A Culpa é das Estrelas

A Culpa é das Estrelas John Green




Resenhas - A Culpa é das Estrelas


3935 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |


Cams 23/04/2019

A culpa realmente é das estrelas
Por ser o terceiro livro do John Green que leio, posso dizer que finalmente entendi o seu estilo literário: minha mente nunca vai ser capaz de entender, absorver a história que ele está tentando passar completamente; as emoções são vida para a história.
Não tenho muito a falar sobre o livro, só tenho a dizer que o amor é inexplicável.
comentários(0)comente



Drica Dicastro 21/04/2019

[2.5/5] - Primeiro livro que leio de John Green. E confesso que achei decepcionante. Não tão drama, comovente ou romântico como imaginava, principalmente depois de todo frenessi e alvoroço tanto pelo livro quanto o filme (claro que o assisti assim que terminei de ler o livro e acabei que gostando um pouco mais da sétima arte). Enfim, no final das contas não consegui me envolver nos personagens e muito menos sentir as emoções ou conexões descritas nas páginas.

Depois desse tô meio sem coragem de ler outros do autor, mas como tenho uns aqui comigo (Cidades de Papel, O Teorema Katherine, Quem é Você Alaska? e Tartarugas Até Lá Embaixo) vou dá uma chance, quem sabe goste de algum desses.

comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Mateus.Bispo 17/04/2019

Ruim, muito melancólico.
Péssimo livro, sem mais.
comentários(0)comente



Gabi 16/04/2019

Nunca imaginei o quanto era difícil ler algo quando os seus olhos estavam esbaçados, graças às malditas lágrimas que insistiam em cair.
comentários(0)comente



@3amigasentrelivros 13/04/2019

Inspirador e corajoso
"Mas eu acredito em amor verdadeiro, sabe? Não acho que todo mundo possa continuar tendo dois olhos e nem que possa evitar de ficar doente, e tal, mas todo mundo deveria ter um amor verdadeiro, que deveria durar pelo menos até o fim da vida da pessoa". Um livro emocionante que conta a história de Hazel Grace uma paciente terminal que luta contra desde os 13 anos, sua mãe acha que ela esta ficando depressiva, então decide levar ela a um grupo de apoio. Hazel odeia ter que ir à reunião do grupo, mas um dia um bonito rapaz vai à reunião e fica trocando olhares com ela. No final da reunião ela conhece Augustus Waters, um garoto que por causa do câncer teve que amputar a perna. E assim começa esse conto de fadas. O livro é inspirador, corajoso, irreverente e brutal, uma obra que fala sobre a alegria e a tragédia que é viver e amar.
Alguns infinitos são maiores que outros... Eu queria mais números do que provavelmente eu vou ter.
Okay Augustus Waters Okay Hazer Grace.
Escrito por @johngreen e lançado pela @intrinseca.
comentários(0)comente



Leka Turunen 08/04/2019

Eu confesso que não faz meu gênero tal enredo, mas como amo livros acima de tudo, resolvi ler. O livro não tem algo de novo, nada muio surpreendente, mas me surpreendeu mesmo assim.

Com discursos um tanto bobos e simples, o autor mexe com a gente, toca nosso coração e nos faz refletir sobre como encaramos a vida. A história é menos clichê do que eu imaginava e eu gostei bastante disso.

Recomendo.
comentários(0)comente



Vanessinha 04/04/2019

Lindo demais
Muito emocionante, até demais, lindo, surpreendente.
comentários(0)comente



Evani 04/04/2019

Reflexiva demais, a "resenha"? Sim. Mas tá aí...
É verdadeiro. É lindo, te faz rir, te faz chorar, te faz refletir sobre as coisas, as pessoas e sobre como se sente sobre elas.
A Hazel tem um câncer, é uma paciente terminal, tem a certeza de sua própria morte. Em uma de suas visitas a um grupo de apoio, ela conhece o Augustus. E eles se amam e sofrem com uma doença que faz parte de você e que, na maioria das vezes, não pode ser retirada, então você convive com ela até que te mate.
Mas a história de Hazel e Augustus é mais do que só amor e câncer. Como eu já disse, você para sua leitura para repensar e mudar suas ideias sobre o mundo. E eu amei cada lágrima que derramei nesse livro. Quem lê-lo pode amá-lo tanto quanto pode odiá-lo, e está tudo bem. Está tudo bem.
Enfim, boa leitura. E, ah, você tem bom gosto.
comentários(0)comente



Mahh.Clara 01/04/2019

AS ESTRELAS SAO AS CULPADAS...
EU GOSTEI BASTANTE POR QUE FALA SOBRE UM CASAL QUE FOI SEPARADO PELO DESTINO . E UMA HISTORIA BEM ROMANTICA.
comentários(0)comente



Bia | @books.da.bia 31/03/2019

A Culpa é das Estrelas foi um marco na minha vida. Lembro que o vi nos braços de uma colega de turma quando eu estava no primeiro ano do ensino médio. A capa azul me chamou logo atenção e depois dos rumores sobre a estreia do filme eu corri pra comprar e ler. O livro é muito intenso, o autor nos faz querer a amizade dos personagens e nos enriquece de tantos detalhes fornecidos. Acho que, como a maioria que não tinha recebido spoiler, eu esperava pelo óbvio trágico. Quando a situação se inverteu, eu perdi o chão. Lembro que li o capítulo do Gus no carro quando eu estava dentro do ônibus, voltando pra casa. Gente, eu chorei TANTO que simplesmente esqueci que estava num transporte público com dezenas de pessoas desconhecidas. Eu sou muito clichêzinha (rs) e adoro um romance, então o livro me devastou. Demorei pra me recuperar. Quando lançaram o filme, apesar de tanta história perdida, foi mais uma semana de choro e de replay. Assisti várias e várias vezes! Um ponto muito positivo do filme, além da escolha perfeita do elenco, é a trilha sonora. Combinou demais! Tenho algumas músicas até hoje na minha playlist. Com certeza, o livro e o filme merecem ser lidos e relidos, assistidos e reassistidos! Okay?
comentários(0)comente



Mariane 29/03/2019

Uma história de amor para chorar rios e rios e rios.
O livro é antigo, mas ainda me lembro bem que quando eu li.
Esse livro me fez comprar todos os outros livros do autor John Green, na época, e aí que foi o problema. Esse foi o único livro dele que gostei. Os outros foi só ladeira abaixo.
comentários(0)comente



Mallú 23/03/2019

J'ai lu...
Queridos leitores...
Nem sei como começar a falar sobre esse livro, e olha que eu já fiz uma resenha completa sobre ele para o meu blog literário.
"A culpa é das estrelas" é intenso, é bonito, é apaixonante e é destruidor. Não dá para não se apaixonar por esse livro logo nos primeiros capítulos... As personagens são super carismáticas, seu enredo é envolvente e o amor que a trama constrói é forte e visceral. Green tem uma escrita explosiva (trocadilho sobre a Hazel ser uma granada haha) e aventureira, se curvando e se alinhando com a própria vida real, essa que vivemos, aqui e agora.
Eu simplesmente amo esse livro!
(Tem uma resenha bem fofinha sobre esse livro lá no meu blog, como eu disse aí em cima. Dá uma checada! E também tem um texto explicando o nome do livro... Procura esse post também, porque está super bacana.)

site: https://malluamabili.blogspot.com/2018/02/jai-lu-culpa-e-das-estrelas-john-green.html
comentários(0)comente



Jessy 22/03/2019

John Green... You broke my heart
Sem palavras para descrever esse livro... Sempre odiei livros e filmes que falam sobre casais perfeitos que vivem romances maravilhosos e depois um deles ou os dois morrem drasticamente, MAS... AMEI O LIVRO!

A escrita é leve, divertida, do tipo que te faz chorar e depois você simplesmente está rindo das piadas ou momentos de humor negro. Recomendo se você ama romances simples, mas profundos. John Green realmente sabia o que estava fazendo, os personagens são tão envolventes e divertidos, os diálogos são inteligentes, reflexões inimagináveis e momentos totalmente HUMANOS.

Recomendo se você curte o estilo, romance + comédia + drama. Mas esse livro, admito, não é para todo mundo.
comentários(0)comente



Nanda 14/03/2019

mais uma leitura ruim do John Green
Acho ótima a representatividade que deu ao tema de doenças e abriu portas para outros livros ganharem visibilidade, porém acho que o livro não me pegou, achei muito clichê, é apenas mais um livro de romance adolescente. Não merecia toda a hype
comentários(0)comente



3935 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |