Stolen

Stolen Lucy Christopher




Resenhas - Stolen


103 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7


Thalita 19/02/2021

Será que é possível se apaixonar pelo vilão, torcer por ele e ainda querer ele para você? Eu garanto que se você ler esse livro vai sentir tudo isso e um pouco mais.

Fiquei anos atrás desse livro e finalmente consegui adquirir e ler ele e só posso dizer que amei.

Você já leu algum livro em que você torceu pelo vilão? E se o vilão achar que o melhor para você é ele te raptar, te levar para um lugar desconhecido e só querer cuidar de você? Tive muitos conflitos internos lendo esse livro porque eu sabia que era errado o que Ty fez mas ao mesmo tempo queria que ele ficasse bem. Gemma é raptada no aeroporto por um rapaz (Ty) bonito que observava ela há anos e ele tem certeza que cuidaria melhor dela do que seus próprios pais. Ao decorrer dos dias seu sequestrador mostra que ele quer apenas cuidar dela e dá provas disso pra ela, e Gemma se sente envolvida com Ty, ao mesmo tempo que quer fugir ela quer ficar com ele.

É errado querer o bem do seu sequestrador? É errado nutrir sentimentos por ele? Ele te sequestrou mas só te faz bem por que não retribuir? Esses são alguns questionamentos que Gemma tem em sua cabeça e nos faz pirar junto.

Um livro intenso que nos faz questionar nossos próprios pensamentos entre o certo e o errado e quando o final chega esmaga nossos corações. Recomendo muito esse livro, quem conseguir achar leia e pira junto comigo.
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Letlibrary 06/02/2021

Gostei, diferente do que achei que seria a escrita é algo que eu nunca tinha visto antes , oque

me deixou meio triste foi o final que não era do jeito que eu esperava
comentários(0)comente



Mag 29/11/2020

Quse perfeito
O Desenrolar dos acontecimentos foi impressionante, a história inteligente e criativa,porém não possui um final digno ? minha opinião
comentários(0)comente



flemingmariana 20/10/2020

um livro extremamente necessário!!
pra mim todo mundo tinha que ler essa obra e conhecer a síndrome de estocolmo. apesar do início ter sido um pouco chato de ler, o resto do livro me fez refletir muito e eu devorei a história da metade pra frente! vale muito a pena
comentários(0)comente



Hahn 21/09/2020

Estocolmo diz oi
O enredo é bem o tipinho que me prende a atenção, o sequestrador é biruta biruta, adorei a forma que o livro foi escrita e a narrativa me envolveu. Não consegui me apegar aos personagens, achei que muita coisa que acontecia era bem conveniente, mas ao todo fazia sentido. Gostei da forma como o autor constroi a relação dos personagens.
comentários(0)comente



Manu 08/09/2020

Incrível
Um dos primeiros livros que eu peguei para ler na vida!! Foi com esse que eu comecei a me interessar pelo mundo dos livros.
Adorei ler esse livro, foi muito bom e incrível.
Não é um livro cheio de romance, conversas fofas, não tem nada disso. A história consiste em um sequestro e o livro é narrado pela protagonista que conta do começo ao fim como foi todos os momentos ao lado do sequestrador e tudo que ela sentiu!!
comentários(0)comente



Karinha 11/07/2020

Minha leitura arrastada
No começo do livro ele é bem interessante porque você não sabe o que te espera.
Quando a Gemma é sequestrada e começa a conviver com o Ty e passa o ataque dos primeiros dias, a leitura, pelo menos pra mim vai decaindo, parece que eu estou lendo uma fanfic, sim isso é uma crítica. Mas eu continuei porque queria saber onde ia dá.
E chega perto do final, onde ela diz que está escrevendo a carta e fica emocionante e aí acaba.
comentários(0)comente



fernanda 19/04/2020

eu completamente ciente de que as atitudes do Ty eram erradas, mas me vi torcendo por ele na maioria das vezes.
esse livro mexeu muito comigo. eu amei.
comentários(0)comente



Myllena 13/03/2020

interessante.
comentários(0)comente



Paloma 12/03/2020

Não sei se foi sidrome de Estocolmo mas...
Eu amei.
Simplesmente amei a história, os personagens, o cenário onde tudo se passa. Cada página contribuiu para Stolen se tornar um livro incrível.

" - Quem disse que eu não sou o Super-Homem?

(...)

- Você me resgataria agora se fosse o Super-Homem.

- Quem disse que eu não fiz isso?

- Qualquer um saberia que você não fez isso.

- Então esse qualquer um está olhando as coisas de forma errada."

O livro é composto de pequenos trechos que a Gemma escreve sobre o seu sequestro e suas emoções, formando assim uma carta para o Ty - seu sequestrador.

A leitura é fluída, gostosa e te joga no mar de incertezas e conflitos morais.

Constantemente me perguntava se tinha perdido o senso do certo e o errado. Se o meu ponteiro ético estava indo para as cucuias! Kkkkk

O final me deixou destruída. Foi justo! Mas não impediu que o meu coração quebrasse em mil pedaços e me fizesse chorar pelo destino do Ty. Ele me conquistou. Completamente. Não vou mentir, torci muito por ele.

Super recomendo a leitura!
E para quem for ler, se segurem bem no carrinho, porquê a montanha russa de sentimentos é devastadora.

"Além disso, temos que reconhecer, você me sequestrou.
Mas salvou minha vida também. E entre uma coisa e outra você me mostrou um lugar diferente e lindo, que eu não consigo tirar da cabeça. Assim como não consigo tirar você. Você está tão incorporado ao meu cérebro quanto meus vasos sanguíneos."
Juliana Rodrigues 12/03/2020minha estante
Nossa, amei a resenha! ?

Me deu apenas mais vontade de ler esse livro hahaha


Paloma 12/03/2020minha estante
Obrigada, Ju! ??


Line 25/03/2020minha estante
Esse livro é maravilhoso, está na minha lista de favoritos.


Paloma 25/03/2020minha estante
Entrou para a minha também, Line! ??


Miriam 05/04/2020minha estante
Acabei de ler. Não é certo o que ele fez, mas caberia um segundo livro com a continuação do destino que cada um teve. Fiquei com esperança de alguém voltar e resgatar a camela até o fim da história ?.
A leitura é muito boa, mas em alguns momentos senti que não saía muito do lugar. Achei um livro muito longo para o desfecho que teve (para o meu gosto).


Paloma 06/04/2020minha estante
Pois é, Miriam!
Ele, infelizmente, optou pela pior saída.

E siiiiim! Também fiquei com a bendita da camela na cabeça! ? Chorei com ela correndo atrás do carro e tudo!

E sobre uma continuação, na minha opinião, não se faz necessária.
Eu gosto de finais assim, abertos, que nos dá a possibilidade de refletir, imaginar e completar de acordo com as nossas conclusões, sabe? ?


Miriam 06/04/2020minha estante
Te entendo sim.


Milly 28/06/2020minha estante
Tô impactada com essa leitura. Eu me coloquei no lugar dela e conseguia sentir tudo, até o desespero. Acho q até eu desenvolvi a Síndrome pq tô com pena dele




Denise.Rocha 24/02/2020

Muito bom!
comentários(0)comente



Lawolft_ 07/02/2020

STOLEN raptada - LUCY CHRISTOPHER
STOLEN conta a história de uma menina de 16 anos que foi sequestrada no aeroporto.
Tudo começa com Gemma indo buscar um café numa cafeteria do aeroporto de Bangkok após uma discussão com seus pais, porém Gemma não tem como pagar e é nesse momento que conhece Ty, um rapaz alto, moreno de olhos incrivelmente azuis, extremamente charmoso e simpático. Ty compra um café para ela, mas mal ela sabia que ao sentar, conversar e beber com ele, estava também, sendo drogada.
Gemma fica em transe enquanto Ty a leva para longe, troca suas roupas, coloca uma peruca, muda sua identidade e a leva para nada mais nada menos que um deserto australiano no meio do “nada”. Lá, Ty já havia construído uma casa, galpões e armazenado mantimentos para manter Gemma por bastante tempo, mais precisamente, para sempre.
Ty acredita fielmente que Gemma vai amá-lo e que os dois vão passar o resto de suas vidas juntos e longe da civilização no deserto australiano.
No inicio, Gemma fica entorpecida, tenta fugir várias vezes, mas percebe que está sendo enjaulada aos poucos. Dias passados e Gemma começa a se sentir em casa. Vai conhecendo Ty aos poucos e gostando dele, não só da sua aparência, mas do seu jeito, realmente se afeiçoa a ele e ao seu modo de viver.
Com conversas com ele, Gemma percebe que na verdade sua vida em Londres não era o que pensava e sim uma grande mentira, com amigos falsos e pais fúteis. Gemma começa a se sentir segura e acolhida no deserto. No entanto, as coisas dão muito erradas e Ty é obrigado a levá-la de volta a Londres e tudo muda.

A ideia de Lucy (autora) para este livro foi genial na minha opinião. Mesmo sabendo mais ou menos o final do livro, eu fiquei muito surpresa com o que ele me fez sentir. Nós sabemos que Ty cometeu um crime, mas ao mesmo tempo, através da perspectiva de Gemma começamos a ver ele como alguém “do bem” assim como ela vamos nos afeiçoando pelo “vilão”.
A construção da história com base na Síndrome de Estocolmo foi tão arrebatadora que até eu achei que estava com ela (brincadeiras a parte). O contexto todo, as descrições do lugar, o modo como Gemma nos mostra os sentimentos e o que enxerga nos faz sentir como ela. Eu realmente me envolvi com a personagem. Chega a um ponto que você tem certeza que os dois apesar dos pesares devem ficar juntos, mas é MUITO ERRADO.
Quase nos ‘finalmentes’, nós descobrimos a verdadeira versão das coisas e nos perguntamos como pudemos ser tão tolos a ponto de acreditar e aceitar a versão que nos foi contada por Ty. Mas não me julguei por imaginar que Ty era um cara legal, afinal desde o inicio tudo nos leva a pensar que Gemma sempre é uma menina estupidamente fútil, com pais mais fúteis ainda. A grande questão é que foi tudo arquitetado para pensarmos isso.
O único problema desse livro para mim foi o final, eu fiquei com a sensação de algo inacabado, eu realmente me senti como Gemma nas últimas páginas, com uma sensação de perda, de ter sido enganada e manipulada, senti que aquilo tudo não teve um fim.

MUITO BOM ⭐⭐⭐⭐
comentários(0)comente



Gabi 09/01/2020

Stolen: a Eu: Q?
Gente, eu nem sei o que sinto de verdade em relação esse livro. Sinceramente, eu não consegui odiar o Ty, apesar de saber que o que ele fez foi totalmente errado. O cara era nitidamente carente, solitário e precisava de ajuda psicológica. A Gemma foi uma personagem bem forte, mas no final acabou ficando confusa em relação aos seus sentimentos. Ah mano, sei lá. Confusão mental gritou kkkk
comentários(0)comente



ani 27/11/2019

Eu gostei muito da protagonista, ela parece ser uma personagem bem real. Ela teve os mesmos sentimentos que eu tive pelo Ty, uma divisão entre amor e ódio e não saber como lidar com isso.
Eu fiquei realmente triste pela camela, meus olhos quase lacrimejaram, foi difícil ler aquela parte e se despedir dela.
Eu sei que o Ty tem que pagar pelo que ele fez, mas eu não consigo não sentir empatia por ele, simplesmente foi fluindo.
comentários(0)comente



103 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7