A Próxima Grande Sensação

A Próxima Grande Sensação Johanna Edwards




Resenhas - A Próxima Grande Sensação


32 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3


Queria Estar Lendo 29/03/2017

Resenha: A Próxima Grande Sensação
A Próxima Grande Sensação foi um livro que me fisgou assim que bati os olhos nele no sebo, já que não é fácil encontrar livros protagonizados por mulheres gordas -- especialmente chick lit.

Quando bati o olho no livro já esperava algo com o qual eu me identificasse. Assim como Kat, comecei a ganhar peso na pré-adolescência e, embora nossos manequins não se comparem, foi completamente possível me ver no pensamento e no discurso dela.

Kat é uma mulher gorda e parece que isso é tudo que todos conseguem ver sobre ela. Ninguém repara em como ela é uma boa amiga, ou como é profissional, como é inteligente. As situações pelas quais Kat passa são aquelas que toda pessoa gorda pode se identificar. Ela cresceu ouvindo que tinha um rosto muito bonito então "por que não tenta perder um pouco de peso?". Ela aprendeu a ter vergonha de comprar as roupas que realmente cabem nela, aprendeu a ter vergonha de comer em público, guarda no armário uma roupa "para quando for magra", já tentou diversas dietas malucas e exercícios. Kat aprendeu a se odiar unicamente por causa do seu peso e, dessa forma, criou uma situação mental para si mesma de que, quando for magra, quando atingir um número específico de manequim, ela vai finalmente ser feliz.

"Sabe", filosofou Cara, "a industria da moda deve achar que as mulheres gordas têm péssimo gosto."

Kat comete o mesmo erro que muita gente por aí: achar que a sua felicidade é um destino, um lugar que ela vai atingir quando conquistar algo, e no caso dela esse algo é o manequim 36. Até porque, esse é o tamanho que o namorado virtual dela acha que Kat usa.

Depois de passar trabalho para convencer o namorado de que não pode visitá-lo, Kat toma uma medida drástica para perder peso: entrar para o Fat2Fab, um reality show de perda de peso. Só que ela nem imagina o que vai acabar encontrando nessa nova sensação americana que muito pouco tem a ver com perder peso.

Por algumas páginas, eu quis odiar esse livro. Porque ele falava tão claramente sobre muitas coisas que eu já passei na vida e, dada a tantas do livro, me pareceu que a autora quis dar uma "suavizada" nas ferrenhas críticas que vinha fazendo. Mas felizmente terminei o livro e posso dizer que o acho incrível.

"É quase como se, ao me tornar magra, tudo que terá acontecido até aquele ponto deixará de ter importância. Minha vida vai começar de verdade."

Cada página de A Próxima Grande Sensação nos apresenta uma mulher real, ainda que nos moldes do bom e velho chick lit. Kat se mete em algumas situação exageradas que acontecem devido ao gênero da obra, mas na maior parte, a história se manteve bastante fiel a vida real. O começo nos apresenta uma mulher com baixa autoestima pelos anos de rejeição e hostilidade simplesmente por não ter um corpo socialmente aprovado.

Kat não é capaz de amar a si mesma porque foi ensinada que, por ser gorda, não é digna de amor. Ela só passará a ser merecedora do sentimento caso perca muitos quilos. E isso faz com que ela acabe entrando em relacionamentos nada saudáveis e fechando os olhos para comportamentos inaceitáveis de pessoas que, supostamente, deveriam amá-la. E não importa o quanto sua melhor amiga tente apontar isso. Até porque Donna é magra e, por isso, ela julga que não tem capacidade para entender a vida de Kat.

"Na nossa sociedade, homens acima do peso são considerados fofos e gentis. Ursos de pelúcia, por assim dizer. Mas as mulheres acima do peso são baleias."

Em algumas passagens ela até demonstra estar ciente de que certos comportamentos são inaceitáveis, mas acaba relevando eles porque, já que é gorda, não pode se dar ao luxo de perder o que tem -- mesmo que isso lhe faça mais mal do que bem.

