Extraordinário

Extraordinário R. J. Palacio




Resenhas - Extraordinário


2789 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |


Regiane 25/02/2013

Realmente é extraordinário!

Minha mãe me abraçou mais apertado, se inclinou e deu um beijo no alto da minha cabeça. - Eu que agradeço, Auggie - respondeu ela. - Pelo quê? - Por tudo o que nos deu. Por entrar nas nossas vidas. Por ser você. Inclinou-se de novo e sussurrou em meu ouvido: - Você é mesmo extraordinário, Auggie. Você é extraordinário.

Assim que coloquei meus olhos na sinopse desse livro, eu imaginei que iria me afeiçoar muito à história, só o que eu não imaginava, é que iria superar minhas expectativas em dobro, em triplo... enfim, que iria acabar com todas as minhas defesas ao ponto de me fazer chorar descontroladamente e de me marcar profundamente.

August Pullman, mais conhecido como Auggie, nasceu com uma doença rara. Trata-se de uma síndrome genética que lhe causou uma séria deformidade no rosto, ainda quando estava no útero de sua mãe. Por conta disso, desde muito pequeno, ele teve que ser submetido a várias cirurgias e cuidados médicos extremos.

Diante dessa situação, Auggie nunca havia frequentado uma escola antes. Sua mãe era a responsável por suas aulas... até agora. Quando chega o momento disso tudo mudar, ele tem plena consciência de que não será nada fácil começar o quinto ano em um colégio, onde terá que lidar com outras crianças. Auggie terá como tarefa, provar a todos, que apesar de possuir um rosto diferente, ele é um menino com sonhos, desejos, como qualquer outro.

Extraordinário é mais que um livro especial. Ele é um vendaval de emoções, repleto de muita beleza e sentimento. É praticamente impossível não se render a história criada por R. J. Palacio. Nota-se que foi escrito com muito amor e dedicação. As páginas gritam isso o tempo todo.

A narração é um dos pontos mais altos dessa obra, pois apesar dela seguir em 1° pessoa, ela é intercalada entre Auggie, seus familiares e amigos. Dessa maneira o livro passou uma visão bem ampla de tudo que acontecia ao redor. O interessante, é que toda vez que ocorria esse revezamento entre personagens e eu me acostumava com determinado narrador - quando eu menos esperava - a bola era passado para outro, e isso me matava de curiosidade para saber a conclusão de seus pensamentos. Essa fórmula resultou em manter a história bem instigante, prendendo totalmente minha atenção.

Foi impossível escrever essa resenha e não me acabar em lágrimas. Sinto-me incapaz de expressar tudo que eu senti com Extraordinário, pois o tema abordado é extremamente tocante, o que me deixa muito emocionada e até dificulta para escrever. A história de Auggie é mais comum na nossa realidade, do que imaginamos. A sociedade é cruel, as pessoas são cruéis. A "perfeição" é quase como uma regra. Se alguém não está dentro desse padrão, pode vir a sofrer muito.

Eu conheci um "Auggie" e ele foi - e sempre será - uma das pessoas mais especiais que conheci nessa vida. Eu o enxergava além de sua aparência (infelizmente nem todas as pessoas são capazes disso). Sua companhia, seus gestos para comigo ficarão para sempre guardados no meu coração. Ele foi um exemplo para mim e para muitas outras pessoas. A sua aparência jamais foi o limite para conquistar seus maiores sonhos. Então vocês podem imaginar o quanto esse livro ganhou minha estima.

E não é só o tema que cativa, mas a forma como a autora trabalhou a história. A escrita é simples, porém muito envolvente. Incapaz de dar espaço para monotonia, sem contar que a carga de emoção depositada no livro passa longe de ser apelativa, muito pelo contrário. Apesar de R. J. Palacio explorar muito bem o mundo de Auggie, ela não o coloca como coitadinho para causar pena ao leitor. A autora mostra suas dificuldades ao se deparar com o mundo, mas seu personagem não fica se depreciando. É claro, que como qualquer ser humano, ele acaba questionando sua condição, mas felizmente ele possui uma família amorosa e dedicada que lhe dá forças para lidar com qualquer dificuldade.

Os personagens são muito bem construídos e marcantes, com isso dificulta na hora de escolher quais são os meus preferidos. Auggie é com certeza um dos protagonistas mais encantadores. Ele é doce e carinhoso e dono de um humor contagiante, sem contar que é fã de Star Wars. E como eu também amo a série, esse detalhe fez com que me conquistasse de vez. A Daisy é a cachorrinha da família Pullman e uma das maiores alegrias de Auggie. Não há como não se render as suas brincadeiras e charme. Eu fiquei apaixonada por ela.

Puxei as cobertas até as orelhas e imaginei a Daisy se aninhando junto a mim, sua língua grande e molhada lambendo meu rosto inteiro, como se fosse seu rosto favorito em todo o mundo.

Os pais de Auggie são super protetores, tanto com ele, quanto com a sua irmã Via, mas isso não parece incomodá-los tanto. O pai não perde uma oportunidade para fazer uma piada, é tão engraçado quanto Auggie. A mãe é como a maioria delas, que sempre age como se estivesse fazendo a coisa certa para proteger os filhos, mas que muitas vezes acaba metendo os pés pelas mãos. Via é uma adolescente que enfrentar qualquer um que ouse a se meter com seu irmão. Apesar das mudanças que ela está passando por conta da idade, é uma boa e comportada garota, que se preocupa muito com seus estudos e amigos. Não é do tipo que se mete em encrencas. E essa é uma das coisas que mais me agradaram nela. Enche o saco de ler livros, onde a maioria dos adolescentes são taxados como irresponsáveis.

Não tem como conter a empolgação quando se trata dos personagens de Extraordinário. Além de ricos, cada um deles é demasiadamente importante. Summer e Jack desempenham um grande papel na vida de Auggie. Sou suspeita para falar deles, já que eles me cativam desde o início. Justin, o namorado de Via é um tanto peculiar, mas é amável e protetor. Miranda tem um lado estranho, mas no fundo ela tem um bom coração e adora a família Pullman. E eu não poderia deixar de citar o professor de inglês de Auggie: Sr. Browne. Ele ensinou muito aquelas crianças com seus preceitos durante o ano letivo. Foi indispensável na história.

Esse preceito significa que deveríamos ser lembrados pelas coisas que fazemos. Elas importam mais do que tudo. Mais do que aquilo que dizemos ou do que nossa aparência. As coisas que fazemos sobrevivem a nós. São como monumentos que as pessoas erguem em honra dos heróis depois que eles morrem. Como as pirâmides que os egípcios construíram para homenagear os faraós. Só que, em vez de pedra, são feitas das lembranças que as pessoas têm de você.

O livro de R. J. Palacio é condizente ao título: Extraordinário. Posso ficar aqui elogiando e falando, e ainda sim, não será suficiente. Tornou-se tão querido e especial para mim, que já sinto vontade em relê-lo. Eu não só recomendo, como aconselho que todos leiam. É uma história para todas as idades, que vai emocionar até o coração mais duro.
Gi 25/02/2013minha estante
Eu TINHA duvidas se iria comprar esse livro. Agora não tenho mais :)


Regiane 25/02/2013minha estante
Oi, Gi!

Esse é um livro que realmente vale a pena. Espero que goste. :)


M.M.JÚNIOR 20/03/2013minha estante
UAU, esse sim eu quero ler!


Cecy 24/04/2013minha estante
Simplesmente AMEI esse livro. E parabéns, sua resenha ficou muito boa!


Ana 08/07/2013minha estante
Vi muitas resenhas positivas e comprei o livro.Esperando ansiosamente o correio aqui em casa!


Nalice 14/09/2013minha estante
Sua resenha me deixou lacrimejando. Acabei de ler o livro agora mesmo e não tenho como expressar o carinho que sinto por ele agora, mas você conseguiu dizer tudo que não conseguiria dizer. Realmente é extraordinário!


Gabe 16/10/2013minha estante
esse livro é perfeito


Sara 30/11/2013minha estante
Que linda a sua resenha, Regiane. Não haveria uma forma melhor de sintetizar todo o sentimento passado por esse livro. Eu fico sem palavras para falar dele, mas você conseguiu extrair tudo da melhor forma possível! Parabéns ^-^


Laiz 23/12/2013minha estante
É O livro mais lindo que já li... a história e a essência do livro é EXTRAORDINÁRIA!


Carol 07/01/2014minha estante
Como você disse,é realmente extraordinário. ^^


Lis 08/01/2014minha estante
Nossa, foi como se eu estivesse lendo a mim mesma comentando sobre o que eu senti ao ler o livro! Ele é realmente cativante e tocante. Adorei a resenha.


Maria Araceli 10/03/2014minha estante
Amo, amo, amo, tanto que tenho o de capa vermelha e comprei o de capa azul também. Estou apaixonada por ele.


Dani 11/03/2014minha estante
Um dos melhores livros que já li na minha vida, se não o melhor. Tão tocante, e positivo. A história de Auggie me cativou, como poucas nos últimos tempos. Em vários momentos do meu dia, quando não estava lendo, me pegava pensando na história, e refletindo. Os personagens, são tão reais que chega dar vontade de ser amiga de todos eles. Gostaria de poder agradecer a R.J.Palácio, por ter escrito essa obra, que com certeza é mais do que um livro, é uma lição de vida.


Michelle Trevisani 27/03/2014minha estante
Hoje acabei de ler o meu Extraordinário. Livro lindo, leve, puro e que aconselho a todas as idades. Livro de encher o coração de coisa boa e de ficar na memória por um bom tempo. Sem dúvida, será para sempre um dos meus preferidos!


Ligyane 27/05/2014minha estante
Cara, não tenho elogios que fiquem a altura deste livro. Me apaixonei pelo Auggie e pela sua coragem e força. O livro é muito original, emocionante e cativante!


Rachel 26/06/2014minha estante
Esse livro é simplesmente lindo. É aquele tipo de livro que você tem vontade de dar um exemplar para cada pessoa do mundo. Chorei, não porque o livro é triste, mas porque ele mostra a beleza interior do ser humano, mesmo que as vezes o exterior não seja tão belo.


Talise 24/08/2014minha estante
Só quero te dizer que concordo plenamente com você, e se não se incomodar (espero do fundo do coração que não), vou usar algumas partes da sua resenha no meu trabalho de escola (com o devido crédito, é claro), de qualquer maneira, espero que não se importe ;)


Emanuelle 23/12/2014minha estante
Um livro realmente muito bom e, extraordinário. Uma das minhas melhores leituras de 2014.


Carol 13/03/2015minha estante
O livro nunca me chamou a atenção mas, depois dessa resenha...
Acabo de comprá-lo pela internet, obrigada por compartilhar tua experiência tão positiva conosco.
Já estou ansiosa...


monica leal 19/03/2015minha estante
O livro faz jus ao nome, realmente passa uma mensagem "extraordinária", vale a pena...


Lis Faino 15/05/2015minha estante
Estou lendo com meus filhos. Toda noite leio alguns capítulos com eles e tem sido bem difícil ler em voz alta. Muitas pausas. Muitas lágrimas.


Daniele.Laterza 02/05/2016minha estante
Realmente. Maravilho! Um dos poucos livros que eu li duas vezes ;)


Simone 26/05/2017minha estante
UAU!! Quero muito ler também!!


Natiele Soares 05/03/2018minha estante
Nossa, eu amei a sua resenha, acho que descreveu perfeitamente o sentimento ao ler o livro, é muito carinho e amor, mesmo !


Cris 17/05/2018minha estante
Um dos melhores livos que já li com certeza. Além de a escritora explorar como você disse o mundo do Auggie, o chamado a gentleza, os preceitos citados, a realidade diária dele traz uma reflexão pesada de como podemos fazer a diferença na vida das pessoas com pequenos gestos. O Auggie mesmo com todos os problemas dele, tinha um coração imenso e mesmo as pessoas sendo maldosas com ele, pensava sempre de forma amorosa com cada um danda, dando a oportunidade de conhecer a sinceridade de cada um. Vale a pena ler!!!!


Mah corazza 19/12/2018minha estante
Não tenho palavras para descrever o quanto esse livro mexeu comigo, e o quão maravilhoso ele é fiquei completamente encantada em conhecer oi auggy e sua familia tão amorosa mais especialmente em conhecer esse garotinho que apesar de tão jovem já sofreu tanto na vida, mas que apesar disso continua sendo uma criança alegre, otimista e completamente encantadora, de uma doçura,mas tambem de uma força invejavel, terminei o livro com aquela sensação de que deveriam haver mais pessoas como o auggy no mundo e que todo mundo deveria ler este livro, ele é realmente EXTRAORDINARIO.


Gir 27/03/2020minha estante
Como faço pra ler o livro?


guto 18/04/2020minha estante
Um leitura leve e uma bela história.


Hu 01/05/2020minha estante
A


Duda 09/09/2020minha estante
Gente como faz pra le o livro??




Leonardo Drozino 01/02/2013

Existem aqueles livros que te pegam logo pelo título, e inconsciente, você sabe que vai adorar, chorar, rir e que terá uma boa lembrança para sempre do momento em que você leu. Extraordinário faz isso. Se o título me pegou, a sinopse me deixou louco para ler, e sem dúvida, adorei.

Narrado na perspectiva de August e das pessoas ao seu redor, o livro mostra os diversos aspectos do preconceito e aceitação pessoal por meio de algo atormentador: Uma deformidade facial.

O livro te mostra como somos pessoas fúteis em relação a nossa aparência, e te ensina a ver o mundo de uma perspectiva totalmente nova. Beleza vem e vai, e tudo que sobra é a sua personalidade. Isso nunca poderá mudar - mas poderá causar mudanças chocantes em sua vida.



Notei que a Intrínseca está apostando alto em livros que mostram uma nova perspectiva de vida para as pessoas, e isso é algo muito bom mesmo. Depois de A Culpa é das Estrelas, de 2011, eles nos entrega um maravilhoso livro para chorar muito.

Mas ao virar a última página, você secará as suas lágrimas e partirá para outra vida, uma vida Extraordináriamente positiva.

:)
Leonardo Drozino 04/02/2013minha estante
É um livro muito bonito. Li em inglês, mas mal posso esperar para ter a edição brasileira em mãos. A capa da Intrínseca ficou maravilhosa, melhor que a original.


Harii 09/02/2013minha estante
Nossa, gostei da sua opinião, gostei do que se trata o livro, e da reação ao ler o próprio. Estou muito ansiosa pra ler esse livro!


Wanessinha 20/02/2013minha estante
Nossa...fiquei muito ansiosa para ler Extraordinário! Ja tinha ouvido falar muito bem dele...vou comprar com certeza! Tua resenha ta linda!! :D


Jucy 23/02/2013minha estante
quero muiito ler este livro ,alguem sabe onde achar online,não consgui achar


Sara Felippi 25/02/2013minha estante
Tu esqueceu de dizer que o livro é narrado pela perspectiva do August,mas tb de outros personagens que vivem ao redor dele...


smothe13 20/03/2013minha estante
alguem tem o PDF deste livro? eu querooo


Bruno 03/05/2013minha estante
Tenho em PDF, estou lendo.. Quem quiser só mandar um recado lá que eu envio..


Anderson 21/01/2016minha estante
Li em pdf ,porém gosto da aquisição a única vantagem em pdf é que pode ler no escuro . .k kkk
esse livro é literalmente extraordinário ,leitura bem compreensiva além de um enredo super cativante !




Caca do @cacaleitura 15/10/2020

Único
um livro único que nos ensina que somos únicos. Extremamente necessário a leitura desse livro, pois além de tantaaaas coisas que ele tem para acrescentar em nossa vida, ele nos acrescenta como pessoa..
João 15/10/2020minha estante
Um dos livros favoritos da minha vida ??


@praticandobiblioterapia 17/10/2020minha estante
Amei esse livro




Alecsandro 22/05/2020

Livro extraordinário
Quando tiver que escolher entre estar certo e ser gentil, escolha ser gentil.
comentários(0)comente



Jamile.Almeida 29/09/2020

Para qualquer idade
A autora R.J. Palacio, Raquel Jaramill, escreveu o livro após uma ida à sorveteria com sua família, encontroar uma criança com a síndrome do Auggie (personagem principal do livro) - síndrome de Treacher Collins.
O livro conta a história de um garoto com uma má formação facial rara, que torna sua aparência estranha a muitos e que tornou sua infância um mundo entre hospitais e cirurgias.
Aos 10 anos, seus pais resolvem que é hora dele ir a escola e não mais ser educado ?escondido? em casa.
Pelo ponto de vista de vários personagens - o próprio Auggie, sua irmã, seus melhores amigos, mas sempre crianças ou adolescentes - acompanhamos como Auggie lida com o bullying, aceitação, superação, enfrentamento... e vamos a cada página sentindo a sua transformação de um menino retraído e sempre protegido, a um garoto crescido, de coração enorme e completamente - extraordinário!

Um livro que lerei para os meus filhos um dia!
Minteye 29/09/2020minha estante
foi um dos primeiros livros q eu li, amo de paixão ?


Syrah 29/09/2020minha estante
Li esse livro hoje e ainda estou absorvendo a maravilhosidade que é


Minteye 29/09/2020minha estante
impossível esquecer esse livro, ta guardadinho no meu coração


Jamile.Almeida 29/09/2020minha estante
Sim, você termina o livro mas ele nao termina em vc! ?


Nay 29/09/2020minha estante
Tocante. ??


Jamile.Almeida 29/09/2020minha estante
Lindinho demais!




Yuri matheus 10/05/2020

Livro surpreendentemente top
Livro muito top que pode fazer qualquer pessoa se emocionar, ficar com raiva, feliz, ansioso , etc.
Adorei, indico. Ainda mais se você gosta de livros que fazem referências a outros livros, filmes, séries... (Favorito da vida).
Nivaldo Candido 10/05/2020minha estante
Esse livro é muito bom :)


Yuri matheus 10/05/2020minha estante
gostaram da resenha?
escreva.
por favor.


ÁLLEX 10/05/2020minha estante
legal




Emy Karolyne 26/06/2020

Seja gentil,sempre um pouco mais do que o necessário.
Auggie é um garoto realmente extraordinário,posuindo uma rara combinção de doenças ele possui uma deformação facial, fato este que o atrapalha durante toda a sua vida por todo preconceito advindo dela.
Tudo muda para Auggie quando seus pais decidem que ele deve frequentar a escola já que está prestes a entrar no quinto ano,porém ele não é muito fã da ideia. Contudo quando o ano letivo começa e o Auggie tem de enfrentar tudo o que essa nova realidade tem a oferecer muitas novidades surgem.
É muito tocante a forma como não só Auggie mas as pessoas ao se redor o enxergam,além disso a narrativa compartilhada entre os personagens principais é simplesmente sensacional e possibilita vermos que todos eles precisam de uma dose de gentileza.
Uma leitura muito gostosa e emocionante de fazer.
comentários(0)comente



Dai_tck 28/07/2020

Melhor representação de força
August, você é meu herói!
FAB 28/07/2020minha estante
Minha próxima leitura. Da até pressa de terminar a atual rs




Gabi 04/02/2013

Simplesmente... "Extraordinário"!
Sempre que um leitor inicia a leitura de um novo livro, ele espera que as palavras contidas naquelas páginas o faça abrir os olhos para problemas da sociedade, ou simplesmente para novas percepções a respeito de algum assunto. Na verdade, o leitor espera que as horas dedicadas àquela leitura abram seus horizontes, de modo que ele possa enxergar algumas coisas com mais clareza.

A leitura de Extraordinário foi muito além disso. Me fez rir muito, me fez destacar várias frases que não quero nunca, nunca esquecer, me fez querer entrar nas páginas do livro para defender de unhas e dentes e, finalmente, me fez chorar… de emoção, de tristeza, de alegria. Chorar por todos aqueles que sofrem do mesmo preconceito impensado, estúpido e irracional que ainda vemos, em pleno século XXI.

Augustus Pullman ♥ é um menino de 10 anos que chama a atenção por causa de uma deformidade facial que foge ao que as pessoas chamam de “comum”. Metade da culpa é da ciência, que teve a infeliz ideia de cruzar alguns genes de uma forma grotesca, e a outra metade é do universo, que escolheu Auggie para ser a pessoa que tem aquela probabilidade de um em um milhão de ser do jeito que é.

A história não tem um grande ápice, um grande e incrível acontecimento, com ação, aventura e aquela sensação de lhe ser tirado o fôlego. É um livro simples, que narra, de um jeito inocente, a primeira vez que um menino “fora do comum” começa a frequentar a escola, e todos os problemas, preconceitos, julgamentos e olhares curiosos e acusadores que isso pode acarretar.

O que podemos perceber é que as pessoas são má instruídas na forma de lidar com uma pessoa que possui alguma característica diferente do que estamos acostumados a ver em todas as pessoas. Não só por parte dos alunos, mas presenciamos o preconceito vindo dos pais, que não querem admitir um aluno “deformado” estudando na mesma sala que seu filho, pois dizem que ele tem problemas mentais – coisa que Auggie não tem, mas enfrenta esse julgamento errôneo por não ser, esteticamente, igual a todo mundo. Até a família de Augustus acaba sendo excluída por causa desse preconceito antiquado.

Tudo o que ele queria era ter uma vida normal, pois ele pode ser um amigo incrível, mas as pessoas não querem admitir isso – mesmo que gostem de sua companhia – pois sentem vergonha de serem vistos andando com o estranho (isso para não citar os inúmeros apelidos maldosos).

Augustus lida com amigos falsos, piadas de muito mau gosto sobre seu rosto, mas ele também encontra pessoas boas, que são sinceras em seu carinho por ele e que merecem sua alegria de viver. Essa história é uma lição de vida, é um livro que deveríamos fazer todas as pessoas lerem, para que se conscientizem de que ser diferente é completamente normal. Imagine se, neste mundo, todos fossem iguais uns aos outros? Seria uma chatice! Você já parou pra pensar que aquela pessoa estranha, aquele a que todos julgam e fogem, pode ser um amigo fora do comum, por assim dizer? Às vezes julgamos algo só de olhar, mas esquecemos que, por dentro, as pessoas podem ser lindas.

Extraordinário é aquele livro que você vai se ver lendo um capítulo após o outro, sem conseguir parar. Eu li em poucos dias – se tivesse mais tempo daria pra terminar em apenas algumas horas – e, apesar de eu sempre precisar de silêncio total para conseguir ler, eu lê-lo em meio a todo tipo de barulho, e mesmo assim captar tudo o que estava escrito. O que quero dizer é que este livro é extremamente fácil de ser lido, com sua linguagem fácil e seus capítulos curtos, que alternam entre os narradores, de forma que possamos ver a cena através de várias perspectivas, o que dá uma dimensão imensurável à leitura e à compreensão dos fatos, dos personagens e suas características. A autora não nos dá todos os detalhes sobre um acontecimento, o que faz a leitura ser ainda mais fluente – e ainda não deixa nada pendente. De um modo geral, podemos dizer que o livro é contado como se fossem vários relatos que se conectam e formam uma história só que gira em torno do meu querido amigo Auggie.

Extraordinário me tocou de uma forma sem igual. R. J. Palacio fez uso de palavras simples para passar uma mensagem maravilhosa de respeito, admiração e compreensão para com todos, independentemente se essa pessoa é baixa, alta, gorda, magra ou se tem algum infeliz erro de genética que a faça ser diferente do que todos dizem que é “comum”. Estou apaixonada pelo livro e pela mensagem que ele transmite e, com certeza, esse é um daqueles que ficarão naquele lugarzinho estratégico da estante, de modo que eu possa relê-lo ou abrir ao acaso e ler alguma partezinha dele sempre que tiver vontade.

Não deixem de conhecer a linda e emocionante história de Augustus Pullman, um menino extraordinário que ensinou muitas pessoas a serem diferentes umas das outras e a amarem os diferentes como se eles fossem iguais a todo mundo.

Resenha originalmente publicada em http://fluffy.com.br/2013/02/resenha-extraordinario/
Israel 19/02/2013minha estante
A sua resenha é a melhor que eu já li desse livro até agora. Tô super afim de ler, o livro parece ser simplesmente extraordinário!


Tamires 14/03/2013minha estante
Bela resenha. Só aumentou a minha vontade de lê-lo!




Gabi 30/07/2020

Gentileza
Eu demorei a abrir esse livro. Foi ótimo, foi lindo, tocante, emocionante... Eu quis chorar... Depois quis rir.... É, dói, mas é bom!
comentários(0)comente



Aline.Cerqueira 28/03/2020

Necessário
Essa história deveria ser lida por todo mundo, o livro é emocionante, cativante com lições pra vida, com certeza não tem como sermos os mesmos depois dessa leitura.
Camila.Iara 28/03/2020minha estante
Esse livro é incrível ?




Arsenio Meira 17/05/2013

Só R.J Palacio deve saber o quanto lhe custou escrever com "simplicidade", sem empolações e os demais caracteres piegas, o "Extraordinário", romance que em capítulos curtos, envolventes e inquietantes, é capaz de prender até o mais ranzinza dos leitores.

Pela emoção e a lição que submergem intactas ao final de cada frase do romance, eis que comecei a ler sem maiores pretensões, e em menos de dois dias, cheguei ao fim do livro.


A narrativa é marcada pela alternância dos capítulos, graças ao recurso técnico usado pela escritora, que cede o devido espaço aos demais protagonistas da história. Pode ser previsível (mas o que diabos é imprevisível, neste mundo com um cardápio variado de atentados, tragédias e intolerância?)

No entanto, prevísivel ou não, a leitura é inebriante. Eis apenas a minha opinião.
Helder 17/01/2014minha estante
Engraçado encontrar este livro na sua lista de resenhas. Mas concordo com você. Aqueles que dizem que só os clássicos são Literatura, devem deixar o preconceito de lado e ler este lindo livro. Até hoje não fui capaz de resenha-lo, pois acho que ele merece belas palavras também. E recomendo para todos os adolescentes, para aprenderem a viver num mundo com diferenças. Comprei dois de Natal para dar de presente.




deh 24/05/2020

Dádiva
Literalmente, esse livro nada menos é que um presente, uma dádiva dada a nós para contemplar sua beleza em cada linha.
Fico um pouco repetitiva quando falo de Extraordinário, mas é impossível não citar simplesmente TODOS os adjetivos para tal.
Amo com todas as forças, a mensagem, a força, o crescimento dos personagens e do próprio August, nosso pequeno. Maravilhoso!!!!!!
Anne Melo 24/05/2020minha estante
Eu amooo sz




beleza 18/05/2020

Extraordinário
Simplesmente lindo!!!!
Um livro doce e repleto de emoções
Fui surpreendida diversas vezes
comentários(0)comente



Laís 24/05/2020

Necessário
O que te impede de ser um pouco mais gentil com as pessoas todos os dias ? Todos nós enfrentamos uma batalha por dentro, que apenas nós mesmos conhecemos e suportamos. Ao longo da leitura de Extraordinário, tenho certeza que você concordará com a ideia de que todas as pessoas deveriam ser aplaudidas de pé pelo menos uma na vida, porque todos nós vencemos o mundo. O que nos faz sermos eternizados nessa vida são nossos atos, transformando nossos feitos e nossas memórias em monumentos. Ao longo de 318 páginas, Augiie Pullman lhe ensinará o verdadeiro valor da amizade, amor e família, além do grande exemplo de força e coragem para enfrentar seus desafios diários por conta de sua aparência. Compreendemos então, que o universo de fato pode ser uma loteria, mas no fim, ele também cuida de todos os seus pássaros, o universo deixa tudo certo no final, cada qual com o seu ninho mais aconchegante.
Amanda.Ramos 24/05/2020minha estante
Livro fantástico!


Karla Beatriz 24/05/2020minha estante
Amo esse livro, um dos meus favoritos.


Laís 24/05/2020minha estante
Uma lição e tanto! É simplesmente extraordinário mesmo.




2789 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |