Quero Ser Beth Levitt

Quero Ser Beth Levitt Samanta Holtz




Resenhas - Quero ser Beth Levitt


53 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4


Nicole 11/11/2013

Surpreendente!
Terminei o livro ontem a noite, e ainda não superei. Melhor dizendo sinto que nunca vou superar, que vou levar "Quero ser Beth Levitt" pra sempre comigo.
Perfeito, é a unica palavra que eu encontrei no momento pra descrever. Não sou de romances. Muito menos de romances água com açúcar, mas esse livro realmente mexeu comigo.
A começar pelos personagens que foram todos muito bem construídos tal como se saíssem do livro. Pelos momentos que passei lendo, eu também fui Beth Levitt!
A história é incrível, vale cada segundo que se passa presa nessas quase 600 paginas. Eu chorei com Amie, suspirei com Chris, e ri horrores com Dalva. É uma história completa, que te faz sentir na pele cada detalhe descrito no livro.
Se tem uma coisa que aprendi com esse livro é que finais felizes podem existir, Amie pode não ser real, mas nos enche de esperança. E principalmente que, não importa o que aconteça, a chave para isso é um coração puro.
Espero francamente ver muitas pessoas comentando sobre a obra, Samanta Holtz merece cada um dos muitos elogios que já vi inclusive por aqui, e as pessoas merecem ter motivos para acreditar, sempre.

site: www.nicolecorreaa.blogspot.com
Samanta 19/11/2013minha estante
Querida Nicole,

Muito obrigada pelas lindas palavras a meu respeito e a respeito da minha história!

Fico muito feliz em saber que "Quero ser Beth Levitt" a encantou tanto e que trouxe belas lições e inspirações :) Você captou exatamente a essência do que pretendi transmitir!!

Que bom que gostou também dos meus personagens!!

Obrigada pelos cumprimentos e pelos bons votos :) Amém, se Deus quiser, muitos ainda vão querer ser Beth Levitt ;)

Beijão!
Samanta


Samanta 19/11/2013minha estante
Q


Samanta 30/11/2013minha estante
Oiiii

Eu havia deixado um comentário, mas não sei o que houve, o Skoob deve ter ocultado... rs...

Nicole, fico muito feliz meeesmo que tenha gostado tanto do livro e que ele tenha despertado reflexões em você!


Samanta 30/11/2013minha estante
Oiiii

Eu havia deixado um comentário, mas não sei o que houve, o Skoob deve ter ocultado... rs...

Nicole, fico muito feliz meeesmo que tenha gostado tanto do livro e que ele tenha despertado reflexões em você!


Samanta 30/11/2013minha estante
Oiiii

Eu havia deixado um comentário, mas não sei o que houve, o Skoob deve ter ocultado... rs...

Nicole, fico muito feliz meeesmo que tenha gostado tanto do livro e que ele tenha despertado reflexões em você!


Samanta 30/11/2013minha estante
Oiiii!!

Eu havia deixado um comentário, mas não sei o que houve, o Skoob deve ter ocultado... rs...

Nicole, fico muito feliz meeesmo que tenha gostado tanto do livro e que ele tenha despertado reflexões em você!


Samanta 30/11/2013minha estante
Oiiii!!

Eu havia deixado um comentário, mas não sei o que houve, o Skoob deve ter ocultado... rs...

Nicole, fico muito feliz meeesmo que tenha gostado tanto do livro e que ele tenha despertado reflexões em você!


Samanta 30/11/2013minha estante
Oiiii!!

Eu havia deixado um comentário, mas não sei o que houve, o Skoob deve ter ocultado... rs...

Nicole, fico muito feliz meeesmo que tenha gostado tanto do livro e que ele tenha despertado reflexões em você!




Fernanda 30/06/2014

Fofinho e tudo dentro do esperado
Bonitinho,fofinho,meiguinho, tudo dentro do inho.
A mocinha protagonista é até legal,mas teve seus momentos chatinhos , mas não se preocupem o príncipe em questão salva a pátria. Um encanto.Dificil não ama-lo.
Mas eu esperava mais. Achei muito previsível e nada de colocar o coração batendo a mais de mil. Esperava mais.
Mariane 02/07/2014minha estante
Esse foi meu livro favorito do ano..rsrs Eu não achei previsível...O final tem um momento que não esperávamos, no livro todo temos um suspense para descobrir quem faz mal a Amelie, temos várias ações e coisas legais feitas que não acontecem no "clichê". Uma das coisas que mais gosto nesse livro é que mesmo o tema, a história tendo tudo para ser previsível nela toda, existem outros elementos além do romântico, outros personagens tendo seu papel na história além da Amelie e do Chis. Temos momentos também de tensão. E claro o livro é todo fofura sim, além do que a Amelie é pura de coração né. Se você não leu o livro também da mesma escritora "O Pássaro", te indico. Ele tem um gênero bem não fofura de que Quero ser Beth levitt tem, os personagens tem personalidades bem fortes e atrevidos,que não aceitam tudo aquilo que os outros dizem que eles devem fazer, lutam por uma liberdade que não permitem a eles, porque querem que eles sejam submissos.É um romance histórico com um final UOU, sem esperar nunca.^^


Fernanda 02/07/2014minha estante
Mariane. como vai. ?
bem isso é muito relativo. , pois não me senti sendo fisgada e menos ainda surpreendida pela trama.
É uma leitura agradável mas sem grandes satisfações.
não disse q não gostei . na verdade eu gostei sim .. Apenas esperava mais ação mais romance mais personalidade e o suspense por trás da pessoa que tanto tentou prejudicar a Amelie ficou lento ., fazendo marola até desvenda-lo.. E eu particularmente gosto de apreciar um bom número de paginas narrando um desenrolar feliz e NÃO apenas umas poucas folhas já na hora de acabar... existe gosto e gosto.. isso é muito particular e depende muito da ótica de cada um


Mariane 07/07/2014minha estante
Oi Fernanda! Eu respeito você dizer que todos tem gostos diferentes, até porque muitos livros considerados maravilhosos por muitos , eu tento ler e não gosto de alguns rs. Nenhum livro na realidade vai ser amado por todos leitores né. Mas de qualquer maneira dar uma olhadinha no outro livro da escritora que te falei, O Pássaro, ou você já leu? Ele é um romance histórico com muita ação, aventura, romance não fofo haha e um final surpreendente. Obrigada por ter lido minha opinião!