Entrar para o programa, no entanto, faz com que ela passe a encarar a vida por outro ângulo, especialmente agora que está na companhia de várias outras mulheres que passaram a vida inteira por situações como as que ela enfrentou.

As situações que o programa cria para as garotas me deixaram com raiva diversas vezes, pois em sua essencia parece-se muito com um programa desenhado para humilhá-las e ridiculariza-las por seu peso, e não para promover uma mudança saudável nos estilos de vida e na saúde daquelas mulheres. Mas o bom disso é que são situações como essas que fazem Kat questionar sua motivação para estar ali e, aos poucos, começar a aceitar a si mesma.

A jornada de empoderamento dela está clara, é árdua e prova-se longa, mostrando que na vida, quando escolhemos nos amar e aceitar, quando fugimos dos padrões e espectativas sociais, precisamos encarar o fato de que estaremos nadando contra a maré todos os dias, que é um processo diário de aceitação e descontrução. E o grande acerto do livro é fazer isso com um tom divertido e leve.

"A maioria das pessoas, quando olha para uma pessoa acima do peso como eu, não enxerga que sou uma pessoa gentil, ou uma amiga leal, ou uma pessoa que sabe escutar. Para eles, sou apenas uma garota gorda. Simples assim. Tudo sobre a minha personalidade é embrulhada no fato de eu ser gorda."

Um grande medo, quando cheguei pela metade do livro, foi de que ele acabasse sendo mais uma história sobre a mulher que perdeu peso e ai conquistou o mundo. Mas a mensagem final foi ainda melhor. Tudo bem você querer perder peso, e também tudo bem você se sentir confortável na própria pele, o impressindível é não esquecer que a sua felicidade ou qualquer outro objetivo não depende de você se encaixar ou não em padrões malucos impostos por uma sociedade controladora e opressiva.

Indico muito A Próxima Grande Sensação para fãs de chick lit que estão cansadas das fórmulas batidas, para fãs de romances leves e divertidos e, especialmente, para as garotas gordas que acreditam que o seu potencial está ligado ao seu peso!
comentários(0)comente



Tatty 25/02/2010

Delicioso!
Sabe aquele livro que você não quer parar de ler? Sabe aquele livro que você ri com certas personagens e sente muita raiva de outras? Sabe aquele livro que tem 300 páginas, mas você devora como se tivesse 30? "A Próxima Grande Sensação" com certeza se encaixa em todas essas questões.

Kat é uma garota de 27 anos, gorda, que sofre com o preconceito da sociedade. Quer perder peso para ser aceita e para que o seu namorado virtual a aceite quando conhece-la pessoalmente. É o retrato do que acontece com várias garotas ultimamente. Katrina é uma personagem forte, que nos emociona com seus sentimentos.

Ri muito com o senso de humor da personagem principal, assim como também chorei com o sofrimento dela, com a rejeição que ela sofre. É bastante complicado você não estar no padrão que a sociedade estabelece.

Donna, a melhor amiga de Kat, merece atenção especial por sua fofura, seu carisma, sua simpatia. O tipo de pessoa que não olha o exterior de uma pessoa e sim o seu interior.

Um livro pra ficar pra sempre na memória!
comentários(0)comente



Dé... 18/03/2010

No começo do livro, achei que Kat era muito ingênua e via o mundo com óculos cor de rosa... ela tinha um namorado on-line que mora na Inglaterra, mas não o conhecia pessoalmente, e o que é pior... ele achava que ela tinha uns 60 kgs a menos do que os seus 113 kgs... mas ao longo do livro, me vi presa, fisgada...
Quando fica sabendo de um reality show onde poderia perder peso e ficar rica, Kat achou ter descoberto enfim a motivação que faltava, afinal o que mais ela teria a perder? E o melhor de tudo, o programa nem seria exibido na Inglaterra.
A partir do momento que Kat se inscreve para o reality show, simplesmente não consegui largar o livro...
Eu confesso que não sou fã de programas que seguem essa linha, mas como um livro tem o poder de nos transportar para diversos lugares... dessa vez me vi dentro de uma casa de reality show em Los Angeles... torcendo por alguns personagens, detestando outros...
É impossível não gostar de Kat e de suas tiradas sarcásticas... e se você estiver, ou já esteve, acima do peso... com certeza irá se identificar com várias situações... ah, eu pelo menos me identifiquei com algumas... #fazeroque
Kat aprende lições de vida muito importantes: percebe que a aparência não é a coisa mais importante, que o príncipe pode na verdade ser um sapo... e o verdadeiro príncipe pode não ser percebido logo no primeiro olhar...
Um chick-lit muito gostoso, daqueles que te deixam com um grande sorriso bobo no final (adoro quando um livro/filme faz isso)...
Joice (Jojo) 21/04/2011minha estante
Gostei da sua resenha. Direta, destacando os principais detalhes, mas sem estragar a surpresa do livro.




Jess 14/03/2012

A Próxima Grande Sensação
Terminei esse livro há algumas horas e me pergunto como Johanna Edwards conseguiu transformar uma história tão clichê como a da Cinderela GG em algo tão... Empolgante! Kat Larson é a personagem mais real que eu já "conheci", às vezes dava impressão que ela ia saltar pra fora do livro e fazer uma de suas piadas sarcásticas comigo. Seus pensamentos, conclusões, medos, reações são tão comuns e ao mesmo tempo desconhecidos, são sensações que nós talvez tenhamos tido várias vezes mas não nos demos conta, não sabíamos o que era, nem por que. Mas ela sabe, e como sabe! Admito, acho que para se identificar bem mesmo com a história você que ter no minimo uma noção do que é ser "diferente" da maioria, se for alguém que tem o mesmo problema de peso que Kat, aí sim vai entender beeeeeem o contexto.
Johanna conseguiu escancarar um problema sério na sociedade que é a discriminação pela imagem, com um toque de humor e muita irreverência. Você chora, ri e vai além, aprende. Aprende o quão fúteis as pessoas podem ser, o quanto nos deixamos influenciar pela opinião alheia, como nos enganamos sobre as pessoas as vezes e como no fim o que importa realmente é você, você e você. Se amar por tudo e apesar de tudo!
comentários(0)comente



Raquel 12/05/2010

Divertido, leve e interessante. Um chick lit de gordinhas.
comentários(0)comente



Luh 20/01/2015

Premissa interessante, coerência zero
O livro tinha tudo para ser ótimo, não fosse ele não cumprir o que promete, não ser coerente consigo mesmo.
Um dos pontos centrais do livro é que pessoas gordas são pessoas como quaisquer outras, "esqueçam o estereótipo de preguiçosa, dramática, que afoga as mágoas na comida e joga a culpa no mundo". Mas é exatamente isso que aas participantes do reality show fazem durante todo o livro, inclusive a protagonista! Sobre as duas exceções, uma delas é simplesmente detestável.
Quanto à protagonista, esperamos ver seu desenvolvimento, mas ela apenas DIZ que vai crescer, até que nas últimas 20 páginas ela finalmente se mostra mais madura - de uma hora para outra. Também, somos informados de características dos personagens que não se realizam na história. Por exemplo, Kat parece esperta e divertida, como é descrita.
Por fim, esse livro poderia ser duas estrelas se ao menos me tivesse feito rir, o que não fez. "/

(devo dizer que gostei bastante de alguns personagens secundários, mas para mim eles não conseguiram salvar o livro sozinhos. "/)
Maria Fernanda 11/05/2016minha estante
Exatamente meu pensamento sobre o livro. A autora se perdeu muito em abordar o assunto. Ao invés de programa de emagrecimento, deveria se chamar programa de tortura psicologica, pq tá doido, aquilo era coisa de doido.




Luh 17/10/2012

Uma leitura gostosa e divertida para relaxar.
Resenha retirada do blog Fome de Livros:
http://blog.fomedelivros.com.br/2012/10/resenha-proxima-grande-sensacao.html

A Trama: A sinopse da história já conta muito da trama, Kat é uma garota que como tantas outras (se não todas) sonha em perder peso. Não há dieta que funcione, o namorado virtual sempre pressionando para conhecê-la, cansada de fazer compras na Lane Bryant (uma loja de roupas para gordos) ela se inscreve no Fat 2 Fab, um novo reality show, e consegue entrar na casa, mas é lá que todas as surpresas vão acontecer.

O Protagonista: A protagonista se mostra uma garota normal, com um trabalho chato e uma vida pacata, acho que isso foi o pior do livro, até entre as 6 competidoras do reality ela era a mais sem graça. A ideia do livro foi muito boa e a escritora mostra a realidade das gordas de um jeito divertido, mas a Kat realmente não foi uma boa escolha.

Os Personagens Secundários: Muitos personagens secundários o que sempre é bom pra alegrar a história então vou falar pouco sobre cada um, Donna é a melhor amiga de Kat, trabalha com ela e está sempre lá para apoiá-la, foi ela quem deu a Kat a ideia de entrar no programa. Nick é o namorado virtual que mora em outro continente, desde o começo ele se mostra requintado (e na minha opinião um pouco fresco), trabalha em uma revista de moda famosa e pensa que a protagonista usa manequim 36.
Zaidee é a produtora do reality, muito diferente da imagem que eu tinha dessas pessoas ela é inteligente, querida e realmente se importa com as participantes, Jagger é o apresentador, sempre muito carismático com todas elas, uma pessoa agradável de se ter por perto.

Capa, Diagramação e Escrita: A capa foi o que me chamou a atenção, ela te faz pensar que é um livro pra ajudar a emagrecer ou autoajuda, história de gordinhas ou sei lá, mas não é nada disso, uma comédia que foge das histórias clichês. No início de cada capítulo o título tem uma letra super fofa, a história é narrada em primeira pessoa e é uma leitura que flui sem esforço.

Concluindo: Um livro de cabeceira para o tempo livre, sem nada muito diferente, mas foge do romance água-com-açúcar e dos sobrenaturais. Novamente, não se enganem pela capa, não é livro de autoajuda ou dietas, é uma comédia!

Quotes:
"Quando você é gorda, comprar uma roupa nova não é um assunto casual. Você não pode simplesmente dar um pulo até o shopping e observar a última moda. Você precisa de um plano bem pensado. É o único jeito de evitar decepções, gastos excessivos ou, pior ainda, constrangimento mortal."

"Inspirada por David Letterman, esbocei uma lista de dez coisas chatas que as pessoas dizem para garotas gordas.
1. Você tem um rosto tão lindo!
4. Já ouviu falar em exercício?
5. As pessoas gordas não são saudáveis.
8. Fulano e fulano perderam 20 quilos da noite para o dia com a dieta Tae Bo-Slimfast-Atkins-Jenny Craig-Vigilantes do Peso-Hollywood.
10. Apenas coma menos e faça mais exercícios."
comentários(0)comente



Ariadna 10/05/2010

Decepção
Comprei esse livro depois de ler algumas resenhas daqui do Skoob. E realmente fiquei decepcionada com ele. Já li Sabrinas melhores.
comentários(0)comente



Lays.Ordani 18/03/2018

A próxima grande sensação
?A próxima grande sensação? é um chick-lit com Kat Larson como protagonista, uma mulher de 27 anos que passou grande parte de sua vida sonhando em como sua vida seria perfeita quando atingisse o peso ideal, e se aventurando em dietas e tentativas malsucedidas de emagrecimento por inúmeras vezes.

A coisa muda de perspectiva quando Kat tem um namoro online prestes a se tornar real e ela precisa realmente chegar no ?padrão? desejado pelo namorado, o qual não faz ideia do real tamanho de Kat.

Nesse interim, a chance de participar de um reality show, o Fat2Fab (Fat to Faboulous ? De gorda a maravilhosa) surge na vida da nossa protagonista e nisso ela se agarra como a ?pedra da salvação? para ter finalmente seu manequim 36, seu grande amor e a vida realmente começar.

O livro é extremamente leve e divertido, Kat é sarcástica, perspicaz, e realmente fiquei com muito medo da ideia central do livro se concentrar em uma gordinha que consegue perder dezenas de quilos em um programa, se ajusta ao ideal do homem que conheceu online e ponto final. Com propriedade de alguém que vive dos seus 28 anos ao menos 18 acima do peso, fiquei extremamente feliz com o desenvolvimento da história e o amadurecimento da Kat, sem spoilers, claro, mas dizer que nossa protagonista aprendeu que muito mais que uma refeição balanceada e praticar exercícios era o que realmente faria a diferença na vida dela me enche o coração de orgulho. Torci muito por Kat, pra que ela perdesse peso também, claro! Que atire o primeiro big mac quem nunca praguejou por não entrar naquela calça perfeita, mas principalmente que ela se enxergasse como a mulher fantástica que é, independente de padrões impostos pela sociedade.

Venha ver mais resenhas no meu IG @livrosamoreseblablabla
comentários(0)comente



Mim 12/05/2012

A Próxima Grande Sensação.
A Próxima Grande Sensação foi um livro que comprei por conta da sinopse. Engraçada e com uma ponta de ironia, parecia que eu ia rir do começo ao fim, no entanto isso não ocorreu muito bem, embora o livro seja realmente bom.

Kat é tamanho 50, e num mundo onde 36 é o padrão isso faz com que ela se sinta totalmente desajusta/rejeitada pela sociedade... E mesmo tentando fazer vários tipos de dietas, podemos dizer apenas que nada funcionou muito bem.

Sua melhor amiga Dana – que é dentro dos padrões, um ponto importante, já que deixa nossa personagem fica ainda mais deprimente – mostra uma forma de realizar todos os seus sonhos dela, e o principal... Ser magra, e para isso basta se escrever em um reality show que tem como objetivo transformar Gordas em Fabulosas (Fat2Fab).
“Depois de escapar por um triz, tentei prestar atenção. Mas já estava pensando na minha vida pós-reality show.
Eu iria me tornar uma estrela.
Uma estrela rica, linda e magra.”
Diferente dos outros realitys shows que vemos por aí, esse tem o simples objeito: Fazer com que pessoas acima do seu peso tenham um incentivo para conseguir emagrecer. E o incentivo pode ser bem gordo para sua conta bancária, quanto mais você se controlar mais poderá ganhar com isso.

Para Kat tudo isso parece perfeito, emagrecer, ficar rica e famosa e, principalmente, finalmente conseguir aparecer para o Nick. Um europeu que conheceu pela internet – e para quem Kat não assume exatamente quem é, afinal de contas Nick acha que ela é tamanho 34.

Mesmo sendo um reality show diferente e que quer inovar, em todos eles uma coisa é igual: a rivalidade... Que nesse livro vai ficar entre Kat e Aline, que tem o prazer de infernizar sua vida cada dia mais.

Gorda e com palpite sobre tudo, Kat irá se esforçar para poder ganhar o prêmio, e principalmente encontrar alguém que realmente à ama.

A Próxima Grande Sensação é um livro que aborda um assunto presente na atualidade, e que embora tenha mudado um pouco algumas atitudes – a base ainda continua muito firme – que é a questão de um padrão ao quais todas as mulheres tem que seguir.
“Depois de tantos anos me sentindo uma atriz coadjuvante em um mundo cheio de atrizes principais, de repente eu era o centro das atenções.”
O começo é chato, cansativo. Fica na lenga-lenga da decisão se ela vai aceitar ou não, como fazer o vídeo e tudo mais. E embora Kat tenha apenas três dias para fazer isso, a escritora soube deixar essa parte bem cansativa. Depois de alguns capítulos lidos a história finalmente entra nos eixos e fica um pouco melhor.

Kat é uma personagem incrível. Forte, determinada, guerreira, a única coisa que não gostei é ela ser muito autodepressiva no começo, simplesmente por ser gorda. Um dos pontos fracos da personagem.
“Suspirei. Se fosse tão simples... ‘Não me importaria... Mas é que, não sei, eu sempre me comparo a outras pessoas e me sinto inferior. Às vezes, é como se o mundo fosse um clube exclusivo do qual eu não fizesse parte.’”
Alicia é o oposto de Kat, embora seja gorda vamos dizer que é a menina mais magra daquela casa. Esnobe, irritante uma patricinha mimada. É o tipo de personagem que fica presa na garganta.

E temos Nick e Jagger. Nick é fofo, atencioso, pretensioso, um dos personagens que mais mudou durante toda a trama. E Jagger, o apresentador culto, e que acaba fazendo amizade com Kat.

O livro é bom, tem um enredo muito bom, mas a escritora Johanna parece que não soube desenvolver muito bem o livro. Já que fica a questão, se a história é baseada no reality show por qual motivo ela precisou usar mais ou menos 100 páginas para explicar algumas coisas desnecessárias?

Quando li a sinopse pensei que a história fosse algo muito engraçado, e mesmo tendo algumas cenas realmente boas e comediantes, o livro não foi nada do que eu esperei ao ler a sinopse.

O final é fantástico, entra naquela questão de autoestima e falsidade, sendo mais ou menos previsível em alguns pontos. E um dos pontos por deixar o final bom, é a evolução de Kat que ocorre durante a história, deixando a leitura bem mais agradável.

A Próxima Grande Sensação passou uma mensagem de autoestima, mostrando que não importa o seu tamanho, sua forma, ou o quê você é, se a sua autoestima é boa, poucas coisas vão poder realmente te derrubar. Indico para pessoas que de alguma forma pensa que não se encaixa muito bem nessa sociedade cheia de preconceitos ao qual vivemos.
comentários(0)comente



Julia 26/01/2018

Kat Larson imaginou que não tinha nada a perder ao se candidatar ao novo reality show Fat2Fab – a não ser, talvez, alguns quilos. Assim, finalmente poderia ter um encontro cara a cara com Nick, o inglês que conheceu on-line e que acha que ela usa tamanho 34. Kat finalmente seria confiante e magra. E havia também o grande prêmio em dinheiro, para comprar todas as roupas justas e provocantes de que precisaria. Ela finalmente teria a vida perfeita. Obviamente a vida dela não foi perfeita, tem algumas partes bem engraçadas, mas me incomodou um pouco o fato da Kat se importar tanto com a opinião alheia, e apesar de ficar incomodada eu entendo o lado dela, pra quem sempre foi a excluída e ridicularizada tentar ser aceito é uma consequência, principalmente em uma sociedade em que se você não estiver dentro de um padrão, é o ignorado, recebe aquele olhar de desprezo. Só digo uma coisa pra vocês representatividade/visibilidade importa sim, quantas protagonistas gordas, vemos? Ou negras? Ou lésbicas? Ou trans? Bi? A sociedade fica empurrando pra nós um padrão de beleza que não existe ou melhor impossível de ser alcançado, eu não sou igual a ninguém e ninguém é igual a mim (graças a deus), então porque eu preciso me enquadrar num padrão? Então acho que é essa mensagem que o livro tenta passar, ser magro não é sinônimo de felicidade (nem de saúde).
comentários(0)comente



Cíntia 02/04/2013

Kat tem 27 anos e a visão de ter perdido muita oportunidade na vida por ser gorda, ela acha que nunca será feliz sem perder seus muitos quilos a mais e ter uma barriga reta. Sendo assim, seu sonho é e sempre foi, ser magra, tanto que chegou até a comprar roupas P para quando alcançasse seu tão sonhado corpo de magra. O problema é que essas roupas já saíram até de moda e nada dela emagrecer. Quando sua amiga Donna lhe apresenta a ideia de se inscrever para o programa Fat2Fab, um reality show voltado para gordinhas que vestem no mínimo 46, ela se vê motivada a participar, não só para emagrecer, mas também para ficar rica, se tornar a próxima grande sensação e de quebra poder finalmente conhecer Nick, seu namorado inglês da internet, que a conhece apenas por foto montagem e que por descrição dela mesma, acredita ter uma namorada manequim 34, quando na verdade ela usa 50.
Por fim, participando do programa, Kat passa por algumas experiências absurdas, outras difíceis e finalmente descobre que ser feliz, está muito além de apenas ser magra.
O livro é engraçado e apesar de tratar de um tema difícil, que é a obesidade, tem tiradas bem divertidas. Adorei a capa, que me chamou a atenção desde o momento que vi: a tão temida inimiga feminina, a balança. Enfim, indico e recomendo para passar o tempo, tipo filme da sessão da tarde. Para relaxar mesmo.
comentários(0)comente



Lia Cunha 27/12/2010

Quero Mais
A história é sobre Kat uma mulher que pesa 103 kilos e que para poder conhecer seu namorado virtual, Nick, que acredita que ela vista manequim 34, ela acaba se inscrevendo num reality show, Fat2Fab (aldo como De Gorda a Fabulosa). É claro que as coisas não saem como planejadas. A leitura é muito fácil e ágil, as descrições das cenas e ambientes como a concepção dos personagens é feita de forma simples e ágil. Li em 2 dias, do meio para o final não consegui largar. rs

Enfim o que dizer deste livro...Surpreendente seria uma boa palavra, talvez não pelo desenrolar mas pelos personagens. A idéia com certeza é das mais criativas, saiu um pouco da linha dos romances em que as protagonistas são mulheres lindas de parar o trânsito!
Só me decepcionei com duas coisas, uma foi o Nick, alias que decepção com d maiúsculo! E a outra foi o fato de que quando o livro começou a virar um romance lindo daqueles que faz a gente querer se apaixonar, a autora simplesmente termina a história nos deixando com um gostinho de quero mais!

É um livro light e bem engraçado, sei que rir da desgraça dos outros é feio mas as vezes é inevitável! rs
comentários(0)comente



Juliana @jaliagoraesuavez 05/06/2009

Kat, com 113 quilos, um emprego medíocre, um namorado pela internet (que acha que ela pesa 54 quilos) e nenhuma auto-estima, pois não consegue emagrecer. Então, para resolver todos os seus problemas, ela se inscreve no reality show From Fat to Fab...

Leia mais no meu blog: http://jularocque.blogspot.com/
comentários(0)comente

Niii 19/10/2009minha estante
Quero tantooo ler esse livro... Parece ser bom!


Dri Ornellas 01/08/2010minha estante
Tá na minha lista!




Niii 19/11/2009

Adorei
Achei um livro muito engraçado, pra dizer a verdade, uma lição de vida, rsrs
Uma mentirinha pode virar coisa bem séria e podemos pensar que certa pessoa é perfeita, mas ninguém é... vc sempre acaba se iludindo com o que gosta... aliás vc se ilude com a "perfeição".
A Kat é muito engraçada, um ser humano como todos nós, cheio de erros, mas que é uma pessoa maravilhosa tbm... Se mete em cada confusão, que pelo amor de Deus! Mas no final... sabe né? Tudo sempre dá certo, não talvez do jeito que pensamos, mas sempre dá...
comentários(0)comente



32 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3