me fez chorar, torcer pelos personagens, ficar angustiada, dar boas risadas, me apaixonar por esse mundinho cor-de-rosa da Fani e do Leo e ainda ficar com um gostinho de "quero mais", apesar de ser o último livro. Bom, pelo menos a Priscila está aí com sua série de livros "Minha vida fora de série" e vai nos trazer notícias do Leo e da Fani, senão não dá! Hahaha
comentários(0)comente



Lalá 23/11/2016

Fazendo Meu Filme 4
Esse sem dúvida, é o melhor de todos os livros que li da Paula Pimenta. Ela é o último da série Fazendo Meu Filme,e tem um cantinho especial no meu coração. Ele relata as decisões da vida da Fani e Leo e quais consequências resultaram,sendo elas boas e ruins.Claro que a Paula sempre dá aquele toque especial no final né?!Já é típico dessa escritora maravilhosa...não quero dar spoiler,mas eu SUPER encomendo,porque é muito bom!!!Eu amei!?
comentários(0)comente



Bella_Sanguinete 05/11/2016

ELA CONSEGUIU, ELA TEVE O MELHOR FINAL FELIZ!<3
Eu sinceramente nunca tive dúvidas de que a Fani teria um final feliz, mas a Paula Pimenta, supriu todas as minhas expectativas. Ela não teve um final feliz, ela teve O final feliz. Foi a melhor série de livros que eu já li na minha vida! Eu não poderia esperar nada melhor. Foi muito bom acompanhar a Fani desde de a adolescência, desde de que ela ainda era aquela menininha tímida e sonhadora, que eu amava tanto. Confesso que eu fiquei com um pouco de medo dela não receber o fim que ela merece, afinal, a Fani sofreu demais, mas eu consegui entender que tudo isso era para o final feliz ser mais merecido. Esse não foi um simples livro, eu não consegui desgrudar dele até chegar a última página.
A Fani mudou a minha vida, ela me fez ver o quanto devemos lutar pelos nossos sonhos por mais distantes que eles pareçam estar, que o amor verdadeiro, tudo superta, que cada acontecimento na vida tem um significado lá na frente, e que no fim, tudo se resolve.
EU SIMPLESMENTE AMEI ESTE LIVRO. ?
comentários(0)comente



Bella 14/10/2016

Adore
O 4º e ultimo livro é muito bom, assim como os outros 3.
Dá um final perfeito para Fani depois de toda aquela história que parecia que nunca chegaria a esse final.
Paula é uma ótima escritora, vale a pena ler .
comentários(0)comente



Rebeca.Karsburg 04/09/2016

Amor...
O amor tudo espera, tudo suporta. Quando é amor verdadeiro, não importa quantos anos leve, ele vai acontecer.
comentários(0)comente



196 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |