Extraordinário

Extraordinário R. J. Palacio




Resenhas - Extraordinário


1000 encontrados | exibindo 91 a 106
7 | 8 | 9 | 10 | 11 | 12 | 13 |


Coelha literaria 30/12/2018

Extraordinário - R. J. Palacio.
"tudo o que é nascido de Deus vence o mundo." pág 15

O livro vem nos presentear a linda e trágica história de August Pullman ( Auggie ) de apenas 10 anos, que nasceu com uma síndrome genética que causa uma deformidade facial.

A autora aborda o fato de ser a primeira vez que Auggie vai a escola já que ele estudou em casa tendo como tutora a sua mãe.

Este livro traz um diferencial, temos vários narradores contando a sua forma de ver e conviver com Auggie. O bullying e trabalhado de uma forma que qualquer pessoa para pensa e repensa. Como as crianças podem ser tão maus, mas pera aí, elas são apenas o reflexo da sociedade que não é capaz de se abrir a conhecer o  desconhecido sem formar primeiro um bloqueio.

Pessoalmente me apaixonei por Isabel a mãe de Auggie (não apenas por ser Brasileira), mas por ser tão forte e tão guerreira, passando essa força aos seus filhos e ensinando que na vida tudo depende de muito esforço.
Chorei litros, mas também dei várias gargalhadas é o tipo de livro que desejo que quando meus filhos já saibam ler seja o primeiro a ser lido! Nada melhor que crianças pra ensinar a outras crianças.

Autora: R. J. Palacio
Tradutor: Raquel Agavino
Editora: @intrinseca
E você já leu? Vem conversar comigo!

#bookstagram #livroseleitura #livros #ler #wonder #extraordinario
#intrínseca
#ferias #amolivros

site: @coelhaliteraria
comentários(0)comente



Lalay 29/12/2018

MDS!
*Extraordinário, de R.J Palacio

Esselivro conta a história de Auggie, um menino com deformidade facial, que depois de anos recebendo educação em casa, vai ter que enfrentar o terrível pesadelo de começar a estudar em meio a tantas pessoas.

História e coerência: é uma história muito bem construida, com sentido, coerência e bem criativa.
Nota: 5

Proposta do livro (baseada na sinopse): na sinopse, esse promete ser um livro: edificante, e cheio de amor e esperança. Sim, o livro promete tudo que diz, nos ensina várias lições valiosas de amor, aceitação, preconceito e é bem edificante para nós.
Nota: 5

Desenvolvimento: o desenvolvimento do livro foi ótimo, com partes e capítulos pequenos (uma a duas páginas) desenvolve muito bem e não teve nenhuma parte cansativa.
Nota: 5

Escrita: a autora não escreveu nem mais nem menos que o necessário, foi tudo na medida, sendo o suficiente para nos sentirmos dentro dá história.
Nota: 5

Personagens: os personagens tem uma boa construção, e nenhum saiu de sua personalidade em nenhum momento.
Nota: 5

Total: 5+5+5+5+5 = 25
25÷5 = 5 estrelas!

O livro é muito necessário, e eu recomendo pra todas as idades, pois definitivamente não são só crianças que precisam aprender as lições desse livro, virou meu favorito da vida porque realmente mexeu comigo, e deu vontade de dar um super abraço no Auggie.
Então é isso! Até a próxima resenha ?
comentários(0)comente



Jessii 24/12/2018

A história é narrada por August Pullman, um garoto que não se encaixa nos padrões de beleza que a sociedade impõe por ter tido certas complicações quando nasceu.

August tem 10 anos e já passou por 27 cirurgias, até então sua mãe ensinava a ele tudo que precisava saber, mas chegou o momento que sua mãe não pode mais o ajudar e ele teve que enfrentar seus medos. Ir para a escola.

August passa por dificuldades por não ser igual a todos e até sofre bullying, ele entra em desespero e sua irmã Olívia (Via) tenta ajudá-lo a superar essas barreiras. Em uma viagem da escola acontecem coisas que ele jamais esperava e sua vida muda, o modo como veem Augie muda.

Neste livro você vai chorar, vai rir e até se desesperar, Augie é um garoto muito sortudo por ter o apoio de sua família e colegas para enfrentar os desafios que passa todos os dias.
Depois de ler esse livro, seu ponto de vista nunca mais será o mesmo pois esse é um livro que você lê e depois seus olhos mudam para certas situações.
comentários(0)comente



Ellen.Pires 21/12/2018

Extraordinário
Muito bom o livro, o preconceito é quebrado pelo próprio menino com suas atitudes e ações.
Não tenho muitos comentários apenas ressalto que o livro é ótimo contra preconceitos de pessoas com deficiência, ótimo para pais que estão educando seus filhos e ótimo para as todas as pessoas para que elas se tornem pessoas melhores, amáveis e livres de qualquer tipo de preconceito.
comentários(0)comente



Fannylu 20/12/2018

Extraordinário - R.J Palacio
Conta a história sobre um menino que possui uma doença rara que afeta várias funções do sue corpo , e por isso precisou fazer vários cirurgias o que causou deformações no seu rosto , por esse motivo , ele nunca tinha frenquetado a escola , e a história gira em tono da sua vida agora na escola , o bulling, as amizades etc
Oque eu mais amie no livro é que ele tem varias vizoes dos personagens .
o luvro é lindo , e é muito bom , a leitura é super fácil de entender e a diografia é perfeita .
por esse motivo dei 5 estrelas
comentários(0)comente



Laura 14/12/2018

Extraordinário, como diz o título -
Talvez seja porque quem passa pela maioria dos problemas sejam crianças, ou porque simplesmente você quer voltar a ser criança, ou porquê também quer ajudar àquele garoto.

Vários são os motivos para você se apaixonar com esse livro e todos os personagens dele.

Personagem um mais lindo que o outro. Dá para ver que foram trabalhados para melhor experiência de quem lê!

Adorei. Adorei. Adorei!

"O universo cuida de todos os seus pássaros. Ele cuida deles de forma que não vemos."
comentários(0)comente



Anny K. Alves 14/12/2018

Lindo!
Encantador, emocionante e brilhante! Extraordinário me ensinou o quanto é bom ser criança e ter o coração puro e cheio de coragem para enfrentar qualquer dificuldade em nossas vidas. Livro lindo!
comentários(0)comente



Nayara 05/12/2018

Gentileza gera gentileza. Pelo que queremos ser lembrados?
Auggie é menino diferente. Diferente por fora, devido à uma síndrome genética que acometeu seu rosto, mas por dentro, ele próprio se considera um garoto comum, como os outros (e que adora Star Wars). Um garoto que nunca tinha ido à escola, tinha aulas em casa com sua mãe, devido à sua condição e às várias cirurgias as quais foi submetido, mas agora deve iniciar o quinto ano numa escola comum. Auggie tem completa noção do seu rosto, de como é, e de como o olham, das reações de espanto e surpresa que causa nas pessoas quando o veem. Se “acostumou” a isso, ou pelo menos teve que aceitar, pois nenhuma cirurgia plástica que fizesse (e já havia feito várias) o faria ter um rosto comum. Até é capaz de fazer piadas sobre seu rosto, o que torna toda a situação um pouco mais leve. Acho que devido a isso, acabou amadurecendo mais cedo, por ter que tratar com tamanhas situações difíceis. Um garoto muito compreensivo (com maus momentos, claro) e extremamente gentil. Isso é algo sobre o que esse livro ensina, gentileza. Gentileza e empatia.

O livro tem uma escrita simples e um vocabulário bem fáceis de ler, apesar de tratar de um tema sério, e capítulos curtos, de uma a quatro páginas, o que faz a leitura fluir rapidamente. E é possível ver facilmente a relação entre os títulos do capítulo e seu conteúdo. A narrativa é intercalada entre a visão de August, amigos e sua irmã Via, trazendo uma perspectiva do que acontece ao redor de Auggie e de como as pessoas se sentiam em relação a isso e como era o impacto em suas vidas.

Estar na pele do Auggie não é nada fácil. Estar na pele de seus pais, que o amam e sempre o protegem, não é nada fácil. Estar na pele de sua irmã, Via, também não é nada fácil. Nem de seus amigos, que passaram por uma exclusão social na escola, por simplesmente andarem com August. Como as pessoas podem ser cruéis! Algumas porque querem, algumas por medo e pressão do que os outros esperam e querem que elas façam. Algumas por temerem o desconhecido, o estranho, por não terem sido orientadas e ensinadas a tratar o próximo como gostariam de ser tratadas, se estivessem na mesma situação. Sobre o final, achei um pouco “surreal” como aconteceu.

O tema central abordado é delicado, mas a mensagem transmitida é a mesma que vários outros livros já passaram: não temer o desconhecido, que a aparência não deveria importar, o que levamos dessa vida é o que somos e o que fazemos, o modo como enfrentamos os desafios, e o modo como tratamos as pessoas. Por essas coisas é que devemos ser lembrados.
Carol 12/12/2018minha estante
É melhor q o filme?


Nayara 12/12/2018minha estante
Eu ainda não assisti ao filme... quis começar pelo livro! Mas geralmente o livro é melhor, pelo nível de detalhamento.




Damiris 05/12/2018

Tocante
Bem escrito.. sensível..lindo...amei ler...amei mergulhar nessa estória..
comentários(0)comente



Mel Bee 03/12/2018

Lindinho
Muito tocante a história e de fácil leitura.
comentários(0)comente



Karina 30/11/2018

O que vem de Deus vence o mundo
Por mais que se trate de uma doença seria, e muito difícil de se lidar, a autora soube muito bem como abordar o tema, e deixar mais leve, me emocionei com esse romance sincero e ingênuo, e virou meu livro favorito da vida. Recomendo, inclusive não vejo a hora de ver o filme e ler os outros livros sobre.
comentários(0)comente



fabianee.souzaa 27/11/2018

Escolhar ser mais gentil que o necessário!
Gentileza!
É algo simples.
Aprendemos quando crianças a sermos gentis, respeitarmos as pessoas ao nosso redor, sermos compreensivos, educados, mas e se tudo isso puder ser intensificado?
E se realmente buscarmos o mais fundo significado de ser gentil?
O livro 'Extraordinário' nós mostra que podemos ser o nosso melhor e dar o melhor para as pessoas ao nosso redor, e o mais encantador é perceber que ao fazermos isso todos saímos ganhando, a família se sente mais amada, a comunidade cresce, a união cria laços ainda mais fortes.
E tudo isso se dá por meio de algo simples, a gentileza!
Ser mais gentil que o necessário implica em fazer não somente aquilo que é certo, mas fazer o que gostaríamos que fizessem para nós mesmo (e quem sabe até mais que isso), a essencia é buscar a cada dia o crescimento nesse sentido, fazer um pouco mais, respeitar um pouco mais, amar um pouco mais e então, a magia acontece, somos tomados por uma onde de gentileza!
comentários(0)comente



Tha 27/11/2018

Extraordinário
Uma história realmente extraordinária, impossível não chorar e se comover com a difícil adaptação e superação de August.
Nos faz refletir sobre nossas vidas e de como as pessoas querem ser tratadas.
Uma lição de vida.
comentários(0)comente



Joao.Vitor 26/11/2018

O Incrível dia-a-dia de August
Esse livro conta o dia-a-dia de um menino que nasceu com uma síndrome que fez com que nascesse com o rosto deformado. E o livro vai contar a adaptação dele na nova escola e um pouco da vida das pessoas que convivem com ele.
comentários(0)comente



primeira viagem 25/11/2018

Extraordinário
Resenha Extraordinário

Ficha Técnica
Livro: Extraordinário
Autor: RJ Palácio
Editora: Intrínseca
Gênero Literário: Ficção Infanto-juvenil americana
Data da publicação da primeira edição: 14 de Fevereiro de 2012

August Pulman nasceu com a síndrome de Treacher Collins, em consequência disso seu rosto é deformado, distinguindo-se dos outros garotos de sua idade e o tornando uma criança com uma percepção diferente do mundo e das pessoas ao seu redor.

Durante os primeiros de sua vida ele já tinha realizado vinte e sete cirurgias plásticas, sua saúde era muito frágil, o que o possibilitava de frequentar a escola. Sua mãe lhe ensinava em casa.

Porém, aos dez anos de idade, seus pais propõem ao menino que ele comece a ir para a escola onde irá conviver com pessoas de sua idade e adquirir conhecimentos que sua mãe não poderia lhe proporcionar.

Nesse novo desafio Auggie terá que enfrentar o preconceito de alunos e pais expresso em forma de risos de deboche, perguntas maliciosas e olhares diferentes, nos ensinando a como ser generoso e corajoso mesmo diante de situações difíceis.

O livro é dividido em oito partes, sendo narrado por cinco personagens:

1. Via (sua irmã mais velha)
2. Summer (sua primeira amiga)
3. Jack (seu melhor amigo)
4. Justin (namorado de sua irmã)
5. Miranda (melhor amiga de sua irmã, convive com Auggie desde que ele era um bebê)

As diferentes visões que compõe o livro nos leva a refletir sobre a importância do olhar além das aparências, da aceitação do diferente em nossa sociedade e do combate ao bullying nas escolas.
comentários(0)comente



1000 encontrados | exibindo 91 a 106
7 | 8 | 9 | 10 | 11 | 12 | 13 |