Fernanda 08/07/2014minha estante
Mariane eu não li esse livro .Mas já esta na listinha.. obrigada pela dica e pelos comentários
bjs


Samanta 19/07/2014minha estante
Olá, Fernanda!
Obrigada por compartilhar suas impressões sobre a leitura aqui no Skoob :) Gosto muito de acompanhar a opinião de vocês para poder, cada vez mais, entender como vocês estão recebendo minhas palavras!!

Que pena que a trama não a capturou tão a fundo, mas fico feliz em saber que, no fim das contas, não foi uma experiência negativa :)

Muito obrigada por ter aberto as portas do seu coração às minhas palavras!

Beijo!!!


Samanta 19/07/2014minha estante
PS: Mariane, querida, obrigada por deixar sua opinião à Fernanda aqui nos comentários também e por ter indicado a leitura de O Pássaro :) Realmente, é uma leitura bastante diferente de Quero Ser Beth Levitt!!

Fernanda, caso você leia, vou adorar saber sua opinião e sugestões!!

Beijossss




Carol Lima 05/08/2014

História que nos faz sonhar...
Começo essa resenha dizendo: U-a-u! Acho que é o melhor que consigo expressar! E dizer que marquei muitas quotes maravilhosas neste livro...

"Lembrou-lhe do quão pouco realmente era preciso para ser feliz."

Amelia é um doce de menina, que apesar de perder os pais tão nova, o amor que recebeu deles foi o suficiente para abastecer toda a sua vida.

Quando chega o momento de seguir a vida adulta, é surpreendida por um caça talentos que a convida para fazer um teste para um comercial. Acontece alguns contratempos que a levam a fazer o teste de elenco para um filme. E este filme nada mais é, que a versão do seu livro favorito, aquele que sua mãe lia para ela, e que após a sua morte, foi seu companheiro de todas as noites, Doce Acaso.
Mas as surpresas não acabam por aí, no segundo teste para o pepel de coadjuvante, ela se depara com o protagonista do filme, Chris Martin. O ator famoso, que ela tem um poster colado na parede do quarto!
Além de conseguir o papel, Amie conquista a tenção do cara mais cobiçado do momento.

"Amie apertou as mãos no rosto, sentindo os olhos esquentarem com lágrimas. Estava acontecendo! Era real!"

O que falar de Chris? Posso falar que me apaixonei por ele??? Acho que não... sou casada.... meu marido não iria gostar! Mas é impossível não amar esse rapaz! Atencioso, paciente e que saber falar as coisas certas, na hora certa! Um verdadeiro príncipe!

"Você nunca mais vai se sentir sozinha, Amie. Porque eu não vou deixar."

Esse amor que acontece entre esses dois fofos não seria tão simples de viver em meio as aulas de preparo, gravações, e o contrato onde não é permitido relacionamento entre os atores. Eles então, tem que lidar com distancias obrigatórias, inveja, armações e o diretor.


"Bom é aquele que faz bem feito porque não se contenta com outro resultado além do ótimo. O resto é lixo! esbravejou, com outro murro na mesa. Alcançar a perfeição é obrigação de vocês. Estão sendo pagos para isso."

Walters, é um diretor conhecido por seu excelente trabalho e seu jeito exigente e grosseiro de tratar sua equipe. Não será fácil para Amie, que é inexperiente, lidar com a pressão e gritos desse homem assustador.


Eu gostaria falar de todos os personagens que me cativaram com sua personalidade incrível, mas minha resenha ficaria maior do que já está ficando. Então, vou falar só de mais uma: Dalva, a professora de balé da Amie, que se tornou sua melhor amiga. Uma mulher mais madura que Amie, mas com uma alma tão jovem quanto ela. Muitas vezes, eu a imaginava como uma adolescente por causa de sua empolgação. Com sua ousadia, dava vários "empurrões" para que Amie se achegasse ao Chris. Uma amiga confiável, animada e muito amorosa. Vê-las interagindo, principalmente nos momentos que havia dança, foi bom demais!

Doce Acaso ficou gravado em minha memória! Como queria ter aquele livro em minhas mãos para ler! E a música tema? Linda, linda! Queria ter essa música na minha play list! Mas só existe no mundo que Samanta criara ´para Amie. Que peninha...

"...Se estou feliz
Ou se estou triste
Eu te procuro
Pois em seus olhos
Eu encontro a minha paz
E em seus braços está
Meu porto seguro"

Foi a primeira obra da Samanta Holtz que eu li, e já me tornei fã! Ela tem uma escrita maravilhosa que nos faz ler sem parar. Os personagens foram criados com tanto cuidado e vivacidade, que me faziam ter todo o tipo de reação durante a leitura.

A editora está de parabéns pelo carinho que tiveram com a diagramação e com a capa... apaixonei-me pela capa desde a primeira vez que vi a divulgação do livro!

Sem dúvida, eu recomendo a leitura de Quero ser Beth Levitt. Você conhecerá personagens que te farão rir, chorar, sonhar e refletir muito com toda a experiencia que eles transmitem.
Uma linda história de amor que te fará suspirar...

site: http://citacaonumclick.blogspot.com.br/2014/08/resenha-quero-ser-beth-levitt.html
Samanta 05/08/2014minha estante
Querida Carol,

Que gostoso ler uma resenha tão linda sobre "Quero Ser Beth levitt"!!! Fico muito feliz em saber que você gostou tanto dos personagens e da história :) E, principalmente, que a leitura trouxe tantos bons sentimentos e sensações!


Samanta 05/08/2014minha estante
Não sei por que o Skoob está postando só uma parte do meu comentário rs... vou colar a continuação aqui:

Adoreeeeei a resenha e, mais tarde, passarei em seu blog para comentar lá também e conhecê-lo :)

Quanto a "Doce Acaso", quem sabe logo ele se concretiza em nossas estantes??? :D Já a música "Amado Amigo", tenho boas notícias: recentemente, o marido de uma querida leitora pegou a letra e emprestou voz e melodia para ela! Ficou liiiiiiinda!!! Se quiser ouvir, fique à vontade:

https://www.youtube.com/watch?v=rmevRR2vtuo

Beijos, querida!
Obrigada novamente pelas lindas palavras!!!


Carol Lima 06/08/2014minha estante
Ai, que emoção!!!
Obrigada pelo carinho Samanta! nem tenho palavras pra expressar o que estou sentindo... Quero Ser Beth Levitt fez eu me tornar fã de seu trabalho e com certeza Amie ficará pra sempre no meu coração! Ficaria na torcida para que Doce Acaso venha para minha estante! Hehehe...
Eu vi o vídeo na sua página e nem acreditei!

Mais uma vez agradeço por ser tão atenciosa com seus leitores!

Beijinhos!


Samanta 07/10/2014minha estante
Imagine, querida Carol!

Eu que agradeço pelo carinho!!




Drika 19/12/2012

Delicado, sensível, envolvente, harmonioso, apaixonante...
Assim é Quero Ser Beth Levitt de Samanta Holtz!!!
Terminei de ler de madrugada, pois não queria dormir sem saber o final!
Depois da força e ousadia de Caroline em O Pássaro, me deparei com a graciosidade de Amie, uma menina capaz de quebrar o coração mais duro, com sua história de vida! E depois do impulsivo Bernardo, me encontro com o príncipe do Chris! O que eu posso dizer?! Bem, eu ainda não encontrei as palavras que possam descrever toda harmonia descarregada na escrita desse livro! Fiquei procurando as palavras, tentando me conformar que ele acabou, suspirando ainda tanta ternura, e agora estou aqui, assim, apaixonada...
Se eu fechar meus olhos, posso ver a bela Amie desenhando as notas com seus pés em uma suave melodia.
O que eu mais posso dizer?! Eu também Quero ser Beth Levitt!!!

Resenha: Amelie Wood, conhecida como Amie, é uma jovem que foi criada num lar para meninas, ao deixar o local, tem sua vida totalmente mudada por "engano", quando é escolhida para interpretar uma das coadjuvantes no filme baseado em seu livro favorito "Doce Acaso". Se já não bastasse a mudança drástica na vida da moça, que de uma hora para outra se encontra entre as celebridades do momento, ela conhece Chris, o protagonista e príncipe do filme, por quem ela sempre suspirou apaixonada. O destino acaba lhe reservando grandes surpresas e um final surpreendente.
Samanta 19/12/2012minha estante
Querida Dri!!!

Não canso de dizer o quanto amei suas palavras sobre o meu novo livro....... meu bebê!!!


Neiva 23/12/2012minha estante
fiquei tri curiosa Dri, lendo sua resenha achei algumas semelhanças com o Loucura de Fã, será?

Ainda estou tentando ler o Pássaro, espero poder ler em breve os dois. Bjs


Drika 02/01/2013minha estante
Tem sim guria! Vc tem o jeitinho de escrever como da Samanta! Vc vai adorar ;)




Elves ºº 10/09/2013

Encantador !
Perdoe-me os fãs dos livros históricos. Mas Samanta Holtz é a mais nova Jane Austen. Que coisa mais linda e singela são os livros dessa autora, quanta pureza,e é isso que me deixa mais encantado pelo seu trabalho, já que esse nome PUREZA já foi trocado por LASCÍVIA nos dias de hoje, mas ainda existe gente que acredite em relacionamentos onde se preza o respeito, a paciência, e eu sou um desses \o/\o/. Bem o que tenho a dizer é que simplesmente Samanta Holtz é uma Diva na escrita, sou apaixonado pela narrativa dessa senhorita. Prometi na resenha de O pássaro que iria aguardar pela "Beth" pra ter uma opinião mais concreta em relação à ela. Então vi o livro em uma livraria num preço liiiindo e não aguentei, comprei esse lindo livro.

Antes de iniciar essa resenha, já tinha um texto enorme na mente pra escrever, mas são tantas coisas boas e lindas nesse livro, que eu não consigo coloca-las aqui.
Diferente de O pássaro, não é uma estoria de época( O que espero sinceramente que ela faça mais pra frente, amo romances históricos). Diferente do casalzinho enfezado do primeiro livro, aqui encontramos um casal mais doce, o que de certa forma combina com o tom do livro, já que ele fala de sonhos. Vai pra lista de favoritos, mas não supera O Pássaro..... Sei lá como já disse Mileide é #TheBest e ponto.

E aqui vai minha avaliação

Capa : Lindíssima! Nota: 10 !
Diagramação : Preferia que fosse 900 paginas, mas que as letras fossem maiores, estou com a vista doendo nesse momento depois de ler 200 paginas em um dia apenas, e vamos combinar a história é enorme e aquelas letrinhas pequenas não dá ! Nota : 8
História: Nota :100000! Mirabolante, como estava escrito em uma publicação que vi no Facebook um dia desses: "Dependendo da Samanta, tudo é possível" . Acreditem e fiquem atentos, duvidem até do Mocinho da estoria....kkkkkk
Casal protagonista : 10....Suspirando em 3,2,1 *--*
Personagens secundários : 10 ( São vários meu povo)
Samanta 19/09/2013minha estante
Querido Elves

Que bommmm ler uma avaliação tão positiva do meu livro :D Fico muito feliz que tenha gostado da história e dos personagens - até mesmo os secundários, os quais sempre têm um papel fundamental a desempenhar, em minhas histórias ;)

Sim, eu me lembro que você havia lido O Pássaro e que esperaria meu próximo livro para "definir" minha posição em seu ranking de autores favoritos rs... fico feliz por ter concretizado uma posição!!

