Autores Fantásticos

Autores Fantásticos Christian David...




Resenhas - Autores Fantásticos


2 encontrados | exibindo 1 a 2


Ju Lund 14/11/2012

Autores Fantásticos
Antologia de Contos - Meu conto: Novembro Agridoce
Sinopse:
Edgar Allan Poe, Mary Shelley, Jules Verne, H. P. Lovecraft, Jorge Luis Borges…
Seus escritos incendiaram a imaginação de gerações de leitores. Suas vidas despertam a curiosidade de muitos até hoje. A Literatura Fantástica deu ao mundo lendas maravilhosas, dentro e fora dos livros. O que aconteceria se ficção e realidade colidissem e esses Autores Fantásticos invadissem o universo habitado por suas próprias criações? Descubra a resposta nos contos de alguns dos melhores escritores brasileiros do cenário Fantástico: A. Z. Cordenonsi, Celly Borges, Cesar Alcázar, Christian David, Duda Falcão, Estevan Lutz, Fabiano Vianna, José Aguilar García, Ju Lund, Leo Carrion, Leon Nunes, Leonardo Colucci, Mário André Pacheco, Nikelen Witter, Simone Saueressig, Suzy M. Hekamiah.

(Venda na editora Argonautas)
comentários(0)comente



Cristiano Rosa 27/02/2013

Diário CT: Autores Fantásticos
Eu tive o prazer de comparecer à sessão de autógrafos do livro Autores Fantásticos no ano passado durante a Feira do Livro de Porto Alegre, em novembro. Apesar de ter me chamado a atenção na época, apenas agora parei para ler a coletânea de contos publicada pela Argonautas Editora.

A obra, que tem 164 páginas e 16 contos, homenageia escritores clássicos nascidos entre 1.797 e 1.947, aparecendo na lista brasileiros, americanos, britânicos, irlandês, russo, argentino, francês e escocês.

Em sua maioria, as histórias – contadas ora em 1ª e ora em 3ª pessoas – são curtas, bem ambientadas em questão de tempo e espaço, e algumas com mais fantasia e outras com mais tons de ficção científica.

A base dos contos é mostrar o escritor como personagem da narrativa, dialogando, em grande parte dos casos, com seus próprios personagens, fazendo a relação criador-criatura.

Percebe-se que alguns contos exigiram pesquisa, pois os autores se aprofundaram em detalhes da vida e da personalidade dos escritores, já outros são mais superficiais. Às vezes como protagonistas e outras como coadjuvantes, a presença dos mestres da escrita sempre está ali, com muitas analogias com suas criações.

Pelas histórias conhecemo uma mulher confusa, um escritor obcecado, um garoto curioso, um jornalista observador, um vampiro sedutor, um pirata inventado, um menino criativo, um jovem prisioneiro, um criador horrorizado, um detetive aposentado, uma estátua crítica, um cão humano, um suicida armado, um viajante maravilhado, um autor robô e uma criança leitora.

Os escritores homenageados são: Ambrose Bierce, Arthur C. Clarke, Bram Stoker, Clifford D. Simak, Dashiell Hammett, Edgar Allan Poe, H. P. Lovecraft, Isaac Asimov, João Simões Lopes Neto, Jorge Luis Borges, Jules Verne, Mary Shelley, Monteiro Lobato, Robert E. Howard, Robert Louis Stevenson e Stephen King.

São os autores dos contos: A. Z. Cordenonsi, Celly Borges, Cesar Alcázar, Christian David, Duda Falcão, Estevan Lutz, Fabiano Vianna, José Aguilar García, Ju Lund, Leo Carrion, Leon Nunes, Leonardo Colucci, Mário André Pacheco, Nikelen Witter, Simone Saueressig e Suzy M. Hekamiah.

O interessante dessa obra é o valor de referência. Eu não conhecia todos os escritores citados no livro, e isso fez com que minha curiosidade fosse despertada a conhecê-los, até mesmo para compreender melhor o conteúdo apresentado nos contos. Apesar de ser também uma questão particular de cada autor, ela foi socializada na obra, a fim de que os leitores possam entrar nos mundos criados pelos escritores clássicos de maneira diferente e prazerosa.

Fonte: http://www.blogcriandotestralios.com/?p=20542
comentários(0)comente



2 encontrados | exibindo 1 a 2