Losing It

Losing It Cora Carmack




Resenhas - Losing It


69 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3 | 4 | 5


Gabi 28/11/2012

www.livrosecitacoes.com
Losing It é o new adult mais badalado do momento depois de Easy, segundo o GoodReads (já repararam que estou um pouco viciada no gênero?). O livro gira em torno de Bliss Edwards e sua virgindade. É, sua virgindade, você não leu errado. Prestes a se graduar na faculdade e o maior drama de sua vida é ainda ser virgem — e não saber o que fazer após a faculdade, claro. Louca por ainda ser virgem, ela decide que a melhor maneira de lidar com ela é perdendo-a rápido e de forma simples… com um caso de uma noite.

"Um sotaque. ELE TEM UM SOTAQUE INGLÊS. Meu Deus, estou morrendo."


E tudo vai bem até que ela enlouquece e não consegue chegar aos finalmente com um cara lindo que conheceu no bar, deixando-o sozinho e nu em sua cama com uma desculpa esfarrapada e saindo meio nua direto para a rua. Se isso já não fosse embaraçoso o suficiente, quando chega para sua primeira aula no último semestre de sua faculdade, ela reconhece seu novo professor. Ela o deixou nu em sua cama há poucas horas atrás.


"Sexo.
Eu estava indo fazer sexo.
Com um cara.
Com um cara quente.
Com um cara quente inglês.
Ou talvez eu estava indo vomitar.
E se eu vomitar em cima de um cara quente inglês?
E se eu vomitar em cima de um cara quente inglês durante o sexo?"

Sim, a capa é horrorosa e os modelos nada tem haver com os personagens do livro, excluindo a cara orgásmica da modelo, talvez. Mas não foi só a capa que me deixou confusa, tratando-se de Losing It, mas também sua sinopse. Como o livro pode ser rotulado de new adult com uma sinopse pendendo tanto para o erótico? Bem, pois é, não é erótico, apesar de ser bem quente.

"Algumas vezes, as coisas mais assustadoras na vida são as que mais vale a pena."

O romance de estreia, e autopublicado, de Cora Carmack, é leve, sem nenhuma grande trama, e ideal para quem precisa dar umas boas risadas, com cenas quentes na medida certa. Bliss é toda confusa e com pouca auto-estima, e Garrick é tão companheiro e sexy, apesar de no final do livro, quando ele narra, percebemos que ele não é tão tranquilo assim. Juntos eles são tão divertidos que é difícil não ficar com um gostinho de quero mais após terminar o livro. Aliás, se houve algo que me incomodou é que tudo acabou muito rápido, mas mesmo assim eu não deixaria de recomendar esse romance.

O livro já teve seus direitos de publicação comprados pela Harper Collins, assim como suas sequências, então está claro que a estreia de Cora foi mais do que perfeita. Se você tiver um tempinho e quer algo leve, esse é o romance ideal. Clichê e fofo, Losing It valeu cada minuto.
comentários(0)comente



Fulana Leitora 23/04/2013

Resenha feita por Kezia Martins para o blog Fulana Leitora: http://fulanaleitora.blogspot.com.br/2013/02/resenha-losing-it-cora-carmack.html
Losing It conta a história de Bliss uma garota de 22 anos que está prestes a se formar na faculdade de teatro e ainda é virgem. Sim, essa é o grande drama da vida dela. Inconformada com a situação e instigada pela sua melhor (doida) amiga, Kelsey, ela resolve que o único jeito de resolver esse problema é tendo um caso de uma noite só.
Bliss e Kelsey vão até um bar local para tentar achar alguém interessante. Bliss não vê a menor graça em nenhum cara até bater os olhos nele. Garrick é lindo, forte, loiro de olhos azuis e (pausa para um suspiro) é britânico.

“Um sotaque. ELE TEM UM SOTAQUE BRITÂNICO. Meu Deus, eu estou morrendo.”

Garrick a conquista logo de cara, lindo, autoconfiante sem ser arrogante, um cavalheiro que sabe exatamente o que dizer para tirar qualquer uma dos eixos.
Bliss se pega completamente encantada por ele e decide que ele é o cara. Mas, na hora H ela simplesmente pira e desisti de transar com ele, ela inventa uma história maluca e sai correndo do seu apartamento o deixando nu em sua própria cama.
Envergonhada, a única coisa que Bliss deseja é esquecer a noite anterior, mas ao chegar a faculdade descobre que seu novo professor de teatro é ninguém menos que Taylor, Garrick Taylor.

Os personagens secundários, como sempre me conquistam, em especial Kelsey e seu jeito desvairado e Cade com toda a sua fofura *-*
O livro tem uma narrativa leve o que torna a leitura fácil, eu demorei pouco mais que 2 horas para lê-lo. Cora soube construir um enredo instigante e divertido, apesar de a história ser muito clichê ela lhe garante bons momentos, algumas risadas e muitos suspiros. A capa é horrenda, não se deixe levar por isso. O Garrick não tem nada a ver com esse garotinho da capa. Mas, vale a pena gastar algumas horas do seu dia com essa leitura.
Faking It, o próximo livro, irá contar a história de Cade (suspira, respira, suspira de novo). Só para matar vocês de vontade irei deixar um dos melhores quotes de Losing It. (Cade fofo em níveis extremos.)

“A verdade é que... você está me magoando. Não de propósito, eu sei disso. Mas eu amo você e cada segundo que você não me ama de volta… machuca.”
Nil 26/01/2015minha estante
Eu amei o Cade!




Carol- Books and Tea 01/06/2013

Bliss entra em pânico part I
Losing It
Cora Carmack - 204 páginas
Self-publishing


Como de praxe, inúmeros títulos do gênero "New Adult", são lançados a arroba, Losing It, ainda não foi lançado aqui no Brasil, mas duvido muito, que alguma editora nacional não compre em breve seus direitos para cá, até porque é uma grande aposta para o gênero, que como havia dito cresce e cresce cada vez mais, não só fora, mas como aqui também.

Ok, pelo título da minha resenha vocês que ainda não leram, certamente estranharam, espero que quem já tenha lido, entenda meu comentário. Pois bem, Bliss, uma jovem certinha, aluna exemplar, tem como maior sonho se graduar, mas, cansada de ser a única virgem dentre seu grupo de amigas, decide-se em perdê-la antes de se formar. O que acaba se tornando podendo-se dizer, muito, muito engraçado, e ao longo do livro nos deparamos rindo e ao mesmo tempo desesperados pelas circunstâncias da moça, que acaba se apaixonando por um britânico educado e muito culto, que por incrível que pareça, encontrou em uma festa de bar.

" E foi quando eu reparei nele. Bem, tecnicamente, eu notei o livro primeiro." -Tradução livre-

O livro em si, não narra apenas o desejo de Bliss, dar esse grande passo em sua vida,mas sim os motivos que a levam não querer um relacionamento sério. O que muda completamente, ao ver que seu novo professor de teatro, é aquele culto, britânico, e atraente que conheceu no bar. Iniciando a partir daí, uma trama com tensão sexual típica do gênero, mas com um pouco de comédia Á la Rachel Gibson, para ninguém botar defeito.

Simples, rápido e fácil de ler, Losing It não enrola, vai ao ponto diretamente e sem rodeios, o que é muito bom, pois não torna a leitura cansativa, o que te faz devorar o livro em poucas horas como aconteceu comigo. Onde envolve situações constrangedoras, escolhas, princípios e uma paixão que ao mesmo que é irresistível, é proibida.
Ao ver a sinopse, e olhar a capa, deduzimos que o livro é basicamente em volta disso e daquilo, sem nada mais, certo? Não, o livro é bem mais do que você pensa, e que eu pensei. O quão enganada estava, e o quão feliz fiquei com a surpresa!

Garrick, um britânico lindo, educado,leitor ávido de grandes romances,culto e com um sotaque magnífico, é sim O CARA do livro, situa-se tão claro, que faz Bliss se sentir ainda mais frustada e cada vez mais estabanada, com a situação que passara naquela noite do bar. Ambientado em um cenário jovial, com adolescentes de teatro próximos a graduação, rodeados de sonhos, frustrações, amores e paixões. Tudo nesse livro que marca a entrada de Cora Carmack para o mercado editorial, a qual sem dúvida, mostra seu potencial, com esse livro fofo, meigo e muito simples, que para a felicidade dos leitores, possui uma continuação. Ouvi um viva! ai?

Tão simples, com um inglês nível easy, que você lê mais de 200 páginas, sem pausas, não só pela curiosidade do leitor, mas pela forma como a leitura fluí. Onde personagens secundários, desempenham papéis importantíssimos para a narrativa, que é feita em primeira pessoa por Bliss.

Bem, depois de tantos devaneios, aconselho o seguinte para leitores do gênero: Leiam. E para aqueles que não estão muito virtuados em New Adult, não custa nada arriscar, não é?

Enfim, super recomendado, boa leitura :)





comentários(0)comente



Bomreads 26/11/2012

Surpreendente
Já tinha visto alguns comentários positivos à respeito do livro, mas não dei tanta importância como deveria, e por isso, eu lamento. O livro é leve e simples ao mesmo tempo em que trata de um assunto delicado: virgindade.

A personagem principal e narradora, Bliss, está para se formar da faculdade e ainda mantêm-se virgem, o grande dilema da situação da-se quando em uma noite qualquer em um bar, ela conhece Garrick, um cara pouco convencional que a cativa desde o primeiro momento. O que deveria se tornar apenas uma "one night stand" desenvolve-se num relacionamento cheio de romance e contra tempos.

Obviamente algo muito intenso acontece para que essas complicações se desenvolvam, mas não vou estragar a surpresa com spoiler (fiquei realmente surpresa, você não descobre até estar a um parágrafo do que acontece). O livro é tranquilo, não aborda nada tão dramático e faz com que você fique torcendo para o casal mesmo achando coisas estranhas.

Em várias partes no romance eu achei incoerente não só o fato de a autora não descreve alguns acontecimentos na cena. Confesso que fiquei meio perdida várias vezes e tive que reler o texto, e não sei o por que de Garrick ter me incomodado tanto, ela o retrata de uma forma em que você sinta uma relação de ódio-amor com ele, que tem ações imorais, fator inadequado à personalidade que ela define do mesmo.

Tendo em vista essas falhas pequenas, e o fato de que isso não é leitura "young adult", devido à cenas não-tão-implícitas de sexo, foi uma estoria cativante e leve, ingredientes perfeitos para uma leitura antes de dormir.
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Sabrine Borges 09/02/2013

Losing it - Divertido
Bliss é uma raridade hoje em dia - uma garota de 20 e poucos anos que ainda é virgem. Ela conhece Garrick em um bar, onde os dois conversam e se sentem inegavelmente atraídos um pelo outro. Vão para um apartamento, Bliss querendo ter sua primeira vez. Apesar de ser com um completo estranho, ela decide que já era hora que perder sua virgindade. Depois de muitos beijos e amassos, ela fica apavorada por ainda ser virgem e decidiu não perder sua virgindade, inventando uma desculpa esfarrapada para ir embora. No dia seguinte, quando vai para escola, descobre que o completo estranho que estava na sua cama na noite passada é na verdade seu professor. Será que esse romance proibido pode dar certo? Se ela contar para ele que ainda é virgem qual será sua reação?
comentários(0)comente



Elisângela 07/12/2012

LOSING IT
Losing It é o new adult mais badalado do momento depois de Easy, segundo o GoodReads (já repararam que estou um pouco viciada no gênero?). O livro gira em torno de Bliss Edwards e sua virgindade. É, sua virgindade, você não leu errado. Prestes a se graduar na faculdade e o maior drama de sua vida é ainda ser virgem — e não saber o que fazer após a faculdade, claro. Louca por ainda ser virgem, ela decide que a melhor maneira de lidar com ela é perdendo-a rápido e de forma simples… com um caso de uma noite.

Um sotaque. ELE TEM UM SOTAQUE INGLÊS. Meu Deus, estou morrendo.
E tudo vai bem até que ela enlouquece e não consegue chegar aos finalmente com um cara lindo que conheceu no bar, deixando-o sozinho e nu em sua cama com uma desculpa esfarrapada e saindo meio nua direto para a rua. Se isso já não fosse embaraçoso o suficiente, quando chega para sua primeira aula no último semestre de sua faculdade, ela reconhece seu novo professor. Ela o deixou nu em sua cama há poucas horas atrás.

FONTE DA RESENHA: LIVROS E CITAÇÕES
comentários(0)comente



Lilian 22/01/2013

LOSING IT - http://umlivroderomance.blogspot.com.br/2013/01/losing-it-cora-carmack.html
Preciso dizer que me apaixonei por esse livro. Eu esperei tanto para lê-lo (estava louca atrás dele, está na última moda no estilo new adults) que quando consegui, me joguei nele. Li em três horas e alguns minutos, para você ver a empolgação. Bliss é uma personagem marcante, engraçada e bem resolvida (apesar de virgem... mas dê um desconto a ela, ela simplesmente ainda não tinha encontrado alguém que a fizesse se sentir à vontade o suficiente para se entregar. Melhor que se entregar a qualquer um e depois se arrepender, não é mesmo?). O professor Garrick (o do sotaque britânico) é decidido, entusiasmado e sim, extremamente sensual. Várias cenas de tirar o fôlego compõem essa história, e vários personagens intrigantes aparecem por lá. Você vai rir, se emocionar e se deliciar com esse delicioso livro que Cora Carmack soube escrever tão bem. Muito bem recomendado!
comentários(0)comente



Marcela 07/04/2013

Nenhuma novidade
A história é fofinha, mas a fórmula é bem conhecida. Na minha humilde opinião faltou algo a mais que o simples romance entre o nosso Garrick e a Bliss.Estou com uma sensação de "Gostei, mas poderia ter sido melhor".
comentários(0)comente



Maria Conceição 05/03/2013

Divertido
Uma história divertida, contagiante que lhe deixa empolgada cada linha... um romance leve e descontraído com pegada...
comentários(0)comente



Carolina 25/04/2013

Uma história sobre uma garota de 22 anos que está prestes a se formar e quer perder a virgindade pode ser engraçada? PODE! E pode ser MUITO engraçada! Apesar dessa capa medíocre e do nome do livro não chamar muito a atenção, essa foi sem dúvida uma das minhas melhores leituras! Bliss é desajeitada, com pouco auto estima e quando resolve que a melhor forma de acabar com seu "problema" é perder sua virgindade rapidamente com um caso de uma noite só, ela conhece Garrick, que era tudo o que ela podia querer, e ainda tinha sotaque britânico! Os dois acabam indo para a casa de Bliss e quando tudo parecia correr bem, ela se amedronta, inventa a desculpa mais esfarrapada (que me fez rir durante uns bons minutos) e deixa o pobre moço na sua cama e sai correndo! Mas não pára por aí, poucas horas depois, quando ela chega pra sua primeira aula do seu último semestre na faculdade e os alunos são introduzidos a um novo professor, já podemos imaginar de quem se trata, não é mesmo?
Losing It tem momentos quentes, sem pender para o erótico, o que já era esperado pelo gênero do livro, mas o que me surpreendeu foi o humor e o quanto isso me fez gostar mais ainda da história! Bliss é uma piada e todo o enredo foi fofo, até um pouco clichê, mas um que vale completamente a pena ler, pra quem quiser um romance tranquilo e regado a uma boa dose de risadas!
comentários(0)comente



Camille 14/04/2013

http://beletristas.com/resenha-losing-it
Em Losing it Bliss está terminando a faculdade de teatro, ainda se decidindo se vai ou não atuar. Sendo a única virgem de seu grupo de amigas, ela está contando os dias para que a primeira vez aconteça. Sua melhor amiga também.

É por isso que elas acabam saindo a procura de um homem para Bliss passar uma única noite e finalmente deixar a virgindade para o passado. Ela só não esperava que "o homem certo" estivesse lendo um livro "cult".

Se ele fosse feio ela até poderia ter pensado duas vezes, todavia o charme a levou a realmente considerar sua primeira vez com ele. Mesmo com tantas situações para atrapalhar a noite, eles terminam na cama.

Literalmente, já que, por não se sentir pronta, ela inventa um gato que teria esquecido de buscar em um petshop 24h. Deixando o homem sozinho em sua casa enquanto fugia quase nua, ela esperava tudo menos que ele seria seu professor no último semestre.

Cora Carmack mistura de forma habilidosa tensão sexual e comédia, cria do um relacionamento completamente fora do comum, ainda que seja entre um professor e uma aluna.

É difícil não se apaixonar pelos personagens e não rir com suas várias trapalhadas. Parar a leitura é certamente missão impossível, já que a narrativa flui com naturalidade.

Não há, como era de se esperar, um desenvolvimento profundo de suas personagens, mas não deixamos de conhecer um pouco seus passados e entender como eles influenciaram na vida que cada um estava tomando.

Sem sobra de dúvidas, é um livro com potencial para conquistar muitos leitores, um exemplo de new adult sem vulgaridade e com falas bem desenvolvidas. Dica: se você gosta dos livros da Bella Andre, vai amar esse.
comentários(0)comente



Ana Lima 03/03/2013

muito fraco
Eh um livro q nao me passou nada. Uma historia sem graca, sem
emocoes, enfim um livro q serah esquecido.

comentários(0)comente



@evycaldeira 01/03/2013

Surpreendeu
A história relata sobre Bliss uma garota de 22 anos que está no seu último ano na faculdade de teatro e é virgem. Ao contrário de Bliss sua amiga Kelsey é uma garota muito para frente e resolve ajudar sua amiga a acabar com esse ‘’ problema ‘’ levando ela para o bar e encontrar o primeiro cara a tirar esse peso da sua amiga. Bliss concorda mas com medo do que possa acontecer, entre várias tequilas e caras que ela achava impossível que ela iria para cama acaba conhecendo Garick um cara Britânico, lindo, loiro, olhos claros e lendo Shakespeare em pleno bar. Como já estava altinha por causa da bebida Bliss resolve conversar com cara e depois de um quase sexo a vida da garota muda completamente. Ela sabia que não deveria tentar fazer algo do tipo de novo até que o novo professor Sr. Taylor é apresentado a turma e quando Bliss olha para o seu novo professor era o Garick o cara que ela fez quase sexo algumas horas atrás.
comentários(0)comente



69 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3 | 4 | 5