O Lado Bom da Vida

O Lado Bom da Vida Matthew Quick




Resenhas - O Lado Bom da Vida


1121 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |


Jaqueline.Santos 12/12/2017

Que livro mais lindo, amor que não se mede.
comentários(0)comente



Kary 04/12/2017

Incrível
Ótimo livro para estudantes de psicologia e pessoas que adoram pesquisar e ler sobre transtornos mentais,principalmente,o transtorno bipolar e depressão.Super recomendo!
comentários(0)comente



Eliellton 30/11/2017

O Lado bom da vida - Matthew Quick
Pontos positivos: Foi muito difícil de achar ponto positivo, mas a mãe de Pet é a minha personagem favorita pois é uma verdadeira guerreira que cuida muito bem de seus filhos e faz de tudo para ter um bom casamento; algumas partes do livro são muito boa e que acaba fazendo gostar do livro, "mas são pequenas partes".
Pontos negativos: Esperava muito do livro porque todo mundo falava bem dele e acabei me decepcionado pois a linguagem muitas vezes é de criança e outras vezes é difícil entender o que esta acontecendo no livro, não gostei nenhum pouco de Pat, Thifanny e Patrick, o livro é muito cansativo e várias vezes pensei em parar de ler.
comentários(0)comente



eve 26/11/2017

A capa é linda mas...
Sabe aquele livro que vc compra pela capa e se arrepende? li arrastada, demorei muito pra conseguir acabar, a história não me prendeu de forma alguma. E pela primeira vez eu disse: o filme é melhor que o livro.
comentários(0)comente



Claris Ribeiro 13/11/2017

A história conta a vida de Pat, um ex-professor que acabou de sair de uma instituição psiquiátrica, e acha que passou pouco tempo nesse lugar ruim. Pat não lembra qual o motivo de ter ido parar nessa instituição, e a única coisa que se preocupa agora é que sua mulher Nikki pediu um tempo na relação, e ele quer fazer de tudo para mostra-la que é uma pessoa melhor.

Achei o inicio da história bem entediante e sem graça, mas o desenrolar conseguiu me conquistar. Pat vê sua vida como um filme, e para ele, sempre há um final feliz. Ele espera reconquistar Nikki, e chegar ao final feliz de sua história. Mas como nós sabemos, até mesmo em histórias de final de feliz, nós passamos por muitas dificuldades, e com Pat não foi diferente, ele passou por vários conflitos e problemas, mas sempre procurava ver o lado bom da vida nas coisas.

O mais interessante na história foi a possibilidade de imaginar o que se passa na cabeça de pessoas com transtornos mentais, sentir esses conflitos e perceber como pode ser difícil uma coisa tão simples.

Achei a narrativa do Matthew muito boa, mas às vezes sentia que a história não estava desenvolvendo e que algumas partes poderiam ser reduzidas e algumas aumentadas. Eu sou fã de esportes e curto futebol americano, mas as vezes achei que o livro estava mais focado na temporada do Eagles do que na própria história.

O livro é bonito e comovente, nos mostra que por mais difícil que as coisas sejam, sempre existe um lado bom. Recomendo a todos!

site: http://www.plasticodelic.com/2013/11/resenha-o-lado-bom-da-vida.html
comentários(0)comente



Jejé 12/11/2017

Não é dos melhores livros. Mas quando terminei, entendi que a lição do livro era ensinar o amor próprio por nós mesmos e não pelos outros.
comentários(0)comente



Marília 07/11/2017

O lado bom da vida
A leitura desse livro me convenceu de que não é legal ler resenhas antes de ler o livro desejado. Acontece que li muitas resenhas ruins a respeito desse livro, o que não condiz com a minha opinião. Logo nos primeiros capítulos me apeguei com o personagem principal, Pat, e até o fim de minha leitura fiquei curiosa para saber o fim. Fui tomada por diversas sensações durante a leitura e me apaixonei pela forma que Matthew Quick falou sobre Deus e passou a sua mensagem no livro sem ser forçada.
comentários(0)comente



Luiz 20/10/2017

O lado bom de tudo!
O lado bom da vida acompanha a trajetória de vida de Pat Peoples, um ex professor, que acaba de sair de uma instituição psiquiátrica (‘’ lugar ruim ’’ como ele se refere ao lugar). O livro segue seus dias após sair do lugar ruim, e seu objetivo é ser uma pessoa boa, ser gentil em vez de ter razão, e assim voltar para sua esposa Nikki, pois estão em um ‘’ tempo separados ’’. Pat não se lembra do motivo do que o fez ir para esse lugar, e nem sabe ao certo quanto tempo passou no lugar. Mas de volta a casa de sua mãe, tudo que ele quer é se manter em forma, malhando muito, correndo, fazendo coisas de que sua esposa gostava, para quando terminar o ‘’ tempo separados ’’ ser um bom marido.
Um livro emocionante, encantador. Pat é um personagem infantil, que foge da realidade da vida, mas carismático. Acredita muito na beleza das coisas, otimista, e aguarda o final feliz de seu filme. O livro passa uma bonita mensagem, sobre tudo ter um lado bom, mesmo quando as coisas estão indo de mal a pior, pode ser que tenha um lado bom. Vemos que doenças mentais é um problema muito grave. E mesmo errando podemos arrepender de nossos erros, seguir com a vida, e fazer o melhor para nos repararmos. O livro é surpreendente, mas chega a ser chato em algumas partes (principalmente no que se refere a comemorações de jogo de futebol americano) chega a ser repetitivo e entediante, mas tenho que dizer, que até essas partes tem seu lado positivo ‘’ são cenas engraçadas ’’ e é bonito ver a relação que ele desenvolve com seu irmão, com seu terapeuta, com a invasão asiática, por conta dos jogos.
Temos a Tiffany uma personagem problemática como o Pat, que o acompanha em suas corridas, e sem dúvida a cena mais bonita do livro é com os dois, e ao som de Total eclipse of the heart. E quando a invasão asiática, a mãe de Pat, o irmão, e uma galera do jogo entra em cena nessa mesma parte, faz a cena ser ainda mais perfeita. A mãe do Pat, é uma ótima mãe, preocupada e que ama muito o filho, já o pai, digo, ele é um BABACA.
Mesmo sendo arrastado em alguns momentos, entediante e chato, é um belo livro, emocionante e encantador, deve ser lido, para que cada um tirem suas próprias conclusões.

Nota: 4.0
Observação: No meu caso, quando revelou o motivo de Pat ter ido para o lugar ruim, mesmo achando surpreendente, achei que foi revelado tarde demais, bem nas últimas páginas, e já nem era mais tão importante saber, pois já sabíamos de uma coisa, que foi revelada antes do plot twist.
comentários(0)comente



Josy Rodrigues 18/10/2017

Enfadonho
No começo até que é interessante, mas no decorrer do livro a história se perde e fica repetitiva. Já achava o filme meia boca, o livro então não fica muito distante. Me decepcionei, e olhe que nem estava criando expectativas.
comentários(0)comente



Josy Rodrigues 18/10/2017

Enfadonho
No começo até que é interessante, mas no decorrer do livro a história se perde e fica repetitiva. Já achava o filme meia boca, o livro então não fica muito distante. Me decepcionei, e olhe que nem estava criando expectativas.
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Kleyse.Apolaro 16/10/2017

O Lado Bom da Vida
Sinceramente, eu esperava mais do livro, nas primeiras páginas até pensei em desistir de ler pois o Pat repetia muita muita coisa, não sei se é porque o tema que o livro envolve não é do meu gosto literário mas continuei mesmo assim esperando acontecer algo realmente interessante, imaginei um final totalmente diferente do que está na livro.O livro não me agradou muito, mas respeito quem já leu e gostou.
Obs: A única parte que gostei foi quando ele terminou a apresentação de dança e os indianos começam a gritar E-A-GLES!!!!Sinceramente, eu esperava mais do livro, nas primeiras páginas até pensei em desistir de ler pois o Pat repetia muita muita coisa, não sei se é porque o tema que o livro envolve não é do meu gosto literário mas continuei mesmo assim esperando acontecer algo realmente interessante, imaginei um final totalmente diferente do que está na livro.O livro não me agradou muito, mas respeito quem já leu e gostou.
Obs: A única parte que gostei foi quando ele terminou a apresentação de dança e os indianos começam a gritar E-A-GLES!!!
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Gaby 01/10/2017

O lado bom de ler o Livro
Olá como vão?!

Hoje venho falar um pouco sobre um livro que li há algum tempo, mas tenho boas lembranças. Este é um livro bonitinho, cheio de bons sentimentos e uma mensagem muito otimista.

Acredito eu que muitas pessoas já tenham assistido ao filme e gostado, porque é divertido e têm as atuações dos queridinhos de Hollywood Bradley Cooper e Jennifer Lawrence, além da presença de Robert De Niro no elenco. Mas esse filme me deixou um pouco decepcionada, porque muitas coisas que gostei no livro haviam sido mudadas.

Se você assistiu ao filme, sabe que o grande segredo do livro é revelado logo no começo, estragando totalmente o mistério que levou Pat à ser internado. Mas, caso você não tenha assistido não farei como os produtores que jogaram o livro pela janela. Vou contar um pouquinho sobre o enredo que a sinopse não fala.

O livro inicia com Pat saindo da instituição psiquiátrica com a memória totalmente confusa e sem noção do tempo que ficou na clínica, não lembrando o porque foi parar naquele “lugar ruim”. A única coisa que se lembra é que sua amada esposa Nikki pediu para ficarem um tempo separados. Obcecado em voltar com sua “vida normal” ao lado de Nikki, Pat tenta recomeçar sua vida a praticando exercícios físicos de forma descontrolada (para ser mais saudável) e também começa a ler os livros que sua amada sempre indica em suas aulas e que ele nunca havia se interessado, além de tentar controlar sua raiva, procurando ser mais gentil.

Nesta nova fase de sua vida, Pat voltou a morar na casa dos pais e lá convive com sua mãe, que é muito carinhosa, seu pai, que ignora-o a maior parte do tempo, exceto quando os Eagles jogam.Acaba por conviver também com Cliff, seu psiquiatra fanático pelo Eagles, seu irmão que o visita e leva aos jogos e melhor amigo que mora próximo. Em uma de suas visitas à casa de seu melhor amigo, Pat reencontra Tiffany, irmã da mulher de seu melhor amigo e que também passa por problemas psicológicos após a morte de seu marido. Ela então começa a se aproximar de Pat, mesmo contra a vontade dele e ali começa a nascer uma amizade.

” A vida raramente te dá momentos como esse, e é um pecado não aproveitá-los.”
Tiffany também passa por muitos problemas psicológicos e a dança a ajuda nos momentos mais difíceis. Ela quer participar de um concurso, mas não quer fazê-lo sozinha. Então, por meio de uma “chantagem”, ela faz com que Pat comece a ensaiar os passos de dança com ela. Eu acho essa parte do livro a mais tocante, porque a música que eles dançam é perfeita para a situação! Fiquei imaginando toda expressão corporal dos dois e me peguei suspirando enquanto lia, o que é muito raro de acontecer. Porém, no filme, ambos parecem dois panacas dançando ….
A narrativa de Pat por vezes é cansativa, mas acabamos por nos aprofundar na mente problemática do personagem. Aos poucos, Pat vai encaixando as peças do quebra-cabeças e compreendendo tudo que lhe aconteceu até se lembrar por completo. O que mais me tocou nesse livro foi justamente o amor, a perseverança e dedicação do personagem em ser alguém melhor e em ver “o lado bom da vida”, mesmo que em muitos momentos fosse difícil para ele compreender o que estava passando.

“Se as nuvens estão bloqueando o sol, sempre tento ver aquela luz por trás delas, o lado bom das coisas, e lembro de continuar tentando.”

Bem, é isso! Espero que tenham gostado da dica de hoje! Boas Leituras!

site: https://literakaos.wordpress.com/2016/12/08/resenha-o-lado-bom-da-vida/#more-4822
Qlucas 18/10/2017minha estante
Nossa quase abandonei o livro! Muito repetitivo! Além que a supresa final é previsível! Mas resisti e fui até o final, para a confirmação. Patt é mala demais. Agora gostei muito da Tiffany.


Qlucas 18/10/2017minha estante
Dei umas 3 estrelas, se não me engano.




Lucas.Moura 26/09/2017

Nem ruim , nem bom
Para min foi arrastado , só continuei por causa da Tiffany (que e muito foda) , o pat e muito chato, e só fala da nikki o livro todo. Porem terminei e não me arrependo .
comentários(0)comente



1121 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |