Manifesto do Partido Comunista

Manifesto do Partido Comunista Karl Marx
Friedrich Engels




Resenhas - Manifesto do Partido Comunista


201 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |


Guilherme.Molmostett 06/08/2020

Profundamente atemporal
Cap. I -
Sobre burgueses e proletários: Todas as organizações sociais humanas até o momento pautaram-se na relação entre exploradores e explorados. Pessoas livres e escravos, nobreza e plebe, senhores feudais e servos, e na modernidade, burgueses e proletários. Tanto na antiguidade quanto na modernidade, as classes dominantes e dominadas tem "graduações" distintas, e as classes médias tendem a tomar o lado dos opressores, na ilusão de que seus parcos privilégios as tornam iguais a eles. Na história das organizações sociais, todas as revoluções burguesas seguiram com uma mudança drástica dos meios de produção, e a mais descarada delas, foi a da era moderna. Na primeira revolução industrial, os trabalhadores se viram obrigados a saírem do campo, e irem se juntar aos pelotões das fábricas. Foi nesta revolução também, que o arranjo da economia burguesa ficou mais evidente. O pagamento do proletariado era apenas o suficiente para sua subsistência, enquanto que todo o excedente enchia os cofres dos burgueses. Ainda assim, dentro dessa relação de opressor x oprimido, sempre houveram "armas" oferecidas aos oprimidos, geradas pela própria organização social. A cada mudança radical do cenário político e econômico, as armas do oprimido mudam. E na época da primeira revolução industrial, a principal arma do proletariado era o sindicato. Nota-se o movimento dialético da história, na medida em que as revoluções burguesas, paulatinamente, fornecem as próprias armas da sua destruição.
Cap- II-
Sobre proletários e comunistas: Nesse capitulo, Marx e Engels, explanam sobre o alinhamento dos interesses comunistas com os interesses proletários (que são os mesmos). Refuta diversas críticas feitas ao movimento comunista na época (que são as mesmas dos dias de hoje). E, ao final, discorre sobre as bases administrativas que um Estado proletário deve assumir para construir o ideal comunista. Mas faz isso, reconhecendo que cada país deveria adaptar essas bases à sua realidade singular. Esse capítulo me parece o mais "panfletário" do livro, no sentido de realmente incutir ao leitor um fervor revolucionário, um imediatismo de ação. E faz isso muito bem, não se pode esquecer que ele não é um livro teórico, é um manifesto, portanto o seu teor "panfletário" é justificável. A meu ver, é fundamental como pontapé inicial na formação política marxista, ele fornece as bases do PORQUE ser comunista, e essas bases continuam as mesmas até hoje.


Cap. III-
Nesse capítulo, Marx e Engels enumeram algumas das correntes literárias da época
que se proclamavam "socialistas", e demonstram como a apropriação desse termo por elas
é falsária. Acho que das literaturas citadas, o "socialismo burguês" merece destaque
por servir como crítica aos sociais democratas/reformistas dos dias de hoje. Pois na
época, queriam o mesmo que discutem hoje. Querem manter o capitalismo, mas "adoçam"
as mazélas sociais com filantropia, caridade, humanismo, ambientalismo, para manter
o movimento revolucionário adormecido.
o capitulo também fornece uma visão mais clara de como o adjetivo "socialista"
permeava várias opniões políticas da época, e não era exclusividade do movimento
comunista. Não é surpresa nenhuma, portanto, que o fascismo hitlerista surrupiou o
adjetivo para o seu "Partido Nacional Socialista".

Cap. IV-
Nesse capítulo, Marx e Engels falam sobre a relação do Partido Comunista com os demais partidos de oposição existentes na época. É interessante fazer um paralelo do que consta no
capitulo com a "frente ampla" proposta na esquerda atual. O Partido Comunista de Marx
e Engels não oculta a sua visão de mundo, deixa claro que prima pela queda do sistema
capitalista de produção, e pela instauração da ditadura do proletariado. Com isso em mente
o Partido se alia com os demais partidos de oposição, sempre que estes defendem alguma pauta de acordo com seus interesses.
comentários(0)comente



Pedro 06/08/2020

Literatura básica
Literatura básica para qualquer comunista. Leitura rápida gostosa e bem facil de ler
comentários(0)comente



Lu 06/08/2020

A leitura do Manifesto Comunista é essencial para compreendermos as críticas feitas ao modo de produção capitalista.
comentários(0)comente



D3ad.rar 05/08/2020

Manifesto do Partido Comunista é uma aula sobre a luta de classes. Até mesmo se você não concorde com a ideologia apresentada pro Marx e Engels ainda sim e de suma importância que leia a obra para saber os impactos que ela trás na nossa sociedade atual, leis trabalhistas, greves, e muitas outras coisas que o livro tende a carregar consigo, no mais só tenho a agradecer a essa rica leitura.''Trabalhadores do mundo, uni-vos! ''.
comentários(0)comente



Lucas.Pasqualini 02/08/2020

Nunca ri tanto
Dei 5 estrelas por ser a melhor comédia que já li.
Recomendo, é hilário.
comentários(0)comente



murilosleite 30/07/2020

Um mundo comunista
MANIFESTO DO PARTIDO COMUNISTA - KARL MARX e FRIEDRICHS ENGELS - 112 pa?ginas
?
Obra de Marx e Engels que tem como objetivo derrubar as classes dominantes e elavar a classe dominada, o proletariado.
?
Faz uma cri?tica ao modo de produc?a?o capitalista.
?
Eles defendem a poli?tica social e o proletariado, que e? um simples objeto de trabalho.
?
SOBRE A CLASSES
Para Marx ?o conceito de classe e? muito importante, segundo ele sempre va?o existir duas classes com preceitos distintos, uma que e? dominada e a outra dominante.? Na obra como exemplo temos o proletariado lutando por seus direitos e a burguesia impondo suas condic?o?es.
?
SOBRE O MAIS-VALIA
?E? o valor excedente gerado na mercadoria, o lucro, que e? produzida pelo trabalhador e na?o e? repassada ao mesmo e serve para acumulac?a?o do capitalista. Podemos afirmar assim que seria a? diferenc?a entre o valor produzido pelo trabalho e o sala?rio pago ao trabalhador, que seria a base da explorac?a?o no sistema capitalista.?
?
E para voce?, poderi?amos ou poderemos viver nesse sistema? Depois de ja? termos passado pelo capitalismo, poderi?amos nos acostumar com tal ideo?loga comunita?ria?
?
E se paramos pra pensar que, foi no capitalismo que quase todas as inovac?o?es cienti?ficas e tecnolo?gicas foram difundidas pelas instituic?o?es empresariais, sejam elas privadas ou pu?blicas, visando lucros ou na?o.
?
E que grande parte das empresas que promoveram inovac?o?es recorreram ao capitalismo para obter financiamentos para os seus projetos.
?
Teremos que retroceder?
?
Enta?o, antes de defender sua ideologia, pense e vamos ter empatia para saber aproveitar o que ha? de melhor para sociedade em que VOCE? vive
comentários(0)comente



Candace 28/07/2020

Atual e necessário
Independente de posicionamentos políticos, a análise social de Marx é inegavelmente atemporal, importante e necessária. A leitura, rápida, clara e objetiva, deveria ser obrigatória!
comentários(0)comente



Leio, logo existo 26/07/2020

IMPRESSÕES DE LEITURA - releitura
Vários conceitos do campo político como COMUNISMO, FASCISMO, IDEOLOGIA, DIREITA, ESQUERDA, LIBERALISMO, CONSERVADORISMO foram esvaziados. Percebi que muitas pessoas que se utilizavam desses termos para demarcar um posicionamento político não dominavam seus significados – me incluo nesse grupo. Por essa razão, decidi que precisava entender melhor esses conceitos. Sigo nessa jornada com o livro “MANIFESTO DO PARTIDO COMUNISTA”. Após a leitura, entendo agora os argumentos contra o comunismo, mas ao mesmo tempo vejo como esse movimento trouxe benefícios indiscutíveis à classe trabalhadora - isso não significa que concordo com tudo que Marx e Engels propõem no MANIFESTO. O processo de entendimento sobre o que é COMUNISMO ainda está em movimento. A única coisa que tenho certeza até o momento é: TER LIDO O TEXTO NA ÍNTEGRA FOI A MELHOR COISA QUE FIZ, POIS NÃO FIQUEI REFÉM DE UM RECORTE FORA DE CONTEXTO.
comentários(0)comente



Jul 19/07/2020

"Proletários de todos os países, uni-vos!"
O melhor livro que já li na minha vida (até este momento).
Um dos primeiros de não-ficção que leio e o primeiro que adorei ler. Ansioso para continuar lendo obras revolucionárias, inclusive de outros camaradas.
comentários(0)comente



Sakurazuka 18/07/2020

Aquele manifesto que todos trabalhadores deveriam ler e entender onde eles se encaixam em um mundo capitalista.
comentários(0)comente



Marcio.Leandro 11/07/2020

Relevante
relevante para quem quer aprender sobre o marxismo, porém as ideias propagadas totalmente lunáticas
Bella 11/07/2020minha estante
?




debroua 08/07/2020

Interessante
Eu sempre quis ler esse manifesto. Sempre foi muito falado em todos os lugares que eu estava, então decidi aproveitar a quarentena para finalmente ler.
É um texto extremamente interessante. Utópico? De certa forma. Toda teoria tem seu fundo utópico. Mas a utopia faz parte da nossa vida. Nunca vou me esquecer do que meu professor de Geografia, Gabriel, disse: se a gente não tiver uma utopia, a gente não luta. Porque a gente precisa imaginar um ideal, um mundo melhor para que possamos buscar por ele.
E desde então tomei essa fala dele como sensata e real. Eu tenho minha utopia. Não é necessariamente a desse livro, mas ao ler, algumas coisas acenderam na minha mente ou no meu "coração " e essa sensação é muito boa.
Claro que o texto tem diversos anacronismos ou teleologias, mas essa análise acadêmica inerente ao campo da História não cabe nessa resenha.
comentários(0)comente



Tatiana Hollanda 04/07/2020

Documento histórico essencial para entender os movimentos políticos do nosso tempo.
comentários(0)comente



Janaína Martins 30/06/2020

Leitura necessária.
Interessante entender o que essa obra tão polêmica, para alguns, nos diz na verdade.
comentários(0)comente



Matheus 29/06/2020

Proletário de todo o mundo, uni-vos!
Considerando a época em que o mesmo foi escrito e redigido, a obra se fez como necessária, foi como um pedido de socorro entre a classe oprimida, o proletariado.
Pena que Marx não contava com as leis trabalhistas, que vieram para acabar com a exploração indevida da classe trabalhadora.
comentários(0)comente



201 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |