Profundamente Sua

Profundamente Sua Sylvia Day




Resenhas - Profundamente Sua


226 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |


Flavia Souza 14/10/2012

Profundamente Sua - Sylvia Day - Trilogia Crossfire (Livro 2)
Notas para leitura:
a) Este é o segundo volume da trilogia Crossfire e, portanto essa review pode conter spoillers do primeiro;
b) Estava achando o livro bem chatinho até a reviravolta que acontece no meio e simplesmente adorei o final;
c) É difícil falar de Profundamente Sua quando o principal acontecimento dele não pode ser mencionado, pois é um tremendo spoiller, mas vou tentar!

People get over love. They can live without it, they can move on. Love can be lost and found again. But that wont happen for me. I wont survive you, Eva. (..) Im obsessed with you, angel. Addicted to you. Youre everything Ive ever wanted or needed, everything Ive ever dreamed of. Youre everything. I live and breathe you. For you. (...) I dont need anything else. I get out of bed every morning and face the world because youre in it. (...)Because of you, the world makes sense to me in a way it didnt before. I have a place now, with you. (Gideon Cross)

O segundo livro da Trilogia Crossfire começa onde o primeiro terminou e a primeira metade dele é simplesmente... Chata! Várias coisas acontecem, mas não te marcam, é como se Profundamente Sua fosse dois livros dentro de um, sendo que o primeiro é totalmente dispensável.
Se em Toda Sua o nome da vez era Eva, neste aqui o personagem marcante é Gideon. Isso porque ele toma atitudes que você jamais esperaria dele no primeiro livro, ele constantemente te dá vontade de chacoalha-lo e perguntar o que aconteceu com aquela estória de a gente precisa fazer isso dar certo de qualquer jeito. Eva torna-se uma personagem mais forte e para de fugir a cada momento desagradável. Cary, por sua vez, aparece um pouco mais, contudo acho que podiam ter explorado mais ele.
A estória se arrasta um pouco até o meio do livro e eu diria que a única coisa interessante na primeira parte é Brett Kline. Alias, fazendo um grande parêntese aqui, o que foi aquilo com Brett? Até agora não entendi porque tudo aconteceu! Depois disso o livro realmente deslancha, e você muda tudo o que achava de Gideon e Eva, ela ganha seu respeito e ele te irrita profundamente.
Com relação ao plot final de Profundamente Sua, posso dizer que desconfiei do que teria ocorrido assim que Eva é informada dos acontecimentos. Mas, ainda assim a autora trabalhou o texto de uma maneira que eu realmente descartei o que acreditava, achando uma pena que ela não tivesse seguido essa linha. A Sylvia Day me enganou descaradamente, e eu devo confessar que amei isso! Adoro quando um livro consegue me surpreende.

I make mistakes, but I learn from them. (Brett Kline)

Resumindo, o inicio de Profundamente Sua é um porre, o meio te faz rever algumas coisas, e o final te deixa de boca aberta, pois por mais que você tenha sacado o plot, é impossível não achar sensacional o cuidado que a autora teve para construir a estória até ali.

Hows my girl? Causing trouble and enjoying it.

Por tudo que eu disse dá pra ver que tem motivos de sobra para ler o último livro da trilogia Crossfire, né? Mas se você ainda não tem certeza, aqui vão os meus:
a) Quero saber mais sobre o passado de Cary e Gideon;
b) Quero ver mais sobre a Corine e a família de Gideon (principalmente o padrasto dele);
c) Quero saber como a Srta. Tramell e o Sr. Cross vão lidar com os acontecimentos finais deste livro;
d) Estou ansiosa pra saber se eles vão finalmente deixar o passado para trás e seguir em frente.

Im caught up with you, Eva. () Id kill for you, give up everything I own for you . . . but I wont give you up. (Gideon Cross)


Em suma, em Profundamente Sua, a Sylvia Day me fez ficar em duvida mesmo quando estava tudo claro e no final conseguiu me enganar. NÃO É UM LIVRO SENSACIONAL, MAS SEM DUVIDA É MELHOR QUE O PRIMEIRO DA TRILOGIA, E COM CERTEZA ME INSTIGOU A LER O ÚLTIMO.
Nota: 4/5 (por ter me conquistado nas ultimas dez paginas).
Jess 19/10/2012minha estante
Adorei sua resenha!!! Adorei como a Sylvia desenrolou o final. Também cheguei a desconsiderar do que desconfiei quando a Eva ficou sabendo dos acontecimentos. E, particularmente, gostei muito das explicações para determinadas atitudes. Mas, até agora eu também não sei o que foi aquilo com o Brett?!! Ainda acho que ele vai aparecer no terceiro livro.


Flavia Souza 21/10/2012minha estante
Jess,
Que bom que você gostou!
Foi muito bom o final né? Ainda não acredito que a Day teve coragem pra escrever aquele final, enfim amei!
Também acho que o Brett vai aparecer no ultimo livro, e sinceramente espero que ele volte. Imagina, renderia otimas situações.

Comparando com o primeiro livro da trilogia, o que achou deste? Melhor ou pior?


Luciana 21/10/2012minha estante
Ainda bem que vai melhorar... estou lendo, mas tô nessa primeira parte /o\ e não estou conseguindo avançar.


Flavia Souza 21/10/2012minha estante
Luciana,
Ele melhora consideravelmente do meio pra frente.
Quando terminar, me diz o que achou!


Jess 22/10/2012minha estante
Com certeza melhorou, Flavinha. Mesmo já tendo gostado bastante do primeiro. Acho que esse acrescentou mais, teve mais mistério e o final foi muito bem construído mesmo!! Gosto muito da Eva, acho uma personagem bem interessante, mais real, me agrada muito!


Flavia Souza 22/10/2012minha estante
Então eu gostei do primeiro, mas nem tanto assim.
Tava curiosa pelo segundo, mas nada demais, e que surpresa agradável eu tive quando li esse livro, que pra mim é muito melhor que o primeiro.. rs

Com relação a Eva, eu gosto dela, gosto do fato dela ter atitude sabe? Mas nesse livro, o destaque pra mim foi o Gideon, cara como ele é inteligente e calculista! Ganhou meu respeito no final.

Não consigo imaginar o que pode ocorrer no 3º! Só queria realmente que o Brett e a ex-noiva do Gideon (que eu não lembro o nome) voltassem pra causar!


Jess 23/10/2012minha estante
Sim!! O Gideon foi, sem dúvida, o nome desse livro. Fiquei com tanta raiva dele enquanto lia, mas depois tudo fez sentido.
E eu acho que o Brett e a Corine (ex-noiva. Não gosto dela u.u rsrsrsrs...) ainda vão complicar muito a relação de Eva e Gideon!


Danii 23/10/2012minha estante
concordo com tudo que li, quase abandonei o livro, mas quando cheguei no final fiquei feliz por ter continuado, surpeendente.


Nêni 26/10/2012minha estante
Li sua resenha e fiquei impressionada como podemos realmente ter duas opniões e ainda gostar do que você pensou.
Eu adorei o coemço do livro, pq me mostrou uma parte muito mais quente da intimidade que eles criaram em tão pouco tempo. Ri muito com a consulta com o analista e quando ele fala pro médico arrumar outra opção que não fosse a abstinencia... e amei o final. Meio que me apaixonei mais por ele. Quero agarrar ele e não largar e preciso do próximo livro rapidamente!!


Flavia Souza 26/10/2012minha estante
Jess,
Eu espero realmente que o Brett e a Corine (tbm não gosto dela rs) atrapalhem a relação dos dois, só não consigo imaginar como aconteceria pois a Eva e o Gideon passaram realmente a confiar um no outro!

Dani,
Que legal que você gostou, o final é mesmo muito bom né?

Nêni,
Não tinha pensado no inicio do livro da maneira como você pensou, mas devo confessar que apesar da imensa raiva que senti do Gideon no meio do livro, no final, passei a gostar muito mais dele, afinal foi uma prova e tanto pra Eva!
Também quero ler o próximo, parece-me que ele será lançado nos EUA em 31/12, então já dá até pra pedir de Natal.. kkk


Tati 30/10/2012minha estante
Tenho que concordar plenamente com suas palavras. O livro vai até a metade bem sem graça, mas no final "ai minha nossa". Eu realmente gostei demais.


Carol 01/11/2012minha estante
Gente, mais esse livro já saiu aqui no Brasil? tô loca pra ler!!!


Flavia Souza 01/11/2012minha estante
Tati,
O final é muito bom né?

Carol,
Profundamente foi lançado dia 02/10 (nos EUA) e no Brasil sai dia 07/12.
Te você estiver muito ansiosa dá pra ler em ingles!


Van 13/11/2012minha estante
Comecei a ler esse segundo livro da Serie e estou amando tanto quanto amei o primeiro, esta bem interessante, não perca.


Ray 20/11/2012minha estante
Concordo contigo... O negocio com o Brett foi tipo Nada a ver! Porquê???
Mas o livro é bom ;)


Flavia Souza 26/11/2012minha estante
Ray,

Espero que o Brett aparece no próximo livro, acho que ele tem potencial pra movimentar a história.

Gabi,

Sim, o livro ja foi lançado em ebook no Brasil, a versão impressa se não me engano sai no dia 29/11, próxima quinta-feira. \o/


Flavia Souza 28/11/2012minha estante
Gabi,

O terceiro era pra ser lançado nos EUA em 31/12, mas se não me engano o lamçamento foi adiado e agora parece que sai só em 7/março/2013.
Não vi ainda qual vai ser o nome dele em portugues, mais em inglês é "Entwined with You".


Juliane 30/11/2012minha estante
Meu Deus! Eu adorei o livro! Estou louca para ler o ultimo, pena que o lançamento foi adiado.. Ah, sua resenha ficou muito boa, parabéns.


Bia Santana | Viciados em Leitura 23/12/2012minha estante
Com certeza o segundo foi melhor que o primeiro, apesar da minha imensa raiva por Gideon. Eu sou muito ciumenta como a Eva e ficava com muita raiva com as coisas que ele fazia com ela, eu ficava tensa lendo o livro. rs
Espero que no terceiro livro ele explique pra ela o que aconteceu no escritório dele, quando ela pensou que ele tinha transado com a ex. Será que o que rolou foi uma briga dele com o Nathan? (não lembro se é esse o nome).
Bom, só sei que vai ser mto duro esperar pelo terceiro. :/


Debora 26/01/2013minha estante
Estou tentada a ler o 3 livro apenas pelo desfecho da historia. A narrativa e extremamente chata e os personagens principais tambem! Ponto apenas para a mae da Eva, adorei a perua!


Sheilinha 16/06/2013minha estante
Olá Fávia! Adorei sua resenha. Resolvi comprar esse livro, pelo fato de ter adorado 50 tons. Então comprei o Toda Sua e Profundamente Sua juntos. Quando comecei a ler o primeiro... foi muito ruim, pois fazia pouco tempo que eu tinha lido o 50 tons, acabei que comparando demais, pois tinha muita semelhança entre eles. Foi cansativa a leitura do primeiro e como já tinha comprado o segundo, tive que ler tb. Foi aí a minha surpresa... AMEI!!! Nunca imaginei que a autora conseguiria fazer uma trama tão surpreendente. Devorei os últimos capítulos do livro. E estou louca para ler o terceiro que deve estar a caminho da minha casa (pelos correios)...rs Abraços!!!


Flavia Souza 22/06/2013minha estante
Gabriela,
Que bom que você gostou!

Sheilinha,
Profundamente Sua surpreende mesmo, é tão bom! Mas, infelizmente, não gostei do terceiro!


Márcia Gama 06/03/2021minha estante
Oi queridas, vcs podem me contar qual é o problema do Gideon?




C. Aguiar @coelhoobrancoo 18/12/2012

LEMBREM-SE, ESSE LIVRO É RECOMENDADO PARA MAIORES DE 18 ANOS.

Esse é o segundo volume da trilogia Crossfire. Para ler a resenha do primeiro volume (Toda Sua) clique aqui (para quem esta lendo isso no blog ao invés do skoob).

Esse segundo livro começa exatamente aonde o primeiro livro terminou, então sugiro que leiam o primeiro apesar de começar lendo o segundo não afetar em nada, mas tenho plena certeza que irá faltar muita coisa e é melhor estar ciente de algumas coisas quando for ler esse segundo livro.

A escrita da autora continuou a mesma: com muito sexo, palavrões e cenas bem detalhadas das relações sexuais do casal protagonista desse romance possessivo.

Nesse livro temos uma atenção virada para Gideon, o namorado de Eva. Eles estão tentando fazer dar certo o relacionamento deles, e sim está sendo incrivelmente difícil.

Como eu disse no outro livro: eles dois sofrem de problemas sério, o da Eva fica logo de cara (não é nenhum spoiler isso). Ela foi abusada e tem problemas em se relacionar e Gideon sofre de algo que não sabemos no primeiro livro (apesar de eu ter tido uma ideia do que fosse). E ele acabou desenvolvendo um problema quando dorme e tem pesadelos...mas o problema você só irá saber se ler o livro (não vou dar spoiler).

Acertei meu palpite no segundo livro, mas não do jeito que eu esperava. SIM descobrimos o segredo do Gideon, pelo menos boa parte dele sobre o que aconteceu ao Gideon quando ele era criança. Porque ele odeia tanto a família dele e tudo mais.

Estou muito curiosa com o porque do Gideon odiar tanto um pediatra que tem no livro, ele explica boa parte, mas ainda existe algo que eu tenho certeza que irá aparecer no final dessa trilogia (pelo menos é isso que eu espero).

Não achei nenhum erro de no livro e a editora está de parabéns por isso, afinal hoje em dia é muito fácil achar erros e isso meio que me incomoda um pouco.

Um fato que me irritou demais no livro, foram as mudanças bruscas de Gideon. Uma hora ele era um amor de pessoa, outra hora era um canalha sem coração, mas tudo isso era o preço a se pagar para termos o final espetacular que foi esse.

Eu nunca imaginaria que aconteceria esse final. Fiquei muito empolgada para o lançamento do terceiro livro e espero que seja tão bom quanto os outros dois.

Nesse livro temos: Um Cary (amigo da Eva) machucado e não tão auto destrutivo quanto no primeiro livro, uma mãe (a da Eva) nervosa e carismática (do jeito bizarro e possessivo que só ela tem), temos uma outra mãe (a de Gideon) que por sinal me deu um nojo horrível..aquilo não é mãe, é um monstro.

Temos também um ex- namorado da Eva, que por sinal vai dar o que falar quando eles se encontram (nada de spoiler - risos) e por último temos o personagem mais nojento e horrível de todos que poderia aparecer para assombrar o passado da Eva, e é graças a ELE que temos um final maravilhoso.

Quer saber o por que? Leia o livro!

Tentei não dar muitas informações, mas posso garantir que o final do livro é surpreendente e vale muito a leitura.

Cada página desse livro é uma descarga emocional muito grande. Espero que tenham gostado e acima de tudo, leia de mente aberta porque esse tipo de livro (adulto) costuma tirar muita gente da zona de conforto.

Inclusive ele se tornou um dos meus favoritos desse ano de 2012.


resenha do site: http://www.seguindoocoelhobrancoo.com.br/
Sheilinha 16/06/2013minha estante
Olá Alice! Primeiramente, comprei esse livro por causa dos 50 tons (que AMEI). Comprei juntamente o Toda Sua. Comecei a ler o primeiro, e foi super cansativo, pois como eu tinha acabado de ler 50 tons, comecei a comparar os dois, pois as semelhanças eram muitas. Mas acabei por terminar sem grandes vontade de ler o segundo. Mas como já tinha comprado, fui seguir com a leitura... Aí foi minha grande surpresa: AMEI... nunca imaginei que a autora conseguiria fazer com que eu me apaixonasse pelos personagens Gideon e Eva. Devorei o livro em pouco tempo. Estou loooouca para ler o terceiro que deve estar chegando em minha casa através dos correios...rs Beijos!!!


C. Aguiar @coelhoobrancoo 17/06/2013minha estante
Sheilinha nem me fale asusausuh as comparações são muitas, mas o segundo livro da uma mudada ótima né *-*
eu também não vejo a hora de ler o terceiro.




spoiler visualizar
Ju 24/09/2020minha estante
Já eu tô achando cansativo os trechos de briga- transa-briga do casal, esperava mais da escrita dela também; a escrita é fácil e fluida, mas um tanto superfilial...




Bianca 02/04/2021

#012
Chegar no segundo volume, depois da desilusão que foi o primeiro, é muita perseverança mesmo.
O segundo consegue ser pior que o primeiro. Continuamos num carrossel que vai e vem, vai e vem, tem as mesmas subidas e descidas... Nada de novo sob a luz do sol.
Vendo por aqui que a trilogia virou série, me ajudou a tomar minha decisão: não continuarei. Se é pra ser essa lenga lenga por mais 3 livros inteiros, prefiro abandonar. Tenho muito Jorge Amado, Clarice Lispector e outros deixando de serem lidos na estante, pra perder tempo com esse.
É isso, amigos. :)
comentários(0)comente



Amanda Caldeira 30/05/2020

Ainda sobre Crossfire...
< Antes de começar, saibam que essa resenha vai ter spoilers do livro anterior (impossível não ter) e pode conter algum desse também. >

Seguindo a história de Eva e Gideon, temos o relacionamento que explodiu no primeiro livro. Eles continuam naquela dinâmica de amor e química explosiva que te deixa sem fôlego, mas que todos notamos não ser tão saudável assim. Depois de passar alguns dias separados, Eva sabe que nada será igual se não tiver Gideon ao seu lado. Pausa para comentar que achei engraçado o fato do Gideon entender primeiro o quanto o relacionamento dos dois seria importante um para o outro, acho que tem a ver com o senso de aparências que a Eva tanto crítica, mas segue a risca (velhos hábitos são difíceis de largar).
Eles sabem dos seus problemas, mas entendem que sem o outro não será possível viver bem. Gideon continua com medo de dormir com Eva desde que descobriu que sua parasonia estava mais forte e Eva tem dificuldade de aceitar que eles não podem dormir na mesma cama. Somados a isso, velhos conhecidos do passado reaparecem e deixam a relação do casal abalada.
Primeiro, a ex-noiva de Gideon, Corinne Giroux, que Eva não sabia que existia, brota em um evento e ele fica dando muita atenção a ela - pausa novamente para comentar que eu achei normal a interação dos dois, mas o ciúmes excessivo da Eva e sua infantilidade nos fazem achar que é uma coisa anormal, mas enfim. E logo depois, Eva encontra com seu ex mais marcante: Brett Kline. Vocalista do Six-Ninths, uma banda assessorada pela Vidal Records (empresa da família de Gideon). Depois de uma briga e dos ciúmes de Gideon, foi preciso um choque para entender que um estava tentando fazer mal ao outro através do ciúme por questões não resolvidas entre o casal. Afinal, pouca conversa é muito sexo da nisso né?! Questões não resolvidas.
Eles seguem juntos e um Gideon cada vez mais romântico vai aparecendo e você vai se apaixonando a cada página - mesmo sabendo de todo os problemas dele, não estou justificando nem nada, mas o cara é o Gideon Cross, você se apaixona fácil por ele ahahahah. Em contrapartida uma Eva carente e dependente psicologicamente do relacionamento vai surgindo e nos mostra como ela é frágil emocionalmente falando (não que ela esteja sozinha nessa, mas é mais fácil de enxergar nela).
Uma figura sombria do passado também surge para assombrar a vida dos dois. E com isso temos a grande reviravolta do livro: Gideon aparentemente deixa Eva no pior momento possível para pajear Corinne. Claro, que nos leitores, temos certa noção do que está acontecendo, mas para Eva e todos, Gideon está sendo um fdp. Mesmo assim, ela não consegue deixar o passado dele de lado e precisa entender o porque dele não se dar bem com a família.
Mesmo separados, ela quer que ele tenha um bom relacionamento com outras pessoas para ele não se fechar numa concha como sempre faz. Eva não entende, mas Gideon está tentando proteger ela de outros segredos mais obscuros ainda. O pior é que eu suspeitei o tempo todo do que aconteceu e entendi o lado do Gideon, mas super entendo as atitudes da Eva, afinal, como aceitar o que acontecia nas aparências, quando por dentro ela sabia exatamente o que Gideon sentia?!
Não vou entrar em muitos detalhes para não dar mais spoilers do que já posso ter dado, mas esse livro mereceu um favorito só pela grande reviravolta que tivemos. Figuras do passado e principalmente o ponto em que Gideon chegou para proteger a paz de espírito da Eva. Eles são extremamente perturbados? Sim! Mas nesse livro, eu estou só a Sharon Graves, a detetive: sei que não está certo, mas estou aceitando porque ao revirar o passado, só encontramos esqueletos de dinossauros (enormes). E como eu shippo o casal e sei o que acontece depois (afinal estou escrevendo essa resenha depois de ler tudo ahahahah), deixo um parabéns para a autora por ter me envolvido nas maluquices profundamente dark que é o passado e presente desses dois.
comentários(0)comente



Dam 13/07/2020

?????
Assim como no primeiro livro, eu particularmente não gostei do fechamento da história, deixa muito a desejar
comentários(0)comente



Samira.Ortega 18/07/2020

Ahh Gideon
Nesta sequencia Gideon e Eva mostram um pouco do seu passado entrando na historia seus ex Corinne e Brett. Fiquei ao avanço da leitura mais curiosa com a historia e com raiva também, com ambos afinal Eva tem um abaixa auto estima que senhor!! E o comportamento de Gideon? Agressivo, ciumento?! Ja cai de cabeça no terceiro para saber mais.
comentários(0)comente



Rafa P. 29/04/2013

O limite da obsessão ...
Surpresa é o que define melhor o meu estado de espírito com o término desta leitura, como o pessoal diz por aí, fiquei passada.
Esse livro é muito, mas muito bom. A autora demonstra uma grande habilidade ao tratar de toda a carga emocional dos personagens, os traumas do passado e a forma como ele se materializa no cada vez mais na vida do casal.
A história de Gideon e Eva é tão intensa, que em certos momentos chega a assustar, devido a toda a necessidade de pertencimento que um gera no outro, levando o leitor a questionar se um relacionamento como este é saudável para alguém.
A História começa exatamente de onde terminou Toda sua, e damos continuidade ao relacionamento turbulento destes personagens.
A autora tem uma escrita bem envolvente, que equilibra muito bem o suspense em torno do passado de Gideon, os sonhos de ambos, as brigas, etc, e constroí uma relação complexa, cheia de altos e baixos, de entrega total, e tudo isso sem soar como forçado ou falso.
É claro que existem situações pra lá de clichê, falas prontas cheias de romantismo, excesso de cenas de sexo e muitos, mas muitos orgasmos múltiplos.
Com relação ao sexo, a princípio eu achei meio gratuito e em demasia, porém conforma a história se desenvolve, e vc passa a compreender o significado para os personagens, e o papel que ele representa na vida de ambos, ele se torna compreensível, pois até este momento o sexo é chave para resolver todos os seus problemas, e também por que se trata de um livro de conteúdo adulto/erótico, por isso se não tiver a fim, vá ler um livro de romance.
Agora um momento bem marcante e que eu necessito falar a respeito é a cena do chuveiro, após o pesadelo horrível de Eva, envolvendo um dos abusos sofridos por esta na infância . Essa cena na minha opinião, foi muito bem pensada e escrita, sendo conduzida de forma brilhante pela autora, pois revelou o grau de intimidade entre Eva e Gideon, que vai muito além do sexo, uma entrega de corpo e alma. Sensacional.
E por fim , o desfecho final, que foi totalmente imprevisível. A autora traz um final surpreendente , e pouco convencional, levantando vários questionamentos ,sobre amor, obsessão, valores morais e éticos. E ainda mais, se todo amor e complicidade entre ambos, irá suportar mais um fantasma para assombrar suas vidas.
Depois deste fim, e compreendi melhor a capa dos livros, onde se encontra a seguinte citação:O doce e perigoso limite da obsessão.
Enfim eu só tenho algo a dizer, se eu ouvir alguém se referindo que esse livro é a mesma coisa de 50 tons de cinza, eu vou mandar a pessoa ir plantar bananeira no meio do asfalto quente, pq se ela não enxerga a superiodade da qualidade desta história, nem vale a pena discutir.
comentários(0)comente



Andrea Hirano 24/11/2012

Simplesmente devorei esse livro em um dia !! Não consegui parar!!! Muitooo melhor que primeiro e sem comparação com a trilogia do 50 tons (minha opinião clarooo)!!
comentários(0)comente



Debs 31/01/2021

Tenha estômago
Você pode achar uma história absurda e vou te falar: é!
O começo você vai ficar apenas com esse relacionamento destrutivo deles, mas depois do show os eventos vão acontecer e são bem pesados.
Mas no final, não romantize!
comentários(0)comente



Laryssa 30/01/2021

75% desnecessário
(Lendo depois da febre dos livros eróticos)
No primeiro livro a autora conseguiu prender minha atenção. Eva me parecia uma mulher temperamental, dramática, mas com as confusões comuns à uma pessoa apaixonada. Gideon o "novo" típico personagem masculino possessivo e descrito "com instintos peculiares".
Na metade do livro a leitura já estava cansativa. Não havia desenvolvimento da história, só mais do mesmo que foi descrito no primeiro livro. Muito foco nas partes sensuais e pouca história.

Como leio pelo Kindle, acompanho a porcentagem do livro, então sei informar em qual página, mas depois do 65% que a história começou a engrenar, ainda com algumas repetições cansativas.

O final é previsível pelo desenrolar da coisa, mas ficou melhor descrito do que o restante da história. Consegui sentir uma conexão maior com os 4 últimos do que com o livro inteiro, mas há muitas partes sem nexo, linhas temporais e situações que não fazem sentido, e por aí vai...
Laryssa 30/01/2021minha estante
*não sei a página exata, só a porcentagem...




Erika Oliveira 10/01/2014

Vale a pena ler? SIM.Apesar de gostar mais de Toda Sua. Achei que não teve tanta novidade no segundo livro. Espero que o proximo seja mais interessante.
comentários(0)comente



kim 12/03/2021

Gostei do final
Achei o livro um pouco cansativo, quando comparado ao primeiro da série, talvez porque demorei um pouco pra conseguir terminar por falta de tempo. Cheguei a me irritar um pouco com a Eva e com o Gideon ao longo do livro, mas o final foi ótimo.
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Mia Fernandes 03/05/2020

A série não me ganhou, só me mostra o quanto eu não sou ligada ao romance calorzinho
Profundamente Sua pode ser comparado a uma noite de bebedeira que resultou naquelas ressacas violentas, no qual você fica revendo repetidamente as mesmas cenas, com os mesmos cenários e perfomances. Tiveram três acontecimentos que não me fizeram abandonar de vez a série: o passado de Gideon vem a tona, Eva para de ser tão submissa e o plot final do livro.

Se em Toda Sua fomos acompanhando todo o drama de Eva, em Profundamente Sua o enfoque é para Gideon Cross e seu passado tumultuado e violento. Definitivamente, a história começa a focar nos passados sombrios dos personagens. Finalmente Eva começa a cutucar a onça e sair daquela névoa de orgasmos múltiplos. Meu personagem preferido Cary Taylor que ainda não teve a sua chance brilhar, mas espero que isso mude no próximo livro, pois ele é um cara profundamente perturbado, carismático e tem uma terrível e deliciosa história para contar, ouviu Sylvia?

Como se não bastasse os passados de ambos os protagonistas para perturbar os perturbados protagonistas, entram em cena a ex-noiva, Corrinne – a mulher com o biotípico ideal de Gideon e o ex-namorado astro do Rock, Brett Kline. E ai né, o casal Gideva tem sua estruturas viradas pó, já que ambos são ciumentos por si só. Então já dá para imaginas os altos barracos né? Além da parassonia sexual atípica de Gideon estar bastante explícita e impactante. E para adicionar certa pimenta malagueta o surgimento de um fantasma paira no ar.

Eu consegui visualizar o relacionamento de Gideva além do sexo. Consegui compreender as duras penas, que eles utilizam a luxúria, a intimidade carnal como uma forma de verbalizar os seus sentimentos, de se sentirem verdadeiramente amados pelo seu companheiro. E essa sensação se consolidou quando eles tiveram que ficar separados por um tempo. Não vou entrar em detalhes porque isso envolve o plot sensacional que a autora criou para fechar o livro e prender as leitoras para o terceiro volume.
De fato, não gostei do caminho que ela tinha escolhido para certo personagem, porém o modo como explicou e conduziu foi primordial para entender como funciona a cabeça de uma pessoa obcecada por outra e que faria de tudo para ficar do lado dela. Se eu falar mais alguma coisa vou dar o nome do passarinho verde!

Saldo final: A série não me ganhou, só me mostra o quanto eu não sou ligada ao romance calorzinho. Continuo achando um saco do tamanho do Gideon este enredo. E todas essas mulheres babando pelo Deus do Sexo. Entretanto, espero mais problemas, conflitos, famílias problemáticas causando; ex dando trabalho, tudo isso em peso no próximo volume. Com todos esses empecilhos, fico na torcida para ver se Gideva vai conseguir superá-los juntamente com o seus passados sombrios sem despertar ainda mais gatilhos emocionais. E que finalmente eles encontrem a paz e a redenção não somente na cama.

xoxo
mia fernandes.
comentários(0)comente



226 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |