A Herdeira do Mar

A Herdeira do Mar Ize Chi Kiohaan
Ize Chi Kiohaan




Resenhas - A Herdeira do Mar


58 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3 | 4


Brenda Aline 02/09/2020

Uma perda de tempo
Quando li a sinopse desse livro pela primeira vez eu sabia que era o tipo de história que eu me amarro e que sempre procuro em minhas leituras. No entanto, a história que eu tanto ansiava não rolou, ficou só na sinopse mesmo.

Odiei esse livro num grau, que nem sei explicar, mas o motivo principal foram os diálogos, sempre são eles que me fazem brochar numa leitura. Muito infantis, forçados, nada divertidos ou descontraídos, chegava a dar vergonha. Como eu disse, todo aquele negócio lá mitológico fica só na sinopse mesmo, então se você, assim como eu, veio atrás da aventura, fantasia, mitologia, dê meia volta e pegue outro livro, porque nesse aqui não vai rolar nada disso. A intenção até que era boa, o universo criado poderia ser ricamente trabalhado mais afundo e ficaria show, mas a autora perdeu muito tempo no relacionamento da Cordélia com o Morgan. A GENTE ENTENDEU QUE ELES SE AMAM, não precisava passar o livro todo esfregando isso na nossa cara. O foco é tanto no relacionamento que a gente até esquece que é/era uma história de sereia.

No fim até que fica (posso me atrever um pouco) melhorziiiiiiinho, mas pra mim já deu. E quando eu digo no fim, é bem no fim mesmo, tipo, nas três últimas páginas. Concluir essa leitura foi uma morte lenta. Nem acredito que consegui. TALVEZ eu iria gostar dessa história se tivesse lido a muito tempo atrás, mas hoje, com todas as experiências literárias que já me permitir ter, não mais.
Elisa.Gabriela 16/10/2020minha estante
Eu tô lendo ele agora e todos os diálogos dela com Morgan é uma revirada de olhos


Brenda Aline 18/10/2020minha estante
Sim, extremamente chato, beirando o insuportável.


Amoramure 31/03/2021minha estante
MDS eu super empolgada quando achei o livro já colocando no meu kindle pra ler . Quero mais não kkkk


Amoramure 31/03/2021minha estante
E assim , essa é a nova versão . A autora fala que na anterior tinha muita informação sobre as sereis e precisa tirar isso. Eu fiquei : pq ???????? Se o livro é sobre a sereia ??? ?????


Brenda Aline 31/03/2021minha estante
Kkkkkkkkkkk, exatamente!
Ela tirou tanto que a história nem parece que é de sereia, a gente até esquece.


Amoramure 31/03/2021minha estante
Aí já não quero, gosto quando focam no que a protagonista é , seja um ET, uma árvore até e lá surge um amor impossível por uma formiga .


Amoramure 31/03/2021minha estante
Mas eu vou ler , qualquer coisa grito pro Universo o perigo da leitura ruim




Bárbara 24/06/2021

Uma leitura divertida e rápida
Li o livro bem rápido e adorei, mas algumas partes do livro eram bem enrolada tornando a leitura arrastada.
Recomendo principalmente para amantes de romance clichê.
comentários(0)comente



Samara MaiMa 20/08/2013

Design

Mais um livro digital, portanto, sem avaliação de design.

Apesar disso gostaria de fazer uma sugestão. Acho que o livro teria muito mais presença se a ilustração tomasse toda a frente da capa ou até mesmo que fosse mais fotográfica. Normalmente, quando estou olhando os e-books na Amazon o que me ganha no primeiro segundo são os thumbnails das capas. Só depois eu paro para ler a sinopse, ou nem leio. Confesso que não acharia a capa muito atrativa em uma primeira passada de olhos.

História

Sabem aqueles livros que quando você termina quer gritar para todo mundo o quanto você gostou e o quanto você quer que todo mundo leia também? Quando terminei A Herdeira do Mar entendi porque a Verônica Mesquita entrou em contato comigo aqui no Parafraseando sugerindo que eu deveria ler. Ela tinha sido mordida pelo mesmo bichinho de compartilhamento que eu fui. Vamos ver se convenço vocês a conhecer o livro também!

Obra de estreia da autora Ize Chi Kiohaan, o livro me impressionou com a qualidade da narrativa, os clímax corretamente colocados, as viradas da história interessantes e um tema que eu não vi bombar tanto: sereias. Okei, surgiram uns livros lançados pela Planeta, iD e Verus (que eu li), mas AHdM foi bem mais do que esperava.

A princípio as 556 páginas me assustaram! Cheguei a pensar que pudesse ter sido por dificuldade de "refiles" na história, já que é uma autora jovem, primeira obra, e coisa e tal. Mas acreditem, 95% das páginas são preenchidas com informação relevante e de extrema qualidade. No começo estranhei um pouco o estilo literário e fiquei receosa de que fosse muito rebuscado, coisa que costuma acontecer com alguns autores brasileiros, que confundem escrever bem, com escrever enfadonhamente. Fora o excesso de "sobremaneira" depois dá para notar que a narrativa fica mais jovem.

A autora me conquistou de verdade quando começou a justificar a existência de uma sociedade de sereias e tritões. Quando ela misturou Atlântida, com mitologia grega e ainda criou sereias extremamente invejáveis em todos os níveis, mas principalmente no quesito fisiológico (meninas entendam: beleza, depilação e ciclos menstruais definem), eu já estava completamente envolvida e vendida. Ize fez uma boa pesquisa e conseguiu criar uma mitologia própria crível e interessante.

A história de Cordélia Dolphin é contada em terceira pessoa, o que acaba permitindo que a autora mostre um pouco o PoV (ponto de vista) de outros personagens. Incrivelmente, eu gostei muito da personagem. A princípio achei que a autora iria partir para uma linha perigosa de protagonista extremamente consciente da própria beleza e que acaba se tornando chato e raso. Mas isso não acontece com a Délia. Ela é o que é por ser uma sereia, mas em nenhum momento realmente abusa de suas características para meios escusos. Ela até é um pouco solitária por ter vivido sempre viajando com o pai, mudando sempre de cidade até fixar moradia na praia de Tamarama, na Austrália.

O que deveriam ser os últimos meses do colegial, acaba se tornando uma descoberta da verdadeira natureza de Cordélia e seu real papel no mundo marinho. E a descoberta de (yuhuu me abana) Morgan. O tritão. O guardião. O lindo de morrer tudo de bom. E o melhor: ele é o único gatinho. Indo um pouco na contramão de praticamente todos os livros young adults por aí, Ize não cria um triângulo amoroso. Ela sabe que seus personagens se amam e vai desenvolvendo os sentimentos deles, e só deles, ao longo de toda a história.

Neste primeiro livro, o foco é todo em Cordélia descobrindo sua natureza de sereia, e aprendendo sua posição dentro da hierarquia dos seres marinhos. É mais um romance e uma história de auto-conhecimento e evolução da personagem do que realmente uma aventura. Existem sim lutas muito bem descritas, e situação de utilização de magia bem aplicadas e críveis, mas o foco é com certeza no romance. Por mim posso dizer que foi ótimo. Estou totalmente em um momento "romanciiiinho" e acompanhar as idas e vindas de Cordélia e Morgan foi uma montanha russa para o meu coração.

Me identifiquei muito com os dois personagens. Várias passagens do relacionamento dos dois consigo refletir na minha própria experiência de vida e em como eu sou apaixonada pelo meu marido. A sensação de vazio quando não se está junto da pessoa que a gente ama e quer sempre por perto... Então, todas as vezes em que eu lia uma passagem mais emotiva, lembrava do que eu também sinto e vivo diariamente.

site: http://www.parafraseandolivros.com.br
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Jami 31/01/2021

A herdeira do mar.
Bom por onde começar.
Bom começando que cara que desenvolvimento, vei me prendeu em cada parte sem nunca enjoar, aí eu amei.
Kkkk
comentários(0)comente



Yas 23/03/2021

QUERO O PRÓXIMO NA MINHA MESA PRA ONTEMMMM
Não tenho como negar, esse livro me pegou pela capa e sinopse, não comecei com muita expectativa, por já ter procurado pela autora e perceber que só tinha esse livro por enquanto, sem continuação, embora ela esteja prevista para o primeiro semestre desse ano.

O livro é incrível, eu amei o cuidado da autora com os detalhes e o desenvolvimento da história, e não tenho como negar que Morgan entrou para a lista de crushs literários. Foi muito legal conhecer o contexto histórico da mitologia da história, os personagens e a vida litorânea na Austrália.

Porém, senti falta da aparição de outros personagens do povo do mar, queria saber se todos são como eles dois (lindos e maravilhosos), e como iria ser a reação dela quando encontrasse com alguém de lá. Fora isso, também fiquei triste por ainda não ter uma continuação, mas fico aguardando ansiosamente e esperando nesse próximo livro um maior contato com a vida do povo do mar, sereias e tritões.

O livro é uma boa dica pra quem gosta de livros de fantasia e clichês, além de ser um livro nacional (o que me surpreendeu, por causa do nome da autora) ele também está disponível no Kindle Unlimited.
comentários(0)comente



Larissa Canêdo 22/11/2020

Cadê o resto?
O livro tinha muito potencial, muito mesmo, mas a autora só focou no romance da menina com o guardião esqueceu do resto.
Cadê o povo do mar? Cadê o reinado? Cadê?
comentários(0)comente



Elisa.Gabriela 16/10/2020

Nossa esse livro me incomodou TANTO!!! Bom, a história é extremamente previsível (acho que deve ter um filme da Barbie com o mesmíssimo enredo), a personagem principal é um SACO, toda vez que ela abria a boca eu tinha vontade de abandonar o livro (o único traço da personalidade dela é ser bonita). Mesmo com VÁRIOS defeitos, li super rapidinho e realmente ficava curiosa com os próximos acontecimentos. Esse primeiro livro não se aprofundou tanto na fantasia quanto eu gostaria, mas as partes mitológicas foram os pontos altos do livro, por isso subi um pouco minhas expectativas em relação a continuação.
Viniboy 16/10/2020minha estante
Adorei sua resenha, Elisa. Graças a você, passarei longe deste livro!


Karen 29/11/2020minha estante
Senti a mesma coisa na questão da personagem principal.




Biah Oliveira 19/03/2021

A Herdeira do mar
Pra quem gosta de a pequena sereia e aquele filme mara de sessão da tarde H2O meninas sereias garanto que vai gostar de A herdeira do mar.

Cordelia sempre é a novata na escola, mas ela já está acostumada porque graças ao seu charme imbatível ela sempre tem amigos mesmo que depois que ela vai embora, o que acontece com frequência, eles a esqueçam.

Agora, próximo dos seus 18 anos, ela se muda de novo, mas está bem confiante, pois seu pai conseguiu um cargo fixo na empresa e prometeu que não vão mais se mudar. 

Eles vão morar de frente pra uma praia maravilhosa na Austrália, e é de sua janela que Cordelia o vê pela primeira vez. Um estranho lindo e perfeito que mesmo de longe chama sua atenção. Cordelia nunca sentiu nada quando beijava os garotos, por isso rapidamente os dispensava e ela não sabia qual era o problema, bom isso até ela praticamente agarrar o estranho da praia e finalmente achar o que tanto procurava.

A partir tudo muda, Cordelia descobre que na verdade é a Princesa perdida do fundo do mar, herdeira direta de Poseidon, e o estranho nada mais é que seu guardião, Morgan. Só que agora Cordelia já está completamente apaixonada e Morgan pode ser um cara bastante dificil para o seu charme.


Gente eu gostei muito desse livro, sinceramente eu sou suspeita porque adoro uma história de sessão da tarde. Cordelia me irritou em algumas partes mas ela evolui muito e surpreende o leitor. Morgan é zero defeitos gente, e parte que remete a mitologia grega também é muito legal.
comentários(0)comente



Cla 05/07/2021

Eu não sabia que era o primeiro volume! Pensei que era único. De qualquer forma gostei bastante, mas preferia que a história se passasse no Brasil. A história e a mitologia são interessantes e a leitura prendeu muito.
comentários(0)comente



Bells 15/01/2021

Resenha: Herdeira do mar
Essa foi a segunda leitura que realizei no ano e confesso que fiquei um pouco decepcionada, esperava bem mais do livro, especialmente por nunca ter lido nada que tivesse como foco tritões e sereias.

No começo conhecemos Cordelia, uma menina considera muito linda por todos, no qual, as pessoas se interessam por ela de forma magica, mas ela se sente vazia por não ter nenhum sentimentos por ninguém com quem se envolveu. Até que um dia ela esbarra em um cara misterioso e se vê sentindo coisas que nunca tinha sentido antes.

Foram muitos pontos na obra que me incomodaram, mas o principal, logo de inicio foi o padrão de beleza colocado ali, pessoas brancas, magras/corpo definido, rosto sem manchas, etc, perpetuando um padrão de beleza que não existe. Depois, a relação de Cordelia com o garoto misterioso (esqueci o nome dele kkkk), colocando uma imagem de amor/paixão sem sentido, considerando que esses sentimentos são construções sociais.

Entretanto, o livro também teve seus pontos altos. Gostei bastante da forma como a autora usou a mitologia grega para construir o universo dos tritões e sereis, suas mitologias e profecias. Além disso, a escrita da autora também foi bem fluida, então, apesar da história não ser muito boa, acabei conseguindo ler ele em pouco tempo (ainda bem). E esses foram os pontos altos na minha avaliação, e a capa, que achei bonita.

O romance em si achei meio forçado, e as descrições dos personagens foi algo que me incomodou muito.
comentários(0)comente



Bia 19/05/2020

Um ya muito bonitinho, bem típico de início de trilogia.
comentários(0)comente



Gabrielle.Martins 19/01/2021

Muito bom
Eu li esse livro em uma sentada, a narrativa é maravilhosa o fluxo do livro é muito bom, ele te prende e você acaba largando tudo para le-lo o romance é muito bonitinho e os personagens são maravilhosos.
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Tamy 11/04/2020

Esperava bem mais
comentários(0)comente



58 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3 | 4


Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com a Política de Privacidade. ACEITAR