E que interessante saber que você ainda prefere O Pássaro... desde o lançamento, já ouvi as 2 opiniões - quem ainda prefere O Pássaro, quem achou Beth melhor, quem não consegue escolher rs...

Obrigada por suas palavras!

Beijos!


Viviane 26/06/2014minha estante
Amo suas resenhas, sério.


Elves ºº 27/06/2014minha estante
haha....Obrigado! Engraçado, basta alguém comentar a minha resenha e eu tenho que reler ela toda....




"Ana Paula" 27/03/2014

Resenha dos 5 primeiros Capítulos - 09/10
Resenha completa:

Como a sinopse acima diz, em Quero ser Beth Levitt, vamos conhecer Amelie Wood. Uma órfã que acaba de completar 18 anos e está prestes a sair do abrigo onde viveu desde os 12 anos, quando perdeu sua mãe.
Amie, é acima de tudo, uma garota doce, ingênua e de coração puro. Ela realmente acredita nas pessoas, que ela podem mudar e que são boas por natureza.
Quando, em sua festinha particular, Amie assopra as velinhas de seu bolo, ela só tem um desejo em mente: ser a protagonista de seu livro preferido "Doce Acaso", onde Beth Levitt vê sua vida mudar drasticamente depois de se apaixonar por um príncipe. Essa é a visão da vida que Amie quer, ela quer ser Beth Levitt.

Não sei como vou explicar em palavras, o que senti lendo este livro. Como em O Pássaro (primeiro romance da autora), Samanta Holtz conseguiu me deixar se palavras. Não sou adepta a romances, ainda mais quando são melosos e em todas as páginas ha um declaração de amor entre os personagens. Mas aqui, neste livro, nada foi escrito para ser meloso, foi escrito com amor sim, mas um amor sincero, onde você quer ver a pessoa que ama feliz, independente se seu futuro está entrelaçado ao dela ou não. Amie, com seu jeitinho de menina e sua ingenuidade, ganharam um destaque enorme aos meus olhos! Um conto de fadas moderno, literalmente, sem todas as facilidades decorrentes do mesmo, aqui as dificuldades existem, Amie não está preparada para viver no mundo real, ela não conhece as pessoas como elas realmente são. Para realizar seu sonho, ela enfrentará obstáculos que não conhecia: ciúmes, traição, inveja...

Fiquei encantada com o carinho da editora neste livro, tudo muito lindo e fofo. A capa está perfeita, passa bem o significado do livro, e a sinopse é curta, não dando muito spoiler do que o leitor encontrará ao ler esta obra. A diagramação é linda! Com detalhes de sapatilha nos inícios de capítulos e nas quebras de narração. Simplesmente perfeita!
Para ser bom, o livro além de bonito, tem que ter conteúdo, e Quero ser Beth Levitt, levará o leitor ao mundo do cinema, atores e atrizes famosos... Também despertará a dançarina que existe dentro de nós, o amor que Amie sente pela dança é contagiante! Tudo muito bem escrito e explicado, imagino o trabalho que a autora teve em conciliar tudo: cinema, dança, e a história de um livro dentro de outro livro!

Todos os personagens merecem destaque nesta obra. Nenhum deles deixou a desejar. São personagens tão reais que o leitor se pega imaginando cada um deles na vida real. A autora conseguiu escrever um história crédula, com um enredo apaixonante e uma leitura gostosa e divertida.
Até mesmo os personagens maldosos, foram bem criados para levar o leitor a desconfiar de qualquer um!
Mas, claro que sempre tem um que nós gostamos mais não é? No meu caso, fico com a própria Amelie, que encheu meu coração com suspiros e um amor genuíno. Tudo nela inspira gente! Apesar de ter passado por tantos problemas, sair do único lugar que considerava um lar, ela continuou sua vida, buscando a felicidade onde quer que ela estivesse, e claro, com um bela ajuda do destino, até finalmente encontrar seu lugar no mundo!

Enfim, se indico? Claro, com certeza, corre e compre o seu e comece a ler já! rsrsrsrrsrs
Inspire-se em Amelie, seja mais recíproco, alimente a humanidade com sonhos e esperança, deseje ser feliz, faça mais pedidos, uma hora, alguém pode até ouvir o seu!
Hoje, depois de ler este livro, nem sonharia em ser Beth Levitt, como eu disse a Samanta, eu sonharia em ser Amelie Wood!



resenha dos 5 primeiros capítulos:

Boa Noite!!!! Só mesmo a Samanta Holtz pra tirar o meu sono neh!!!!
Ganhei da Samanta os 5 primeiros capitulos do seu novo livro Quero Ser Beth Levitt, que ainda não foi publicado. Já estava aki no meu email tem um tempo e hoje resolvi lê-lo. INCRIVEL!!!!!!
Uma estória totalmente diferente de O Pássaro, mas com aquele gostinho de quero mais que tanto me cativou no seu livro.

Amie é uma adolecente que perdeu os pais e vive em um orfanato. Quando completa seus 18 anos, sai do orfanato para viver sua vida na sua antiga casa, que sua mãe deixou para ela antes de morrer.

"Mais tarde, naquele dia, Amie atravessou as portas do abrigo para uma saída sem retorno. Ficou parada no patamar, seguarando a pesada mala em uma das mãos e uma caixa debaixo do braço... Era chegada a hora de cuidar de si mesma, assumindo as rédeas de sua própria vida. Desceu o primeiro degrau em direção a rua, sentindo que, naquele instante,sua vida se rachava dolorosamente em um terceiro pedaço." Pag: 06

Pelo pouco que li, creio que Amie vai cativar os leitores, ela é o tipo de menina que sonha com principes e finais felizes. E que menina não sonha com isso???? rsrsrsrsrs. Quero ser Beth Levit é um livro inspirado em outro livro, o que me deixou muito feliz, pq as vezes (mentira!!!! quase sempre) eu me vejo em uma situação que poderia sim acontecer em um dos livros que leio. E isso é maravilhoso!!!!! Você pode sonhar sim com um principe, ou com seu final feliz.... um dia isso vai acontecer!!!!!

Quero agradecer imensamente a Samanta por ter me dado um pedaçinho do seu mais novo bb para poder saboreá-lo antes de ser lançado. E acredito fielmente que será outro grande sucesso!!!!!

Peloamordedeus Novo Século Editora, publica logo esse livro!!!!! Já tô quase surtando aki para poder lê-lo inteiro!!!!!!
Samanta 10/10/2012minha estante
Que honra ler sua opinião aqui, querida :)

Fico muito feliz que já tenha gostado do começo da história, e espero que, muito em breve, possa ler toooooooodo o resto ^^

Um grande beijo!


Angela @angebrandeleiro 09/12/2012minha estante
A escrita da Samanta é mágica, é o tipo de autor que a gente fica desesperado para ler uma nova história. *-* Espero que seja lançado logo, quero muito ler, me apaixonei pela sinopse!


Samanta 01/05/2014minha estante
Querida Ana!!

Eu já havia adorado sua resenha dos 5 primeiros capítulos, agora é uma delícia saber sua opinião da obra toda :)

Que você encontre todos os seus sonhos - e de forma ainda mais bela que jamais ousou sonhar!!

Beijossss!
Sam




Tais Cortez 26/05/2015

Um novo conto de fadas!
Conheci a fofa da Samanta Holtz em um evento literário em Campinas. Achei linda e delicada a capa de seu livro. Depois de algum tempo, participamos juntas de outro evento literário em SP, e eu aproveitei para garantir o meu exemplar autografado.

A Sam escreve muito bem e a história não poderia ser descrita a não ser como "um conto de fadas moderno".
A Amelie me lembrou muito a própria Sam, com seu jeito doce e bondoso de ser.

Gostei principalmente das mensagens e valores que a história transmite. Acho que todos os livros deveriam passar coisas boas, que levam o leitor a refletir sobre suas próprias ações, e eu, como autora, tbm procuro fazer isso.

Enfim, super recomendo esse livro a todos que procuram um romance leve, encantador e muito bonito!

Parabéns, Sam!
Lilica 26/05/2015minha estante
Gosto de livros assim, agradeço a recomendação!


Tais Cortez 26/05/2015minha estante
:) Magina...super recomendo e acredito q gostará bastante!


Samanta 12/06/2015minha estante
Querida Tais,

Obrigada pelas lindas palavras sobre "Quero Ser Beth Levitt"!
Fico muito feliz em saber que a leitura tocou seu coração e transmitiu boas mensagens :D

Obrigada por dividir sua opinião aqui no Skoob!

Beijos no coração,
Sam




TEKA 14/09/2014

Meu amor de livro
Esse livro e o mais especial para mim, sem conta o fato que ele te encanta nas primeiras paginas, a historia e tao leve como uma brisa,tao apaixonante quanto um beijo bem dado, tao profundo, com palavras que passa a sensação que foi feita para esse livro. Sem conta com isso tudo o romance e diferente e doce, puro, delicado e sonhador que me faz desejo ser a personagem do livro. Como falei com a Samanta Holtz (que por sinal e uma fofa, amor de pessoa) não sei descrever (com tudo que sinto) não tenho palavras, só sei que esse livro e o meu FAVORITO, incrivelmente perfeito.

"Mantenha o coração puro" foi o que aprendi. Esse o segredo do livro e da vida, ter o coração limpo das iniquidade que rodeia o mundo, assim meus sonhos, amor e felicidade estará seguro para mim vive-los.,
Samanta 24/09/2014minha estante
Querida Teka,

Que lindíssimas palavras sobre Quero Ser Beth Levitt!!! Fico muito feliz em saber que minhas palavras levaram tantos sentimentos e ensinamentos bons ao seu coração :)

Obrigada por dividir sua opinião aqui no Skoob!!!

Beijo enormeee!!!


TEKA 24/09/2014minha estante
aaahhh rsrs e a mais pura verdade... Sam seus livros são especial, são pouco q por enquanto percebem, e sou feliz em esta no meio dos sortudoss. kissss


Samanta 07/10/2014minha estante
Obrigada, querida Teka!! :)




Sâmmy 02/05/2014

Resenha original para o blog SammySacional

Provavelmente, não importa o quão grande essa resenha poderá ficar, dificilmente conseguirei expor exatamente o que essa leitura maravilhosa provocou em mim. Emoções, sentimentos, reflexões, lições, inspiração, admiração... Foram algumas palavras que me acompanharam na leitura e tiveram seus respectivos significados expostos das formas mais lindas possíveis. E, no fim das contas, eu só posso agradecer a Samanta Holtz por ter escrito uma história tão sensível, tão singela, tão bela, tão romântica, tão delicada, mas, acima de tudo, tão sincera.

“- Acho que quando perdemos algo tão importante, acabamos enxergando o valor verdadeiro das coisas. O que está por trás do que todo mundo vê.”
- Página 338 -

Amelie "Amie" Wood passou a vida recebendo uma educação singela e carinhosa por parte dos pais, de forma que os sorrisos sempre estiveram presentes na família, mesmo por entre as lágrimas. Porém, um acidente levou seu pai aos sete anos, e mais tarde, aos doze, a leucemia levara sua mãe. Foi quando sua vida mudou e ela passou a viver em um abrigo, onde várias outras meninas compartilhavam de experiências semelhantes. E, durante aqueles seis anos convivendo com aquelas que veio a ter como irmãs, Amelie foi crescendo e se desenvolvendo, lembrando-se sempre, porém, do principal ensinamento de sua mãe: mantenha sempre seu coração puro. E foi com esse mesmo ensinamento que ela continuou, mesmo após, aos dezoito anos, deixar o abrigo e encarar o mundo real. E, mais ainda, foram lições doces e sinceras como esta, juntamente de muita crença em seus próprios sonhos e felicidade, que sua vida mudou totalmente... para melhor...

“Chis admirou a empolgação explícita da garota, que, sem aviso, já estava vários passos à frente. Amie fitava os galhos lá no alto com profunda admiração.
Chris acelerou a caminhada para alcançá-la.
- Uma amante da natureza, é?
- É o nosso maior tesouro – ela respondeu, distraída, agachando diante de um canteiro com flores amarelas. – Um pedaço do céu que Deus nos deu de presente...”
- Página 109 -

Falar sobre minha experiência de leitura com Quero Ser Beth Levitt é um tanto quanto complicado. Sempre que penso na história, em todos os seus aspectos, sorrisos, suspiros e lágrimas me invadem, simplesmente porque esta é uma daquelas histórias que mexem de tal forma conosco que acabamos por não compreender à nossas próprias reações perante à leitura. Todavia, em uma espécie de resumo, afirmo: muito mais do que um romance, Quero Ser Beth Levitt é uma lição de vida ilustrada por uma doce bailarina que, apesar das adversidades pelas quais passara na vida, jamais se permitiu perder a esperança, a fé, a alegria, e, principalmente, a pureza em seu coração. Desde pequena, criada pela mãe para nunca deixar a pureza abandonar seu coração, ela cresceu como uma garota doce e delicada, muito embora, não se enganem, ela não seja boba, mas, sim, uma personagem que se permite sentir, sonhar, ter amor ao próximo, ser honesta; uma garota que foca no que realmente importa na vida. E, unindo isso à escrita doce e encantadora de Samanta Holtz, temos uma história escrita e desenvolvida de forma intensa, encantadora e inesquecível.


Leia o resto da resenha em...

site: http://sammysacional.blogspot.com.br/2014/04/resenha-quero-ser-beth-levitt-de.html
Samanta 02/05/2014minha estante
Sam!!! Sei que já expressei em seu blog e nas redes sociais o quanto amei sua resenha, mas é claro que vou repetir aqui :)

Obrigada pelas palavras tão, tão lindas sobre meu livro!!! Fico muito feliz em saber que ele tocou seu coração tão profundamente...

Beijos carinhosos!!!
Sam


Nay 30/06/2014minha estante
Só uma duvida,esse livro termina por aqui?Ou teremos continuação?


Samanta 19/07/2014minha estante
Olá, Nay!

Embora os leitores peçam muuuuuuito, o livro não tem continuação :) rs...

Beijos, querida!




Izabela 14/07/2015

Faz muito tempo que eu estava maluca para ler esse livro, sério. Eu ganhei de aniversário (mais uma vez, obrigada, Tia Vana e Dindo!) e foi puro amor. Esse foi o quarto livro que eu li na maratona de vinte e quatro horas e, meu Deus, quando eu comecei eu estava caindo de sono. Peguei o livro lá pelas sete horas da manhã, doideira, eu sei. Acabei lendo só o primeiro capítulo e indo tirar uma naninha time. Quando acordei, voltei a ler e terminei de uma vez. O livro é bem grande, tipo assim, muito grande mesmo, enfim, foco. O motivo por trás de toda a minha vontade de ler era claro e simples (e estava na capa, rs): Dança. Faz um bom tempo que procuro um livro bom com esse tema, a verdade é que ainda não achei o favorito da vida, mas sigo tentando (e escrevendo, shiiii). Por enquanto esse é o melhor com o tema que já li, mas isso não significa que seja o melhor de forma geral. Eu comecei a história sem saber muito bem o que esperar e foi muito diferente do que eu esperava, ainda não sei se isso é bom ou ruim, rs. O livro, no final das contas, ganhou quatro estrelas. Eu gostei muito da escrita da autora e, por mais que tenha gostado da história num todo, achei que o livro enrola demais. Bom, agora vamos focar, não é?


O livro conta a história de Amelie, uma menina que, mesmo tendo perdido muita coisa na vida, nunca perdeu o sonho de ser uma grande bailarina. Seus pais morreram quando ainda era criança e, por conta disso, ela cresceu em um abrigo para meninas. O lugar, por mais que tenha a abrigado muito bem, nunca a preparou para a vida de verdade. Ela, e todas as outras meninas do lugar, viviam em um mundinho completamente diferente do real. O que ela tinha como lembrança da mãe era a dança e um livro, bem velho, chamado 'Doce Acaso'. A mãe de Amelie era uma bailarina muito famosa e muito do seu dom passou para a filha. O sonho dela, além de dançar, era ser como a personagem principal do livro, Beth Levitt. O problema é que, como vivia em um abrigo, ela dependia da boa ação de outros para poder fazer o que amava. Ela até teve um professora muito boa de dança, mas não foi por muito tempo.



"Quero ser Beth Levitt!" - Página 13



As coisas eram sempre iguais na vida dela. Ela e as amigas do lugar precisavam esconder o que gostavam, como fotos de atores famosos, e quase nunca saiam, mas até que eram muito felizes lá. Até que Amelie chegou a idade adulta e se viu sem um lugar para ir. Ela sabia que precisaria sair do lugar em que havia crescido, mas não sabia nada do que a esperava lá fora. Por sorte, sua mãe tinha pensado em tudo e, quando ela saiu, tinha para onde ir e até mesmo uma boa quantia em dinheiro para sobreviver alguns meses. Tudo parecia perfeito, o problema é que Amelia não tinha ideia de como procurar um emprego ou, até mesmo, fazer um currículo. Mais, assim como a mãe, o destino já tinha preparado algo muito especial para ela. Completamente sem querer, e por conta de um erro de terceiros, ela foi parar em um teste de cinema, um dos grandes. Como ela não sabia muito bem o que estava fazendo, mas precisava de um emprego, acabou falando algumas frases aleatórias do seu livro preferido. O que ela não sabia (e não imaginava nem nos seus maiores sonhos) era que o teste era para o filme de 'Doce Acaso' e, se ela fosse muito bem, poderia fazer parte da história dos seus sonhos, ela poderia, então, ser Beth Levitt. Mas calma aí, nem tudo é tão simples assim quando o assunto é Hollywood.


"Você nunca será Beth Levitt" - Página 188



Alguém mais aí percebeu que esse livro tinha tudo para virar o meu favorito? Tipo assim, estamos falando de dança, de filmes e tretas hollywoodianas e mmuito romance clichê, mas, então, o que será que deu errado no caminho? Ah, pois é. O livro é realmente muito bom a história até te prende, mas ele tem muita cena desnecessária. Ele é gigante e, normalmente, isso não é um problema, mas quando cheguei na metade do livro parecia puramente enrolação. Amelie tem um nome lindo e é bailarina, ou seja, de primeira fui com a cara dela, mas, gente, que menina tolinha. Ok, ela cresceu longe da realidade, mas como que uma menina de dezoito anos nunca ouvir falar de currículo? O que ensinavam naquele abrigo? Achei legal as partes que citam o balé, mas, mais uma vez, ainda não foi bem o que eu esperava. Não consegui sentir a emoção de bailarina lendo os trechos, quem sabe um dia chego lá.



O romance de fundo é bem fofinho e muito clichê, com uma carinha gigante de fanfic, o que eu adoro. Outra coisa que me fez tirar uma estrela do livro foi o fato de que fiquei completamente perdida no tempo do livro, não entendi muito bem o ano, parece uma história atual, mas, ao mesmo tempo, por conta de algumas coisas que Amelie faz/pensa parece que estamos uns trinta anos atrás. Num geral, é um ótimo livro, mas não se sinta culpado se tiver vontade de pular algumas linhas (ou páginas) para a leitura fluir. O livro nos lembra que os sonhos estão aí para virarem realidade e que quando nascemos para uma coisa, ninguém pode tirar isso da gente. A escrita da autora, como comentei antes, é bem gostosa e te deixa bem curioso para saber o que vai acontecer no final (por mais que eu tenha sacado no começo, como sempre haha). Se você gosta de romances muito clichês e histórias com o drama artístico de fundo esse livro definitivamente é para você.

site: http://www.brincandodeescritora.com/
Thatá 31/07/2015minha estante
Quero muito esse livroooo, quando eu vi pela primeira vez, e vi uma bailarina na capa... foi amor a primeira vista! Agora sabendo mais um pouco sobre ele, EU PRECISOOOOOO LEEEER.


Samanta 18/08/2015minha estante
Querida Izabela,

Estou impressionada!!! Sério que você leu em apenas algumas horas?? É um recorde! (rs)

Querida, estou muito feliz em saber sua opinião sobre o livro! Obrigada me deixar saber e por dividir com os leitores aqui no Skoob :) Aliás, também adorei saber que ele fez parte da sua "maratona 24 horas", mesmo sendo tão "pequeno" rs!

Beijos, querida! :*


Josiane.Abdalla 02/08/2017minha estante
undefined




spoiler visualizar
Samanta 01/05/2014minha estante
Querida Fabi,

Ownnn! Sei que já comentei isso no blog, mas comento novamente: adorei a resenha!! Fico muito feliz em saber que gostou da história e que sou uma das suas autoras nacionais favoritas :)

Espero continuar escrevendo histórias que encantem seu coração!

Beijos carinhosos,
Sam


Fabi 01/05/2014minha estante
Obrigada Sam!! É de coração!!




Nicole Kloss 30/04/2014

Sou uma eterna crente da possível existência de contos de fada da vida real. E "Quero ser Beth Levitt" me deixou ainda mais convicta de que existem sim, finais felizes, e reais, mundo afora. Ainda que eles sejam transmitidos a mim em forma de ficção, esse romance da autora brasileira Samanta Holtz me fez enxergar a possibilidade de um "feliz para sempre" onde quer que você esteja.
Amie acabou de completar 18 anos e saiu do orfanato onde passara tantos anos acolhedores com aquelas pessoas que a ajudaram após a morte da mãe, anos depois que seu pai também havia partido. Quando ainda está se ajustando em sua nova vida, Amelie recebe a oferta de participar de uma campanha publicitária que acaba colocando-a em um papel num filme que dará vida ao seu livro favorito, e a moça ainda poderá praticar uma de suas maiores paixões: a dança.
Os personagens são interessantes e especiais à sua maneira, cada um tendo suas peculiaridades e características marcantes que me conquistaram e me fazia ansiar por sua próxima aparição no desenrolar da trama. É esse "elenco" somado ao enredo da história que me fizeram enrolar a leitura por algum tempo a mais do que eu iria levar, apenas porque não queria parar de saber mais sobre a história que me fascinara, e definitivamente, não queria que ela chegasse ao fim.
Esse é um livro com aquela mistura boa de todos os sentimentos que devem ser despertados durante uma leitura, além de trazer consigo uma bela mensagem. É uma história singela, que pode conter sim alguns clichês, mas escritos de uma maneira tão impecável que só te envolve mais com a história e faz se apaixonar cada vez mais por essa publicação única.

"Todo mundo pensa que a saudade é o pior. Mas a saudade que mais dói não é a do que já foi, e sim das coisas que nunca virão. Do que poderia estar acontecendo agora."

site: https://teens-books.blogspot.com
Samanta 01/05/2014minha estante
Querida Nicole,

Que delícia ler essa resenha tão positiva sobre meu livro!!! Fico imensamente feliz em saber que a história que criei a agradou, e que os personagens a fizeram almejar pela próxima aparição deles!!

É uma alegria saber que minhas palavras tocaram seu coração e alimentaram sua crença dos finais felizes na vida real :) Pois, assim como você, eu também acredito que existam!

Beijos carinhosos,
Samanta




Karina 20/09/2013

Eu quero ser Beth Levitt... ou Amelie Wood
Como devoradora de livros, principalmente de romance, quando peguei meu exemplar já me animei logo com o volume de páginas (543!!) e, percebi que teria uma distração para os próximos dias...
O que eu não sabia porém é que, eu iria me envolver tanto com a história. Por várias vezes me peguei pensando em como seria estar no lugar de Amie, em como eu queria que uma história como a dela acontecesse comigo...
Neste mundo que vivemos hoje, cheio de violência, maldade e principalmente, relacionamentos movidos somente pelo sexo e que, começam rápido e terminam mais rapidamente ainda, a história de Amelie Wood me fez enxergar que, no fundo, no fundo, o sonho de toda mulher (ou pelo menos, a maioria), é um dia encontrar um príncipe encantado e ser feliz para sempre.
O que mais me marcou neste livro foi o fato dele ser um romance com uma dose de suspense que, não precisou ter cenas tórridas de paixão para prender a atenção do começo ao fim. Ele também me fez enxergar o quanto nós mulheres fortes e independentes (como Rosana, diretora do orfanato), também somos carentes de ter um amor, um romance... todas nós merecemos um príncipe e ele está por ai, nos procurando ou então, pode mesmo até estar ao nosso lado sem percebermos.
Uma coisa importante e fundamental que o livro mostra é que, sonhos podem se realizar e ser muito melhores do que imaginamos!!!
Meus parabéns à autora!!!!
Samanta 23/09/2013minha estante
Querida Karina,

Muito obrigada por suas lindas palavras! Fico feliz que tenha gostado do livro e da forma como conduzi a história :)

Um beijo em seu coração!
Samanta




Mari Siqueira 06/10/2013

Quero ler mais Beth Levitt!!!
Nessa resenha sou suspeita a falar, porque eu sou uma super fã da Samanta Holtz, e depois de ler O Pássaro, não via a hora de ter mais um livro carinhosamente escrito pela diva Sam, que me deu autógrafo, conversou comigo e tirou até foto *-*' Foi então que surgiu Quero Ser Beth Levitt e eu já me apaixonei pela sinopse, pela capa que deixa todo mundo ba-ban-do e por Amelie, a fofa e delicada protagonista desse conto de fadas moderno.

Se Samanta nos conquistou com O Pássaro, ela nos surpreende com Beth Levitt, suas mais de __ páginas com fonte pequena, são repletas de detalhes e nas quais vi pouquíssimos erros de revisão (parabéns à Novo Século, pela revisão e diagramação impecáveis). A história da menina Amelie, que perdeu os pais e vive em um orfanato, por si só já nos comove, as lembranças da mãe, que era uma grande bailarina entristecem a menina e também ao leitor, por vezes me vi segurando o choro, ao ler trechos da história de Julia e a filha.

O enredo trata não só da infância triste de Amie, mas também de seu sonho em se tornar bailarina como a mãe foi, a difícil luta para encontrar um emprego, a vida de uma nova celebridade, a pressão em busca sucesso, a paixão por um livro que ganhou da mãe, que a inspira e a motiva a buscar seus sonhos e de seu primeiro amor (awwwwn *-*).

Em uma sucessão de fatos incríveis e coincidências do destino, Amelie se vê num teste para interpretar um papel no filme Doce Acaso, a adaptação adivinhem.. do seu livro favorito! A menina mostra tudo o que sabe, tem cada fala decorada e vive sonhando um dia ser como a protagonista do livro, Beth Levitt. No livro Doce Acaso, Beth é uma bailarina que encontra o amor da sua vida, mas descobre que ele é da realeza, pobre como é, ela e o príncipe tem inúmeros obstáculos pela frente.

Enquanto isso na vida real, a adaptação cinematográfica do filme continua, e Amelie se apaixona por Chris Martin, o ator que fará o papel do príncipe, que é também seu maior ídolo. Ele é charmoso, fofo, carinhoso, mas é uma celebridade, então seu romance é tão improvável quanto o de Beth. Enfrentando a inveja de colegas de elenco, como a irritante Mary Jane que fará Beth Levitt no filme, Amie sofre um bocado, mas o final eu garanto que é incrível!

Todas as dificuldades, prazeres, todo o mundo das celebridades foi cuidadosamente introduzido na história, eu mesma me senti dentro do set de filmagem de tão detalhadas que foram as gravações das cenas do filme, vemos a evolução da protagonista, que é forçada a mudar completamente seu estilo de vida, abandonar suas irmãzinhas de orfanato e partir em busca do seu futuro, pois uma chance como essa não aparece duas vezes.

Me vi sonhando com o filme, com o livro, com a adaptação cinematográfica, com Beth e seu príncipe, Amie e seu ator famoso, pois afinal isso é o que Sam faz com a gente, faz a gente sonhar. Cada uma de suas palavras é escrita estrategicamente para nos emocionar e nos inspirar. Adorei, super recomendo, e para todas as idades, desde as jovens sonhadoras até aquelas que precisam lembrar como é bom acreditar em contos de fadas. Como não dar cinco estrelinhas para um livro de Samanta Holtz? Eu leria até a lista de supermercado dessa guria! :)

Quote perfeito:
"Chris Martin, um dos mais badalados atores do cinema... interessado nela? Aquilo simplesmente não parecia possível, no mundo real.
Comprimindo um sorrisinho, Amie girou o pescoço e olhou para onde ele estava. Encontrou-o conversando animadamente com um grupo de pessoas que ela não conhecia.
Era tão lindo, tão alegre... Tão perfeito! (...)
Tratando-se de Chris Martin, era melhor tomar um cuidado especial. Gostar dele era fácil.
Fácil demais."



site: http://loveloversblog.blogspot.com
Samanta 19/11/2013minha estante
Querida Mari

Que bom saber que, mais uma vez, uma história minha a fez sonhar :)

Obrigada por postar aqui sua opinião de forma tão detalhada e carinhosa!!

Beijo,
Sam




53 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4